Universidade estadual de campinas


COTIL - Colégio Técnico de Limeira



Baixar 3.62 Mb.
Página35/80
Encontro24.10.2017
Tamanho3.62 Mb.
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   80

COTIL - Colégio Técnico de Limeira

E268

UTILIZAÇÃO DE LIQUENS COMO BIOINDICADORES DA QUALIDADE DO AR NA CIDADE DE LIMEIRA- SP


Juliana Igarashi da Cruz (Bolsista SAE/UNICAMP) e Prof. Dr. Antonio Roberto Siviero (Orientador), Colégio Técnico de Limeira - COTIL, UNICAMP
Os liquens, associação entre algas e fungos, têm sido utilizados como bioindicadores. A pureza do ar é um dos fatores limitantes a sua sobrevivência. Nesta pesquisa objetivou-se o diagnóstico da qualidade do ar em três setores diferentes do Município de Limeira-SP pela utilização de liquens como bioindicadores. O diagnóstico é baseado na incidência e no percentual de cobertura de liquens através de medições em campo sobre o tronco de todas as árvores que se encontram ao longo das ruas, avenidas e praças nos setores selecionados. Foram escolhidas duas áreas da cidade em regiões densamente povoadas, com tráfego intenso e supostamente com uma poluição alta, e uma área testemunha onde é suposto uma poluição baixa. Para a contagem dos liquens foi utilizada uma rede quadriculada de plástico, de 0,50 metros, composta por 100 quadrados de aproximadamente 2,5cm por 2,5cm. Os dados foram analisados estatisticamente. A cobertura de liquens nas árvores é diferente nas espécies estudadas de acordo com a rugosidade do tronco.Não foram observadas variedades de espécies de liquens e constatou-se que a cobertura liquênica não foi homogenia em árvores do mesmo setor e espécie. A limitação do número de espécies amostradas é um fator importante para avaliar a eficácia do uso destes bioindicadores.

Liquens - Bioindicadores - Poluição do ar



Faculdade de Engenharia de Alimentos

E269

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DE GLICOSE OXIDASE COMO ABSORVEDOR DE OXIGÊNIO EM ÁGUA DE COCO VERDE


Karina Suzuki (Bolsista PIBIC/CNPq) e Prof. Dr. José de Assis Fonseca Faria (Orientador), Faculdade de Engenharia de Alimentos - FEA, UNICAMP
A aplicação da enzima glicose oxidase tem como objetivo prolongar a vida-de-prateleira (shelf-life) de água de coco (Coccos nucifera) através da absorção de oxigênio existente dentro da embalagem, pois através da redução do oxigênio torna-se possível minimizar as alterações físicas, químicas e sensoriais que geralmente ocorrem no produto. A eficiência da enzima foi avaliada ao monitorar a redução do oxigênio dissolvido no produto ao longo da estocagem a 4ºC. A água de coco foi produzida simulando-se o processo industrial em escala piloto, envolvendo as etapas: extração, ultrafiltração, adição da enzima nas concentrações de 10 a 70ppm, acondicionamento em garrafas de vidro e estocagem. Dentre as várias concentrações testadas, a que melhor desempenhou foi a de 30ppm de glicose oxidase, pois absorveu todo o teor de oxigênio dissolvido na água de coco em 24 horas. Observou-se, também, que nessa concentração não houve alteração na aceitação da água de coco, conforme os resultados obtidos nos testes de avaliação sensorial. Concluiu-se que a adição desta enzima é mais uma alternativa para aumentar a conservação da água de coco, em conjunto com os possíveis processos de industrialização e sistemas de embalagens.

Água de coco - Glicose oxidase - Absorvedor de oxigênio



Faculdade de Engenharia Agrícola

E270

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DOS FRUTOS DE TOMATE DE MESA SUBMETIDOS À VIBRAÇÃO COMBINADA COM APLICAÇÃO DE GÁS ETILENO


Renata Valery Cavalheiro de Almeida (Bolsista PIBIC/CNPq) e Prof. Dr. Sylvio Luis Honório (Orientador), Faculdade de Engenharia Agrícola - FEAGRI, UNICAMP
O tomate se destaca, dentro dos hortifrutícolas, representando 23% de todo volume comercializado no Entreposto Terminal de São Paulo. O Brasil é o nono produtor mundial de tomate (AGRIANUAL 2002). Segundo dados da CEAGESP (2002) aproximadamente 21% da produção sofre danos que impossibilitam sua comercialização. Esse tal índice é conseqüência de técnicas inadequadas em todas as etapas do processo, desde o campo até o consumidor final, e variam de acordo com o estádio de maturação em que se encontra o fruto (BARRETT REINA, 1990) e como tratamento a que ele é submetido após o beneficiamento. O presente trabalho tem como objetivo a avaliação da qualidade dos frutos de tomate de mesa submetido à vibração combinada com a aplicação de gás etileno, do local de colheita até o seu destino de comercialização, através da exposição das amostras em uma mesa vibratória por determinado período de tempo, com a verificação dos parâmetros de qualidade para tomate de mesa, comparando-se os frutos tratados com gás e os não tratados, tanto na origem quanto no destino. Para isso foram realizadas as seguintes análises: Perda de Peso, Sólidos Solúveis (CARVALHO, et al., 1990), Acidez Titulável (CARVALHO, et al., 1990), pH (CARVALHO, et al., 1990), Vitamina C (BENASSI & ANTUNES, 988) e Coloração (CEAGESP, 2000). Todos os frutos foram mantidos a mesma temperatura durante a execução do experimento.

Tomate - Etileno - Vibração



Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo

E271

AVALIAÇÃO DO FLUXO DE VALOR DO PROCESSO DE PRODUÇÃO DE VEDAÇÕES EM CANTEIROS DE OBRAS


Juliano Marangoni Caria (Bolsista SAE/UNICAMP) e Prof. Dr. Flávio Augusto Picchi (Orientador), Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo - FEC, UNICAMP
A construção civil é caracterizada por diversas perdas, baixa produtividade e baixa qualidade dos seus produtos. Novos sistemas de produção utilizados na manufatura, como por exemplo a mentalidade enxuta, vêm sendo adaptados para a construção civil. A partir desta ótica, o presente trabalho teve como objetivo estudar a aplicabilidade de algumas ferramentas da mentalidade enxuta na construção civil, ajudando assim na consolidação da mentalidade enxuta na construção, a partir de dois estudos de caso. No primeiro, foram estudados os fluxos de valores dos processos de vedação vertical e revestimento cerâmico na obra de construção de um hotel em Natal - RN, através de seu mapeamento e de ferramentas como linhas de balanço e gráficos de balanceamento do operador. O segundo estudo consistiu na realização de um diagnóstico do processo de construção da estrutura de um galpão pré-fabricado em São Paulo - SP. A partir desse diagnóstico foi possível identificar os desperdícios presentes no processo de produção e apontar soluções mais enxutas. Verificou-se, a partir desses dois estudos, que um grande número de ferramentas da mentalidade enxuta podem ser aplicadas na construção civil, gerando maior organização e controle sobre o processo construtivo.

Construção enxuta - Linha de balanço - Fluxo de valor

E272

IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE EM EMPRESAS CONSTRUTORAS: LEVANTAMENTO E CATALOGAÇÃO DE AVALIAÇÕES JÁ REALIZADAS NO BRASIL


Marcelo Julião de Seixas (Bolsista PIBIC/CNPq) e Prof. Dr. Flávio Augusto Picchi (Orientador), Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo - FEC, UNICAMP
A indústria da Construção Civil no Brasil tem buscado melhorias por diversos meios, dentre os quais a implantação de Sistemas de Gestão da Qualidade. Evidencia-se ainda mais a sua importância uma vez que, o índice de não conformidade e perdas é muito alto no setor da construção civil. Este trabalho teve como objetivo realizar um levantamento de resultados da implantação de Sistemas de Gestão da Qualidade nas empresas de construção brasileira, por meio de pesquisa bibliográfica e questionários. A pesquisa bibliográfica teve como objetivo embasar o questionário que posteriormente foi enviado aos representantes estaduais do PBQP-H (Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat). Ao final foi feita a análise dos resultados obtidos através das respostas, onde foram evidenciados os fatores facilitadores e atravancadores do processo de implantação do sistema, além das principais mudanças ocorridas no setor após sua implantação. As conclusões fornecem, além de um diagnóstico preliminar da situação do programa, um resumo dos principais pontos abordados como resultados das avaliações apresentadas na pesquisa bibliográfica.

Construção civil - Sistemas de gestão da qualidade - Implantação

E273

DESENVOLVIMENTO DE AMBIENTE COMPUTACIONAL PARA MODELAGEM DA OPERAÇÃO ÓTIMA DE SISTEMA DE USINAS HIDRELÉTRICAS


João Caetano Lima de Almeida (Bolsista PIBIC/CNPq) e Prof. Dr. Paulo Sérgio Franco Barbosa (Orientador), Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo - FEC, UNICAMP
Em um mercado regulamentado de energia surge, dentro das empresas, a necessidade de desenvolver algoritmos próprios, com a finalidade de facilitar a interlocução com a equipe técnica do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e conhecer melhor as restrições e potencialidades dos próprios sistemas. Este trabalho tem como objetivo desenvolver as bases de um sistema computacional para dar suporte a um modelo de otimização para o planejamento da operação, de médio e curto prazo, de sistemas hidrelétricos. Foi escolhido como estudo de caso a “AES Tietê”, empresa do setor energético detentora de dez barragens nos rios Tietê, Pardo e Grande. Tal escolha possibilitou, através de convênio, a obtenção de uma base de dados sólida e atualizada, fundamental para a concretização deste projeto. Para criação do modelo computacional foi utilizada a plataforma de otimização General Algebraic Modeling System (GAMS), e na criação da interface a linguagem de programação Visual Basic (VB). A interface foi concebida baseando-se majoritariamente nas necessidades operacionais da empresa. Em sua versão final o aplicativo possibilita a inserção de dados da cada usina e escolha do cenário hidrológico e função objetivo, a partir dos quais é gerado o código GAMS e realizada a otimização, sendo os resultados desta expressos de forma gráfica compreensiva.

Otimização da operação - Recursos hídricos - Sistemas hidrelétricos






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   80


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande