Prof: marlon a santos


VALORES NORMAIS DA FC, FR E PRESSÃO SANGÜÍNEA DE ACORDO COM A IDADE



Baixar 2.59 Mb.
Página5/5
Encontro18.09.2019
Tamanho2.59 Mb.
1   2   3   4   5

VALORES NORMAIS DA FC, FR E PRESSÃO SANGÜÍNEA DE ACORDO COM A IDADE


Grupo de idade

FC

(bpm)

FR

(rpm)

Pressão sangüínea

(mmHg)

RN pré-termo

120-140

40-60

70/40

RN a termo

100-140

30-40

80/40

1-4 anos

80-120

25-30

100/65

Adolescentes

60-80

15-20

115/60

AVALIAÇÃO DA IDADE GESTACIONAL DA CRIANÇA

  • Pré termo: nascidos vivos antes da 37ª semana;

  • Termo: nascidos vivos entre 37ª e 41ª semana e 6 dias;

  • Pós termo: nascidos vivos com 42ª semanas ou mais.


Pulso

A técnica de verificação de pulso é idêntica a descrita para adultos.

Os valores de freqüência cardíaca em crianças são:

- Recém-nascidos: 100 – 160 bat/min

- Até 3 meses: 80 – 220 bat/min

- 3 meses até 2 anos: 70 – 150 bat/min

- 2 até 12 anos: 60 – 110 bat/min

- Acima 12 anos: 50 – 90 bat/min.


Respiração

A técnica de verificação de respiração também é a mesma de adulto. Os valores são:

- Recém-nascido: 35 mov/min

- Lactente: 30 mov/min

- 2 – 3 anos: 25 mov/min

- 4 – 10 anos: 20 – 23 mov/min

- 10 – 16 anos: 17 – 19 mov/min

- Acima de 16 anos: 16 –18 mov/min


Pressão Arterial

A pressão arterial está diretamente relacionada com o tamanho do manguito do aparelho de pressão (largura).

- Recém-nascido:3 cm

- Criança: 5 cm

- Infantil: 8 cm

- Adulto pequeno: 10 cm

- Adulto: 13 cm

Os valores encontrados são:

- 0-3 meses: 75x50 mmHg

- 3-9 meses: 85x65 mmHg

- 9-12 meses: 90x70 mmHg

- 1-3 anos: 90x65 mmHg

- 3-9 anos: 95x60 mmHg

- 9-11 anos: 100x60mmHg

- 11-13 anos: 105x65 mmHg

- 13-14 anos: 110x70 mmHg


Vacinação

As vacinas têm o objetivo de manter alerta o sistema imunológico das pessoas ou animais contra determinadas doenças. São substâncias sintetizadas a partir de organismos vivos ou parte destes e que por sua vez são administrados por forma injetável ou por via oral.


Calendário de vacinação
BCG = Contra a Tuberculose

SABIN = Contra a paralisia infantil

DPT = Contra pólio, difteria, tétano e coqueluche

MMR = Contra sarampo, cachumba e rubéola

DP (DUPLA ADULTO)= Contra a difteria e tétano

1º Mês BCG

2º Mês 1ª dose Sabin + DPT

4º Mês 2ª dose Sabin + DPT

6º Mês 3ª dose Sabin + DPT

9º Mês Sarampo

15º Mês Reforço Sabin + DPT + MMR

5 anos Reforço Sabin + DPT

15 anos Anatoxtetânico ou DP

Vias de administração:

BCG: via intradérmica

Sabin: via oral

DPT: via intramuscular

Sarampo: intramuscular



MMR: via intramuscular

IMPORTÂNCIA DA AVALIAÇÃO


HABILIDADES DE COMUNICAÇÃO

TÉCNICAS PARA COMUNICAR-SE BEM
O êxito do tratamento em casa depende da forma como você se comunica com a mãe da criança. Ela precisa saber como dar o tratamento. Também precisa compreender a importância do mesmo.

Faça-lhe perguntas sobre o tratamento da criança em casa.

Elogie a mãe pelo que tem feito.

Recomende-lhe como tratar a criança em casa.

Verifique se a mãe compreendeu.
RECOMENDAÇÕES À MÃE SOBRE COMO TRATAR A CRIANÇA EM CASA
Quando ensinar à mãe como dar o tratamento em casa, siga três passos básicos:

Proporcione informação.

Demonstre um exemplo.

Deixe-a praticar.


QUANDO ENSINAR À MÃE:
Use palavras que ela consiga compreender.

Use materiais auxiliares com os quais ela esteja familiarizada.

Quando ela estiver praticando, elogie o que ela fizer bem feito e corrija os erros.

Incentive à mãe a fazer perguntas. Responda-as.


VERIFICAÇÃO SE A MÃE COMPREENDEU
Depois de ensinar à mãe é importante certificar-se que ela entendeu como administrar cor­retamente o tratamento. É importante para uma boa comunicação fazer boas perguntas de veri­ficação.
COMO VERIFICAR QUE A MÃE COMPREENDEU:
Faça perguntas que obrigue à mãe explicar o quê, como, quando, quanto ou porquê.

Dê tempo à mãe para pensar e a seguir responder.

Elogie à mãe quando ela responder corretamente.

Caso ela necessite, dê-lhe mais informação, exemplos e oportunidade de praticar.






Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande