Licenciatura em Engenharia Civil 3º ano / 2º semestre



Baixar 0.58 Mb.
Página1/3
Encontro08.10.2019
Tamanho0.58 Mb.
  1   2   3

Planeamento Regional e Urbano Ano Lectivo 2006/2007

Licenciatura em Engenharia Civil

ano / 2º semestre

1ª parte: Guia de apoio à realização dos cartogramas do modelo digital do terreno, de declives e de exposições solares da cidade de Lisboa em ArcGIS



  1. No disco D: do computador do LTI criar uma pasta com a designação: PRU_Tx_Gy (x – n.º da turma, y – n.º do grupo). Nesta pasta criar duas pastas: “dados” e “output”.




  1. Gravar os dados que os alunos trouxeram na pen na pasta D:\ PRU_Tx_Gy \dados.




  1. Abrir o programa ArcGis e seleccionar ArcMap.




  1. Carregar a extensão 3D Analyst:

- Tools

- Extensions

- Activar o item 3D Analyst.


  1. Activar os menus do 3D Analyst:

View  seleccionar Toolbarsactivar 3D Analyst.


  1. Introduzir a informação de base:

Add Data: altimetria_cnivel, altimetria_pcotado, lim_lx, lim_area_estudo e plan_lx2006.


  1. ATENÇÃO! Gravar o ficheiro de ArcMap na pasta PRU_Tx_Gy (não esquecer de ir guardando o trabalho – Save!)




  1. Criar o modelo digital de terreno:

- No comando do 3D Analyst seleccionar Create / Modify TIN Create TIN from features (nota: TIN – Triangulated Irregular Network)

- Seleccionar altimetria_cnivel; Feature type: 3D Lines; Height source: ; Triangulate as: mass point; Tag value field:



- Aparece automaticamente uma nova layer com a designação tin.


  1. Alterar o aspecto gráfico da shape lim_lx:

- Seleccionar a polyline da shape lim_lx para activar as suas propriedades;

- Seleccionar Fill ColorNo Color; Outline Colorescolher uma cor; Outline Width  1,5 (por exemplo)

- Mover (arrastar com o rato) a shape lim_lx para o topo (este passo tem como objectivo a visualização do limite da cidade independentemente dos cartogramas serem feitos só para Lisboa ou Lisboa + envolvente).


  1. Organizar as classes do modelo digital de terreno:

- Seleccionar a layer tin  pressionar duas vezes o botão esquerdo do rato para activar a layer properties (ou, em alternativa, pressionar a tecla direita do rato)  seleccionar Simbology

- Definição do n.º de classes: Classes: por exemplo 7 (cf. Lisboa em Mapas);



- Definição dos intervalos: ClassifyBreak values: 20, 50, 80, 100, 150, 200 e (500, por exemplo) (cf. Lisboa em Mapas);

- Definição das cores: editar cada cor na legenda e seleccionar as cores apresentadas neste exemplo (cf. Lisboa em Mapas):



  1. Construir a layer de declives:

- No comando do 3D Analyst seleccionar Surface analysis Slope

- Input surface: tin; Output measurement: seleccionar percent; Z factor: 1; Output cell size: 10; Output raster: D:\ PRU_Tx_Gy \output\declives.




  1. Organizar as classes da layer de declives:

- Seleccionar a layer declives  pressionar duas vezes o botão esquerdo do rato para activar a layer properties (ou, em alternativa, pressionar a tecla direita do rato)  seleccionar Simbology

- Definição do n.º de classes: Classes: 4;

- Definição dos intervalos: ClassifyBreak values: 4, 12, 25 e (???  manter o valor que surge por defeito);

- Definição das cores: editar cada cor na legenda e seleccionar as cores apresentadas neste exemplo:






  1. Construir a layer de exposições solares:

- No comando do 3D Analyst seleccionar Surface analysis Aspect

- Input surface: tin; Output cell size: 10; Output raster: D:\ PRU_Tx_Gy \output\exposolares.




  1. Organizar as classes da layer de exposições solares:

- Seleccionar a layer exposolares  pressionar duas vezes o botão esquerdo do rato para activar a layer properties (ou, em alternativa, pressionar a tecla direita do rato)  seleccionar Simbology

- Definição do n.º de classes: Classes: Equal intervals 10;



- Definição das cores: editar cada cor na legenda e seleccionar as cores apresentadas neste exemplo:


As cores frias devem representar os quadrantes menos beneficiados em luz solar e as cores quentes os quadrantes onde se verifica uma insolação mais elevada, isto é, as vertentes voltadas a sul.






  1. Elaborar uma nova layer de exposições solares, tal que a classe “flat” passe a integrar a classe de declives [0-4%]:




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande