Diretoria de apoio logístico centro de motomecanizaçÃo e intendência


TABELA 3 - – ESPECIFICAÇÕES – CALÇADO PRONTO



Baixar 0.92 Mb.
Página13/16
Encontro02.07.2019
Tamanho0.92 Mb.
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   16

TABELA 3 - – ESPECIFICAÇÕES – CALÇADO PRONTO





ENSAIO

NORMA

ESPECIFICAÇÕES

OBSERVAÇÃO

Couro. Resistência à tração e alongamento na ruptura.

DIN 53328: 1979

Na ruptura da flor do couro:

- alongamento, no mínimo, 35%

Na ruptura do corpo-de-prova:

- alongamento, no mínimo, 40%

- tração, no mínimo, 150 N


Couro (cabedal)

Especificações do PFI



Couro. Resistência à continuação do rasgo.

DIN 53329: 1982

método B e DIN 4843:1988



No mínimo 80 N

Couro (cabedal)

Especificações da DIN 4843:1988



Couro. Comportamento ao flexionamento contínuo. A seco.

DIN 53351: 1981

- O filme de acabamento do couro deve resistir a 50000 flexões, podendo ocorrer somente fissuras no filme de acabamento visíveis à lupa de seis aumentos, mas que não sejam visíveis a olho nu a uma distância de um metro.

- Para o couro, somente rugas são admissíveis.



Couro (cabedal)


Couro. Resistência da cor e do acabamento à fricção.

DIN 53339: 1978

Conforme o PFI, para couro destinado a cabedal de calçado, não são aceitáveis danos no acabamento, isto é, grau cinco na escala de cinzas, conforme ISO 105:1987 A02, a seco e a úmido. Qualquer alteração no acabamento deve ser passível de eliminação através de lustração, com pano seco e sem a utilização de quaisquer produtos de acabamento. Considerando o elemento abrasivo, este não deverá ter manchamento inferior a 3 (três) na escala de cinzas ISO 105:1987 A03.

Couro (cabedal)



Couros. Determinação do pH e da cifra diferencial do pH de um extrato aquoso.

NBR 11057 1988 ou

DIN 53312:1978



pH, no mínimo: 3,5

pH, no máximo: não consta na Norma.

Cifra diferencial: no máximo: 0,7.


couro cabedal

NBR 13525

1995

(especificações)



Couros. Determinação do comportamento à água sob esforço dinâmico no penetrômetro.

DIN 53338

1976


Passagem d’água não antes de 60 mi-

nutos e absorção d’água, no máximo, 30%.




Similar a IUP 10

ou NBR 11122.

Especificações do

PFI.


ANEXO “C” à NI DAL 2480 07 002 (Continuação)

ENSAIO

NORMA

ESPECIFICAÇÕES

OBSERVAÇÃO

Couro. Resistência da cor à fricção pelo lado do carnal.

Método do PFI: 1987 e baseado na DIN 53339: 1978

Para couro destinado a cabedal de calçado, no lado do cório (carnal), não é aceitável que o manchamento do elemento abrasivo seja inferior a 3 (três) na escala de cinzas

Couro (cabedal)

Solas. Comportamento ao flexionamento contínuo.


DIN 53543: 1979

item 6.23 e

DIN 4843: 1988

item 6.19



Conforme o PFI, para materiais destinados à sola de calçados, os cortes iniciais poderão progredir, no máximo, 4,0 mm até 30 000 flexões.


Unissola de SBR

Solas. Resistência ao desgaste por abrasão.

DIN 53516: 1987

e EN 344: 1997



Orientações: conforme a norma EN 344:1997(Calçados de Segurança),, são considerados:- aceitáveis, sendo solas de composições elastoméricas vulcanizadas, ou de outros materiais poliméricos, com densidade maior que 0,9 g/cm3 , quando apresentarem um resultado (desgaste por abrasão) de até 150 mm3 .

Unissola de SBR

Especificações da EN 344: 1997



Solas – Comportamento da sola externa frente à ação do 2,2,4 – trimetil-pentano (iso-octano)

EN 344:1993 - item 5.19.1


O aumento no volume não pode ser maior que 12%.

Unissola de SBR

Especificações da

EN 344: 1993


Calçados. Descolagem do solado.

DIN 4843: 1988

item 6.23



Para calçados de alta solicitação, segurança, militares e prática de esportes:

- no bico, mínimo, 800 N,

- na planta, mínimo, 500 N.


sola x cabedal e entressola x cabedal

Calçado. Comportamento ao flexionamento contínuo

Método SATRA

PM 92


1974

1.000.000 de flexões num ângulo de 45º. Na avaliação visual, não podem ocorrer alterações visíveis ou danos.

Calçados prontos.

Alta solicitação




Zíper. Força de arrancamento do puxador do cursor

Bas. Na DIN 3419:1984,

parte 1, item 5.2.3.7



O puxador do cursor do zíper utilizado em calçados, deve suportar no mínimo 350 N

Especificação do PFI

Zíper. Resistência Transversal do zíper

DIN 3419:1984

Para zíper de material sintético com tirante sintético, o valor mínimo de resistência a ruptura transversal é de 350 N

Especificações do PFI



ANEXO “D” à NI DAL 2480 07 002

BOTA PARA MOTOCICLISTA


Catálogo: conteudoportal -> sites -> licitacao
licitacao -> Edital de licitaçÃO
licitacao -> Décima quarta região da polícia militar terceiro batalhão comissão permanente de licitaçÃO
licitacao -> 6ª região da polícia militar 8º batalhão de polícia militar
licitacao -> Polícia militar do estado de minas gerais 12ª região da polícia militar
licitacao -> Décima região da polícia militar décimo quinto batalhão da polícia militar
licitacao -> Terceira região da polícia militar trigésimo quinto batalhão da polícia militar
licitacao -> Décima primeira região de polícia militar centro de apoio administrativo – 11 comissão de licitaçÕes e contratos
licitacao -> 14ª região da polícia militar 42º batalhão de polícia militar comissão especial de licitaçÃo edital de licitaçÃo tomada de Preços nº 01/2011
licitacao -> Pregão nº 03/2013


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   16


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande