Da anotação – Emmanuel


ALIMENTAÇÃO DOS DESENCARNADOS



Baixar 0.5 Mb.
Página14/16
Encontro21.10.2017
Tamanho0.5 Mb.
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   16

ALIMENTAÇÃO DOS DESENCARNADOS



Alvéolo: alvéolo pulmonar, delicada estrutura em forma de saco que termina as últimas ramificações brônquicas, e que se encontra em íntima conexão com os capilares sangüíneos. É dos alvéolos que o oxigênio se difunde para o sangue e que se desprende o gás carbônico, no ciclo da respiração.
Anidrido Carbônico: gás carbônico, que é um gás pesado desprovido de odor, não tóxico, porém asfixiante, existente no ar numa proporção de 0,03%. É eliminado como resultado da respiração celular pelos seres vivos.
Assimilação: ação pela qual os seres vivos transformam substâncias alheias em sua própria substância, através da nutrição.
Biológico: relativo ao organismo vivo e suas condições de vida.
Coloidal: referente a colóide, substância gelatinosa constando de uma fase dispersante (como a água) e de outra dispersa (como a proteína); ex.: água com partículas de proteína dissolvidas.
Corpo Espiritual: o perispírito, psicossoma.
Cristalóide: substância que forma uma solução verdadeira e que, numa diálise, atravessa a membrana porosa. Diálise é a separação de substâncias coloidais e cristalóides num líquido, pela difusão através de uma membrana porosa.
Desasimilação: degradação de compostos ricos em energia, sendo o fenômeno realizado por oxidação, nos organismos, como meio importante para a obtenção da energia indispensável aos processos vitais.
Difusão Cutânea: absorção de uma substância mediante a passagem de suas moléculas através da superfície porosa da epiderme.
Difusível: que tem a propriedade de sofrer difusão, isto é, migração lenta das moléculas através de gases e líquidos, ou através de membranas porosas.
Emunctório: órgão, abertura ou canal por onde se eliminam os produtos excrementícios do organismo.
Essencialização: formação de essência a partir de uma substância.
Excreta: excreção, matéria expelida como resíduo inútil.
Exsudação: ato de exsudar, isto é, segregar em forma de gotas ou de suor.
Fisiológico: relativo ao corpo, levando-se em conta as funções orgânicas.
Fisiologista: especialista em fisiologia, parte da Biologia que investiga as funções orgânicas, processos ou atividades vitais, como o crescimento, a nutrição, a respiração, etc.
Glicemia: presença de glicose (açúcar) no sangue. A taxa normal de glicemia no sangue humano varia entre 80 e 120 mg/ml
Halo Vital: halo formado em torno do corpo pela energia psíquica.
Hematose: transformação do sangue venoso em arterial, nos pulmões, ao contato do ar respirado. Sangue venoso é o que circula nas veias antes de sofrer a hematose; sangue arterial é o que circula nas artérias e contém o oxigênio recebido dos pulmões.
Indifusível: que não tem a propriedade de sofrer difusão, não sendo, portanto, difusível.
Metabolismo: conjunto dos fenômenos químicos e físico-químicos no organismo, mediante os quais se faz a assimilação e a desassimilação das substâncias necessárias à vida.
Oxigênio: elemento gasoso, incolor e inodoro, não combustível, mas comburente (alimenta a combustão), indispensável à vida. É o elemento mais espalhado sobre a Terra; integra 89% do peso da água e ocupa 21% do volume do ar. Todo o oxigênio disponível no ar originou-se da fotossíntese (processo de alimentação) dos vegetais através dos milênios.
Plástico: relativo à massa dos tecidos orgânicos.
Psicossoma: o corpo espiritual ou perispírito.
Quimioletromagnético: referente ao produto obtido por processo químico decorrente do fenômeno eletromagnético (interação entre carga elétrica e campo magnético).
Respiração Celular: processo respiratório da célula, a menor unidade de função e de organização, nos seres vivos, que apresenta todas as características de vida. Na respiração celular ocorre a combinação do oxigênio com outros elementos e a eliminação do gás carbônico.
Simbiose: associação entre dois seres de espécie distinta, com influência de um sobre o outro, ou de ambos entre si, podendo, essas relações, ser úteis ou prejudiciais às duas partes, favoráveis ou nocivas para uma delas apenas.
Síntese: formação de uma substância mediante a combinação dos seus componentes químicos.
Somático: referente ao corpo físico.
Transubstanciar: transformar uma coisa em outra.

CAPÍTULO II – 2ª PARTE


LINGUAGEM DOS DESENCARNADOS



Circuito Fechado: analogia com o trajeto fechado (circuito fechado) percorrido pela corrente elétrica, nos condutores, de modo a permitir a contínua circulação da corrente produzida por um gerador.
Córtex Encefálico: camada externa do encéfalo (parte do sistema nervoso central contida na cavidade do crânio, onde estão centralizados os nervos que percorrem o corpo).
Espaço das Nações: zona do plano espiritual que se relaciona a cada nação no plano físico.
Expedir: transmitir.
Ideograma: símbolo que representa diretamente uma idéia.
Jugular: subjugar, oprimir, manter sob o jugo.
Linguagem Articulada: linguagem mediante articulações dos órgãos fonadores, resultando na pronunciação das palavras.
Plasmar: dar forma a algo.
Reflexão: ação de retratar, espalhar; de reproduzir, traduzir; de exprimir, transmitir.
Sintonia: reciprocidade de influência determinando uma ação perfeitamente coordenada entre duas partes. O termo está relacionado com freqüência vibratória, em que a sintonia é definida como a igualdade de freqüência entre duas fontes de vibração; freqüência é o número de vibrações por unidade de tempo, e vibração é o movimento periódico de um corpo que passa pelas mesmas posições em iguais intervalos de tempo (períodos).

CAPÍTULO III – 2ª parte


Corpo Espiritual e Volitação



Baço: glândula vascular sangüínea situada no hipocôndrio esquerdo (parte lateral do abdome), que tem por função armazenar o excesso de glóbulos vermelhos produzidos pela medula óssea (tutano), desintegrar os glóbulos vermelhos velhos e liberar hemoglobina (substância protéica dos glóbulos vermelhos, a qual contém ferro, e é o elemento que leva o oxigênio aos tecidos, deles trazendo o gás carbônico).
Binário: o que é constituído de dois elementos, de duas unidades..
Célula: a menor unidade de função e organização, nos seres vivos, que apresenta todas as características de vida.
Centro Esplênico: centro de força vital, no perispírito, relacionado com o plexo mesentérico e o baço, no corpo físico, que regula a distribuição e a circulação dos recursos vitais, e a formação e reposição das defesas orgânicas através do sangue. O plexo mesentérico é o entrelaçamento de ramificações nervosas localizadas na região do baço. (vide centro vital; do Capítulo II – 1ª parte).
Centro Vital: designação comum de cada um dos centros de força existentes no perispírito, cuja função é a de assimilar energias cósmicas e espirituais. (vide centro vital; do Capítulo II – 1ª parte).
Corpo espiritual: o perispírito, psicossoma.
Exteriorização da sensibilidade: processo de provocar, através de passes magnéticos em um sensitivo, a exteriorização do fluido ou agente transmissor das sensações ao cérebro, de modo a formar camadas sensíveis paralelas à superfície da pele. O sensitivo, em estado hipnótico, passa a acusar sensibilidade apenas através dessas camadas fluídicas formadas fora do seu corpo.
Hematopoético: relativo a hematopoese, processo orgânico de formação dos glóbulos sangüíneos.
Histogenese: formação e desenvolvimento dos tecidos orgânicos.
Histólise: destruição ou dissolução de tecidos orgânicos.
Injuriar: ferir, causar dano.
Librar: sustentar-se no ar.
Metamorfose: mudança de forma ou de estrutura, como o que ocorre durante fases da vida de alguns animais, como os insetos e anfíbios.
Onda: forma de propagação de uma energia produzida por um movimento periódico (vibração).
Ontogenético: referente à ontogênese, que é o desenvolvimento do indivíduo desde a fecundação até a maturidade para reprodução.
Organogenético: relativo a organogênese, estudo do aparecimento e do desenvolvimento dos órgãos no ser vivo.
Ovóide: em morfologia, ovóide é a qualificação de órgão ou parte maciça em forma de ovo, a que se assemelha o “ovóide” resultante da deformação perispiritual causada por uma idéia fixa (monoideísmo).
Ovoidização: transformar-se em “ovóide”.
Pensamento Contínuo: pensamento constante, ininterrupto, que caracteriza a capacidade mental do homem, em oposição ao pensamento fragmentário (descontínuo), próprio dos animais irracionais.
Plasmocinese: movimento do protoplasma (massa) da célula, que contribui para dar a esta as características de vida.
Regressão de Memória: processo de provocar em um paciente, através da hipnose, um retorno às condições ou estados por ele vivenciados no passado, de modo a faze-lo reproduzir com certa fidelidade tais condições ou estados, que de outra forma seriam impossíveis de ser reproduzidos pelo paciente.
Segmentação: divisão celular do óvulo fecundado, primeira fase do desenvolvimento ontogenético dos metazoários (animais pluricelulares), que costuma verificar-se simetricamente.
Sistema Circulatório: sistema de movimentação do sangue desde o coração até as diferentes partes do corpo e destas ao coração (grande circulação), e do coração ao pulmão e deste ao coração (pequena circulação), através de artérias e veias.
Sistema Nervoso: sistema que constitui o mecanismo que permite ao animal um contato permanente com o meio onde se situa, determinando mudanças e atitudes úteis ao seu organismo. No homem,, como nos animais vertebrados, compreende o sistema central e o sistema periférico.
Somático: relativo ao corpo físico.
Ubiqüidade: propriedade que tem o espírito de projetar-se por irradiação, para diferentes lados, dando a impressão de estar em muitos lugares ao mesmo tempo, sem prejuízo da sua indivisibilidade.
Volitação: deslocamento do corpo espiritual no meio etéreo, por um processo de locomoção que dá idéia de vôo.

CAPÍTULO IV – 2ª parte

Linhas Morfológicas dos Desencarnados
Ancianidade: velhice muito avançada.
Arcabouço: estrutura que sustenta a forma de um corpo.
Célula: a menor unidade de função e de organização, nos seres vivos, que apresenta todas as características de vida.
Circuito: sucessão de fenômenos periódicos.
Condição Inversiva: inversão psicológica de um indivíduo, em relação às suas características sexuais físicas.
Corpo Espiritual: o perispírito, psicossoma.
Desenlear: desprender, soltar o que está enleado (atado).
Lide: questão.
Metamorfose: mudança de forma ou de estrutura.
Morfológico: referente às características da forma.
Plástico: relativo à modelagem de um corpo.
Psicosfera: halo formado em torno do corpo pela atmosfera psíquica individual.
Psicossomático: relativo ao psicossoma (corpo espiritual ou perispírito).
Senectude: decrepitude, senilidade, velhice.

CAPÍTULO V – 2ª parte

Apresentação dos Desencarnados
Aglutinina: substância que faz com que as bactérias e os glóbulos sangüíneos se aglutinem (reunam); termo usado como analogia.
Célula: a menor unidade de função e de organização, nos seres vivos, que apresenta todas as características de vida.
Mento-psíquico: relativo ao fenômeno produzido pela mente sobre a organização psíquica.
Molécula: agrupamento definido e ordenado de átomos eletricamente neutros, formando a menor porção de uma substância capaz de existência independente sem perda das suas propriedades químicas.
Plasmar: dar forma a algo.
Plasticizante: referente ao que serve para plasmar.
Protéico: relativo a aparelho que auxilia ou aumenta uma função natural do corpo.
Psicossomático: referente ao psicossoma (corpo espiritual ou perispírito).

CAPÍTULO VI – 2ª Parte

Justiça na Espiritualidade
Ciência Social: designação das ciências sociais, as que estudam especialmente a sociedade humana e os fenômenos sociais, como Sociologia, a Ética Social, a Economia Política, etc.
Emaranhar: enredar, complicar.
Psicologia: ciência que estuda os fenômenos psíquicos e o comportamento humano, e suas reações a situações externas ou a necessidades internas.

CAPÍTULO VII – 2ª Parte

Vida Social dos Desencarnados
Aglutinar: reunir para formar um todo.
Burgo: arrabalde (cercanias) de uma cidade, vila ou aldeia.
Ditame: o que a consciência e a razão dizem que deve ser.
Egresso: que deixou de pertencer a uma comunidade da qual se afastou.
Enevoar: cobrir de névoa, obscurecer, sombrear.
Espaço das Nações: zona no plano espiritual que se relaciona com cada nação no plano físico.
Imanizar: imantar, submeter a um efeito semelhante ao da ação do imã.
Jungir: ligar, atar.
Liame: o que prende ou liga uma coisa a outra.
Medrar: crescer, desenvolver-se
Metrópole: cidade principal, capital de estado, cidade grande, ou importante.

CAPÍTULO VIII – 2ª parte





Compartilhe com seus amigos:
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   16


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande