Apometria



Baixar 1.06 Mb.
Página5/28
Encontro02.07.2019
Tamanho1.06 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28

Miranda: Por que certos conhecimentos que nós já trazemos dentro de nós e que poderíamos usar em nossos trabalhos com mais propriedade, não conseguimos trazê-los para a ponta física?


Espírito: O que muitas vezes impede essa busca ou esse acesso de informações são as nossas culpas de traumas ocorridos no nosso passado, medo de errar novamente. A maioria das vezes esse arquivo está fechado. Como se você tivesse jogado a chave fora para não querer olhar novamente. Por isso é importante a reforma íntima. O conhecimento, o raciocínio e a inteligência se encontram no Mental Inferior, mas o Mental Superior é o porta-voz, o guardião de entrada para o Núcleo e o Budhi. Hoje o bloqueio pode ser muito maior do que a nossa força de vontade. Temos que nos esforçar para sermos os líderes da nossa própria vida. Lideramos algumas coisas, outras nos lideram. A partir do momento em que libertarmos certos atributos que se encontram dentro de nós, as coisas passarão a melhorar.


Primeiro exemplo ilustrativo de um atendimento pesquisando o Núcleo
Nome - N.O.
Abertura de freqüência vibratória - acessando o Núcleo.


Doutrinador: Gostaria de saber em primeira mão quem é você. Um espírito ou um nível de consciência?

Nível Mental Superior: Eu não vou sair daqui (de dentro do núcleo).


Doutrinador: Qual o motivo de você estar aí dentro há tanto tempo?

Nível Mental Superior: Eu sou muito feio.


Doutrinador: Você nasceu feio ou se tornou feio devido ao desregramento?

Nível Mental Superior: Meus braços são de metal porque no planeta em que eu vivia as energias eram associadas aos metais. Eu desenvolvi a técnica do magnetismo, então magnetizava as pessoas com propósitos que fossem bons para mim, com fins de conquista.


Doutrinador: Não procurou conquistar as pessoas pelo amor, precisou usar métodos ilícitos, ilusórios?

Nível Mental Superior: Achavam-me muito estranho e me chamavam de bruxo. Não fui propriamente bruxo nessa encarnação, mas sabia lidar com algumas coisas parecidas com bruxaria.


Doutrinador: Você não acha que está na hora de abandonar tudo isso aí meu irmão?
Nível Mental Superior: Só tenho a parte da cintura para cima.


Doutrinador: Procure elevar os pensamentos a Jesus. Ele é bom amigo e vai ajudá-lo. Vamos envolvê-lo em uma energia branca cheia de amor. Acredite na bondade de Jesus.

Nível Mental Superior: Por que quer me forçar a relembrar coisas que eu não quero?


Doutrinador: Você não pode ficar preso a esse passado porque vai atrasar a sua evolução.
Nível Mental Superior: Se eu sair daqui vou me perder de novo, vou aprender e fazer tudo aquilo novamente, coisas que não são boas. Eu sei disso.


Doutrinador: Você não pode continuar fugindo dos seus próprios erros, porque ninguém foge de si mesmo. Nós temos que experienciar o negativo para poder aprender a superar as dificuldades.

Nível Mental Superior: Eu quero ficar escondido aqui. Por que você está descobrindo essas coisas que eu não quero relembrar?


Doutrinador: Eu quero somente ajudá-lo, você não pode pensar somente em você. Está agindo egoisticamente e isso não leva a lugar nenhum, como não o levou até agora.
Nível Mental Superior: Nós somos assim, egoístas, não gostamos de gente por perto. Eles querem saber o que nós já sabemos.


Doutrinador: Note essa energia branca que está chegando ao seu coração e também aos seus braços e reconstituindo todo o seu corpo, inclusive da cintura para baixo.
Nível Mental Superior: E se eu não quiser ser reconstituído?
Doutrinador: Eu sei que você vai gostar de ser reconstituído. Você é um filho de Deus, portanto, também tem algo de bom dentro de você. Afaste esse medo, esse remorso que lhe acompanha. Você não está totalmente perdido. Lembre-se que ninguém está sozinho. Você simplesmente se perdeu nos descaminhos da vida como muitos, mas pode mudar e não vai perder essa oportunidade que estão lhe oferecendo. Você já está mudando e não está percebendo. Só de estar aqui dialogando já é um começo. Olha bem, os seus braços estão se modificando, voltando ao normal.

Nível Mental Superior: Estou sentindo muita dor nos meus braços e também na minha barriga.


Doutrinador: É porque o seu corpo está voltando ao normal. Olha bem. Suas pernas e pés estão se transformando. Que maravilha. Você está voltando ao normal. Que sensação agradável, não é?

Nível Mental Superior: Eu estou como se fosse uma pedra.


Doutrinador: Espiche os braços e as pernas. Acredito na sua transformação. É a bondade Divina agindo em seu benefício.

Nível Mental Superior: Eu não vou ser amaldiçoado de novo?


Doutrinador: Não vai não. Não deixe passar em vão essa oportunidade que estão lhe oferecendo. Olhe o que voltou a correr dentro das suas veias.

Nível Mental Superior: Sangue vermelho, que fazia muito tempo que eu não via. Era só uma coisa preta. Estou me sentindo melhor, parece uma felicidade.


Doutrinador: Olhe acima da sua cabeça. Está chegando uma energia dourada que vai restabelecer os seus chacras, iniciando pelo coronário até o cardíaco. Sinta essa energia de amor. Agora uma energia da terra subindo pelas solas dos seus pés até o chacra cardíaco, onde será dinamizada.

Nível Mental Superior: Têm muitos dentro de mim, então vamos retirando.


Doutrinador: São seus níveis, parte de você que estão aí dentro?

Nível Mental Superior: Sim. Por que eles entram dentro de mim, dentro dessas rodas? Por que você deixou que isso acontecesse?


Doutrinador: Foi você mesmo que sugou para dentro de você.

Nível Mental Superior: Eles entram diferente, não são como você. Eles têm a forma de agulhas, uma coisa diferente, mas eu sei que sou eu me mortificando, me crucificando.


Doutrinador: Preste bem atenção que eles estão tomando forma original novamente. É mais tranqüilo.


Nível Mental Superior: Mas eles parecem uns diabinhos.


Doutrinador: Claro, eles estão assustados.

Nível Mental Superior: Mas parecem muito primitivos. Eles ainda estão dentro de mim.

Doutrinador: Vamos tirá-los daí. Um, dois, três, quatro, cinco. Pronto. Agora está tudo bem. Você poderia me explicar melhor essa vivência, se foi no mundo espiritual ou terreno?

Nível Mental Superior: Eu vivi em uma época de metal.


Doutrinador: Então não foi neste planeta?

Nível Mental Superior: Não. Nós usávamos o metal como meio de energia, de vida, de alimento.


Doutrinador: Que planeta era esse em que você se alimentava com metal como fonte de energia?

Nível Mental Superior: Marion. É um planeta metalizado.


Doutrinador: Como você perdeu a parte inferior do corpo, da cintura para baixo?
Nível Mental Superior: Foi um castigo. Eu fui fundido da cintura para baixo. Nosso corpo era composto da matéria cósmica universal, isto é, com o material de que o planeta era formado. Eu fui castigado porque usei de maneira incorreta os meus conhecimentos. Eu fui colocado em um ácido incandescente, neste momento eu recolhi todo o agregado dentro de mim porque achei que eles também iam ser prejudicados. Lá nesse planeta nós éramos uma chama brilhosa, e que tomava forma quando necessário. De uns tempos para cá venho notando que o meu corpo está ficando rígido e não mais gelatinoso como antes. Com o tipo de matéria de que éramos feitos nesse planeta podíamos atravessar paredes, entrar uns dentro dos outros. Nesse local fechado que me colocaram comecei a endurecer. De gelatinoso comecei a virar pedra, em conseqüência de uma energia escura que vem do planeta Marion.

Doutrinador: O irmão poderia falar alguma coisa sobre o núcleo? Esses gominhos que mais parecem esferas de rolamento. Essas esferas o que representam?

Nível Mental Superior: É uma espécie de casulo parecendo que existe algo dentro. Eu, por exemplo, estava dentro de um casulo desses. Esses casulos só se formam quando se tem algo para colocar dentro. A minha cabeça dói quando eu procuro relembrar do meu passado e eu não quero relembrar tudo. Você está me forçando a relembrar de coisas que eu não quero. Eu não quero. Nessa encarnação eu era um ser sábio e inteligente.


Doutrinador: Mas você tem que procurar relembrar, caso contrário vai continuar parado no tempo, um ser sem objetivo, sem futuro.

Nível Mental Superior: Por que você força?
Doutrinador: Porque é necessário, faz parte da transformação.
Nível Mental Superior: E se nós errarmos novamente? E as conseqüências?


Doutrinador: Você não vai mais errar, porque estarei ajudando, observando, vigiando constantemente. Você tem que acreditar em você mesmo e na bondade Divina que nunca abandona os seus filhos. Procure me seguir.
Nível Mental Superior: Não quero mais passar por isso e continuar sendo banido de planeta em planeta. Tudo que me pertencia veio comigo desse planeta, mas durante milhões de anos tenho visto em cada encarnação outros se refugiarem nesse ovo preto (núcleo).


Doutrinador: Vamos mentalizar uma energia colorida na sua cabeça que vai trazer de volta as lembranças do seu passado, para que você possa começar no caminho da libertação. Não pode ficar preso para sempre a essas lembranças que estão vibrando na sua mente. Agora poderá escoá-las. Não podemos reprimir emoções sob pena de não evoluirmos e ainda sofrer mais. É como estar sempre preso a algo que você não quer. Precisamos sentir as emoções para que possamos aprender e crescer com elas. Hoje é um dia de glória para você.

Nível Mental Superior: Eu sei, mas eu não queria mais rever essa vida.


Doutrinador: Você fugiu do caminho uma vez, o que não quer dizer que vai fugir novamente. Nós tomamos várias vezes o caminho errado. Isso é normal acontecer. Você agora vai usar os conhecimentos para o bem.

Nível Mental Superior: Isso nós já prometemos várias vezes e acabamos deslizando pela rampa do mal.


Doutrinador: Já alertei que doravante estarei do seu lado para vigiar e também a todos os outros níveis. Seguidamente faremos uma revisão para nos certificarmos de que estão seguindo o bom caminho. Você poderia me dizer como está prejudicando a ponta encarnada e outros níveis?

Nível Mental Superior: O nosso sistema nervoso é diferente, não conseguimos repassar informações. Existe algo que eu não estou identificando direito, é um anel com símbolos.


Doutrinador: Vamos desintegrá-lo. Um, dois e três. Pronto. Está tudo bem agora meu irmão.

Nível Mental Superior: Estou me sentindo melhor.


Doutrinador: Eu havia feito uma pergunta no início. Como você estava prejudicando a ponta física e os níveis de consciência com essa atitude contrária aos bons princípios? Com essa habilidade magnetizadora?

Nível Mental Superior: Quando vinha aquela luz lá de cima incandescente e vermelha procurando desfazer esses casulos, eu impedia com o poder de magnetizar. Muitos deles eu consegui recolher para dentro de mim, outros eu não conseguia e não sabia como isso acontecia. Eu pertenço ao Mental Superior, ou melhor, parte do Mental Superior e parte do Mental Inferior, metade de conhecimento e metade de poder.


Doutrinador: Você está em uma posição "bi", potencializando as energias dos dois corpos. Isso futuramente tem que ser separado, porém não impede que você como Metal Superior tenha também inteligência, isso faz parte da evolução. O que não pode é estar exercendo as duas funções ao mesmo tempo, com um pé em um lado e outro pé no outro lado, pode dar conflito energético, pois são planos diferentes.
Nível Mental Superior: Eu vou ter mesmo que voltar a ser o que você quer?


Doutrinador: Vai. Indiscutivelmente. Não há como adiar, você chegou no final da linha. Não pode mais continuar estacionado ou retroagir na forma e sim avançar. Você não acha que já passou tempo demais escondido, sofrendo, e que agora chegou a hora de levantar acampamento e seguir em busca da felicidade? Todos nós precisamos ser livres, e nada como a liberdade.

Nível Mental Superior: Escondidos nós podemos mostrar para o mundo o que sabemos sem cobranças. Não tem ninguém lhe contestando se está certo ou errado.


Doutrinador: Como você vê, com essa atitude não há progresso. Você fica na inércia, as energias não se movimentam. Tudo que paralisa produz de uma forma ou de outra uma espécie de atrofia mental e física.

Nível Mental Superior: Mas pelo menos eu tenho controle da situação que está ocorrendo ao meu redor.


Doutrinador: Isso é apenas uma ilusão.

Nível Mental Superior: Durante milhões de anos eu consegui controlar e agora você está querendo que eu solte tudo isso assim de sopetão.


Doutrinador: Claro que sim. Não podemos viver sempre em um estado fantasioso.

Nível Mental Superior: Você tem noção do que eu passei?


Doutrinador: Mas isso não é real meu irmão. Só é real aquilo que se constrói com amor.
Nível Mental Superior: Amor não existe no meu vocabulário. Porque o amor amolece e torna os espíritos fracos.


Doutrinador:Isso não é verdade. O amor liberta e não prende. Esse amor que você fala é o amor possessão. Se você sofreu por amor, então não era propriamente amor e sim um apego. Agora sugiro que você comece a aprender a amar de verdade. É o que nós todos estamos fazendo aqui, aprendendo a amar. Você (mental superior) estava atingindo o meu cardíaco (ponta física)?

Nível Mental Superior: Eu preferia que todo mundo me visse, me sentisse frio, evitando que chegassem perto de mim. Por isso prefiro ficar isolado de tudo e de todos, sem cobranças.


Doutrinador: Você estava sendo escravo ou ainda está dos seus princípios? O que adianta ser um libertador e ter várias pessoas dependentes de você? Importante é ajudar as pessoas com aquilo que você sabe.

Nível Mental Superior: Eu ensinei muitas pessoas que depois se voltaram contra mim. Foram os que me colocaram a queimar naquele ácido.


Doutrinador: Será que aquilo que você ensinava era realmente verdadeiro?

Nível Mental Superior: Era o que se sabia no momento.


Doutrinador: De repente o que você ensinou não eram informações muito corretas. Ou ainda podem até ter sido, mas existem sempre os ingratos, e você tinha um carma a cumprir de situações de outro passado.

Nível Mental Superior: Quando eles começaram a aprender e entender melhor, excluíram-me da tribuna, sendo que aquele lugar me pertencia, pois eu era o mais sábio, porque eu tinha os livros.


Doutrinador: Reveja o seu passado remoto.

Nível Mental Superior: Que imagem mais grotesca e esquisita. Estou sentido muita dor.


Doutrinador: Vamos colocar uma energia nesse local.

Nível Mental Superior: Nessa vivência a que me refiro, época bem primitiva, nós parecíamos mais com animais. Não conhecíamos o amor nessa época, parece uma situação neutra. Nem ruim nem boa. Eu tinha uma figura feminina e estava mais inclinado para o lado negativo do que para o positivo. Não queria que me tocassem e matava as pessoas que tentavam.


Doutrinador: Veja bem de onde está vindo o seu resgate. Lembre-se que existem os ingratos. Mas não podemos pagar uma ingratidão com outra, então você não deve tirar conclusões precipitadas e olhar somente o lado negativo da coisa. Já falei a você que os negativos têm que ser experienciados para que possamos aprender com eles. Todo caminho deve ser trilhado dentro do amor, da compreensão. Nós não podemos viver a vida inteira fugindo das Leis Divinas e suas realidades. Lembre-se que estarei sempre contigo e você comigo.

Nível Mental Superior: Esse nível em rebeldia faz parte do agregado espiritual, mas existem outros. Esse nível atravancava a minha evolução intelectual de níveis do agregado como um todo. Em virtude do grande sentimento de culpa e de punição no qual ele se individualizou. Ele se achou no direito de se culpar, de se castigar, sem perguntar se era certo ou errado, como uma forma de defesa. E ainda existem dentro desses casulos, níveis com um pouco menos problemas desse anterior, que precisam ser trabalhados. Então foi uma linha que foi puxada e logo virá a outra ponta. Cada sentimento se trabalha no seu tempo e na medida em que o espírito se permite. Nesse momento estou me permitindo trabalhar o meu intelecto.
Houve uma boa melhora após o atendimento.

Segundo atendimento de níveis alojados no Núcleo

Nome: C.B.


Problemas: Impotência sexual, zumbido no ouvido e insônia. Incorpora os próprios níveis.


Desdobramento anímico - falando primeiramente com o Corpo Astral.

- Qual o problema que está ocorrendo?

*Quero ver se você vai desistir do que faz e de tentar me interrogar. Quero que você se desmoralize.

-Mas se outro doutrinador estivesse aqui no meu lugar, como você agiria?

*Já disse, eu quero que você se desmoralize. Você não vale nada. Assim como um dia você fez comigo, eu vou fazer com você.

-O que eu fiz para você?

*Eu sou um anjo perto do que você fez para mim.

-Eu sei que não fui nem um santo em vidas passadas.

*Você nos desmoralizou. Na ocasião eu era uma mulher. Você usava e abusava e depois nos desmoralizava, usando-nos como meio de prazer. Tenho muito ódio de você. Você não vai conseguir nada comigo, porque eu vou me vingar através dessa coisa que você faz e que se acha o bom. Você quer me mostrar que vai conseguir alguma coisa, mas não vai não.

-Quem está no prejuízo é você.

*Pouco me importa, desde que eu consiga o que eu quero. Você fugiu muitas vezes de mim, agora não vai conseguir.

-Claro que eu não vou conseguir resolver os problemas de todo mundo.

*E você vai se sentir impotente como já se sentiu em outras vezes. Por que você sempre quer resolver tudo?

-Mas é claro. Você não acha que eu estou certo em querer ajudar as pessoas da melhor forma possível?

*Por que? Você não mudou coisa nenhuma, continua do mesmo jeito. Fica aí usando essa máscara de bonzinho, pensa que eu não sei quem você é?

-Você está agora reclamando que eu usei e abusei de você em outro passado.


*Você me ridicularizou.

-Vamos recuar no tempo, antes dessa vida, e ver o que realmente você fez para merecer tudo aquilo que você hoje está cobrando, e se fazendo de vítima.


*Eu não fiz nada.

-Não queira inverter a situação.

*Não queira você ser a vítima, porque a vítima aqui sou eu. Foi você que fez mal para mim. Agora você não vai conseguir me convencer a perdoá-lo. Porque a minha única intenção é que você se ridicularize e se desmoralize, assim como fez comigo.

-Só tem um detalhe, o prejudicado nesse momento está sendo você. Jesus disse que devemos perdoar os nossos inimigos setenta vezes sete vezes.

*E eu lá estou interessado em Jesus? Se Jesus realmente existisse e fosse tão bom quanto você fala, tinha lhe castigado. Você é um bicho, um monstro.

-Mas Jesus não castiga ninguém.

*Existe castigo sim. Porque eu estou sendo castigado e você não.

-Você também cometeu erros. Dê uma espiada no seu passado.

*Não tenho nada para olhar.
-Você está com medo de olhar para os seus erros?

*Eu não tenho nada para olhar.


-Você está com medo de olhar para trás?

*É você quem está com medo. Eu sou a vítima que está sofrendo por sua causa.


-Abra o seu coração.

*Nós não tínhamos prazer. Você lembra o que você fazia com aquele negócio de cortar? Cortava a nossa parte íntima.

-O físico não se lembra de nada.

*Você não se interessava. Não queria que tivéssemos prazer e fossemos de mais ninguém, e cortava o nosso clitóris.

-Olhe para o seu passado que vai encontrar as respostas para tudo isso que está ocorrendo com você. Olha.

*Não vejo nada. Está tudo escuro e é sinal que eu sou bom. Ruim é você.

-Olhe essa energia violeta que está chegando.

*Estou ouvindo barulho de cavalos, cavalos, cavalos, gente gritando. Por que você está fazendo voltar o zumbido no meu ouvido novamente?

-Por que você tem que ver o que realmente aconteceu para que possa compreender melhor toda a situação da vida que está vivenciando hoje. Toda causa tem um efeito. Você sofreu nas minhas mãos porque fez alguma coisa de errado para mim ou para outras pessoas.

*Isso não é verdade. Você está querendo colocar isso na minha cabeça para que eu me sinta culpado.

-Não quero que você se culpe, porque a culpa não é boa companheira.

*Eu fazia essas coisas que você está me mostrando?

-Quero que você veja para que possa se libertar desse passado.

*Eu não lhe matei com as patas do cavalo. Pare de mostrar. Isso tudo é mentira.

-Não sou eu que estou mentindo. Isso é real. É você mesmo que está vendo aquilo que está arquivado dentro de você. Caia na real.

*Imagina se eu seria capaz de subir em cima das pessoas e sapatear com as patas do cavalo.

-Lembre-se que nós cometemos erros terríveis que não dá nem para pensar. Todos as pessoas cometeram. Em conseqüência desses erros sofremos muito.

*Quem é esse homem que vai à frente e grita, esse mongol?

-Vou envolver a sua cabeça em pétalas de rosas, possibilitando um relaxamento e melhorando a sua memória.

*Eu sou muito diferente. Usávamos roupas pesadas de pele e só andávamos a cavalo, muito frio, olhos puxados.

-O que vocês faziam?

*Saqueávamos, dizimávamos aldeias inteiras matando pessoas. Abusávamos das mulheres e crianças, coisa brutal e horrível. Sinto que tem um monte de coisas grudadas na minha região genital.

-Vamos fazer uma limpeza usando uma energia verde, laranja e violeta.

*Tire-me daqui, tire-me. Tem um buraco, eu estou lá em baixo e tem um homem usando e abusando de mim.

-Vamos tirar você daí. Um dois, três, já. Vamos recolher aquele homem também para um campo magnético. Você quer se desligar desse passado?

*Tire-me daqui.

-Um, dois, três. Pronto.

*Eu não suporto mulheres.

-De repente você sofreu muito como mulher, ou prejudicou muitas mulheres, e hoje não as suporta.

*Tenho nojo, mesmo que seja de um aperto de mão.

-Você tem que mudar.

*Agora estou vivenciando uma vida em que sou hermafrodita.

-Como lhe trataram nessa vida?

*Era muito ruim. Devido a essa anomalia fui dado a um rei promíscuo que gostava dessas coisas. Não quero me lembrar dessa vida.

-Então vamos desligá-lo de lá. Um, dois, três. Pronto.

*O Corpo Astral que está incorporado diz que os de cima, da linha de mentais, estão todos negros, inclusive os níveis da sua linha. Eles não querem participar dessa encarnação. Eu tenho dificuldade de passar muitas coisas.

-Hoje nós temos que deixar essas coisas mais transparentes.

*Eles vivem ausentes desse corpo que me liga a eles. Eu sou mais claro e eles mais escuros, e têm os seus órgãos atrofiados.

-Vamos passar uma energia violeta para drenar um pouco da negatividade desses níveis e reparar os órgãos também.

*O Mental Inferior está muito grande.

-Vamos nivelar com os demais.

*Aqui sou eu quem manda, elas é que têm que me dar prazer. Estou falando do vale dos sexos, onde eu comando.

*Está perguntando se eu gostaria de ir para lá e que poderia resolver, diz ele, muitos dos meus problemas.

*O que as mulheres normalmente não gostam de fazer aqui em baixo, aqui em cima se faz e é tudo liberado.

-Aí nesse lugar existe o perigo de muitas doenças.

*Pouco estou me lixando para isso. O que eu quero com aquela outra que não serve para nada (esposa)? Aqui eu posso tudo.

- Olhe bem o que eu vou mostrar.

*Olhe você o arem que eu tenho. Cada uma delas serve a uma vontade minha. Acha que eu vou me dar o desprazer de ficar lá embaixo usando aquele corpo imundo com uma mulher só? Coloque-se no meu lugar. Você ia fazer isso? Quando lá você tem dezenas de mulheres a sua disposição?

-Você está vivendo uma ilusão meu irmão.

*Ilusão é o que se vive aqui embaixo.

-Olhe um outro quadro dessa região que você costuma freqüentar e veja a situação em que se encontram certos espíritos, principalmente na região genital. Estão todos deformados e praticamente impotentes devido à série de doenças que se agregam nesse ambiente. Olhe o grande risco que você está correndo. Veja como estão todos mutilados. Você acha que não vai ficar assim também? Vai acabar ficando assim.Vou projetar o seu futuro nesta tela grande a sua frente. Veja como é de arrepiar o seu estado.

*E se eu disser que isso tudo é a sua imaginação querendo subestimar a minha inteligência? Eu sou muito mais esperto do que você. Tanto é verdade que até hoje você não conseguiu falar comigo. E nunca ia conseguir. Não me importa se é homem ou mulher, o que importa é o que eles podem me dar. Veja bem o que você fazia também e continua fazendo.

-Na minha consciência nada disso pesa. A sua pesa?

*Não existem sentimentos aqui.
-Olha bem o seu futuro nessa tela grande.

*Não tenho medo do futuro. Estou hoje aqui para comandar. Não é o meu corpo que comanda a minha mente. Sou eu quem comanda. Eu é que quero. Eu é que sei. Eu que faço.


-Não vou me preocupar com você, já que não quer mudar. Vou mentalizar uma energia dourada, o sol, colocando a mão sobre a sua cabeça e mentalizando essa energia em todos os chacras, drenando toda a energia negativa que vai saindo pelos chacras da planta dos pés.

*Fecha, fecha essa porta. A minha cabeça está se esvaziando.

-Claro. Só tinha porcaria aí dentro.

*Você está me esvaziando, criando dois buracos no chacra esplênico.

-O caminho em que você se meteu é um caminho sem volta. Aceite essa nova realidade. E essa mulher aí em cima mandando, quem é ela?

*É parte minha, usa roupa vermelha e uma coroa. Tem outras vestidas de cigana, dançarinas, que coisa esquisita.

-São vidas em que você foi mulher. Vamos desligando essas vivências.

*Tem coisa nojenta dentro de mim.

-Vamos retirando essas coisas, usando um violeta. Está melhor agora?


*Sim.
-Assim ele foi amolecendo e perdendo a força. É uma maneira de abrir o paciente pelos chacras e fazê-lo perder a resistência egoísta que está contida dentro dele. Facilita o trabalho. Ele diz que está vazio. Vamos preencher esse vazio com amor.



Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande