Analec e os mercadores de liçÕES



Baixar 2.76 Mb.
Página8/37
Encontro24.10.2017
Tamanho2.76 Mb.
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   37

Para o texto: VAI AÍ UM HOT DOG DUPLO ? (T355321)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 19:19

Cruz, credo Ju! Mas na Internet tem coisas mais inescrupulosas ainda, onde a língua e a boca praticam coisas que perto das toalhas de banheiro, tornam o sujo delas em pureza! Parabéns pela picante crítica!

Para o texto: O QUE SERÁ ISSO ? (T355385)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 19:12

Que brilhante idéia você me deu! Vou colocar uma no duto do filtro de ar da minha zica (fiorino), entre o filtro e o carburador! Há dias que o ar está entrando sem passar pelo filtropor falta de uma emenda que alguém viesse a me indicar! Que massa! Vou logo! Parabéns.

Para o texto: MIL E UMA UTILIDADES (T356597)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 19:07

Aqui em Ribeirão Preto os gays usam muito é nas orelhas. Dizem que são diferenciadores para o pessoal da baixada, onde só tem barra leve!

Para o texto: PIERCING CEREBRAL (T357961)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 19:02

Tá em Brasília, isso daí, Juliana? Se estiver eu vou pra lá, pois para limpar minha orelha só um baitelo desse?

Para o texto: LIMPANDO O ORELHÃO (T370507)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 18:58

Boa idéia, Ju! Tenho no RL um texto cujo título é: "O MENINO FEIO". Quem sabe se você vier a lê-lo poderás me mandar umas palavras de animo. Ando depressivo e com intenso zumbido na cabeça e quando me lembro de minha feiura, mais mal me sinto. Socorra-me com visitas. Ah! Você conhece Campos Lindos? Fica a 100 km de Brasília indo para Unaí. Tem uma casa de campo lá de um amigo, por isto já fui lá algumas vezes. Lindas paragens com imensas plantações de feijão! Olha, estou lendo seus textos até completar seis, por enquanto, pois fizeste seis comentários, embora sejam idênticos, em minha página e preciso pagar. Abraços do Lu.

Para o texto: A IMPORTÂNCIA DA AUTO-IMAGEM (T370512)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 18:46

É um fato! Eu estou pensando nesse fator preponderante para me atualizar! Abraços do Lu.

Para o texto: BENDITO SEJAS, PHOTOSHOP !!! (T374056)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 18:42

Ainda bem que você reconhece que sorrir é necessário. Abraços do Lu.

Para o texto: SORRISO MAROTO I (T375651)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 18:38

Pelo amor de Deus, Juliana! Mês de março, mês do fracasso!? Justamente o mês em que nasci! Mude a rima para "MARÇO: MÊS DO PICASSO" Rha, Rha, Rha...ei, é no substantivo pronominal, senhor Luzirmil! Pra que rir? (afinal Picasso, o pintor, nasceu num mês de março). Mil perdões, pelo riso, querida. É questão de humor. Particularmente não publico nada fora de minha idoneidade espiritual, pois sou um *CONVICTO DA EXISTÊNCIA DE DEUS* e por conseguinte tenho temor do castigo do céu. Congratulações de seu fã - Luzirmil.

Para o texto: CALENDÁRIO CÓSMICO-SENTIMENTAL-FINANCEIRO (T607072)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 18:11

Deixe-me pensar...Juliana...Luliana...Juliana...Ah! lembrei-me: Santa Juliana!! Se tem santas do pirú, você deve ser uma delas! Ou gostou demais ou não gostou de maneira alguma...dos meus beijos! De qualquer forma um beijão daqueles pra você, seja pela visita multiplicada por 5, e por seu grade talento. Vou deixar do jeito que está, para ver como é que fica. Seu novo fã: Luzirmil.

Para o texto: RISOS E PERSONALIDADES CANINAS (T740766)


De: Juliana S Valis

Apagar

14/10/2010 13:28

Olá, Renato, houve um erro no título do livro "Perdidos na Caverna" Lá está como: "A CAVERNA DOS MISTÉRIOS". Se você for lá, vai saber o que eu e um amigo de adolescência passamos ao entrarmos numa gruta. Tal fato ocorreu em 1954. Tal gruta ainda está lá, inexplorada. Acompanhando a reportagem dos mineradores ao vivo pela notícias.r7.com.news, fiquei todo tempo me recordando da escuridão daquela noite. Aguarde, que pretendo escrever uma crônica a respeito. Abraços.

Para o texto: Agradecimento ao Luzirmil (T2555887)


De: Renato Lima

Apagar

14/10/2010 13:16

Que maravilha Renato! Tenho que me considerar um poeta de sorte! Ganhar palavras como as suas, rimadas e metricamente bem feitas, ainda por cima conduzindo minha mente pelo túnel da saudade, bem pertinho de meus pais!? Foi tocante, meu irmão! Suas inspirações alcançaram as alturas da sua inteligência e preencheram as lacunas da minha alma, expulsando delas as mazelas que entristeciam meu espírito! Deus te abençoe sempre, cada vez lhe dando mais luz na inspiração de seus belíssimos cordéis. A Malu te visitou antes de mim, assim mandei para ela um comentário exaltando o seu. Pretendo, em consideração, dirigir a ela uma crônica sobre a esperança dos mineradores. Breve vou publicar, mesmo por que já passei apela experiência de em companhia de um amiguinho, numa época remota, passar uma noite na escuridão de uma caverna. Veja em meus E-livros "PERDIDOS NA CAVERNA" Aguarde. Abraços com um ósculo santo da caridade, meu irmão!

Para o texto: Agradecimento ao Luzirmil (T2555887)


De: Renato Lima

Apagar

14/10/2010 12:48

Sua poesia me inspirou a escrever uma futura crônica sobre os 33 mineradores do Chile, querida Malu. Espero que venhas Lê-la e depois comentar. Sua prosa poética "UM LUGAR CHAMADO ESPERANÇA" delineia fielmente os fatores que abraçam tal vocábulo. Um lugar no pensamento, ocupado por uma cidade de sonhos; neles contendo jardins, livros, circo e até um hospital! Se tomarmos por tema esses substantivos poderemos construir uma torre de lindas crônicas e poesias. Receba mais uma vez os parabéns de um apreciador de suas palavras filosóficas. Ah! Visitei o cordel em que o Renato destacou-me e vi que você esteve lá também. Viu que maravilha! Ele me levou bem pertinho de meus pais, numa profunda lembrança, retratada nas frases bem colocadas e metricamente rimadas! O Renato merece meus elogios, assim como você e outros, cujas atenções para comigo me edificam.Deus te abençoe por sua nobre visita e pelo seu belo talento, cuja virtude emana em forma de lindos poemas. Abraços do Luzirmil.

Para o texto: Um lugar chamado esperança... (T2513021)


De: malu Dab

Apagar

13/10/2010 20:28

O Silêncio! Escrevi um livro sobre ele. Muito bom essa filosofia em cordel. Você é dez mesmo, Renato. Tem razão de ter conseguido um oasis!

Para o texto: O silêncio (T2234259)


De: Renato Lima

Apagar

13/10/2010 20:23

Grandiosidade a não acabar mais, Renato. Parabéns!

Para o texto: Igualde racial. (T2509098)


De: Renato Lima

Apagar

13/10/2010 20:19

Massa! Caro Renato! Muito bom mesmo!

Para o texto: Vida de circo. (T2501544)


De: Renato Lima

Apagar

13/10/2010 20:10

Não vou estender meu comentário pois um parabéns de real valor vale muito para seu cordel, caro Renato. Já compus a forma (leia em "O OASIS DE RENATO") que você adquiriu um oasis para suporte das caravanas. Abraços nobre colega.

Para o texto: A memória do tempo. (T2513405)


De: Renato Lima

Apagar

13/10/2010 19:35

Subjetivamente louvaste sua mãe!? Ou alguma santa? Belo Pensamento! Agradeço de coração pela visita. Você já leu os cordéis do Renato Lima? Se não o fez, faça-o. São excelentes e divertidos; eu já li quase todos e vou fazendo aos poucos, pois são muitos, mas me divirto pacas! O Renato é o super-homem dos cordéis. O que você achou do oasis que ele conseguiu ganhar na base do amor? Ah! Mudando de assunto, digo que conheço muitas cidades da Bahia, inclusive Entre Rios, onde tenho conhecidos; entretanto Ribeira do Pomba!? Onde fica essa sua cidade, cujo nome me intriga? Bem, um dia poderei conhecer, vou muito à Bahia. Um abraço afetivo pra você, minha jovem poetiza, e parabéns pelo talento.

Para o texto: Meu maior orgulho (T2539778)


De: Luzia Santos

Apagar

13/10/2010 18:54

Você está corretamente certa! Gostei de sua crônica, Parabéns, ao final dela assentaste palavras sucintamente exatas.

Para o texto: QUAL SERÁ O MODO "CERTO" DE ESCREVER ? (T2554645)


De: Juliana S Valis

Apagar

13/10/2010 16:02

Você me chama de grande Ranato!? Tudo bem, mas então você é um super cordelista! Essa do deserto me tocou profundamente. Olhe, aguarde vou escrever um pequeno em sua homenagem, porém te colocando como personagem. Penso que vai ficar lindo. Vou associar algumas palavra do seu cordel, por exemplo: pão, tenda, vento, enfim, já que você foi o personagem do seu, serás também o personagem do meu. Um abração, nobre super cordelista.

Para o texto: Servidão humana. (T2543154)


De: Renato Lima

Apagar

13/10/2010 15:48

Hra,hra,hra... Me deu vontade rir, querida. As redes são feitas para enredar...e imobilizar os peixinhos mesmo. Olha vim aqui para corrigir o endereço pra você acessar a Record, é o seguinte: noticias.r.7.com/interational.notícias. Olha, já corrigi o número de mineradores. Obrigado pela observação. Abraços afetivos do Luzirmil.

Para o texto: TV globo (T2489422)


De: jayneartes

Apagar
13/10/2010 15:41

Acho que os sonhos movem a liberdade também, querida, Jayne. Que bom que você estava ligada nos entrantes. Assim você deve ter sido a primeira a ler meu soneto da "Fênix Salvadora". É que estou assistindo ao vivo a retirada doas mineradores. Se quiser ver acesse: record.notícias.com.br/notícias do Chile ao vivo. Um beijo cor de rosa pra você. E vou te ler mais pois passei a ser seu fã. Visite-me em meus cordéis mais recentes e veja as dicas.

Para o texto: liberdade (T2543423)
De: jayneartes

Apagar

13/10/2010 14:45

Essa foi quente, Barrosos! O padre com certeza se estressou bastante. Mas penso que foi quase igual um fato ocorrido comigo que registrei num cordel meu: "EVENTOS DE AJUNTAMENTOS". Esse negócio de dor de barriga em ajuntamento é barra! Olha, hoje compus um cordelzinho dando dicas em tua homenagem. Clic lá e leia, tem o título: "AS BOAS DICAS". Abraços e feliz com suas visitas.

Para o texto: O MATUTO NO CASAMENTO. (T2492102)


De: BARROSO

Apagar

13/10/2010 10:34

Caro Barroso, o comentário que lhe enviei, procurei publicá-lo somente em sua página no RL. Se você não encontrá-lo devo ter errado o modo de enviar. Visite meu blog. www.icopere.com - clic: Caminho do Céu no Brasil e coloque lá seu comentário, que embora esteja sujeito a moderação, mas aprovarei com carinho.

Para o texto: ISSO É HIASTÓRIA-07 (T2553252)


De: BARROSO

Apagar

12/10/2010 18:55

Gostei desse também, cara Cris. Folhando as páginas de seu site encontrei esse texto de assuntos virtuais pelos quais me interessei, pois lá por 1970 isso estava longe ainda, eu porém pensava em transformar filmes em animações familiares, cortando quadrinhos e intercalando, fotos de binoclinhos: (aqueles que agente olhava como lunetinhas). Acho que era a sombra de Julio Verne que insidia sobre minhas idéias. Hoje, é como você descreveu e mais alguma coisa! Perdoe por visitá-la outra vez, mas são coisas de fãs!

Para o texto: MALUQUICES SIMS (T2301710)


De: Christina Nunes

Apagar

12/10/2010 18:06

Uma flor em poesia! Sua sensibilidade poética, associada aos termos eruditos a elevam à classe dos grandes compositores, ó cara Gardênia. Parabéns do filósofo Luzirmil.

Para o texto: SENSITIVA (T2552759)


De: gardênia

Apagar

12/10/2010 18:02

Como pode uma jovem de 16 anos escrever uma crônica tão perfeita assim. Falta-me o conhecimento para descobrir. Parabéns, jovem Chelli. Não é sempre que a gente encontra textos tão objetivos e bem escritos como esse seus. Desejo-=lhe sucessos ascendentes, viu. Aceite um abraço afetivo do Luzirmil filósofo.

Para o texto: CONHECIMENTO RIMA COM ... CURIOSIDADE (T2552723)


De: Chelli

Apagar

12/10/2010 17:12

Olá, prezada Zênite. Conforme lhe anunciei, aqui estou, após ter lido um pouco da história de Drano, para que me fundamentasse em algum assunto de abertura. Inicio parabenizando-lhe pelo pomposo site e lindo romance, onde a fauna e a flora envolve a composição como um manto benfazejo, que todo ambientalista deseja. Até o ponto em que li (mas pretendo continuar) muito me maravilhei, não só pelo enredo, mas também pela técnica literária, perfeita, coerente e brilhante em termos de beleza. Não dá para traduzir num simples comentário de visita, a grandeza da literatura, que certamente é um pequeno reflexo de suas grandes obras. Eu também já escrevi muito. Tenho vinte e cinco lançamentos comerciais, contudo baseados em reportagens da vida real de fatores ocorridos, principalmente pela causa da ecologia. Uma de minhas obras está publicada aqui no recanto em e-livros com o título "UM VIOLINO NAS JORNADAS". Mas digo-lhe que diante da grandeza de seus escreveres sinto-me inibido de lhe apresentar os meus. Em relação à nossa participação no Recanto digo que há no RL um site de minha irmã: clicando em autores "irene coimbra" você a acessará. Olha, fiquei feliz com sua preciosa atenção pelo envio do email como resposta ao meu comentário. Desejo-lhe futuros dias de mais sucesso e conte que serei um de seus fãs. Aceite um abraço fraterno e de muita consideração a você. Luzirmil.

Para o Livro de Visitas


De: Christina Nunes

Apagar

12/10/2010 12:41

Prezada Cristina, eu não seria o indicado para lhe enviar um comentário a altura do que merece seu "ELOGIO DA CRIAÇÃO". Entretanto, *"tudo é questão de sintonia", como citas aqui. Me sintonizei por inteiro em seu artigo. Inicias exaltando a filosofia futurâmica de Jesus Cristo e discorres pelos alvores das diversas ideologias, todas direcionadas ao bem da humanidade, fundamentadas na valorização ao próximo. Gostaria de estender palavras neste espaço além dos limites de seus caracteres permitidos, todavia não há necessidade; quero porém que saibas, que diante de teus raciocínios expostos aqui, te coloquei entre os favoritos de minhas páginas no RL. Você sabe o que é um pomar com várias qualidades de frutíferas? Ou um jardim permeado de uma grande variedade de floríferas? Bem, assim discerni seu intelecto! Talvez sejas uma professora, ou uma estudiosa que investiga os parâmetros que medem o relacionamento humano; o fato é que me quedei ante seu artigo, que a meu ver, é mais transcendente do que tu mesmo supões! Meus parabéns. Para me conhecer e saber que sou um mero apreciador de temas como o seu e outros da mesma linhagem, convido-te a ler "A BIOGRAFIA DE LUZIRMIL". Evidentemente depois de lê-lo, certamente me colocarás para trás de suas preferências literárias, haja vista a pequenez de um menino peregrino! De qualquer forma quero parabenizar-lhe pelo seu glossário versando sobre o tema "CRIAÇÃO". Para um pensador autodidata que sou, particularmente, me vi enriquecido pelo inteligentíssimo teor! Aceite um abraço e congratulações do Luzirmil. Ah! Pretendo fazer-lhe uma visita ao seu site. Aguarde.

Para o texto: ELOGIO DA CRIAÇÃO (T2552152)


De: Christina Nunes

Apagar

12/10/2010 08:43

Sê tá é loco! Aldemar. Ao final do cordelzinho fiquei chocado, já pensô: Uma canária muié dexa u ninho e i morá mais um ladrão? Bem falando sério, quero dar-lhe os parabéns. Tenho lido vários textos seus, inclusive muitos cordéis, pois aprecio muito e me sinto-me descontraido lendo esse tipo de literatura. Você é dez, rapaz! Principalmente quando usas essa admirável linguagem do caboclo. Digo-lhe que você, além de nos presentear com sua belas criações literárias, irradia em sua foto, uma áurea de extrovertida convivência. Abraços, caro colega do Recanto, e obrigado pela prestimosa visita à minha escrivaninha. Luzirmil.

Para o texto: CANARIM LADRÃO. (T2549973)


De: aldemaralves

Apagar

12/10/2010 08:29

Que pensamento! Paulinho. Massa pra danar! Tal sujeito só pode mesmo ser um supercurioso! Mas digo aqui, que certa vez, em razão de não ter outro lugar mais apropriado, eu e um companheiro fomos dormir dentro de um paiol de milho contendo mais palhas de espigas descascadas do que propriamente inteiras. Por um lápso meu amigo perdeu seu relógio no meio do palheiro e no outro dia, achando falta, começou a procurar. Só conseguimos achar com a ajuda do dono do paiol, em cuja residência não pousamos em razão de haver muitos parentes visitando. Mas se for um estranho no pedaço, procurando uma agulha perdida por outro!? É o cúmulo da curiosidade? Ou seria interesse em ajudar a encontrar? Mas uma agulha!? Certamente é perda de tempo do curioso. Parabéns pelo pensamento bem colocado. Ah! Digo-lhe que apreciei sua quadrinha sobre os poetas destemidos. Grato pela honrosa visita, e considere-se também um destemido literário do RL. Minhas congratulações e um forte abraço.

Para o texto: *** CURIOSO *** (T2489447)


De: Paulinho Violanti

Apagar
12/10/2010 08:10

Ah! enfim vejo-a em minha aquarela de belezas! A Flor da Vida, cujo versejar poético tem o encanto do amor afetivo! sempre envolto com o amor maior vindo do Pai das Luzes! Vim aqui, querida Solzy, nos seus primeiros lançamentos, mas como eu já havia lido um infinidade deles,inclusive este do passarinho livre. Com respeito ao tema, dias atrás tive uma triste visão: Estava eu conversando com um amigo sob um poste, na Avenida da Saudade em Ribeirão, quando vi algumas rolinhas comendo migalhas ali por perto, entretanto algo as assustaram e voaram todas para o alto, assentando nos fios; uma porém, assentou-se no braço do poste, próximo do isolador de alta tensão e certamente ocorreu dela encostar-se ao fio, pois ouvimos uma explosão no alto, e a infeliz se despencando praticamente morta. No momento peguei-a para ver o que ocorrera, seu peito havia estourado estava aberto,aparecendo inclusive o coraçãozinho, todo estraçalhado! Fiquei penalizado com o fato. Essa sua interação, com o poema do Ricardo trouxe-me a lembrança daquele pássaro livre que encontrou seu fim de repente! Olha, fiquei muito contente com sua nova visita. Seu sorriso e suas apreciações, sempre induz otimismo aos poetas! Abraços e muita estima por você.

Para o texto: Pássaro prisioneiro...Liberto de ti >>> com participação do poeta "Ricardo Mascarenhas" (T2025525)
De: Flor da Vida

Apagar

11/10/2010 20:48

Seu soneto de amor a vida é tão belo quanto à própria vida! Parabéns. Indico-lhe uma poesia minha "O Brilho da Poesia" Minhas congratulações a ti e a todos os seus entes queridos. Luzirmil

Para o texto: SONETO DE AMOR A VIDA! (T2446472)


De: Zeni Bannitz

Apagar

11/10/2010 20:40

Eu gosto de comer broto de bambu curtido no vinagre, é como palmito, até um pouco melhor, pois tem um amarguinho discreto. Mas falando de seu bambu japonês, é uma comparação sui generis! Uau! Parabéns pelo grito ao bambu. Ah! Quanto ao rap... eu entendi que você quis dizer que estava raptando os leitores através de meus cordéis indicativos. Mas parece que mesmo eu usando desta drástica medida raramente vão nos textos mais antigos, e a gente cansa de escrever novos. Quando ao rap eu me lembro de já ter lido tal palavra usada em música sim, porém não fiz a idéia no momento, só pensei em rapto. Abraços divertidos para uma jovem divertida.

Para o texto: Bambu japonês (T2466785)


De: Kimito Nakamura

Apagar

11/10/2010 18:42

Aplicaste grande sabedoria em sua crônica, prezada Malu. Suas palavras conotam fielmente com as dos grandes escritores de otimismo. Admiro seu talento! Em cada texto seu que leio no recanto, encontro incentivos, inclusive nos comentários que me envia. Parabenizo-lhe por tão nobre inteligência. Ser lido por pessoas como você é uma honra para aqueles, que como eu, escrevem no RL; e eu posso contar com esse previlégio, pois constantemente, (para minha alegria) te encontro em algum comentário de meus textos. Desejo-lhe saúde, paz e sucessos; não só aqui, mas em todos os detalhes de sua vida em seus ideais. Mais uma vez envio-lhe minhas congratulações, e que a harmonia dos anjos seja sua companheira invisível, porém sentida por seu nobre ser. E que sejas cada vez mais inspirada e escrever boas literaturas. Aceite um abraço, de sincera e legítima amizade.

Para o texto: Vida (T2290652)




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   37


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande