Analec e os mercadores de liçÕES



Baixar 2.76 Mb.
Página4/37
Encontro24.10.2017
Tamanho2.76 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   37

De: Augusto de Sênior

Apagar

19/11/2010 18:38

Oi, Jessica. Vim fazer uma visitinha em seus textos e encontrei este, bem quentinho. Parabéns por continuar a nos brindar com suas inteligentes poesias. E dê um abraço no pessoal de seu convívio aí de São Luiz. Ouça-me em áudios, serás abençoada por Deus, tenha certeza! Abraços fraternos do Luzirmil.

Para o texto: TUDO QUE TEM NO CORAÇÃO. (T2625253)


De: Jessica Furtado

Apagar

19/11/2010 18:17

Me deu vontade de chorar, querida Flor da Vida! Recordei-me do meu pai quando caminhávamos juntos nas madrugadas pra trabalhar em roçados distantes do lugarejo onde morávamos, cerca de doze quilômetros. Tivemos aquela união por vários anos. Ele partiu em julho de 2004, nascera em maio de 1903, viveu portanto 101 anos, mas me deixou muita saudade, pois foi meu grande amigo até seus dias finais, quando cuidei dele como acompanhante por muitos dias, num hospital de Ribeirão. Acho que o sentimento de perda humano está estritamente relacionado com o florescer de um futuro encontro com nossos queridos. Esse pensamento me alenta e me faz sentir pressa de ir-me deste mundo para encontrar, meu pai e minha mãe, meus queridos inesquecíveis, que foram humilde e bons sobre a terra, certamente Deus, em Sua misericórdia (peço que Ele a tenha para comigo e com todos os poetas) nos fará encontrar. Um abraço a ti, e aos seus filhos, cara Soelzy. E pergunto-lhe se conseguiu ler meu comentário fotografado sobre seu texto: "Almas Enlutadas". Aguardo visita.

Para o texto: Eterna Saudade (T2603622)


De: Flor da Vida

Apagar

19/11/2010 18:00

A base mais segura que uma pessoa tende a possuir é alicerce da humildade. Ele começa a ser edificado por nós e nos pertencer, a partir daquilo que nossos olhos vê à nossa frente. Segundo o conselho de sua simples frase, ao dar nossos passos com a visão da humildade, já nos desviamos dos caminhos da arrogância! Interessante, querida Rosinha. As seis palavras de sua frase revelou-me um mar de reflexão. Parabéns pelo belo raciocínio. Agradeço-lhe por ter ouvido, ou lido meus publicados no RL. Deus te abençoe pela atenção. Um abraço fraterno do Luzirmil, dizendo-lhe que pude ler mais um tanto de textos seus. Por isto é bom a gente visitar uns aos outros, assim não nos equecemos dos amigos. Olha, ofereço-lhe um olhar de humildade cristã com muito carinho, viu.

Para o texto: OLHAR HUMILDIMENTE (T2527378)


De: Oliveira Rosa

Apagar

19/11/2010 14:33

Parabéns Michael! Nem o Freire poderia compore interpretar melhor! Gostei de seu som. Eu também faço meus arranjos e declamo-os aqui no RL. Você dedicou sua música ao Senhor Jesus, por isto receberás Dele uma benção. Aguarde que quando menos esperar virá de um arco-íris! Um abraço do CONVICTO Luzirmil.

Para o áudio: Só por ti Jesus (A8260895)


De: Michael Lima

Apagar

19/11/2010 14:15

Querem saber da opinião de um filósofo paulista? Vocês são autênticos artistas! Nota dez pela união e dez e mais alguma coisa, pela arte! Parabéns e abraços do filósofo Luzirmil.

Para o áudio: ETERNOS ENAMORADOS!!! (toada de vaqueiro) (A8260801)


De: Carlos Aires

Apagar

17/11/2010 22:41

Achu que o E Sirva tá certo! Tu é do praneta mais perto do sor! Ta muntos anos na frente du povo da Terra! Mais uma piada ingraçada que li sua foi a brabeza do disabafu! Lembrei dum irmão meu que ficou nervoso cum tatu, só por que em duas hora ele feiz um buraco no trio que nóis tinha qui passá dispois di nóis vortá dum baile. Nois num contava cum u buraco e quais qui ele quebra a perna. O pió é qui meu irmão tinha dançado munto e tava cum as perna mole. Foi dificir tirá a perna dele du buraco. Ah! Isso acunteceu no ano de 58, num foi agora não! Um bejo du Lu pra vosmecê, quirida Luna.

Para o texto: CANTATA DE CANTO CANTADA (T2193477)


De: Luna Di Primo PRIMA LUA

Apagar

17/11/2010 22:20

Boa noite Luna. Cheguei agora para lhe dizer muito obrigado pelo elogio em minha página. Ao ver a foto dessa senhora de avental, pensei que deveria ser a poetisa Luna trabalhando na cozinha, seria pois? Senão não for, convide a senhora Mim para lhe dar uma mão, afinal ela sabe muitas receitas de poções mágicas, as quais poderiam incrementar as delícias de uma boa cozinha. E olha que o caldeirão dela está bem perto! Bom vou ler mais uns humores seus depois volto. Abraços fraternos pra você.

Para o texto: ki ki ki hi hi hi (T2439234)


De: Luna Di Primo PRIMA LUA

Apagar
17/11/2010 21:50

Minha querida Solezyi. Depois de ler "ALMAS ENLUTADAS" me vi destituído de um peso intrigante. Retrataste por inteiro as revoltas que a gente tem desse mundo cão. Olha escrevi um grande comentário como resposta ao seu, mas algo deu errado no RL e ele não seguiu entretanto tirei uma foto do que escrevi. Vou lhe enviar pelo email e veja se consegue ler! Um abraço fraterno pra você.

Para o texto: Almas enlutadas (T2621216)
De: Flor da Vida

Apagar

17/11/2010 21:40

Puxa vida, Rosa! Já percorri tantas estradas! Ah! recebi sua visita com alegria. Aquele negocio de recear em ficar pobre não serve para os poetas! Um abraço de saudade pra você.

Para o texto: ESTRADAS DA VIDA (T2561406)


De: ROSA SERENA

Apagar

17/11/2010 13:23

...eu sou você! Talvez seja mesmo, entretanto estou para ser mais sua sombra! Parabenizo-lhe pela dissertação do joio e o trigo. De luz será a formação (um arco-íris) de nossos compostos finais, penso. Ah! Sílvia, saber que uma conterrânea minha tem a consciência da ciência do luzir dimensional, é gratificante! Ouvi e gostei, devido os termos usados. Sou um cientista (modéstia a parte) e vasculho no recanto, nos cantos onde possa existir fundamentos interdimencionais da mente humana! Um beijo sonoro pra você. Meus áudios são voltados à minha convicçãode crer em Deus. Entretanto meus assuntos, inclusive a série de cordéis, são voltados às minhas peregrinações. Leia "O ANCIÃO E O PEREGRINO" E se estamos em Ribeirão, não estamos tão longe para aconselhar, pelo menos nossos conterrâneos, a passarem do estágio joioalheiro para o estágio trigueiro. Abraços do Lu.

Para o áudio: O trigo e o joio (A8245346)


De: Silvia Duprat

Apagar

17/11/2010 12:56

Pela sinceridade de suas palavras gostaria de fazer isso, cara Cielu! Mas poderás caminhar ao meu lado, ouvindo meus áudios, nos quais descarrego todo meu pavor depressivo. "PERDIDA"? Transferiu ao coração de um filósofo o desejo de ser um anjo para ajudar! Mas Qual!! Sou fraco e miserável como os demais seres humanos, sujeitos aos trancos da vida! Um abraço de um convicto, pra você.

Para o texto: Perdida (T2620737)


De: Cielu

Apagar

17/11/2010 12:47

Além da existencialidade há também no amor, a pragmaticidade! Parabéns Doka!

Para o texto: Inestimavel (T2620739)


De: Doka

Apagar

17/11/2010 12:45

Romântico poema! A lua e o amor, são para os poetas, duas fontes de inspirações. Parabéns Casmil!

Para o texto: Olho o Espaço e Vejo a Lua (T2620740)


De: CasMil

Apagar

17/11/2010 12:43

Até os jovens sabem que a hipocrisia dos religiosos tem tornado o nome do Senhor das Energias, banal e desacreditado; mas elas, as energias, estão aí, se aglomerando e aguardando uma ordem de comando para destruir o planeta, assim como a todos os religiosos hipócritas. Entretanto como tem honra os de bons procedimentos, terão eles também o respeito do caos energético. Belo conto para reflexão,Carlinhos. Parabéns. Honra e Respeito andam abraçados.

Para o texto: Gente Hipócrita (T2620684)


De: carlinhos matogrosso

Apagar

17/11/2010 12:21

Taças contendo uvas passas, mergulhadas num sorvete de creme! Hummmm! É um castigo, a gente ficar sem provar e refrescar a garganta num dia de calor!

Para o texto: Creme e Castigo. - BVIW (T2620690)


De: Deyse Felix

Apagar

17/11/2010 12:18

Um abraço pra você e para a Rafaela. Nomes Bonitos, em belo poema.

Para o texto: Tema de Rafaela (T2620691)


De: Waninha

Apagar

17/11/2010 12:16

Uma vez enganei um boi com um pano verde. Mas falando dos grilos verdes, realmente parecem-se com folhas de cana! O menino caiu no conto do *gafa. Parabéns pelo conto, caro Sidney. Abraços do LU. (*gafanhoto)

Para o texto: O menino curioso e a folha que voava (T2620689)


De: Sidney Muniz

Apagar

17/11/2010 09:33

O tempo é inclemente, sem compaixão e contínuo! Ainda bem que é passageiro! Assim, mesmo que nossos sentimentos sejam enterrados ainda vivos, ao passar o ponteiro do tempo ressurgirão, se forem de amor, com mais vigor; entretanto se for de amarguras, com mais dor! Filosofia absoluta em seu soneto, cara Silvia. Parabéns por mais este. Um beijo cor de maravilha a você, pela visita em minha página.

Para o texto: SONHO DE AMOR - (Soneto n.166) - Silvia Regina (T2620334)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

16/11/2010 19:20

Caramba, Fernanda! Nessa da mulher perfeita você extrapolou! Tem muitas delas por aí, desde que sejam convictas. O homem não precisa morrer sem encontrar uma. Vim aqui lhe agradecer novamente por ter me visitado. Deus seja contigo!

Para o texto: ESPERANDO ... PELA MULHER PERFEITA (T2618797)


De: Fernanda Xerez

Apagar

16/11/2010 19:13

Minha querida Mada! Grato pela nova visita. Vim aqui e encontrei um verdadeiro "CANTARES DE SALOMÃO" em seu "SONETO DO ETERNO"! Parabéns! Lindo, lindo! Mereces uma benção de Deus nas orações de um Peregrino cristão. Abraços fraternos para você e aos seus.

Para o texto: SONETO DO ETERNO (T2617780)


De: Mada Cosenza

Apagar

16/11/2010 10:09

Palavras certeiras nos pensamentos de um filósofo! Parabéns Ricardo.

Para o texto: VIDA, TEMPO E SENTIMENTOS (T2618449)


De: Ricardo De Benedictis

Apagar

15/11/2010 22:32

Muito linda oração, Fernanda. Deus é o nosso Refúgio. Breve será confirmado isso de uma forma global sobre os que O amam! Olha você me deixa feliz com suas visitas. Até lhe enviei um comentário em minha própria escrivaninha, foi um erro de envio, mas vá lá no texto que você postou que está lá. É pra você! Muito obrigado pelas visitas que tens feito em minha página. Elas me trazem paz. Um abraço e fique com a Paz do Senhor Jesus.

Para o texto: ORAÇÃO SUBLIMINAR BASEADA EM SALMOS 46:1,2 (T2607793)


De: Fernanda Xerez

Apagar

15/11/2010 22:26

Puxa vida! Fernanda! Assim me sinto lisonjeado. Mas sendo no espírito eu fico contente. Realmente nestes dias minhas inspirações estão voltadas para dar glórias a Deus. Talvez seja a aproximação de algum advento cataclísmico, do qual a humanidade não poderá se esquivar, contudo em Salmos 91 diz que aquele que habita à sombra do altíssimo, descansará. Que venha o que há de vir, mas dando glórias a Deus estaremos seguros. Uma boa paz pro você e grato pelas suas maravilhosas visitas, todas elas me trazem paz.

Para o áudio: DIVINOS VALORES (A8234146)


De: Luzirmil

Apagar

15/11/2010 12:25

Ah! Eu estou com esse negócio de sonhar sonhos que me assustam. Esta noite mesmo sonhei que dirigia meu carro por uma estrada, penso que era num trecho lá por perto de Mirabela, quando de um caminhão três quartos, que ia à minha frente caiu um feixe de tábuas compridas, contendo também sacos de víveres. Ainda bem que caiu fora da estrada, mas parei o carro para ver o que era, contudo eu me assustei muito, acordei com o coração acelerado e doendo. Ah obrigado pelo elogio, viu mana. Um abraço fraterno de seu irmão Luzirmil.

Para o texto: Sonho Estranho (T2590191)


De: Irene Coimbra

Apagar

14/11/2010 20:57

Infelizmente é isso mesmo, cara Silvia. O seu "JOÃO" é um retrato nefasto das agruras de muitas pessoas. Mas hoje estive assistindo um documentário sobre um asteróide que vai se chocar com a Terra em dezembro de 2012. Ai então tudo vai terminar para os seres humanos, pois assim como os dinossauros sumiram com um que se chocou a 65.000.0000 de anos atrás, também sumiremos. E temos que nos dar por felizes de ter demorado tanto para um asteróide cair por aqui. Lá se vai a Teresa e seus sofrimentos. Um beijo pra você.

Para o texto: JOÃO - (MiniConto do Cotidiano) - Teacher Gil e Silvia Regina (T2615258)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

14/11/2010 16:40

Boa tarde Tiago. Encontrando-te em minha página vim lhe fazer uma visita. Admirável! Encontrei um grande pensador. Li seus primeiros vinte pensamentos e pude fazer um cálculo da densidade de seu talento. Geralmente no RL (eu sou um deles) escrevemos, mais a título de prazer, geralmente transferido às poesias. Eu também gosto de compor poesias, mas gosto mais de compor pensamentos. Os seus que li são inteligentemente raciocinados. Cheguei até este da: *"DUVIDA". Esse vocábulo tem um quê parapsicológico interessante: Se a gente duvida *sua áurea invisível se interpõem no limiar entre o saber e o crer, isto é: A gente sabe mas não crê. Por exemplo eu sei que um coco deve ter em seu interior uma castanha, mas duvidando, eu não creio, vai ser preciso eu quebrar o coco para me certificar. A dúvida é boa em certos pontos, por exemplo, nas tentativas, pois algumas são fatais. Agora não dá pra duvidar de que a evolução, que nos entendemos como vinda dos estudos é um dispositivo presente nas energias celestes. Ainda há pouco, você trouxe as claras, os desvelos dos professores e alunos. É certo que os está havendo! mas a a evolução vai continuar. Tem Um assistente nos bastidores cuidando disso. Ele mesmo inspirou alguém a escrever: Não duvideis, para que não sejais como as ondas do mar, terminando digo-lhe que o espírito humano (ENAT- energia de atuação) é transcendente, isto é, eterno. É uma partícula do sopro de um ser cósmico, que irradia a evolução no Universo, quer com estudos humanos ou sem eles. Bem vou parando por aqui. Gostei de suas páginas. Deu real valor a pessoas inteligentes, que tendem a escrever, tipo assim: "com lógica dentro do que conhece". Muito obrigado pela visita ao conto (não consumado) do bilhete. Bem, eu sou um antônimo do ateu: não duvido de nada mais! Estou CONVICTO de que nos bastidores do cosmo existe um ser de inteligência superior à nossa, administrando as milhares de galáxias do Universo. Um abraço do filósofo Luzirmil.

Para o texto: Dúvida (T1897875)


De: Tiago Nunes

Apagar

14/11/2010 12:57

Loucura de boa lembrança em contraponto da cruel amargura da saudade má, realmente calha bem, caro Camilo. Talento de sobra para quem tem pensamentos fecundos, usando palavras eruditas, as quais dispõem em arranjos para desarmes das arapucas. A Mente da gente fica sempre a esperar a palavra seguinte que destrancará o entender. Parabéns, nobre colega, e agradecido pela visita ao meu áudio. Hoje postei um no qual cantei com minha voz. Ouça-o e dê sua nota. Postei também um cordel "FREGUESES DOS CHIQUEIROS". Um abraço, e que Deus te ilumine sempre.

Para o texto: Procissão rio abaixo... (T2614501)


De: Camilo Martins

Apagar

14/11/2010 09:37

Sua historinha ficou linda, querida Giselda. Eu tenho um ser infantil e aprecio muito as literaturas como esta sua e as do Capitão Anilto. Eu também tenho escrito centenas delas, mas no RL coloco mais os meus pensamentos sérios, cordéis da minha vida real, e ultimamente danei-me a colocar áudios de minha CONVICÇÃO EM AMAR A DEUS. Mas não tenho uma religião explícita pra falar dela aqui, pois sou uma espécie de peregrino solitário, digamos, um ateu; porém ao avesso! Khia, khia, khia! Creio em Deus, mas creio mesmo! Entretanto é devido eu conhecer o código da energia Universal. O Criador É real, assim como Jesus Cristo é a interface de conexão entre o humano e o divino. Li seu perfil e percebi logo seu maravilhoso talento, que certamente se despontou como muitos: Pelos golpes da vida, talvez na área do amor afetivo. Eu que o diga! Quero lhe agradecer pela visita, e peço que o faça sempre. Clic em minha página de áudio e ouça meu "LOUVOR AO DESPERTAR". Cantei hoje de manhã, acompanhado a um velho teclado. Desejo-lho saúde, paz e sucesso no RL. Ah! Tenho uma leitora, residente em Belo Horizonte, cujo nome é Giselda. Já minha filha que mora em Portugal, chama-se Giselene. Por hora despeço-me, enviando-lhe um beijo afetivo e fraternal.

Para o texto: O DRAGÃO MEDROSO (T2610753)


De: Gisis

Apagar

13/11/2010 21:30

Boa noite Betânia. Vim aqui outra vez te visitar. Li diversos textos seus e parei neste ("O MUNDO QUE SE ACABA" e penso que não vai demorar para explodirem as bombas) para lhe dar os parabéns pelo seu alto talento, e pela consideração com um peregrino Convicto da Crença em Deus, uma espécie de "ateu ao avesso" É isso que sou. Muito grato pelos elogios e que Deus te abençoe sempre, com inteligência, saúde e amor ao próximo; principalmente para com os que amam ao Criador, como eu e outros. Um abraço fraterno pra você, e digo-lhe que vou te apresentar em minhas orações, sim. Elas, as orações, são nossas unicas forças nesse mundo cão em que vivemos! Até mais, e não me esqueça.

Para o texto: Mundo que se acaba... (T2589752)


De: Betânia

Apagar

13/11/2010 21:17

Puxa vida, Rosa! Ao ler seu perfil encontrei um verdadeiro poema da natureza! Ah! Muito me encantei! Bem, você não me conhece, mas vim aqui por ter te encontrado num comentário na página do Osvaldo Genofre. Eu gosto muito de ler as orações. Elas fazem parte de minha ciência eclética. Tenho por habito contatar colegas, que talvez, como eu, não tenha obrigatoriedade com alguma religião, mas portam em si a convicção da existência de Deus e O ama de todo coração! Eu sou um espécie de ateu ao avesso. Gosto da sinceridade das pessoas, da verdade, da religiosidade, embora eu creia que Deus não faz parte das religiões, porém da alta ciência, enfim acredito nas pessoas, nunca duvido de nada. E as obras que Deus tem feito em minhas peregrinações são maravilhosas demais, para me apegar cada vez mais em Cristo, O Rei. Visite-me. Tenho um texto intitulado: "O MENINO DO RIO E A BÍBLIA" Além de muitos outros, inclusive alguns áudios, que não tem nada a ver com pregações evangélicas, porém letras de músicas que eu componho e declamo para a meu lazer *enatial. (*ESPIRITUAL). Para mim, tudo é energia, Deus é o centro de toda ela no Universo. ENAT (palavra de meu vocabulário) que significa: "ENERGIA DE ATUAÇÃO" que é o ser que habita em nosso corpo. Entretanto o mais simples é entender da forma que todo mundo entende, dentro das opiniões humanas. Bem se você é religiosa, me perdoe pela fé energética que possuo, e receba meus parabéns pelo seu belo talento, família e chácara! Pelo que percebi, moras num pedacinho do céu! Sou um peregrino ambientalista e me quedei com suas descrições. Deus te abençoe sempre, junto aos seus familiares. Abraços a todos.

Para o texto: Quadro inteligente (T2293472)


De: Rosa de Sião

Apagar

13/11/2010 20:47

Os horizontes nos são desconhecidos. A estrada pela qual seguimos contém surpresas que só Quem do alto observa sabe. Sua oração, assim como a minha e dos demais que clamam a Deus por misericórdia, tem a missão de tocar na orla dos vestidos de Deus, para que Ele transmude nossos caminhos, cujo horizonte nos apresenta escuro. Foi bom você publicar uma oração! Pena que foi só uma! Mas valeu! As palavras publicadas, tenha certeza, caro Osvaldo, estão em evidência em todo o tempo a partir do momento que lhe foram inspiradas e obras estão sendo projetadas, para serem realizadas! Mas penso que não vai haver demora para a humanidade sentir falta das orações que não fizeram! Parabéns, nobre amigo poeta. Li diversos sonetos para apreciar seu talento. Obrigado pelo elogio ao meu áudio, penso que não ficou bom, mas fiquei contente com sua apreciação! Ah! acho que vou visitar a página da Rosa de Sião e lhe enviar um comentário. Eu valorizo as pessoas que encontram nas orações uma forma de fazer bons comentários. Encerro, enviando-lhe um abraço amigo do Luzirmil.

Para o texto: Oração (T2083364)


De: Genofre

Apagar

13/11/2010 19:33

Olá, incansável Sílvia. Pequenos, porém lindos poemas! Parabéns. O grave silêncio, acirrado pela saudade, maltrata um coração que ama. Sofro muito com isso, mas sou apaixonado é pela presença de Deus. Hoje passei o dia postando alguma declamação em áudios. Um que você vai gostar é o: "DEUS É A MINHA CONFIANÇA". Ouça-o e depois comente, e me indique mais seus. Um beijo rosa pra você.

Para o texto: TUA SAUDADE - (Série Pequenos Poemas n.158) - Silvia Regina (T2612370)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

13/11/2010 00:08

Parabéns a você e ao Lucan. Lendo o poema do Lucan e seu agradecimento lembrei-me de uma cidade ao norte de Minas. Leva ela o nome de Pavão; fica lá pelas bandas de Teófilo Otoni, cidade mais grande e famosa das proximidades. Pavão também teve seu nome associado a um pássaro, não os grandes pavões de penachos coloridos, mas sim uma pequena ave de várias cores, à qual denominavam de pavãozinho. Bem, mudando de assunto, quero lhe agradecer pelo carinhoso e edificante comentário que fizeste de minhas letras de música. Eu costumo cantá-las, inclusive já gravei vários Cds atendendo pedidos de alguns ouvintes que gostam de meus poemas. Nestes dias, entretanto, minha voz está péssima, pelo que optei em declamar. Eu tenho a mania de fazer tudo sozinho, assim toquei ao órgão e declamei, tudo ao mesmo tempo, usando alguns programas de gravação no CP. Obrigado, querida Noeli, por suas palavras, bem sei que não mereço tanto elogio, mas quero lhe retribuir qualquer dia,lhe enviando um CD ou um de meus livros de presente. Envio-lhe um cordial abraços, desejando-lhe uma boa noite.

Para o texto: Uma Linda Surpresa, Obrigada Amigo Lucan! (T2610399)


De: Noeli Lazarotto

Apagar

12/11/2010 09:56

Li seu artigo: "QUANDO JESUS PASSA EM SUA VIDA" e me senti contente com as operações de Deus em seu favor! É assim que temos que ser: agradecidos a Deus pelo Seu bom operar em nossas vidas, e usar nosso espaço na Internet para dignificarmos o nome de Cristo. Ele é o grande ser, que embora invisível, entretanto está sempre perto dos que o invocam com sinceridade. Visitei seu blog e coloquei lá um grande comentário, mas o sistema não aceitou o envio, talvez por usar meu endereço de email no espaço pedido. Mas acho que consegui enviar o segundo comentário, embora curto, pois, já que o primeiro não seguiu, pensei que o segundo também não iria. Mas se foi, você saberá. Dou-lhe meus parabéns pela sua dedicação à literatura e espero mais visitas suas. Um abraço de muita consideração a você e a todos os seus entes queridos.

Para o texto: Quando Jesus passa na sua vida! (T2603755)


De: Joselito Nascimento Otílio

Apagar

12/11/2010 09:32

Minha querida Rosa! Que bom que te encontrei em minha escrivaninha! Li seu artigo e lhe pergunto: Você sabia que os domingos estão por terminar!? Com tanta delinquência (proveniente da isquemia gerada nos capilares do cérebro pelo monóxido de carbono) na cabeça dos jovens a inteligência deles está se bloqueando! Não lhe dou mais vinte anos e haverá uma pane mental a ponto de haver uma ecatombe no planeta! Em nove anos, muita coisa poderá mudar! Não haverá mais domingos de alegria, porém de lamentos! Não é uma profecia, porém uma lógica dos futuros procedimentos pela crescente estupidez humana, advinda da delinquência! Um abraço, cara poetisa e certamente uma exímia motorista!

Para o texto: E QUE O DOMINGO TERMINE LOGO (T2610927)


De: ROSA SERENA

Apagar

11/11/2010 21:15

Quem sabe, sabe memo! Parabéns. Mais pra mim a palavra tano ecriturada di forma qui a gente pode le, da pra intende! Quando eu fui pra Tatui, eu sabia que ia para Tatuí! Isto por causa do T grandão, denominando o substantivo nominal. Mais quando eu fui pra Cajurú, se eu não visse o assento no U, logo imaginava um cajú com cru! E daí? querida mana, já postou algum som no RL? Um abraço fraterno pra ti.

Para o texto: Dicas de Português/ Acentuação (T2394555)


De: Irene Coimbra

Apagar

11/11/2010 13:58

Rapaz, você entende pra caramba! Parabéns. Conheço algumas histórias da Bíblia, mas nunca me aprofundei em detalhes. Parabéns, nobre colega. Leia um texto meu: "O MENINO DO RIO E A BÍBLIA" e envie-me um comentário, assim selamos nossa amizade. Abraços.

Para o texto: JUDÁ E TAMAR (T2609555)


De: ricardo juiz

Apagar

11/11/2010 13:51

Ah! certa vez me apaixonei por uma sombra. A ilusão foi a porta para me desencontrar. Ah! como sofri! Alô Púrpura Flor. Você conhece a Leninha da loja, é minha irmã? Por estes dias deverei estar em Iraí de Minas para fazer algumas assistências técnicas, oportunamente estarei dando uma palestra ambiental numa firma desta sua cidade. Já fui aí por centenas de vezes. Iraí é uma cidade, pequena, porém maravilhosa. Em meu altímetro ela está acima do nível do mar, cerca de novecentos metros, o que a torna uma cidade boa para se residir. As vezes fico na casa do fraterno Dimas, ou mesmo do Miroti, caminhoneiro que transporta gado. Conheço também o Eli, um grande mecânico de máquinas agrícolas. Parabéns pelo seu poema, viu Púrpura. Um abraço do Luzirmil.

Para o texto: Ilusão (T2609542)


De: Púrpura Flôr

Apagar

11/11/2010 13:43

Sobriedade absoluta, ó notável poeta Lord Pedro. Você também tem muito valor! Abraços do Lu.

Para o texto: Você tem valor! (T2609537)


De: Lord Pedro

Apagar

11/11/2010 13:40

Dizem que gambá gosta de beber pinga? Será realidade? Uma coisa é certa, quando meu pai trabalhava numa fábrica de aguardente por nome Barra Grande, durante a noite havia muitos gambás perambulando perto das dornas de aguardente curtindo. Cheguei a pegar algum com as mãos, talvez por se encontrar bêbado. Parabéns, caro Roberto. Luzirmil.

Para o texto: Os dois vícios do gambá (T2609534)


De: Roberto Chaim

Apagar

11/11/2010 13:36

Belas colocações das evidências, meu caro Edinaldo. Parabéns e um abraço do Luzirmil.

Para o texto: EM SI (T2609535)


De: Edinaldo Formiga

Apagar

11/11/2010 13:35

Inocente e Lindo menina! Parabéns.

Para o texto: COISA DE MENINA (T2609536)


De: Fabiana Mira

Apagar

11/11/2010 12:14

Pois é Renato! No que toca a este último cordel que li, o que posso lhe dizer de seu estresse férialirico? Se sou um convicto da existência de um Deus misericordioso? Olha, li seus últimos cinco cordéis. Nas "FALSAS VERDADES", no "DIREITO À PRIMOGENITURA", no "MERCADO NEGRO", no: "ALMA DE POETA" Rapaz! você continua inspirado e talentoso! Apenas nesse último que li, notei que você se estressou! Seja paciente, cara! Todos somos deuses! Nossos ais não geram sentimentos na energia de Deus. E temos aquela de "ao fazer e completar o gostoso" sermos os maiorais, esquecer tudo e se lembrar só de gozar! A mulher se sente dona do homem, este por sua vez, dono da mulher, superiores a tudo em tal momento! Mesmo nossos atos sexuais, que nos tornam os maiorais O fato é que não são notados pela energia de Deus, pois estamos tendo nossas vidas entre o limiar do nascer e do morrer, onde tal energia não está. E sabe lá o que houve antes e o que haverá depois? Uma coisa é certa, se nos consideramos deuses, somos imortais vivendo uma transição mortal, entretanto passageira dentro da imortalidade. É certo que tem que haver os superiores sobre os inferiores e os sofrimentos sobre os deprimentos. No entanto o Ser superior ao qual chamamos de Deus está no ângulo da energia (espiritual, mais forte e misteriosa do que a atômica). Seus sentimentos em relação a nós, que vivemos na matéria do cosmo, fica no ângulo da invocação. Se o invocarmos o Universo nos servirá de alguma forma, caso contrário tudo fica como deve ficar. A transição é um mistério, mas eu descobri que ANTES a coisa foi complicada, E DEPOIS DO MUNDO será mais complicada ainda para nossas energias deusônicas.Amemos a Deus e um dia seremos iguais a Ele. Renato sou seu admirador! Não te confundas com meu palavreado. Escrevi isto por gostar de escrever por ter grande consideração por você. Um forte abraço, e meus parabéns.

Para o texto: Meus ais (T2609336)


De: Renato Lima

Apagar

11/11/2010 09:51

Que maravilha, Flor da Vida! Você voltou nos trazendo as reservas armazenadas! Que poesia densa! Achei-a encantadora e tocante! A POESIA, magia de sua vida, foi totalmente refletida nesses versos lindos! Para um filósofo que aprecia palavras assentadas como as suas, é algo sobrenatural. Puxa! muito linda mesmo! Mil parabéns pra você! Ah! você leu meu "ÂNIMO, Ó IRMÃO POETA" antes mesmo que eu fizesse algumas correções. Muito obrigado. Ouça ele declamado: É só clicar em voz e buscar em minha página de áudios. Um abraço fraterno pra você e desejo-lhe saúde e paz.

Para o texto: Poesia... Magia da minha vida (T2608570)


De: Flor da Vida

Apagar

11/11/2010 09:00

É uma grande verdade, caro capitão! Puxa vida! Tenho saudades de Ribeirão Pires. Busquei areia aí por perto diversas vezes, quando trabalhei para um depósito de materiais para construções em Santo André. Ah! reside por aí, um irmão evangélico da CCB, por nome Pedro, conhecido por Pedrinho. Ele tocava, e deve tocar ainda, acordeão maravilhosamente. Parece que atualmente ele é cooperador na obra de Deus. Era daqui de Ribeirão Preto. Éramos muito amigos, mas a distância, e o tempo parece ter feito com que nossa amizade só ficasse por lembrança. Pelo trabalho que você exerce, talvez seja fácil encontrá-lo por aí. Um abraço, caro colega.

Para o texto: Planta mirrada e amizade comprometida (T2530308)


De: Capitão Anilto

Apagar

11/11/2010 08:45

Ah! desculpe-me pela crítica contra textos eróticos. Mas tudo bem. Afinal o mundo dos escritores é um complexo de variedade intelectual.

Para o texto: O jardineiro e o escritor (T1890943)


De: Capitão Anilto

Apagar

11/11/2010 08:39

O engraçado dessa história sua, caro capitão Anilto, é que dos dois, o escritor é o mais tolo. Onde já se viu colocar textos eróticos num jardim de palavras, onde, como dizes, tem até algumas raras! Ah! o RL é um, e como tem pimenta! Ainda bem que os de mente sã e realizados, nem passam perto dessas pimenteiras. Bem, se você tem algum conto apimentado, certamente eu não saberei. Mas aos que li até aqui, nota dez pra você. Vou continuar lendo. Hoje indiquei "OS SETE ENCANTAMENTOS" para uma comentarista de minhas páginas. Se sentir de ler busque em textos de Luzirmil. Um abraço fraterno a você.

Para o texto: O jardineiro e o escritor (T1890943)


De: Capitão Anilto

Apagar

11/11/2010 08:15

Que a Paz do Senhor seja sua benção de todos os dias, minha querida Fernanda! Grato pela esperada visita à minha escrivaninha. Obrigado pelas palavras de seus comentários. Vim te visitar e li alguns lançamentos seus, pelos quais parabenizo-lhe. Parei em seu: "ENCANTAMENTO" pois me encantei com as três palavras, que são explicitamente as ações do amor afetivo. Ao final, embora onde eu resida onde não há conchas do mar e as estrelas, assim como a lua, são ofuscadas pela poluição luminosa, entretanto as vejo sempre, o que muito me encanta! Ah! Você já leu o meu texto:"OS SETE ENCANTAMENTOS"? Com suas as três palavras: "felicidade, êxtase e prazer" e as quatro frases, também criaste sete fatores! Embora tenham ficados longe dos meus, (tais como os: "relâmpago e o trovão") mas os seus são os encantamentos de nossa vida. Meus parabéns e mui grato por me dar seu incentivo. E vivas com a Paz de Deus no coração.

Para o texto: ENCANTAMENTO (T2574246)


De: Fernanda Xerez

Apagar

11/11/2010 00:12

Deus me livre, Cida, dessas mulheres escorregadeiras! O prefeito deve ter sido o próximo confessor da esposa, não! Afinal ele a faria confessar! Acabei rindo muito desse humor seu Cida. Mas a coisa é brava nesse mundo em que vivemos! Quero te agradecer pelas visitas à minha página e enviar-lhe meus parabéns pelo talento que possuis, além de um cordial abraço!

Para o texto: O CONTO DO VIGÁRIO (T2188320)


De: Cida Rios

Apagar

11/11/2010 00:04

Boa noite, capitão. Lendo alguns de seus contos me vi envolvido pela saudade de meu tempo, entre nove e quinze anos! "O PERIQUITO VERDE" Me fez lembrar uma de minhas tias, que possuiu um por muito tempo. Oh! Pena que ela já partiu com Deus. Ela, assim como o periquitinho, eram humildes. Minha tia era uma verdadeira fada, chamava-se Alvina, ao periquito dei-lhe o nome de Tulio, tendo de minha tia a aceitação; ele chegava a falar algumas palavras. Voltando aqui, digo que li também o aperto que a menininha passou com a cobra cipó. Ixi! De cobra nem gosto de me lembrar, passei vários apertos com elas, mas nunca tive coragem de matar nem uma, antes eu as expulsava, para onde não havia pessoas. Ainda pretendo contar alguns contos reais englobando serpentes, pois marcaram muito em minha vida de roceiro. Citando o assunto do pão doce, digo que você, pelo foto que vemos, tens um rosto complacente e perceptivamente a gente vê que possuis um coração caridoso. Você deve ser como um personagem do Og Mandino "O MELHOR VENDEDOR DO MUNDO" que ao invés de vender, doava. Bem, vou te ler mais vezes, pois gostei pacas, de seus pequenos contos, logo lhe enviarei outro comentário. Um abraço, caro colega, e visite-me mais. Gostei de suas palavras em meu: "OLINO E O ARCO-ÍRIS"

Para o texto: Metade do Pão-doce (T2601078)


De: Capitão Anilto

Apagar

10/11/2010 23:42

Boa noite Sílvia. Cá estou para conversar contigo, em primeiro lugar parabenizando-lhe pelo novo soneto, que como sempre, são versos encantados. Como pode criar tantos belos poemas, coincidindo as frases com o significado das palavras? Só mesmo um grande talento, como o seu. Quero agradecer-lhe pelas visitas para me ler e de cujas leituras tens feito seus breves, porém belos comentários. Por esses atos de carinho, envio-lhe um beijo com muita afeição.

Para o texto: MEU POEMA - (Soneto n.165) - Silvia Regina (T2608525)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

10/11/2010 13:21

O Universo responderá ao seu pedido!

Para o texto: Impressionando Deus (T2607666)


De: Mulher Sábia

Apagar

10/11/2010 13:19

Você deveria acrescentar: e permita que a Dilma seja a nosso favor nessas revindicações! Alô, Mi guerra, continuas fazendo suas guerras de humor! Abraços afetivos do Lu.

Para o texto: Oração das mulheres (T2607636)


De: Mi Guerra

Apagar

09/11/2010 21:45

Desse jeito não tem jeito, caro Ezus! Mas a título de filosofia podemos ver um profundo pensamento em suas palavras. Vejamos: Antes de existir um governo, seria preciso morrer o governo...Ei eu não entendo de política, mas antes de nascer o governo da mente, por exemplo, teria que haver a experiência morta, não? Ora, vou acabar me perdendo nesse comentário. Sua filosofia é alta demais para o Lu. Um abraço amigo pra você.

Para o texto: ----------- (T2606573)


De: Ezus

Apagar

09/11/2010 21:07

É a pura verdade, Malu. Sendo um amigo, é um tesouro! Quanto a gostar de política, eu gosto, porém não muito; e não entendo como pode haver tanta sujeira nessa estrada! Até parece uma rodovia não pavimentada em tempos de chuva, quando ao passar os veículos formam um barreiro tremendo, encravando carros e caminhões! Mas há quem goste: são os ralís! e cá entre nós: são os patriotas brasileiros! Eu sou patriota do Céu, aprecio uma rodovia bem pavimentada e sem barro, para o país de Luzirmil! Um beijo pra você.

Para o texto: Amigo é um presente... (T2605165)


De: malu Dab

Apagar

09/11/2010 20:45

Você tem toda razão Marcus! Não me queiras mal por eu ter publicado no RL um transitório para azucrinar uma sobrinha que reside em Curitiba. Acontece que ela enche de críticas meus dois endereços de emails contra o coitado do Lula. Penso que antes das eleições alguns homens são réus, após, passam a ser vítimas. Eu sempre votei em algum candidato; mas nunca me preocupei em ver eleito aquele que escolhi para votar. Sou totalmente avesso à política, mas penso que temos o governo que merecemos, isto tem sido apontado na história através dos tempos. Quero agradecer-lhe pelo comentário em minha página "política", mas já mandei-a para o lixo, afinal seria transitória! Mas seu comentário valeu. Afinal não me permito que uma publicação minha venha ofender a ideologia de alguém. Um abraço e visite-me sempre.

Para o texto: O país do futuro e as reformas urgentes (T2605952)


De: MARCUSFREITAS

Apagar

09/11/2010 20:21

Viu só!? Bem lá pelas dez da manhã publicaste este maravilhoso poema: "NÃO SE AFLIJA AMOR". Meu comentário sobre ele é dizer-te que mereces mil parabéns. O fato de teres feito esta composição nos diz que estás bem viva e inteligente ainda! Viste como é doído ficar sem notícias dos amigos? Mas tu te equivocaste, dizendo que eu não te enviei um urgente comentário, afinal o teu foi a resposta do meu, agora sim estou enviando a resposta do teu, que muito me alegrou por saber que, mesmo com provações na saúde, mas continuas nos alegrando com seu talento! Quanto a sentimentos sobre comentários ou publicações, eu não os tenho contra ninguém, muito menos contra ti, a quem estimo muito, pois desde que entrei no recanto tens me dado uma carinhosa assistência. Um carinhoso abraço pra você, querida poetisa e saiba que és venerada por todo o Recanto.

Para o texto: Não se aflija Amor... (T2605427)


De: Flor da Vida

Apagar

09/11/2010 14:02

Seu laborioso trabalho, merece nota onze, Silvia! Estou lhe dando um a mais do que as normas, pela qualidade de seu talento! Parabéns e grato pela sua nova visita. Vi e li seu trabalho que ficou lindo e interessante. Um beijo de um poeta que te estima e te ama!

Para o texto: PELAS RUAS DE LISBOA - Silvia Regina (T2602561)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

09/11/2010 13:51

Todos esses substantivos dos predicativos equivalentes, me fizeram ponderar a grande verdade de seus pensamentos, ó grande professora Malu! Seus pensamentos certamente estão no altar do Universo, e de vez em quando os buscas para distribuí-los entre nós. Parabéns querida pensadora! Sou-lhe agradecido pela nova visita e me senti honrado e feliz por isto. Nunca me esqueça, por favor! Um beijo fraterno do Luzirmil pra você.

Para o texto: CRESCER (T2465952)


De: malu Dab

Apagar

09/11/2010 12:51

Bom dia TuWo. Sua piada terminou antes de começar, meu caro colega! Gostei do arranjo. Deu pra rir. Bem, sobre acidente, digo que você foi mais feliz que eu.. Imagine que numa madrugada dessas passadas, ao sair no alpendre de minha casa no escuro, pisei no rabo do meu gato preto, que acabou me mordendo! Ele foi mais rápido do que eu para se defender! Quanto ao seu retorno, você dever ter pegado vários pensamentos do altar dos pensadores, mas ainda está seguindo um tanto mais para a frente ou para o alto, evidentemente vais chegar no limiar da terminação com a continuidade, aí você não voltará mais! Kiah, kiah, kiah...Obrigado pela sua honrosa visita e um abraço do infantil Luzirmil.

Para o texto: Sou sortudo (T2494897)


De: ToWo

Apagar

09/11/2010 12:39

Que assim seja, minha querida Rosa! Deus é maravilhoso, raramente Ele faz alguma obra sob o peso de Sua ira, que geralmente é voltada contra os desobedientes, e os incrédulos, que por não crerem, O maldizem. Todos que ignoraram Deus, maldizeram ou se puseram em seu lugar, viveram poucos dias mais. Em meus sonhos com Deus, ele sempre me instrui a glorificá-lo a temê-lo e amar aqueles que o amam. Assim, ó poetisa Rosa, você se enquadra entre aqueles que Deus tem um grande carinho. Sua bela oração está registrada num livro celeste, tenha certeza. Quero agradecer-te pela visita aos meus pensamentos e parabéns pelo seu grande talento. Abraços fraternos pra você e seus familiares.

Para o texto: PRECE DO POETA (T2553618)


De: ROSA SERENA

Apagar

09/11/2010 12:27

Olá Ysolda! Que honra foi receber sua visita! Vim responder-te nesta maravilhosa oração. As palavras de seu poema soam como um sino de esperança, para quem tem a convicção de que existe um Deus fazendo Seu reinado sobre todas as coisas! O entardecer da vida é um horizonte escuro, mas com Deus haverá luz! Muito obrigado pela atenção, querida Ysolda, eu já estava achando sua falta. Na verdade sou um como um menino pensador que canta, escreve, etc. mas sempre tendo um lastro de infantilidade. Contudo gosto de receber comentários de pessoas idôneas, como você e outros mais, que gostam de ler. Envio-lhe um carinhoso abraço pra você e todos de sua casa.

Para o texto: ORAÇÃO DO ENTARDECER (T2484060)


De: Ysolda Cabral

Apagar

08/11/2010 21:10

Você tem toda razão, Igs. Melhor que uma mulher, só se for duas! Parabéns, pela ajeitosidade das palavras a favor delas, elas merecem isso e muito mais! Vivam as mulheres! E a minha entre elas! Estou de pleno acordo! Abraços fraternos pra você e seus entes queridos.

Para o texto: Mulher... (T2598127)


De: igs

Apagar

08/11/2010 20:28

Flor da Vida!!! Oh! te encontrei hoje: 08/11/2010 nas páginas da Noeli! Puxa vida, cara poetisa, que saudade! Visita sua em minha escrivaninha, nada! Bem, mas lendo o conto do "burrinho e da poesia" me identifiquei como o burro. Infelizmente não consegui encontrar a poesia, para ela me transformar! Pois é Noelzy, suas visitas me edificavam tanto! Peço-lhe perdão se houve algum comentário que não lhe agradou. Visite-me em "OS GESTOS DO PADRE" e depois comente, assim saberei que não tens mágoa do Peregrino de Luzirmil.

Para o texto: O Burro e a Poesia... (T2160445)


De: Flor da Vida

Apagar

08/11/2010 20:09

Saudade: palavra viva / que ao poeta faz sofrer / dela uma sombra deriva: / é a vontade de morrer! /// Quem amou perdidamente / amor não correspondido // sofreu um golpe na mente / pela saudade ferido! /// Oh! saudade! A ilusão / é tua amiga dileta // Vocês duas têm morada / no coração do poeta! Aí está Noeli, se quiser fazer uma interação disponha. Olha, fiquei felicíssimo pelos seus auríferos comentários. Ah! querida poetisa, eu tenho uma mente infantilizada e quando encontro comentários como os seus em minhas páginas, sinto-me edificado. Breve vou postar uma canção que tentarei cantar em áudios. Quando acontecer eu lhe indicarei. Um beijo fraterno pra você.

Para o texto: Saudade é Essa Dor Que Sinto... (T2602333)


De: Noeli Lazarotto

Apagar

07/11/2010 07:28

Bom dia, nobre colega Leandro Coimbra. Eis que te encontrando em minhas páginas, pus-me imediatamente a ler mais artigos seus, parando em "Nobres Cavaleiros" para enviar-lhe minhas notícias. Falando sobre seu poema, digo-lhe que ficou simplesmente maravilhoso. Retrataste em belas rimas a ação de nossos heróis em algum tempo, penso que da época da independência, e por que não dizer das épocas contemporâneas, quando muitos batalhadores anônimos tem se desprendidos para nos dar uma pátria livre e progressista. Agradeço-lhe pelas visitas, e digo-lhe que as letras de músicas que você leu, estão também postadas em áudio, aqui no RL. Você poderá ouvir-me declamando as duas letras, pois ainda não deu para cantar, visto minha voz não estar boa nesses dias. Fiz um fundo musical executando um teclado, pelo que também não ficou bom como deveria. Pra você ouvir as letras e a música de fundo, busque em autores: Luzirmil; depois clic em áudio e busque "UMA NOVA ALEGRIA" e "A ATENÇÃO DE DEUS". Breve vou postar mais louvores a Deus em áudios. Uma abraço pra você e que Deus te dê muita luz e paz.

Para o texto: Nobres Cavaleiros (T2575383)


De: Leandro Coimbra

Apagar

06/11/2010 20:59

Eu que o diga, cara Cida Rios. Muitas portas se fecharam, mas janelas se abriram e por elas saí voando! Parabéns por seus pensamentos, li diversos de outros textos seus, você é realmente uma autêntica pensadora. Ah! que bom que você me visitou. Mas você não foi lá em áudio. Coloquei lá,com fundos musicais das melodias, as duas letras de músicas: "UMA NOVA ALEGRIA" e "A ATENÇÃO DE DEUS"; não cantando, porém declamando, embora minha voz deixe a desejar, mas fiz o que pude. Muitos pensam que sou jovem por causa da voz de menino, mas sempre foi assim; canto, declamo, grito, afinal uso minhas cordas vocais em tudo que posso, para me exercitar, mas é sempre a mesma coisa. O fundo musical das duas canções são composições minhas, assim como a execução. O mal é esse: a gente quer fazer tudo! O certo seria eu escrever apenas e outros tocarem e cantarem, mas não encontro ninguém disposto a fazer isto com meus poemas divinos. Minhas composições se resumem em louvar a Deus, em Quem creio de convicto coração; e Ele tem se apresentado em meu viver! Olha Deus te abençoe pela série de visitas em minha página, fiquei muito contente. Aceite um abraço fraterno do Luzirmil

Para o texto: MILAGRE DA VIDA (T2456032)


De: Cida Rios

Apagar

06/11/2010 13:55

Noeli, o seu poema / encanta, enfeitiça e abraça // é um delicioso licor / que dos poetas enche a taça! /// Você é um sonho de bem / que todos desejam sonhar // Quem dera ao dormir eu tivesse / a glória de Tangará visitar! /// Assim lá eu conheceria / uma poetisa de grande talento // Seu carisma tem o valor do ouro / que não sofre a intempérie do tempo! - Paro por aqui com as quadrinhas, minha querida Noeli, dando-lhe os parabéns pela cirandinha e agradecendo-te pelos carinhosos comentários sobre meus textos. Você é um sonho!Que Deus te proteja e te ilumine sempre. Beijos fraternos pra você e seus entes queridos.

Para o texto: Quero-te Sempre Comigo! (T2333855)


De: Noeli Lazarotto

Apagar

06/11/2010 09:02

Betânia, ouvir-te e acalentar a alma! Ler-te é enriquecer a mente; lembrar-te é saber que temos uma colega de letras e amiga invisível, vista porém através de seu grande talento! Meus sinceros parabéns por sua disposição em compor, escrever, declamar e além de tudo nos transmitir parte de sua MAGIA no túnel do RL, PORTADA no amor. Você é um encanto na natureza da inteligência! Mil beijos pra você.

Para o áudio: Fugir de você... (A8159475)


De: Betânia

Apagar

05/11/2010 20:40

Dá pra imaginar o que a coitada da viuva pensou ao ler o email recebido! Ainda mais que o marido falava de um lugar quente! Parabéns pelo humor, Mariah. Ah! estou com saudades de sua visita. Ouça um áudio meu postado ontem, cujo título é: "A ATENÇÃO DE DEUS". Um abraço do LU.

Para o texto: E-mail maldoso (T1399711)


De: Mariah Bonitah

Apagar

05/11/2010 18:23

Olá caro colega! Vim pagar sua preciosa visita em meu RL. Fiquei muito grato, viu. Esse violão mais seu talento, faz a diferença! Pude ler diversos textos seus, e achei-os inteligentíssimos e praticamente sem erros ortográficos, (não que eu repare isso, pois sou dado a cometer muitos erros) o que prova que você é bom na digitação. Falando sobre dormir ao volante digo que já fui motorista de ônibus uns tempos. Bolas, quando a gente dormia, algum passageiro logo gritava - Ei comandante essa poltrona sua não é cama não! cuidado rapaz! Mas dormir ao volante não é brincadeira mesmo não, caro colega. Sua história de humor na verdade foi uma reportagem de livramento feito por Deus. Um abraço do Luzirmil.

Para o texto: Juro que é verdade. (T1869415)


De: Sartorato

Apagar

05/11/2010 17:46

Então Édson, aqui estou para comentar sobre o que lí! Notei uma linha de identidade entre a minha e a sua filosofia de crer e retratar Nosso Senhor Jesus Cristo. De tudo que sabemos na Terra,sobre Aquele filósofo divino, através das Sagradas Escrituras, entendi que pra você não importa o que falam, o que anunciam à margem dos fundamentos bíblicos; enfim, se ocorreu ou não ocorreu, isso ou aquilo, com o filho de Deus. Você está certo. Entretanto eu, na condição de um peregrino que muito viajou em terras estranhas, tenho minha fé, não como uma ideologia religiosa (penso que sou seu único seguidor) a qual dei as siglas CCED (CONVICTO DA CONCRETA EXISTÊNCIA DE DEUS). Nessa convicção, Jesus Cristo, a meu ver, está num plano que não me convém pensar jamais em seu passado terreno. Ele é O Glorioso, O Excelso filho unigênito de Deus! Pra mim aquilo ficou como uma sombras. Considero-O o neutron (filho) do próton (Pai), cujo Elétron é o Espírito Santo (que para a ciência quântica, compõe o átomo do hidrogênio primário, gerador das estrelas e das imensas galáxias. Sem Jesus Cristo, não haveria nem a percepção do sentido humano, que a tudo identifica e reconhece, até as próprias galáxias! Um abraço e parabéns pela consagração a Cristo, embora elementarmente ao ângulo, humano e terreno, mas ficou lindo! Abraços.

Para o texto: Jesus, meu primeiro amor masculino (poema ilustrado) (T2531681)


De: edson gonçalves ferreira

Apagar

05/11/2010 17:17

Mil parabéns pra você, nobre colega Edson. Seguindo sua indicação, vim aqui e me senti envolvido com a leitura de "SOU EU" que dentro da simplicidade poética retratou o âmago dos grandes compositores do Recanto. Quanto a você, assim como o Vitor te comparou aos grandes intelectuais de épocas passadas, eu te comparo e declaro um dos grandes da atualidade! Na verdade vivemos num mundo onde a glória dos poetas e filósofos só desponta depois do horizonte da vida; entretanto nos resignamos por saber que dentro de nós temos um valor em nós, que só nós mesmos é que reconhecemos.Obrigado pela visita, e daqui vou para seu outro indicado. Receba um abraço fraterno do Luzirmil.

Para o texto: Independente (poema ilustrado) e Poeta Mineiro (homenagem recebida)(T2568065)


De: edson gonçalves ferreira

Apagar

04/11/2010 21:33

Nem dá para fazer um comentário à altura do que merece seu poema: "ASAS SOLTAS". Digo num resumo que ficou notavelmente estupendo! Que bom, Rosa, que você passou em minha página! Fiquei feliz por presença. Você irradia uma espécie de otimismo e feitiço afetivo. Ah! hoje estive numa labuta pra publicar dois poemas declamados com fundos musicais. Entretanto não ficaram bons, pois eu mesmo toquei num teclado e declamei com minha péssima voz. Se você sentir de ouvir, clic em áudios e selecione os dois meus. Um leva o título "A ATENÇÃO DE DEUS" o outro: "UMA NOVA ALEGRIA". Minha irmã já comentou os dois. Aguardo seu retorno. Abraços afetivos do Lu.

Para o texto: ASAS SOLTAS (T2597228)


De: ROSA SERENA

Apagar

03/11/2010 22:41

Você passou um grande terror!! Achei bacana o seu conto de humor. Bem, vim aqui agradecer-lhe a visita e dizer-lhe que estou tentando por alguns poemas musicais nos audios do RL. Hoje consegui postar a música do: "A ATENÇÃO DE DEUS", com o o texto, entretanto estou tentando recitar as letras com a música mais lenta. Puxa! Você tem dez audios! Vou ouví-los todos! Depois eu farei um relato de apreciação e te enviarei. Beijos fraternos pra você, esposo e filhos! E sobre o avião que caiu no serrado, eu não corri por ter confiança em Deus, uai.

Para o texto: Depois de um dia cansativo... (T2570997)


De: Betânia

Apagar

03/11/2010 22:15

Bela dedicação Oliveira Rosa! Parece simples, natural e as vezes até banal a gente citar o nome de Deus em nossos poemas, frases, cordéis, dedicatórias, etc. Mas a gente se sente bem citando tão augusto nome! Certo é que a natureza divina que está em nós, recebida, indubitavelmente, do sopro divino em Adão, se alia com nossa transcendente inteligência, sempre bendizendo o nome de Deus. Há fatos interessantes relatados na Internet sobre aqueles de desfizeram de Deus. Dizem que o afundamento do Titanic foi uma tragédia ocorrida pelo desprezo à pessoa de Deus. Ah! que bom que você citou o nome Dele em seu poema de dedicação. Que Ele venha te abençoar com as dádivas celestes em todos os seus ideais. São meus votos e pedidos em minhas orações a seu favor, querida Rosa. Ah! hoje tentei enviar um poema musical pelo arquivo "vozes" do Recanto, mas por enquanto ainda não tenho bons elementos pra publicar. Possuo mais de 50 "POEMAS MUSICAIS DIVINOS" de louvores, convicto de que Deus me inspirou a todos. Se você quiser ouvir a música e ler o poema, clic em audios. Grato pela visita e um beijo fraterno pra você.

Para o texto: Feliz aniversário! (T2594932)


De: Oliveira Rosa

Apagar

03/11/2010 19:03

Belo pensamento, caro a Marques! Se todas as pessoas que possui autoridade tivessem esta complacência, o mundo seria melhor! Agradeço sua visita e envio-lhe um abraço e votos de muita vida e talento.

Para o texto: AUTORIDADE PESSOAL. (T2517660)


De: A MARQUES

Apagar

03/11/2010 19:00

Olá, meu amigo Genofre! Cá estamos nós, confraternizando-nos com nossas visitas. Obrigado pela sua e parabenizo-lhe por seus belos textos publicados. Os tenho lidos periodicamente, contudo comentado pouco por faltar-me o tempo. Um abração pra você e que Deus continue lhe dando vida, saúde e inteligência para nos brindar com seus poemas e outros.

Para o texto: VILÃO TEMPO (T2580556)


De: Genofre

Apagar

03/11/2010 18:54

Tupã é aquele que os índios invocaram quando Borba Gato, ousei lá qual deles, um dos Bandeirantes, botou fogo na água (pinga forte). Parabéns pelo poema, caro Gil. Um mesclado de índios brasileiros com o Tarzam africano ficou num tom romântico-selvágico. Bela criatividade. Obrigado por ter lido a notícia do pouso forçado do teco-teco.

Para o texto: A FLOR DE TUPà(T2594536)


De: GIL DE OLIVE

Apagar

03/11/2010 18:45

Se eu soubesse comandar eu lhe enviaria uma música que compus para seu soneto. Ele ficou lindo. Quanto à musica que compus toquei-a em meu violino "Timbrelino". Obrigado por mais uma visita feita, viu Silvia. Um beijo azul pra você.

Para o texto: ILUMINURA - (Série Cânticos) - (Soneto n.164) - Silvia Regina (T2594207)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

03/11/2010 18:37

Olá, caro Édson, que pensamento importante! Viva os burros sofredores! Parabéns. Hoje escrevi "O TECO-TECO E CORRERIA NO PONTO". Refere-se a um fato que assisti tempos atrás, quando eu esperava, com várias pessoas, um ônibus num ponto lá no Sertão Veredas. Por acaso um teco-teco teve que fazer um pouso forçado nas proximidades; o que assustou o povão. Um abraço do Luzirmil.

Para o texto: BANQUETE PARA UM BURRO (T2595059)


De: Edson dos Santos

Apagar

03/11/2010 14:31

Eram almas gêmeas, como dizem! Belo conto de amor! Tenho uma história (reportagem que um missionário me contou) num de meus livros que cita alguns fatos ocorridos, penso que foi em sua cidade, Arcoverde. Você visitou meu colega de filosofia Genofre, visite-me também. Gosto de pescar leitores inteligentes. Tenho alguns cordéis, por exemplo "Zeca Ladão", "O Fim de Gargalinho", e muitos outros textos. Desejo-lhe sucessos. E que Deus te guie sempre.

Para o texto: A menina do portão (T2087452)


De: Katharynny Gabriella

Apagar

03/11/2010 09:58

Crachá!? Vá pra lá! Certo dia no trevo de Pirapora, quando eu ia pela via preferencial um carro cruzou-me à frente na rotatória, pelo que falei um palavrão ao motorista (ele estava errado) que parou e disse-me: O que foi que você falou aí cara? Eu fiquei amedrontado e sem falar uma palavra mostrei-lhe meu crachá de jornalista, mas ele continuou: Repita o que você falou, cara! Não me interessa saber que é você, quero ouvir o palavrão novamente pra te acertar uns bons socos. Como estava comigo um carona, ele tomou minhas humilhações e foi pra cima do sujeito, já lhe acertando um direto no peito, o homem sacou de um revolver mas não teve tempo de atirar, recebeu um chute no braço e arma foi parar longe, imediatamente ele tirou um crachá de funcionário público do DER, mas o carona estava nervoso, com aquilo o tirou de sua mão e pisoteou sobre o documento, e disse: Eu tenho um treco desse também companheiro. Sou delegado federal, veja, mostrou sua credencial, mas é ridículo ficar mostrando esses insignificantes papéis hoje em dia! Penso que o touro desse texto seu foi o Dr. delega. Essa piada sua foi boa, viu Vanessa. Bem, vou te ler mais e a medida que eu tiver tempo, vou comentar. Um abraço fraterno pra você.

Para o texto: O PODER DO CRACHÁ (T2226331)


De: Vanessa Morais

Apagar

03/11/2010 09:30

Você ainda teve o gosto de conhecer N. York ao vivo. Eu, só em filmes. Quero agradecer-lhe pela visita, e convidá-lo a fazê-lo sempre. Ah! Você é de Ouro Preto? Que legal. Na verdade não conheço Niw York, mas minha Minas Gerais sim, de norte ao sul, do leste ao oeste! Por exemplo de Unaí a Carangolas; de Pedra Azul à Capitinga; enfim Deus já me permitiu de viajar muito por todo o grande estado Mineiro. Já fui por 84 vezes nas regiões de Januária, Montalvânia, Arinos, Unaí e Paracatu...Ah! nem dá pra falar! No seu texto de humor sobre magrinhas e gordinhas, tem uma comentarista de Unaí que comentou. Unaí é uma cidade que faz calor, entretanto suas terras suprem o nosso Brasil do sagrado feijão. É uma cidade que fica às portas de Goiás, indo para Brasília. Estive em São João Del Rei, Ouro Preto e Andrelândia várias vezes. Parabéns por seu talento e Viva Minas Gerais! E mais uma vez grato pela visita.

Para o texto: UM CAIPIRA EM NOVA YORK. (T2123753)


De: wilson pena

Apagar

03/11/2010 09:05

Minha caríssima Noeli, nota dez para seu trabalho revolvivo, isto por que inteligentemente absorveste os raciocínios de Ricardo Dike e os transportastes após o campo misterioso, existente no limiar da vida e da morte, nos trazendo a compreensão do objetivo da literatura. Pude entender que Ricardo tem, ou tinha tendências espiritualistas, não pois? Bem, nesse sentido não tenho muito a comentar, haja vista minha convicção de crença em Deus pertencer aos parâmetros do tríplice comando que chamo de "On.On.On.". Deixo para lhe falar sobre esses radicais, num encaminhamento de um ilariante e lacrimante vídeo que recebi. Se quiser receber lhe enviarei. Para tanto, basta que me envie seu endereço de email, pelo (icopere.literdivi@gmail.com). Ainda no tocante à sua belíssima dissertação do livro de Ricardo, pude perceber, que assim como a Bíblia porta segredos subjetivos em suas raízes (leia um texto meu: "O MENINO DO RIO E A BÍBLIA") a literatura em questão tende a ter sua sustentação com raízes mui profundas, que poucos literários têm as ferramentas mentais necessárias para alcançá-las. Você teve estas ferramentas, minha talentosa colega! Parabéns. Pertences à minha lista de pessoas notáveis! Beijos de seu fã, Luzirmil.

Para o texto: Literatura Mato-grossense: Cerimônias do Esquecimento - Ricardo Dicke(T2007237)


De: Noeli Lazarotto

Apagar

03/11/2010 08:09

Que legal, o seu "SOUNETO", caro Ivan! Se não fosse o tataravô não haveria neto! Se não houvesse o concreto não haveria a discreto! Mas o que seria do torto se só houvesse o reto? Só não concordei em ser filho do resto! Gostei do seu souneto, que deu um belo trineto. Nada de chulo, porém inteligente! Um abraço pra você, e me visite em "ZECA LADÃO" ou "JOÃO BOA VIDA".

Para o texto: SOUNETO (T2594072)


De: Ivan Francisco Pinto

Apagar

02/11/2010 22:49

Um dia, numa época de grande seca, lá pelos idos anos da década de setenta, quando junto de meu pai estávamos a andar a procura de trabalho em alguma fazenda, desanimados por não encontrarmos a meta de nosso ideal, paramos num local ermo, onde havia um velho pé de cacto. No memento meu genitor me disse: Veja Zolo, essa planta solitária, cheia de braços. Ela está verdinha, enquanto as demais árvores estão sem folhas e as invernadas estão secas. Certamente há algum mistério de Deus sobre este vegetal, pois o ano inteiro está assim. Pois é Dalva, aqui, por ser ele é o tema de seus pensamentos, recordei-me do meu velho. Pelo que retrataste de seu cacto, meu pai foi um. Passou muitas provações em seus 101 anos que viveu, mas sempre teve caráter e disposição para trabalhar e ajudar o próximo. Olha dou-lhe os parabéns, pelo belo texto e por me fazer recordar do meu velho, que conforme você citou sobre o pé de cacto, identifiquei, na figura descrita, o meu velho pai. Um abraço pra você e Deus te abençoe pela nova e aguardada visita.

Para o texto: O CACTO (T2499538)


De: Dalva Molina Mansano

Apagar

02/11/2010 22:29

Depois de ler vários poemas seus, vim aqui lhe dizer muito obrigado pela honrosa visita. Por incrível que pareça, acredito que esta noite tive um sonho azul, entretanto obscuro. Vamos ver se você me ajuda a decifrá-lo: Me vi num lugar limpo próximo de uma mata. Olhei para o alto e vi o céu mais azul do que de costume. Olhando em direção à mata, divisei árvores altíssimas que jamais vira, mesmo em outros sonhos (vale dizer que sou muito sonhador). Fiquei impressionado com o diâmetro dos troncos e da enorme extensão se seus caules em direção ao céu. Curioso adentrei na mata, onde me vi num lugar sombrio de um azul escuro impressionante. A medida que entrei mais no interior da mata vi uma daquelas árvore gigantes, cortada, sendo que parte de seu tronco e copa estavam presos nas ramagens no alto das árvores circunvizinhas; sua tora, grossa e longa, porém, estava caída de comprido no sentido em que eu seguia. No momento me pareceu estar perdido. Mas quando eu quis me apavorar pela estranheza do lugar fui despertado por algum ruído na rua de minha casa. Estou até agora impressionado com aquele sonho onde tudo parecia Azul. Não sei se foi alguma impressão por ter assistido dias atrás, o filme AVATAR, ou se fui em sonhos ao mundo do hipotético do planeta Pandora! Ah! Querida Sonho Azul, até que enfim parece que depois que escrevi esse texto me sinto aliviado das impressões do sonho. Acho que e faltava contá-lo para alguém. Com certeza existe algum planeta onde tem árvores notáveis. Um abração pra você e continue a me visitar.

Para o texto: Sem titulo. (T2473085)


De: SonhoAzul

Apagar

02/11/2010 22:02

Não faltará a ata mais, caro Nean. Vou redigi-la agora: "No dia tal, hora tal, em tal lugar, próximo de um pantanal, aproximando-se o dia de natal, houve, de política um vendaval que revolveu o matagal, tirou roupa do varal, além de derrubar um vassoural, fez danuras num quintal, transformou-se em temporal. Depois um vento anormal embolou o social e na reunião quinzenal colocaram um serviçal, pra levar o castiçal até um lugar magistral, onde estava o maioral, que em pleno carnaval, deu chute no general, levantou um avental, dobrou e fez um embornal, pra por pamonha e mingau, pra dar os caras de pau! E por escrito final, nesta ata inicial, assenta-se nela o fim, do Congresso Nacional! Perdão pela mer... que escrevi aqui! Mas é fruto da política suja brasileira! Meus parabéns, caro Neanderthal. Um abraço e grato pela visita.

Para o texto: EXTRA, EXTRA, EXTRA (T2593246)


De: neanderthal

Apagar

02/11/2010 21:11

Ó Anja! Que bom contar com você na página da gente! Mas você está em Portugal?? Ah! Minha filha mora por aí; lá em Braga. então você leu minhas frasículas, ridículas? Muito obrigado pela visita. Tenho aproximadamente 700 textos, todos recheados de filosofias e humores. Você gosta de ler cordel? Se não gosta, procure ler, os meus são noventa por cento humorísticos. Tenho "JOÃO BOA VIDA", "A CADELA E A MATILHA", "ZECA LADÃO", "NO TEMPO DAS GARRUCHAS" "O ANCIÃO E O PEREGRINO", enfim há também uma variedade de pensamentos e frases, assim como pequenos sonetos. Sua visita me será de grande valor e lhe enriquecerá a mente ao saber por exemplo coisas da vida de pescador em "JUVENIL..." Sou-lhe grato pela visita e que Deus seja sua luz e força! Abraços.

Para o texto: neste mundo arredondado (T2475465)


De: ANJA PERALTA

Apagar

02/11/2010 20:52

Pedir nunca é demais! Parabéns Silvia por mais estes brilhantes versos de petição pedindo peça-me! Expressaste palavras em que substantivos e adjetivos se mesclaram para dar o sentido ignífero de um amor flamejante! Só poderia partir de um talento a lá Sílvia Regina!! Viva muito e me leia!

Para o texto: PEÇA-ME... - Silvia Regina (T2591242)


De: Silvia Regina Costa Lima

Apagar

02/11/2010 10:41

Mas vai ser Mi! Naõ se estresse! Nossa prefeita de Ribeirão tem mostrado que as mulheres são melhores para administrar!Ah! eu ouvi a voz de um anjo me dizendo o seguinte:"Luzirmil se Deus não construir, em vão trabalham os construtores! Se Deus não guardar a casa em vão vigiam os sentinelas! Deus põe sobre o povo o governo que merece! Se vocês brasileiros merecerem um bom, ela será boa". Afinal, Mi, nós brasileiros (tirando dos deputados e senadores, que são chupões) somos gente boa, não é? Ah! sobre o vídeo que pretendo lhe enviar mande-me seu email pelo meu que é: icopere.literdivi@gmail.com.

Para o texto: Dia da “Bruxa” (T2590970)


De: Mi Guerra

Apagar

02/11/2010 10:30

Que poema lindo, Mi!! Quanto se trata de proteger o meio ambiente eu me alegro. Sou delegado ambiental voluntário do GP e luto para ver terminada a poluição atmosférica. Com os recursos que temos hoje já não era para existir mais os veículos despejando cargas e mais cargas de poluição vinda da mistura do oxigênio respirável com os milhões de barris de petróleo queimados! O maior mal é o consumo desenfreado do ar vital para nosso sangue - o oxigênio - Os aviões estão consumindo esse elemento numa escala geométrica. Daqui a cinco anos ninguém sobreviverá se continuar assim!! Bom, eu gostaria de lhe enviar um vídeo engraçado. A gente chora e ri ao mesmo tempo! Nunca vi tal coisa! Envie-me seu email para contato que lhe remeterei o vídeo via encaminhamento. Tenho certeza que você vai chorar e rir ao mesmo tempo! Outro abraço pra você, e parabéns pelas cinco quadras perfeitas!

Para o texto: Oração do Hoje (T2592217)


De: Mi Guerra

Apagar

02/11/2010 10:19

Mas certamente você acertou o voto, claro!? Dessa vez eu acertei o meu. Participo votando a quarenta e cinco anos e só acertei duas vezes, no F. Henrique e agora, na grande Dilma. Mas falando do TPM acima, penso que ainda não ocorreu com você as frazículas ridículas que tem acontecido comigo, se não você estaria mais desbalanceada da vida! Bem, vou mudar de assunto lhe contando uma piada do padre que bebeu "vinho branco" na hora da consagração da hostia...Ah! deixa isso pra lá, pobres vigários! Eu sempre invento alguma piada deles pra contar, afinal, o que é que tem de mais, beber um copo de leite em hora tão oportuna!? Um abraço, Mi Guerra, e um beijo na face pelas visitas às minhas páginas.

Para o texto: Hoje o mundo amanheceu de TPM, só pode! (T2587978)


De: Mi Guerra

Apagar

01/11/2010 18:59

Oh! Rosa eu te amo!! Uma que és uma flor, outra que sinto-te como um fã, e a gente ama os fãs! O negócio é cuidar das sementes! Tenho meus textos como sementes plantadas no Recanto, mas não nascem nem a custa de muita água...que dos meus olhos caem! Quero que você leia um texto de humor, antigo, cujo título é: "DA LOTERIA À PERDA DO EGO". É um versado de quadras bacana, mas ninguém lê. Beijos pra você e grato pela nova visita.

Para o texto: CUIDEMOS DE NOSSAS SEMENTES! (T2556917)


De: ROSA SERENA

Apagar

01/11/2010 18:33

São mais do que isto! São as formosuras da criação divina!Um mundo sem mulher seria um mundo oco! Vocês são precisas e enchem o espaço de alegria! Parabéns, Camila. Poeta Luzirmil

Para o texto: Somos precisas (T2591098)


De: Camila Senna

Apagar

01/11/2010 18:15

Meu comentário aqui vai resumir-se num endosso das palavras escritas por Sonho Azul. Nada mais explícito e claro para definir seus sentimentos transcritos por suas palavras, que embora sem título na página assentada, tende a nos levar o entendimento a intitular sua crônica de "O PUNHAL DA DESILUSÃO". Eu que o diga, minha querida Noeli! Tenho diversos cravados no peito. Só me falta morrer! Um abraço e mais uma vez contente com sua preciosa e carinhosa visita.

Para o texto: Nesta Vida Nada é Eterno... (T2590158)


De: Noeli Lazarotto

Apagar

01/11/2010 15:08

Excelente pensamento, caro Saulo. No caso de seu poema, a alma é o próprio espírito, cuja ciência se mescla com a de Deus, por ter tido Dele, partículas de Suas entranhas, quando soprou no corpo, recém formado de Adão. Evidentemente, é claro, bem depois da criação biológica e evolutiva dos homens e mulheres pré-históricos. Acredito que as criaturas não tinham inspiração para o amor perfeito e a poesia; foram criados a partir de uma ordem, para multiplicarem-se e encher a terra, como diz na Bíblia ao final do primeiro capítulo. Penso que posteriormente, após alguns milhares de anos, O Criador idealizou em fazer um corpo pronto, não proveniente da evolução, mas sim do barro, (com suas mãos universais) e soprando nele, deu-lhe as propriedades divinas, relativas ao céu. Calculo que num futuro os pré-históricos da evolução se misturaram com os filhos dos patriarcas vindos de Adão. Parabéns por completar meus contínuos pensamentos sobre a inspiração dada aos poetas, que modéstia a parte, tem uma porções a mais da ciência divina em relação às pessoas comuns! Um abraço e me perdoe os dispositivos literos-bíblicos.

Para o texto: Enigma (T2590727)


De: Saulo Costa

Apagar

01/11/2010 13:07

Se os poemas da Rosa são belos, belos também são seus comentários. Parabéns querida poetisa.

Para o texto: VERSOS JOGADOS AO VENTO (T2590507)


De: ROSA SERENA

Apagar

01/11/2010 13:03

É uma real verdade, a definição de que o sofrimento virou poesia!

Para o texto: PATRIOTAS (T2590533)


De: João kaejos

Apagar

01/11/2010 12:40

Sou a favor do aborto

Para o texto: SUÍCIDIO (T2549733)


De: jurinha caldas

Apagar

01/11/2010 08:35

É isso, Jura! Eu votei na Dilma e tomara que ela venha dar um limpa no congresso! Minha aposentadoria não está dando nem pra comprar o feijão com arroz do mês, enquanto os salafrários e sanguessugas enchem os bolsos e não se lembram dos pobres que trabalham para mantê-los. Trabalhei duro por trinta e cinco anos, e a cada mês diminui o benefício que atualmente está na casa dos seiscentos reais. Ora! a gente se revolta com esse sistema de coisas. O lula teve3 muito jogo de cintura e suportou muita desonestidade na casa. Tomara que a Dilma se alie com os poderes das armas da nação e venha fazer alguma coisa pelo Brasil. Parabéns pelo seu texto.

Para o texto: SERRA IRIS TRABALHEI PELA DERROTA (T2590102)


De: jurinha caldas

Apagar

01/11/2010 08:10

Bom dia Mari. Vim aqui pagar-lhe a visita. Li diversos textos seus e parei neste pensamento político, pois na condição dos apertos financeiros que a gente passa e sabendo da farra dos senhores "dirigentes" da nação em cima do nosso labor, tirando o máximo através dos impostos, loterias e diabo a quatro, a gente fica revoltado. Eu votei na Dilma por ver nela algo de revolta contra essas mazelas políticas. Vamos ver se ela vai dar um pega no tal congresso de "sangue sugas". Basta que ela ganhe os generais. Eu fico louco da vida por ter que viver com R$620,00 que é minha aposentadoria por tempo de serviço trabalhado em 32 anos, e ver os malditos deputados e senadores embolsar quase R$200,000,00 mensais. Ora, está no tempo de fazer uma divisão mais humana para os aposentados que trabalharam duramente muitos anos pagando a aposentadoria e recebem uma ninharia. Se quiser mandar este comentário para a Dilma, pode mandar. Estive em Pernambuco o ano passado dando umas assistências missionárias nas regiões de Petrolina, Lagoa Grande e outras, porém não conheci Bezerros. Um abraço pra você e ao povo de sua terra. Eu sou meio revoltado mas sou cristão. Fique com a Paz de Deus.

Para o texto: Entre outras coisas (T2513284)


De: Mariluxa

Apagar

29/10/2010 23:19 - 




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   37


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande