A assembleia legislativa do estado de são paulo decreta: Artigo 1º



Baixar 8.7 Kb.
Encontro04.12.2017
Tamanho8.7 Kb.


PROJETO DE LEI Nº 386, DE 2010
Institui o Dia da "Festa Kaki Fuyu", no município de Piedade.



A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA:
Artigo 1º - Fica incluído no Calendário Oficial do Estado de São Paulo o Dia da Festa “Kaki Fuyu”, a ser comemorado anualmente no dia 20 de maio.
Artigo 2º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.



JUSTIFICATIVA

A presente propositura visa homenagar a Festa Kaki Fuyu, que é realizada anualmente no município de Piedade. Sendo que neste ano de 2010 está realizando sua 10º edição. A Festa Kaki Fuyu é realizada pela Associação Cultural e Esportiva de Piedade (ACEP) em parceria com a Prefeitura Municipal.


Escolhemos a data 20 de maio, porque o evento fez parte da programação de aniversário de Fundação da Cidade, fundada em 1840.
Além da oportunidade de conhecer e saborear o kaki fuyu produzido por agricultores da cidade, o público pôde assistir shows, danças e várias atrações artísticas e culturais apresentadas no palco principal e na tenda cultural.

Criada em 1993, a Associação tem como objetivo aprimorar e padronizar a técnica de cultivo da fruta. O caqui Fuyu tem como característica própria a qualidade doce com polpa amarelada e densa, quando maduro. O caquizeiro é de origem asiática e começa a produzir a partir dos quatro anos.

O seu consumo é recomendado na prevenção do câncer, arteriosclerose e acelera o processo de cicratização. O caqui é rico em vitaminas A, B e C, auxilia no crescimento e formação dos ossos, na melhora da visão e no desenvolvimento do sistema imunológico. Segundo pesquisas, o consumo diário de dois caquis, de tamanho médio, é o que basta para suprir a necessidade de vitamina A em pessoas adultas.

Conforme informam os produtores, Piedade tem uma das melhores áreas para o plantio dessa qualidade de caqui, devido ao clima frio característico da região. Além disso, os pomares são cultivados em pequenas propriedades, o que garante o cuidado e a presença constante do produtor em cada etapa da produção. Ainda no pé, as frutas são ensacadas e protegidas. Após a colheita, a fruta é polida, selecionada e acondicionada em embalagens que permitem o transporte sem danificar o fruto.



Sendo assim, estabelece-se como data para essa comemoração todo mês de Maio. Uma festa popular que atrai milhares de pessoas de todo o Estado, por essa razão, peço o imprescindível apoio dos nobres pares desta Casa de Leis para a aprovação do presente Projeto de Lei.


Sala das Sessões, em 27-4-2010


  1. José Bittencourt - PDT






Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande