Xtasy Lago Abraçado por pele



Baixar 0.5 Mb.
Página3/15
Encontro30.06.2019
Tamanho0.5 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15

mudado ligeiramente. Ela estava passando muita vez com animais porque se pareceu com os alunos dele se prolongados durante um segundo fendido.

"Eu estou arrependido de para o deixar goste isto." As sobrancelhas dele atraíram junto ligeiramente uma carranca desapontada. Ela poderia acreditar que quase ele não quis partir.

Ela retirou o cardigã dela por cima o tórax dela, a armadura dela atrás em lugar. "Não preocupe sobre isto. Eu estou bem. O veja ao redor."

Os olhos dele estreitaram ligeiramente antes de ele empurrasse longe dela. Como ele espiou Brenna passado, ela ouviu uma baixa, estrondo de resmungo agressivo no quarto.

Aquele Sloan era?

"Certo, assim eu o verei hoje à noite." Brenna disse, enquanto sorrindo a ela como se nada estivesse errado.

A Carol poderia sentir a pele dela morno para cima e saber ela deve ser vermelho de beterraba. "Eu trancarei para você e o verei um pouco em cima de lá dentro."

Com um sorriso luminoso e ondula, Brenna girou no salto de sapato dela e correu fora a porta depois do homem antes de que tinha batido por isto um momento.

O estranho e estranho.

* * * *


Sloan figurou ele poderia estar de volta em um cume montês em Assobiador e não sentir o resfriado. Fuck, ele sentia tão quente ele figurou ele poderia derreter tudo de Ilha de Baffin. Carol era tudo o que ele já quis em uma mulher. Ela pareceu tímida um pouco, teve um bonito sorriso e luxuriante.oh deus, essas curvas seu. Ele quis enrolar contra ela e embrulhar os braços dele ao redor dela. Melhor que que, ele quis enterrar a face dele entre os peitos deliciosos dela e provar toda polegada deles.

O cheiro dela tentou o nariz dele e arrowed diretamente ao galo dele. Ele nunca conheceu uma mulher como responsivo e ele quis aprender mais sobre ela. Os que ele realmente quis era escavar a Carol para cima e levar a casa dela. Ela estava perfeita para os três deles. Eles quiseram alguém que 34 Corinne Davies

incendeie as paixões deles/delas e devolva tão bom quanto ela adquiriu. Nenhuma vara para uma mulher faria para eles, ou.

Entretanto eles não estavam em qualquer condição trazer uma mulher nas vidas deles/delas. Compartilhando uma mulher só porque tinha lhes trazido tal prazer antes não signifique era sempre ser. Embora, a idéia de cada deles que tem os companheiros diferentes não sentou bem com ele. Até os últimos meses, eles tinham assumido aquele a mulher estaria perfeita. Agora ele não tinha tão certeza.

Ele precisou se adquirir sob controle antes de ele fizesse algo estúpido. Como se virasse e seguindo o galo dele atrás na clínica reivindicar o companheiro dele. Meu companheiro. Ele soube que ela foi querida dizer ser o dele o momento que ela entrou ao redor do canto na clínica. Ela foi a última coisa que ele tinha esperado achar hoje e agora ele combateu o desejo para correr atrás a ela.

Jaxon e Kaden tiveram que a conhecer, logo. Um sentimento doente grampeou o estômago dele. O que se ela o companheiro deles/delas não era como bem? Os três deles aceitaram que eles desfrutaram compartilhando uma mulher. Na realidade, eles assumiram aquele dia eles achariam alguém que poderia encher aquele papel para eles. Este era um desses exemplos raros que eles não levaram em conta as ramificações do ser uma raça diferente dele. O que se ele não fosse querido dizer compartilhar uma mulher com eles? Ele poderia caminhar longe dela e compartilhar o companheiro dos irmãos dele? O tigre dentro dele rosnou um negativo distinto. Ele achou o companheiro dele e não havia nenhum modo ele não a reivindicaria o mais cedo possível.

"Sloan!"

Isso que!" Brenna tropeçou como ela correu para ele. Retardadamente, ele percebeu que ele tinha rosnado a ela e tinha estado descobrindo os dentes dele. "Arrependido, Brenna."

"Olhos."

Sloan sacudiu os óculos de sol dele fora o topo da cabeça dele e os vestiu cobrir os olhos dele. O gatinho interno dele estava o montando difícil ir e adquirir o companheiro deles/delas e qualquer um que não gostou pôde fuck fora.

"Eu preciso perguntar o que aconteceu lá?"Abraçado por pele 35

"Ela é minha companheira de fucking. Eu não posso acreditar isto."

"Emocione." Brenna correu ambas suas mãos pelo cabelo dela. "Isso está pasmando. Oh, é você dentro para isto."

"O que?" Sloan não estava agora mesmo disposto a jogos. "Você sabe isso que? Eu mudei minha mente." Brenna poderia trancar a própria clínica animal dela. Ele ia levar a casa de companheiro dele e a apresentar aos irmãos dele.

"Oh, nenhum você não faz." A mão de Brenna embrulhou ao redor do braço dele e apertou. "Venha passeio comigo."

"Por que?"

"Porque você é agora mesmo um hormônio grande, e você precisa relaxar um momento e parar para considerar seu próximo movimento."

"Eu já sei o que eu planejo fazer."

"Eu sei. Eu posso o cheirar, também. Geez. Você dois quase queimado o lugar abaixo em lá. Coisa boa que o senso de Carol de cheiro não é tão sensível quanto nosso, ou eu nunca teria podido o separar."

Ele riu e embrulhou o braço dele ao redor dos ombros de Brenna. Eles eram íntimos em idade e praticamente cresceu junto, assim ele pensou nela como uma irmã mais jovem. Por causa disso, eles puxaram raramente ponches quando vier a contar a verdade entre eles.

"Ciumento?"

"De você? Inferno não." Brenna encolheu os ombros os ombros dela debaixo do braço dele. "Mas eu admitirei um pouco para de inveja que você achou seu companheiro. Carol é a mais doce pessoa no universo, você sabe."

"Ela é uma amiga seu, de forma que é um ponto enorme no favor dela. Mas..."

"Mas o que?"

"O que se ela Jaxon e o companheiro de Kaden não são? Nós não temos nos dado tão bem. O que se isto o modo de Destino é de nos adquirir pronto para nossos próprios companheiros?" A idéia de não compartilhar assim muito erradamente um feltro de companheiro.

"Eu penso que você está perdendo uma pergunta mais importante."

"O que é isso?"36 Corinne Davies

"O que se ela não quer ser um companheiro?"

Sloan teve nenhum plano para reconhecer aquela idéia. A Carol era deles/delas e nada ia mudar isso. "Ela vai uma vez nós a convencemos."

"Oh meu deus, a arrogância de você três são incríveis. Talvez você deveria chamar o Gaspar. Eu ouvi que eles quase conseguiram o companheiro deles/delas doer tomando decisões arrogantemente para ela."

Prova agradável." Eu estava falando com Vencel e ele disse que o engano deles/delas não era Mai revelador tudo para cima frente. Eu levarei casa de Carol comigo e uma vez ela conhece Jaxon e Kaden, então nós vamos todo ao vivo alegremente desde então."

"Sloan, ela há pouco chegou aqui. Ela é tida muito lixo amontoado ultimamente nos ombros dela. Como um favor volumoso para mim, por favor espere uns dias de par e eu o deverei sempre. Eu entendo o que você está dizendo, mas me deixei ter um pouco primeiro de uma visita com ela antes de você a varresse fora os pés dela. Vá lento, desfrute isto, você só consegue achar seu companheiro uma vez."

Ela teve um ponto, até mesmo se entrasse contra todo instinto exigente no corpo dele, e Jaxon sempre foi o um no asno dele por saltar antes de olhar. Se não fosse para o fato que Brenna era tal um amigo bom, ele teria a sacudido fora e teria corrido fora com Carol. "Certo, mas eu ainda vou lhes falar sobre ela."

"E você deve, mas se lembra que ser lhe falado é o companheiro de alguém é choque bastante, mas descobrir que você é sobre ser compartilhado por irmãos enervaria as pessoas mais compreensivas até mesmo."

"Talvez eu lhe falarei que primeiro e então a parte forma-inconstante posteriormente. Poderia não ser como intimidando depois que ela conhecer meus irmãos."

Brenna embrulhou o braço dela ao redor de Sloan e caminhou abaixo o passeio de tábuas com ele. "Eu conheci a Carol por um tempo muito longo e leva muito para a chocar. Ela é a pessoa mais tranqüila que eu conheço."Abraçado por pele 37

Capítulo quatro

Depois aquela tarde, Carol vagou os dois corredores que compuseram a loja de bebida alcoólica local para cima e para baixo. Não havia um LCBO em Ecstasy Lake, mas a Carol se lembrou de transcurso um como ela dirigiu ao longo da rodovia em cidade. Desde então havia nem todo animais partiram para apanhar, ela fechou um pouco cedo a clínica que a permitiu bastante tempo resolver uns negócios de par. Ela não quis mostrar na casa de Gordon de mãos vazias e decidido que uma garrafa agradável de vinho e algumas flores faria o truque.

Caminhando ao longo da parede enfileirou com álcoóis, cerveja e licores, ela achou que as duas ilhas de centro albergavam a seleção de vinho. No fim, ela escolheu um vermelho e um vinho branco de Ontário. Ela não pôde dar errado com VQA. Equilibrando os vinhos em um braço, ela cavou pela bolsa dela para adquirir a carteira dela. Ela nunca notou o homem grande em frente a ela até que estava muito tarde.

"Vigor!" Ela cambaleou um momento, enquanto esperando desmaiar ao asno dela e esmagar as garrafas, mas nunca aconteceu. Ao invés, durante a segunda vez hoje, ela se achou pegado para cima nos braços de um homem. Observando, ela metade esperou ver a face de Sloan, mas ela não reconheceu o homem que a segura.

"Oh meu deus. Eu sinto muito muito. Eu não pretendi bater em você goste isso."

Ele não disse nada, enquanto encarando abaixo a como se ela fosse uma costela principal e ele estava pronto para o jantar.

"Você pode deixar vá agora de mim." Prestidigitando as garrafas, ela tentou pisar atrás, mas ao invés o homem apertou o cabo dele nos braços dela e a puxou mais íntimo. "Um, com licença, eu não penso que eu sou que pensa você que eu sou."38 Corinne Davies

"Sim, você é e eu acredito que a linha é, eu não penso que meios o que você pensa isto significa."

"Um homem que pode citar A Noiva de Princesa? Você é uma espécie rara."

"Você não tem nenhuma idéia. Venha casa comigo."

Certo, qualquer coisa que você quer. Carol saltou a voz interna louca dela por toda parte. "Você é insano?"

"Talvez, mas eu preciso que você conheça meus irmãos." Ele apertou a face dele no cabelo dela. Ele está me cheirando? Para cada o próprio deles/delas, mas ela nunca tinha ouvido falar de um fetiche de cabelo antes.

A Carol não pôde dizer que o homem não era deslumbrante. Exatamente o que estava de qualquer maneira na água nestes partes? Ela estava viajando em cima de homens bonitos. Os comprimentos de canela de Sloan distinto, o cabelo deste homem era marrom mais curto, escuro e pregou a cabeça dele que pareceu inacreditavelmente sensual ao redor.

"Direito. Bem, isso é amável, mas eu já tenho uma reserva de jantar."

"Cancele." As palavras dele eram como dirija como o olhar dele. Este homem radiou uma intensidade que fixou o nervos se contraindo dela. "Não." Ela se desembaraçou do aperto dele e caminhou até o contador. "Eu aprecio a oferta, mas nenhum obrigado. Eu passarei."

Ele a seguiu até o caixa registrador, de pé feche bastante que ela sentia um desejo para apoiar atrás contra ele e o deixar tome todos seus problemas. Não, você cometeu uma vez já aquele erro, Einstein. As ações dele a fizeram lembrar tanto de Sloan. Realmente, ela deveria estar agindo assim para mais de um homem por um dia? A libido dormente dela tinha rugido mais cedo a vida hoje e ela estava tendo um tempo duro que se lembra por que ela não deveria ir para casa com Mr. HunkaHunkaBurninLove.

Ela pagou pelo vinho dela e escavou para cima a bolsa de papel marrom como ele alcançou para isto.

"Eu levarei que para você." Ele olhou ligeiramente ofendido quando ela lhe impedir de levar a bolsa.

"Não, isso é certo eu posso levar ao cuidado de mim, obrigado", ela respondeu.Abraçado por pele 39

Ele a seguiu para a porta, mas a voz do caixa arremedou na loja pequena.

"Kaden, você que planeja pagar por aquela cerveja?"

Ela examinou o ombro dela e notou que ele levou uns pacotes de seis de par em uma mão. Ele é que intenção aceso eu que ele esqueceu de pagar, ou ele está me usando para cobertura?

"Cague. Arrependido, George. Me dê um segundo." Ele colocou a cerveja no contador e ela deixou o edifício depressa.

Ele se pôs em dia facilmente para ela. Ele teve que ser um bom seis polegadas mais alto que ela e ela não era uma mulher curta. "Agora você sabe meu nome, o que é seu?"

"Eu não penso que isso é uma idéia boa." A Carol apertou os passos dela como ela foi ao carro dela. Um Bicho de VW velho não era muita proteção, mas ela não quis estar fora no lote de estacionamento tudo por ela com um estranho estranho-suplente. Pelo menos, se ela gritasse, o caixa ainda a ouviria.

"Não tenha nenhum medo."

Não é que o que todos os assassinos consecutivos dizem? A Carol destrancou a porta de carro e usou isto como uma barreira entre os dois deles quando ela abrir isto. Ela não estava surpresa que os sensos dele apanharam no medo dela, especialmente depois que ele tivesse tentado a cheirar mais cedo. Kaden escondeu alguns pés como se incerto o que fazer. Ele empurrou uma mão no bolso dele e arranhou a parte de trás da cabeça dele com o outro. As sobrancelhas dele reuniram em cima do intenso olhar dele. Ele se pareceu com ele estava tentando para entender um quebra-cabeça.

"Escute, eu fiz uma bagunça disto, eu sei. Você me pegou fora guarda, porque eu nunca esperei o conhecer goste isto."

Sobre "o que está falando você?" Cante alegremente depressa entrou no carro dela e bateu a porta. A janela poderia estar aberta, mas ela soube que ela pudesse dirigir em cima dele se ela tivesse. Ela teve o carro começado antes de ele adquirisse qualquer mais íntimos.

Kaden sustentou uma mão para ela esperar mas também não adquiriu perto da porta dela. "Eu sinto muito pelo assustar. Por favor, tudo que eu gostaria de saber é seu nome."40 Corinne Davies

Que dano poderia fazer um nome, especialmente se significasse que ele se retiraria? "Qual é seu nome?"

"Kaden Henderson."

Pelo menos agora ela poderia perguntar Brenna por ele. Em uma cidade pequena todo o mundo soube todo o mundo, direito, outro?

"Eu sou a Carol McKade."

A expressão dele amolecida como um sorriso grande iluminou a face dele, enquanto fazendo o coração dela saltar uma batida. Obrigado, Carol." Ele pisou longe do carro e ela inverteu fora do lote de estacionamento. Assim que ela batesse na estrada principal, ela pisou no gás, enquanto não querendo que ele soubesse que direção foi encabeçada ela. Olhando no espelho retrovisor dela, ela poderia ver que havia nenhuma necessidade para preocupar. Ele não a estava perseguindo. Ao invés ele se levantou no meio do lote de estacionamento que a assiste até que ela virou o canto e as árvores bloquearam a visão dela dele.

O estranho e estranho e estranho.

A Carol nunca atraiu aquele tipo de atenção de homens e aqui ela conheceu dois homens deslumbrantes que fizeram o dela sinta como a pessoa mais sensual no planeta. Um de cada vez para a causa de Pete. Ela tinha pensado que o passeio de sexo dela tinha entrado em contrário ou pelo menos tinha entrado em hibernação permanente. Conhecendo Sloan acordou isto e agora ela estava a ponto de aparentemente cair todo homem por toda parte ela se encontrou. Bem, não todo homem, mas ela não pôde explicar as reações dela hoje.

* * * *


Kaden estava no meio do lote de estacionamento de pedregulho e encarou o carro que dirige longe dele. Carma era uma cadela de fucking que decidiu arrancar a cadeia dele. Um pensamento bateu contra o crânio dele em cima de e por cima. Meu companheiro é humano. Não havia nenhuma dúvida na alma dele que ela era a Verdadeira Companheira dele. Ele poderia provar o cheiro dela na língua dele. Um cheiro floral delicado ainda pendurou no ar do perfume dela e marcou com ferro a alma dele. Abraçado por pele 41

Ele quis correr atras do carro dela e descobrir onde ela viveu, mas os pés dele que feltro colou ao pedregulho. O lobo interno dele rosnou em frustração à inação dele. Ela estava escapando e ele estava a deixando ir. As pessoas viveram as vidas inteiras deles/delas desejando que eles conheceriam a uma pessoa destinada para eles, e ele estava assistindo a licença dela. Ele memorizou a placa dela. Ele conheceu bastante sujeitos na força que ele poderia a achar assim que ele se acostumasse à idéia.

Dificuldade era, ele já sentia usado à idéia e desejado o dela atrás aqui. Agora. Ele folheou o telefone dele aberto e pausou. Ele estava a ponto de chamar Jaxon e lhe falar tudo, mas por que aborrecer? Ele não pôde acasalar com um humano e pôr o pacote inteiro novamente em perigo. Tempo passado era o melhor amigo dele Jack que perdeu a vida dele tentando proteger o companheiro de humano de um sócio de pacote. O que se algo acontecesse a ela e este tempo isto que um era dos irmãos dele morto tentando economizar a vida dela?

Uma dor afiada radiou no tórax dele e fez eco pelo corpo dele. Como ele ia viver com o fato que ele deixou o companheiro dele deslizar pelos dedos dele?42 Corinne Davies

Capítulo cinco

O coração de Carol bateu para o passeio inteiro para a casa de Gordon. Não era até que ela puxou na calçada longa que ela começou a relaxar novamente. O pai de Brenna morou nos arredores de Ecstasy Lake em uma casa de Um-armação grande que olhou quase como isto tinha crescido lá e não tinha construído. Carol parou próximo a alguns caminhões. Fez sentido isso nesta área ela precisaria de um veículo maior. O Bicho de VW dela nunca sobreviveria a quantia de neve que foi esvaziada neles todos os invernos.

"Cante alegremente!" A voz de Gordon prosperou pela jarda, enquanto fazendo o dela salte. Condene! Eu quase derrubei novamente as garrafas. Ela ondulou a ele e então ajustou a propriedade de bolsa de presente as garrafas antes de alcançar dentro e agarrar os dois buquês de flores.

"Eu não lhe falei que você não teve que trazer qualquer coisa mas seu sorriso bonito?"

"Sim, você fez, mas eu não gosto de ir de mãos vazias em qualquer lugar."

O pai de Brenna era um homem grande com cabelo de sal-e-pimenta e o sorriso maior. Ela sempre sentia seguro com ele. Ele teve este modo calmante sobre ele. Ele colecionou a bolsa de presente ela o deu e embrulhou o outro braço dele ao redor os ombros dela como eles caminharam até a casa. A Helen ondulou a Carol donde ela estava de pé, enquanto apoiando contra a grade de varanda.

"Eu lhe daria outro abraço, mas você sabe como as mães de Brenna ciumento são."

Coisa boa" que nós escolhemos não nos casar tal um namoradeira volumoso", a Ann zombou donde ela estava de pé, enquanto esperando na porta aberta. Ela poderia soar sarcástico, mas a Carol soube que era tudo em diversão. Ann olhou pasmando Abraçado por Pele 43

como sempre, e a Carol esperou que ela parecesse meio como bem quando ela alcançar a idade dela.

"Eu não posso ajudar mas paquerar com ele, ele é tão atraente." A Carol jogou junto e bateu as chicotadas dela em Gordon que rodou os olhos dele às ações dela e riu.

"Oh o amado, por favor não alimente qualquer mais para o ego dele. Nós trabalhamos muito difícil de manter os pés dele em chão sólido." A Helen comentou este tempo.

"Eu levarei o vinho dentro para você, Carol." Gordon apertou um beijo ao topo da cabeça dela. Ele beijou Helen e as bochechas de Ann como ele se desvaneceu no modo dele na casa.

Ann sempre lembrou nunca a Carol de Lynda Carter.she se parecida com ela envelheceu, ou. A Helen era um pouco mais velha, mas ela, também, estava envelhecendo formosamente. Helen era a outra mãe de Brenna e ela subiu atrás de Ann, enquanto embrulhando um braço ao redor a cintura da esposa dela. Brenna compartilhou a singularidade do matrimônio dos pais dela a muito tempo atrás e a Carol desejou saber freqüentemente como eles fizeram isto trabalhar tão bem. Ela não pensou que ela poderia compartilhar um homem, entretanto ambas suas mães amaram um ao outro como bem. Talvez isso fez uma diferença?

"Bem-vindo a nossa casa, Carol. Entre em.

Carol deu um buquê de flores a cada das mulheres que ambos o oohed a eles. "Nós amamos floresce tanto. Obrigado, bem." A Helen colecionou as flores de Ann. "Eu irei pôr estes em água."

A Ann avançou e beijou a bochecha de Carol. "Brenna nos falou sobre aquele asno que você partiu. Menina boa." Apoiando mais íntimo, ela sussurrou ruidosamente, você "quer que eu peça a Gordon o alimentar aos lobos?"

"Tentando, mas eu odiaria para os lobos para adquirirem indigestão."

"Eles têm uma constituição muito forte. Não preocupe sobre eles. Eu o faria desaparecer para o que ele fez felizmente."

Tão difícil quanto é, eu estou tentando para ser a pessoa maior, mas eu reservo o direito para mudar minha mente. Onde o Lulu e Salgueiro são?"

"Salgueiro está cochilando e o Lulu está dormindo por cima na "casa de um amigo, a Ann respondeu. Começos de escola" por umas semanas de par e ela é 44 Corinne Davies todo entusiasmado

sobre estar em jardim de infância sênior. Ela diz que ela é agora uma menina grande e não está assustado de qualquer coisa. Quais meios ela fará isto hoje à noite até aproximadamente dez ou onze e quererá vir casa."

Eles entraram na casa morna e a Carol sentia toda a tensão das últimas semanas evapore. Ela não era íntima aos pais dela nada e este sentimento de casa fez o desejo dela para se mudar e nunca licença.

"Você tem uma casa bonita, Ann." O dentro da casa parecida tão natural quanto o exterior com vigas de escuro-madeira grandes que se pareceram com filiais de um alongamento de árvore pela casa. Estava morno e convidando, muito como a família que viveu aqui. Tapetes de área grandes, coloridos cobriram os chãos de madeira polidos.

Obrigado, mel."

"O que o levou tão longo?" Brenna lhe deu um abraço e apertou um copo de vinho cintilante na mão dela.

Ann esfregou o braço de Carol. "Enquanto você dois conversa, eu vou ir conferir em Salgueiro e tenha um cochilo rápido."

"Nós o veremos ao jantar, Mãe." Assim que a Ann deixasse o quarto, Brenna virou nela. Os olhos dela estreitaram e ela moveu mais íntimo. "Algo aconteceu. Eu posso contar pelo olhar em sua face, agora derramamento."

"Você não acreditaria isto se eu lhe falasse. Você conhece um Kaden Henderson?"

Brenna piscou e então uma sobrancelha arqueou ligeiramente em cima do olhar curioso dela. "Sim, por que?"

"Eu o conheci ao LCBO. Ele é um pouco de um sujeito estranho. Eu não tenho certeza o que o problema dele é." Ela levou uma andorinha generosa do vinho dela. Pensar até mesmo nele fez a batida do coração dela ir selvagem. "E eu não quero discutir minha reação."

"Como o que? Oh meu deus. Você se parece com você tenha uma queimadura de sol, você é tão vermelho."

Brenna poderia ser o amigo mais íntimo dela, mas a Carol não estava segura como explicar a reação dela a Sloan, e então para Kaden."Lá deve Ser abraçado através de Pele 45

algo no ar ao redor aqui", ela murmurou e levou outra andorinha do copo dela.

"Você poderia precisar de um refil antes do jantar. Na realidade, por que você não fica a noite aqui?"

"Por que?"

"Porque você e eu acabaremos terminando pelo menos uma garrafa de vinho antes de você começar a contar me a verdade do que aconteceu, e depois disso apostei eu nós derrubamos outro. Eu estou ficando por cima, também. Estará como tempos velhos."

A Carol não era imune ao entusiasmo do amigo dela e TC estava fora pendurando bom na clínica durante a noite. "Me tampe então para cima."

* * * *


Jaxon McKade veio para falar Gordon sobre o caçador mais cedo eles prenderam o outro dia. Enquanto não era uma ameaça direta contra o pacote, ele soube que Gordon quereria os detalhes. Ao término da conversação deles/delas, Gordon o convidou a ficar para o jantar. Jaxon amou a Helen está cozinhando e saltou à chance. Uma noite morna, cerveja fria e uma refeição boa, vida não ficou muito melhor.

Ele não esperou estar contemplando o futuro dele de repente. Ele nunca realmente acreditou que ele já acharia o Verdadeiro Companheiro dele. As mulheres vieram e entraram na vida dele. Ele compartilhou alguns com os irmãos dele e outros partiram à menção de ser compartilhado. Profundamente abaixo ele nunca realmente acreditado aquele dia ele teria que escolher. Isso era até que ele ouviu uma dança de riso musical ao longo de uma brisa de verão. O som estava como a chamada de uma sirena a ele, enquanto o puxando longe do grupo que ele estava falando com. Ele espiou pelo gramado e parou passo meio morto.




1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal