Universidade federal rural do rio de janeiro



Baixar 14.2 Kb.
Encontro29.12.2017
Tamanho14.2 Kb.




UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

DEPARTAMENTO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS E REGISTRO GERAL

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS

PROGRAMA ANALÍTICO

DISCIPLINA


CÓDIGO: IC642

CRÉDITOS: 2

(2T- 0P)


ATENÇÃO FARMACÊUTICA
Cada Crédito corresponde a 15h/ aula




INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS

DEPARTAMENTO DE QUÍMICA




OBJETIVO DA DISCIPLINA:

Conhecer, avaliar e saber aplicar as bases teóricas da atenção farmacêutica. Conhecer e saber utilizar as ferramentas envolvidas no cuidado ao paciente. Desenvolver habilidades de comunicação com o paciente e a equipe de saúde.







EMENTA:

Conceitos e terminologia. Evolução da atenção farmacêutica no Brasil e no mundo. A Atenção Farmacêutica no contexto da Assistência Farmacêutica. O processo de Atenção ao paciente. Metodologias da Atenção Farmacêutica. Desenvolvimento do plano de cuidado e seguimento da farmacoterapia. Prevenção, identificação e resolução de problemas relacionados a medicamentos. Apresentação e discussão de casos clínicos.





CONTEÚDO PROGRÁMATICO:

  1. Aspectos conceituais e filosóficos da Assistência Farmacêutica e Atenção farmacêutica

  2. Metodologias da Atenção Farmacêutica

  3. Coleta de dados e elaboração de formulários de acompanhamento

  4. Estratégia de comunicação e entrevista

  5. Identificação dos problemas relacionados a medicamentos

  6. Desenvolvimento do plano de cuidado

  7. Estudo de casos: pacientes crônicos

  8. Estudo de casos: pacientes pediátricos

  9. O farmacêutico no processo de educar




BIBLIOGRAFIA BÁSICA:


  • CIPOLLE, R.J.; STRAND, L.M.; MORLEY, P.C. Pharmaceutical Care Practice: the Clinicians Guide. 2ed. McGraw-Hill, 2004 

  • CORDEIRO,B.; LEITE, S.N.L. O farmacêutico na atenção à saúde. 2ed. Univali, 2008

  • ORGANIZAÇÃO PANAMERICANA DA SAÚDE/ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE (OPAS/OMS). Consenso Brasileiro de Atenção Farmacêutica. Proposta. Brasília, 2002. 24p.

  • STORPIRTIS, S. et al. Farmácia clínica e atenção farmacêutica. Guanabara Koogan, 2008

  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Adherence to long- term therapies: evidence for action. Geneva, 2003

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:




  • FERRACINI, F., FILHO, W. Farmácia clínica: segurança na prática hospitalar. Atheneu, 2009

  • HEPLER, C. D.; STRAND, L. M. Opportunities and responsabilities in pharmaceutical care. Am. J. Hosp. Pharm p. 533-543, 1990.

  • GOMES, M.; REIS. A. Ciências Farmacêuticas: uma abordagem em Farmácia Hospitalar. Atheneu, 2011

  • LEE, A. Reações adversas a medicamentos. Artmed, 2009

  • SILVA,T.; SCHENKEL, E.P.; MENGUE, S.S. Nível de informação a respeito de medicamentos prescritos a pacientes ambulatoriais de hospital universitário. Caderno de Saúde Pública, v.16, n.2, p. 449-455, 2000








©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal