Turma: Nível: Data: / / Prof. André maia ficha genética II



Baixar 170.2 Kb.
Página2/2
Encontro18.09.2019
Tamanho170.2 Kb.
1   2

21. (EEM-SP) O hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo precisa de sangue para que possa continuar a realização de cerca de 50 cirurgias por dia (...) Doadores, principalmente de sangue tipo O negativo e O positivo, podem contribuir (...).

(Jornal Folha de S. Paulo, 13-06-2002)


a) Por que o Hospital solicita em especial esses dois tipos sanguíneos?

b) Qual a importância de se conhecer, em uma transfusão, as proteínas presentes no plasma de receptor e nas hemácias do doador?

c) Um indivíduo com sangue do tipo A pode receber sangue de quais tipos do sistema ABO?
22. Utilizando-se três lâminas de microscopia, foi colocada uma gota de sangue humano em cada uma delas. A cada gota foi juntada igual quantidade de soro anti-A na primeira, soro anti-B na segunda e soro anti-Rh na terceira. Após a mistura do sangue com os respectivos soros, foi observada aglutinação nas duas primeiras lâminas. A partir desses dados podemos afirmar que o indivíduo, quanto aos grupos sanguíneos ABO e fator Rh, é:
a)   B e Rh positivo.    b)   AB e Rh negativo.   c)   A e Rh negativo.   d)   AB e Rh positivo.  

e)   A e Rh positivo.


23. (MACK) Um indivíduo de tipo sanguíneo O, Rh-, filho de pais tipo sanguíneo A, Rh+, pretende se casar com uma jovem de tipo sanguíneo A, Rh-, filha de pai de tipo sanguíneo O, Rh- e mãe AB, Rh+. A probabilidade de o casal ter filhos com o mesmo fenótipo do pai será:
a)   1/4    b)  1/2    c)   1/3    d)  1/8    e)   1/16
24. (UFJF-JULHO/2003) Além do teste de DNA, há exames mais simples que podem ajudar a esclarecer dúvidas sobre paternidade. Por exemplo, o teste de tipagem sanguínea do sistema ABO permite determinar quem não pode ser o pai. Assinale a alternativa que apresenta uma situação em que esse exame assegura a exclusão da paternidade: 

a) O filho é do tipo O, a mãe do tipo O e o suposto pai do tipo A. 

b) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo AB e o suposto pai do tipo O. 

c) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B. 

d) O filho é do tipo B, a mãe do tipo B e o suposto pai do tipo O. 

e) O filho é do tipo A, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B. 


25. Se um indivíduo do grupo sanguíneo B recebesse sangue de um indivíduo do grupo A, surgiriam problemas graves que poderiam levá-lo à morte, porque:
a) as aglutininas anti-B do soro do doador aglutinariam as hemácias do receptor; 

b) as aglutininas anti-A do soro do receptor aglutinariam as hemácias do doador

c) os aglutinógenos A aglutinariam os aglutinógenos B. 

d) os aglutinógenos B aglutinariam os aglutinógenos A; 

e) as aglutininas B aglutinariam as aglutininas do doador. 
26. (FAFEID/2006) Considerando o sistema ABO na espécie humana, é CORRETO afirmar que:
a) um indivíduo do grupo sanguíneo O apresenta nas hemácias os aglutinogênios A e B. 

b) um indivíduo do grupo sanguíneo A apresenta nas hemácias o aglutinogênio A e no plasma aglutinina Anti-B. 

c) um indivíduo do grupo sanguíneo AB apresenta no plasma as aglutininas Anti-A e Anti-B. 

d) um indivíduo do grupo sanguíneo B pode receber sangue de B e AB. 


27. (PISM/2007) Considere que o tipo sanguíneo Rh é determinado por apenas um par de alelos com dominância completa. Clóvis, ao nascer, apresentou eritroblastose fetal. Tendo recebido o tratamento adequado, Clóvis se desenvolveu e se casou com Joana, cujos pais eram, ambos, Rh+.
Sabendo-se que as duas avós de Joana eram Rh-, qual a probabilidade de Clóvis e Joana terem um descendente que sensibilize a mãe para a eritroblastose fetal? 
a) 0    b) 1/8   c) 1/4    d) 1/2    e) 1 


28. (VUNESP/2000) Observe a genealogia: 

Para o casal (5 e 6) que pretende ter muitos filhos, foram feitas as quatro afirmações a seguir. 


I - O casal só terá filhos AB e Rh positivo. 

II – Para o sistema ABO, o casal poderá ter filhos que não poderão doar sangue para qualquer um dos pais. 

III - O casal poderá ter filhos Rh positivo, que terão suas hemácias lisadas por anticorpos anti-Rh produzidos durante a gravidez da mãe. 

IV – Se for considerado apenas o sistema Rh, o pai poderá doar sangue a qualquer um de seus filhos. 


São corretas, apenas, as afirmações: 
a) II e IV.    b) I, II e IV.    c) II, III e IV.

d) I, II e III.    e) I e III.


29. (UNIMONTES/2006) A técnica usualmente empregada para a determinação dos grupos sanguíneos é a prova de aglutinação, feita em lâminas ou em tubos, com soros contendo anticorpos de especificidade conhecida. O tipo sanguíneo é determinado pela observação da ocorrência ou não da reação de aglutinação. A figura abaixo representa o resultado do exame feito em uma mulher casada com um homem do sangue tipo O, Fator Rh negativo. Analise-a. 

Considerando a figura, os dados apresentados e o assunto relacionado a eles, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa CORRETA: 


a) Caso essa mulher seja heterozigota para os alelos do sistema ABO e do Fator Rh, esse casal poderá ter filho com alelos homozigotos para as duas características. 

b) Ao ser realizado o mesmo exame no homem citado, ocorrerá aglutinação com os três tipos de soros. 

c) Todos os filhos desse casal apresentam resultados para o Fator Rh iguais ao resultado apresentado pela mãe. 

d) A mulher citada pode receber transfusão sanguínea de doadores do sangue tipo B, Fator Rh positivo. 





Compartilhe com seus amigos:
1   2


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
Universidade estadual
união acórdãos
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande