Título do trabalho



Baixar 5.78 Kb.
Encontro19.12.2017
Tamanho5.78 Kb.





PADRONIZAÇÃO DA TÉCNICA DE IMUNO-HISTOQUÍMICA PARA IDENTIFICAR A EXPRESSÃO DA ENZIMA AROMATASE EM TECIDO PLACENTÁRIO HUMANO

Laís Silva do Nascimento, Alzira Xavier Garcês, Débora Dias, Ronald Ladislau Silva, Miriam Lara Melo, Ana Cristina Kalb, António Sergio Valera Junior, Ana Maria Barral de Martinez, Pablo Elias Martinez.



Área do Conhecimento: Fisiologia
Palavras Chave: bisphenol A, aromatase, imunohistoquímica.

Resumo

O Bisphenol A (BPA) é um produto químico utilizado para fabricação de policarbonatos encontrado em utensílios de uso diário. A exposição ao BPA durante certos períodos de desenvolvimento pode ser responsável por distúrbios reprodutivos e esteroidogênicos. Em humanos foi encontrado no plasma, na urina e no leite materno, contudo as consequências para saúde não estão esclarecidas. Sendo o BPA um desregulador endócrino, é importante saber se este composto afeta a atividade de enzimas que atuam na biossíntese de estrógeno como a aromatase, uma enzima catalizadora da conversão de andrógeno em estrógeno.


Este trabalho tem como objetivo padronizar a técnica de imuno-histoquímica para detectar a atividade da aromatase no tecido placentário de parturientes atendidas no Hospital Universitário-FURG, nas quais posteriormente serão quantificados BPA.
A técnica iniciou-se com a coleta e fixação de tecido, posteriormente foram montadas lâminas histológicas. Após a fixação nas lâminas, os cortes foram desparafinados e hidratados por passagens em etanol de concentrações decrescentes. Logo, iniciou-se a etapa de recuperação antigênica e após o bloqueio inespecífico e então foi incubado com o anticorpo primário (Anti-Aromatase feito em cabra) over night a 4°C. Por fim foi adicionado o anticorpo secundário (Anti-IGg de cabra) por 2 horas e o marcador de núcleo. As lâminas foram visualizadas no microscópio óptico de fluorescência. Através da técnica foi possível visualizar a enzima aromatase localizada no citoplasma da célula do tecido placentário. De acordo com os resultados a técnica de imuno-histoquímica padronizada se mostrou eficaz para visualização da aromatase e a mesma pode ser empregada como uma metodologia padrão em trabalhos futuros.


De 22 a 26 de outubro de 2012.

FURG - Campus Carreiros



Catálogo: anaismpu -> cd2012 -> cic
cic -> Título do trabalho
cic -> Título do trabalho
cic -> Título do trabalho
cic -> Título do trabalho
cic -> Título do trabalho
cic -> Título do trabalho
cic -> Prevalência de polimorfismos no gene sdf-1 em pacientes do hospital universitário dr. Miguel riet corrêa júnior furg
cic -> Levantamento etnobotânico e etnofarmacológico de plantas utilizadas na medicina popular no municipio do rio grande, rs, brasil: etapa comunidade barra falsa, povo novo
cic -> Influência da maceraçÃo e temperatura de extraçÃo na recuperaçÃo de carotenoides por sporodiobolus pararoseus
cic -> Efeito do ácido linoleico conjugado na dinâmica de lipossomos de asolecitina de soja alessandro Oliveira de Moraes Nogueira, Robson Simplício de Sousa, Rosilene Maria Clementin, Vânia Rodrigues de Lima


Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
Universidade estadual
união acórdãos
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande