Sistema Muscular



Baixar 9.9 Kb.
Encontro18.11.2017
Tamanho9.9 Kb.

Sistema Muscular

Os músculos podem ser formados por três tipos básicos de tecido muscular:



Tecido Muscular Estriado Esquelético

Apresenta, sob observação microscópica, faixas alternadas transversais, claras e escuras. Essa estriação resulta do arranjo regular de microfilamentos formados pelas proteínas actina e miosina, responsáveis pela contração muscular. A célula muscular estriada chamada fibra muscular, possui inúmeros núcleos e pode atingir comprimentos que vão de 1 mm a 60 cm.



Tecido Muscular Liso

Está presente em diversos órgãos internos (tubo digestivo, bexiga, útero etc.) e também na parede dos vasos sanguíneos. As células musculares lisas são uninucleadas e os filamentos de actina e miosina se dispõem em hélice em seu interior, sem formar padrão estriado como o tecido muscular esquelético.

A contração dos músculos lisos é geralmente involuntária, ao contrário da contração dos músculos esqueléticos.

Tecido Muscular Estriado Cardíaco

Está presente no coração. Ao microscópio, apresenta estriação transversal. Suas células são uninucleadas e têm contração involuntária.

Propriedades dos músculos:

Elasticidade - Distensão

Contratilidade - Contração (Isotônica, Isométrica e Isocinética)

Tonicidade - Tônus

“Os músculos são os motores que permitem as alavancas do esqueleto moverem-se ou mudar de posição”.

Existem aproximadamente 3 músculos para cada osso, o número exato não é consenso para os estudiosos podendo variar de Theile (346) e Pina (637).

Características:

Origina-se do mesoderma;

Presença de proteínas filamentosas contráteis (miofibrilas);

Componentes recebem nomes especiais: sarcolema (MP), sarcoplasma (citoplasma) e reticulo sarcoplasmático (REL).



Função:

Movimento e a manutenção da postura;

Produção de calor;

Proteção e a alteração da pressão para auxiliar a circulação;

Absorventes de choques para proteger o corpo.

Quanto à capacidade de regeneração:

O músculo cardíaco não se regenera. Nas lesões do coração, as partes destruídas são invadidas por fibroblastos que produzem fibras colágenas, formando uma cicatriz de tecido conjuntivo denso;

O músculo estriado esquelético tem pequena capacidade de regeneração.



O músculo liso é capaz de uma resposta regenerativa mais eficiente. Ocorrendo lesão, as células musculares lisas que permanecem viáveis entram em mitose e reparam o tecido destruído.

Glúteo maior músculo do corpo humano

Estapédio menor músculo do corpo humano


Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande