Questões de cirurgia para prova especial



Baixar 86.6 Kb.
Encontro04.01.2018
Tamanho86.6 Kb.







SECRETARIA DE SAÚDE DE PERNAMBUCO
PROCESSO SELETIVO À RESIDÊNCIA MÉDICA
DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO
Não deixe de preencher as informações a seguir.

Prédio Sala



























































































Nome do Candidato






























































































Nº de Identidade Órgão Expedidor UF Nº de Inscrição























































































GRUPO 09 – ORTOPEDIA / TRAUMATOLOGIA


ATENÇÃO


  • Abra este Caderno, quando o Fiscal de Sala autorizar o início da Prova.

  • Observe se o Caderno está completo. Ele deverá conter 50 (cinquenta) questões objetivas de múltipla escolha com 05 (cinco) alternativas cada.

  • Se o Caderno estiver incompleto ou com algum defeito gráfico que lhe cause dúvidas, informe, imediatamente, ao Fiscal.

  • Ao receber o caderno de prova, preencha, nos espaços apropriados, o seu Nome completo, o Número do seu Documento de Identidade, a Unidade da Federação, Número de Inscrição, o Número do Prédio e o Número da Sala.

  • Para registrar as alternativas escolhidas nas questões da prova, você receberá um Cartão-Resposta com seu Número de Inscrição.

  • As bolhas do Cartão-Resposta devem ser preenchidas totalmente, com caneta esferográfica azul ou preta, totalizando 50 (cinquenta) questões.

  • Você dispõe de 4 horas para responder toda a Prova – já incluído o tempo destinado ao preenchimento do Cartão-Resposta. O tempo de Prova está dosado, de modo a permitir fazê-la com tranquilidade.

  • Você só poderá retirar-se da sala 2 (duas) horas após o início da Prova.

  • Preenchido o Cartão-Resposta, entregue-o ao Fiscal, juntamente com este Caderno e deixe a sala em silêncio.


BOA SORTE !
01. Qual o osso acometido na doença de Preiser?
A) Escafoide. B) Semilunar. C) Capitato. D) Talus. E) Cuboide.
02. Qual o exame complementar considerado padrão-ouro na síndrome do túnel do carpo?
A) Radiografias em P.A. e perfil.

B) Ressonância magnética.

C) Tomografia computadorizada.

D) Eletroneuromiografia.

E) Radiografia do punho (incidência para o túnel do carpo).
03. Em relação às displasias femorais, assinale a alternativa incorreta.
A) A deficiência femoral focal proximal é a forma mais frequente.

B) As displasias podem ser bilaterais.

C) O fêmur curto congênito não apresenta alterações radiográficas importantes.

D) Normalmente não são hereditárias.

E) A talidomida é uma droga confirmada como fator etiológico.
04. A síndrome do interósseo posterior corresponde a uma compressão de um ramo do seguinte nervo:
A) ulnar. D) músculo-cutâneo.

B) radial. E) mediano.

C) axilar.
05. Qual a estrutura anatômica acometida na lesão de Holstein-Lewis?
A) Artéria braquial. D) Nervo mediano.

B) Nervo radial. E) Nervo interósseo posterior.

C) Tendão bíceps.
06. Em relação às fraturas do odontoide na criança, assinale a alternativa incorreta.
A) São pouco frequentes.

B) As radiografias iniciais devem ser solicitadas em AP, perfil e transoral da coluna cervical.

C) Ocorrem geralmente por trauma de alta energia.

D) Na fase aguda, devem ser tratadas conservadoramente.

E) As complicações no tratamento cirúrgico têm um baixo índice.
07. Em relação às espondilolisteses, assinale a alternativa incorreta.
A) O nível L4-L5 é o mais frequentemente acometido nas espondilolisteses adquiridas.

B) O escorregamento completo (espondiloptose) é bastante frequente.

C) A queixa mais comum e frequente é a de dor lombar ou lombo-sacra.

D) Defeito congênito vertebral é uma das causas de espondilolistese.

E) A espondilolistese degenerativa é a mais frequentemente encontrada.
08. Na avaliação prognóstica para a recuperação motora de paciente do sexo masculino, com 30 anos e com paraplegia em nível de T9, deve-se testar e esperar o retorno de um dos reflexos a seguir:
A) Babinski. D) Aquileu.

B) Moro. E) Bulbocavernoso.

C) Patelar.
09. No trauma raquimedular, a função motora é avaliada pelo exame de determinados músculos que correspondem a níveis neurológicos. Assinale a alternativa que não corresponde a uma relação correta.
A) Flexores do punho-C5. D) Extensores longos dos dedos(artelhos)-L5.

B) Flexores do quadril-L2. E) Extensores do cotovelo-C7.

C) Flexores plantares do tornozelo-S1.
10. Qual o sinal mais importante para um diagnóstico precoce da síndrome de Volkmann no membro superior?
A) Paralisia do flexor profundo dos dedos.

B) Cianose da extremidade.

C) Diminuição do pulso arterial.

D) Contratura em flexão dos dedos e do punho.

E) Dor à extensão passiva dos dedos.
11. Em relação às osteomielites, assinale a alternativa falsa.

A) A osteomielite pós-traumática pode ser secundária a uma fratura exposta.

B) A dor é geralmente a primeira manifestação e está presente praticamente em todos os casos de osteomielite hematogênica aguda.

C) O agente etiológico mais frequente na osteomielite hematogênica aguda é o estafilococos aureos.

D) A contaminação, na osteomielite hematogênica aguda, deve-se a um foco séptico a distância.

E) Na osteomielite hematogênica aguda, deve-se administrar antibioticoterapia via oral o mais rapidamente possível.


12. São complicações da reconstrução do LCA(osso-tendão patelar-osso), exceto.
A) Fratura da patela. D) Artrose precoce.

B) Rotura do tendão patelar. E) Condromalacia da patela.

C) Artrofibrose.
13. O que se entende pela tríade de O’Donoghue?
A) Lesão do menisco lateral, rotura do ligamento cruzado posterior e do ligamento colateral medial.

B) Lesão do menisco medial, rotura do ligamento cruzado posterior e do ligamento colateral medial.

C) Lesão do menisco medial, rotura do ligamento cruzado posterior e do ligamento colateral lateral.

D) Lesão do menisco medial, rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento colateral medial.

E) Lesão do menisco lateral, rotura do ligamento cruzado posterior e do ligamento colateral lateral.
14. No tratamento da tendinite do calcâneo(tendão de Aquiles), não devemos utilizar uma das seguintes opções terapêuticas:
A) crioterapia.

B) imobilização gessada.

C) anti-inflamatórios não-hormonais.

D) infiltração com corticoide.

E) elevação, com uso de palmilha, do retropé.
15. Pode-se fazer o diagnóstico diferencial do neuroma de Morton com as condições a seguir, exceto.
A) Doença discal na região lombar. D) Fratura por stress de metatarseanos.

B) Síndrome do túnel do tarso. E) Doença de Köhler.

C) Artrite ou sinovite metatarso falangena.
16. Qual dos sinais ou manobras a seguir não corresponde ao exame para uma lesão meniscal?
A) Manobra de McMurray.

B) Manobra de Apley.

C) Atrofia do quadríceps.

D) Aumento de volume do joelho.

E) Limitação completa da flexão do joelho.
17. Qual o tumor ósseo maligno mais comum?
A) Osteossarcoma.

B) Mieloma múltiplo.

C) Sarcoma de Ewing.

D) Condrossarcoma.

E) Tumor de células gigantes.
18. Qual o nervo mais frequentemente lesionado nas fraturas da extremidade proximal do úmero?
A) Mediano. D) Axilar.

B) Ulnar. E) Músculo-cutâneo.

C) Radial.
19. Os movimentos de rotação da coluna cervical são primariamente realizados pelas seguintes vértebras:
A) C2-C3. B) C3-C4. C) C1-C2. D) C5-C6. E) C4-C5.
20. Que tipo de instabilidade da coluna é comumente encontrada na criança portadora de Síndrome de Down?
A) Subluxação C3-C4. D) Luxação L5-S1.

B) Subluxação C1-C2. E) Subluxação L4-L5.

C) Luxação L1-L2.
21. São achados clínicos da hérnia discal L4-L5, exceto.
A) Diminuição da sensibilidade na região ântero-lateral da perna.

B) Diminuição da força muscular do extensor longo do hallux.

C) Diminuição da forca muscular do glúteo médio.

D) Diminuição da força muscular do quadríceps.

E) Diminuição da sensibilidade no dorso do pé.
22. Em relação às escolioses, assinale a alternativa incorreta.
A) Defeito na segmentação e de formação são 02 tipos básicos de mal-formações nas de causa congênita.

B) A pseudoartrose é uma complicação quando de uma artrodese realizada.

C) Barras ósseas unilaterais resultam em uma deformidade progressiva.

D) Curvas a partir de 30° são de indicação cirúrgica formal nas escolioses idiopáticas do adolescente.

E) Curvas acentuadas (> 100°) diminuem a capacidade respiratória.
23. Qual das alternativas a seguir não corresponde à doença de Scheuermann?
A) Cifose torácica excessiva.

B) Está sempre associada a uma escoliose.

C) Na maioria dos pacientes, o exame neurológico é normal.

D) Inicialmente o médico é procurado pela deformidade e não, por uma queixa dolorosa.

E) A cirurgia só está indicada nos casos mais graves.
24. No trauma raquimedular, o conhecimento dos reflexos e dermátomos são importantes no exame neurológico. Das alternativas abaixo, todas estão corretas, exceto.
A) Dermátomo T4-região dos mamilos. D) Reflexo bicipital –raiz C5.

B) Dermátomo T7-região do apêndice xifóide. E) Dermátomo T10-região inguinal.

C) Reflexo estilorradial- raiz C6.
25. Quais são as duas articulações mais acometidas na artrite séptica?
A) Joelho e quadril. D) Tornozelo e ombro.

B) Joelho e tornozelo. E) Ombro e punho.

C) Quadril e tornozelo.
26. São causas de uma osteoporose secundária, exceto.
A) Diabetes. D) Mieloma múltiplo.

B) Menopausa pós- cirúrgica. E) Utilização excessiva de corticoide.

C) Hipoparatireoidismo.
27. São consideradas lesões pseudotumorais, exceto.
A) Cisto ósseo aneurismático. D) Fibroma não-ossificante.

B) Displasia fibrosa. E) Fibroma condromixoide.

C) Cisto ósseo simples.
28. Na classificação de Salter-Harris, o sinal de Thurston-Holland é encontrado no tipo
A) I. B) II. C) III. D) IV. E) V.
29. No tratamento das lesões da articulação acrômio-clavicular(entorses e/ou luxações), qual dos tipos a seguir deve ser tratado exclusivamente de maneira não cirúrgica?
A) II. B) III. C) VI. D) V. E) IV.
30. Qual a incidência radiográfica do tornozelo que melhor avalia a congruência tibiofibulotalar?
A) Ântero-posterior.

B) Perfil verdadeiro.

C) Ântero-posterior com rotação medial de 20 a 25°.

D) Perfil em equino.

E) Ântero-posterior com rotação lateral de 20° a 25°.
31. Qual o músculo avaliado com o teste de Trendelemburg?
A) Piriforme. D) Glúteo médio.

B) Glúteo Máximo. E) Glúteo mínimo.

C) Quadrado lombar.
32. São características do pé torto congênito, exceto.
A) Incidência de aproximadamente 1:1000 nascidos vivos.

B) Predominante no sexo feminino.

C) Unilateral em cerca de 60% dos casos.

D) O astrágalo menor com desvio plantar e lateral.

E) A etiologia ainda não está totalmente esclarecida.
33. A partir de que idade aproximada poderemos esperar o surgimento do valgo fisiológico do joelho?
A) Seis meses.

B) Seis anos.

C) Um ano e meio.

D) Cinco anos.

E) Dois anos e meio.
34. Qual a complicação mais frequente nas amputações traumáticas em crianças?
A) Membro fantasma.

B) Crescimento ósseo local.

C) Edema.

D) Úlcera de pele.

E) Neuroma.
35. A osteocondrite da apófise calcaneana é denominada doença de
A) Köhler.

B) Freiberg.

C) Osgood-Schlatter.

D) Sever.

E) Panner.
36. O que se entende por Mal de Pott?
A) Tuberculose articulação coxo-femoral.

B) Artrite do joelho.

C) Tuberculose da coluna vertebral.

D) Artrite infecciosa no pé diabético.

E) Artrite gotosa.
37. No tratamento das fraturas em geral, em qual deformidade não se pode aceitar desvios?
A) Angular. D) Encurtamento.

B) Desvio lateral. E) Rotacional.

C) Desvio medial.
38. Para a fixação de uma fratura fechada desviada da diáfise do rádio e da ulna de um paciente adulto, das opções abaixo a mais indicada é
A) placa de compressão dinâmica.

B) haste intramedular bloqueada fresada.

C) haste intramedular bloqueada não fresada.

D) fixador externo mono-planar.

E) fixador externo tipo Ilizarov.
39. São consideradas causas de necrose avascular, exceto.
A) Anemia falciforme. D) Diabetes.

B) Pancreatite. E) Uso excessivo de álcool.

C) Fraturas.
40. Paciente jovem com trauma de alta energia apresenta-se no pronto socorro com quadro clínico de dor, deformidade em flexão, rotação interna e adução do quadril. Dos diagnósticos a seguir, o mais provável é
A) luxação anterior do quadril.

B) fratura do colo do fêmur.

C) fratura subtrocantérica.

D) luxação posterior do quadril.

E) fratura de acetábulo.
41. Qual dos seguintes testes é utilizado para o diagnóstico da síndrome do desfiladeiro torácico?
A) Durkan. B) Phalen. C) Spurling. D) Adson. E) Finkelstein.
42. São características do osteoma osteoide, exceto.

A) Quadro doloroso geralmente noturno.

B) No tratamento cirúrgico, é necessária a ressecção parcial do nicho e completa da área de esclerose.

C) O uso de salicilatos promove uma boa resposta do paciente ao quadro de dor.

D) É uma lesão óssea benigna.

E) Predomina na região diafisária dos ossos longos.


43. Nas fraturas do colo do fêmur e de acordo com a classificação de Garden, assinale a alternativa correta.
A) As fraturas Garden II apresentam desvio em varo.

B) Nas fraturas Garden I, o risco de necrose avascular é maior que nas Garden III e IV.

C) Garden III não apresenta desvio da fratura.

D) Garden I é preferencialmente tratada por uma artroplastia de ressecção.

E) Garden IV apresenta desvio completo da fratura.
44. Quais as duas polias mais importantes no sistema dos tendões flexores da mão?
A) A2 e A4. B) A2 e A1. C) C1 e C3. D) A1 e A4. E) A1 e A3.
45. Assinale a alternativa incorreta relacionada às fraturas supracondileanas do úmero na criança.
A) O cúbito varo é uma complicação tardia.

B) São classificadas, segundo Gartland, em tipo I, II e III.

C) Nas fraturas com desvio importante, a síndrome de Volkmann é uma das complicações .

D) Na fratura tipo II de Gartland, o contato entre a cortical proximal e a distal ocorre de forma parcial.

E) Na fratura tipo III de Gartland, o tratamento cirúrgico com placas e parafusos é o mais recomendado.
46. Segundo a classificação AO, uma fratura do maléolo lateral isolada com integridade de todos os ligamentos corresponde ao tipo
A) B3. B) C2. C) A1. D) A2. E) B1.
47. Em qual articulação ocorre a fratura-luxação de Lisfranc?
A) Tarso-metatarseana.

B) Carpo-metacarpeana.

C) Talo-navicular.

D) Metatarso-falangeana do hallux.

E) Tíbio-talar.
48. Qual o nervo comprometido na síndrome de Wartenberg?

A) Mediano.

B) Ulnar.

C) Sensitivo radial na extremidade distal do antebraço.

D) Axilar.

E) Tóraco-dorsal.


49. Nas lesões traumáticas do plexo braquial, a causa mais frequente é
A) acidente de moto.

B) atropelamento.

C) acidente de automóvel.

D) queda da própria altura com flexão do cotovelo.



E) queda da própria altura com rotação externa do úmero.
50. Qual o osso do carpo mais frequentemente fraturado?
A) Pisiforme. B) Trapézio. C) Capitato. D) Hamato. E) Escafoide.




Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
Universidade estadual
união acórdãos
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande