Programas transferência externa – 2ª fase anatomia Humana I



Baixar 24.43 Kb.
Encontro21.10.2017
Tamanho24.43 Kb.

PROGRAMAS

TRANSFERÊNCIA EXTERNA – 2ª FASE


Anatomia Humana I
Programa

Conceito de Anatomia:- Divisões, métodos de estudo, nomenclatura anatômica.Fatores de variação. Corpo humano em geral. Planos gerais de construção e de orientação em Anatomia. Metameria, Antimeria e Paquimeria. Noções de Biotipologia. Generalidades sobre sistema esquelético. Classificação dos Ossos. Esqueleto Humano em geral. Generalidades sobre sistema muscular. Conceito de músculo esquelético, liso e cardíaco. Fáscias e aponeuroses. Classificação dos músculos. Tonus e rigidez cadavérica. Força muscular. Ação muscular. Generalidades sobre Artrologia. Classificação geral das articulações.. Generalidades sobre Sistema Digestório, com órgãos e glândulas anexas. Generalidades sobre Sistema Respiratório, Sistema Genito-Uninário, Glândulas sem ducto, Angiologia e Neurologia. Crânio:- Conformação Geral, noções gerais sobre crescimento e desenvolvimento, diferenças sexuais, etárias e etnológicas, Arquitetura, Elasticidade e Resistência. Antropometria:- Noções gerais. Pontos, medidas, planos, ângulos, índices cranimétricos e cefalométricos. Aspectos radiográficos do crânio normal.



Bibliografia

1. DANGELO, J.G. e FATTINI, C.A , Anatomia Humana Sistêmica e Segmentar, Ed. Atheneu, R.J. l987


2. ERHART, E. A, Elementos de Anatomia Humana, Atheneu, São Paulo, 1987.
3. GARDNER, E.; GRAY, D.J. O'RAHILLY, R. Anatomia Estudo regional do corpo humano. Editora Guanabara Koogan, l987.
4. GRAY, F.R.S. Goss, ªB. C.M. Anatomia, 29a ed. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan l997.
5. GRAYS'S Anatomy, William, P. L. Churchill Livingstone Ed.London, 30th ed. 1995.
6. MADEIRA, M.C. Anatomia da Face,. Editora Sarvier, São Paulo, l995.
7. SPENCER, A, P. Anatomia Humana, Editora Manole, SP. 1991.
8. SOBOTTA, J. ; BECHER, H. Atlas de Anatomia Humana, V1 e V2, Guanabara Koogan, R.J. 1995.
9. SPALTEHOLZ, W. e SPANNER, R. Atlas de Anatomia Humana, Roca Liv. Ltda, SP. V1 e V2, l988.
10. WOLF-HEIDEGGER, G. Atlas de Anatomia humana, 4a ed. R.J. Guanabara Koogan, 1996.

Anatomia Odontológica e Topográfica
Programa

Crânio.Desenvolvimento. Neuro e víscero-crânio. Pontos craniométricos. Anatomia aplicada. Arquitetura tridimensional do esqueleto fixo da face.Áreas de resistência e fragilidade do esqueleto facial. Noções básicas do desenvolvimento da face.Anatomia aplicada. Camadas de revestimento do crânio e face. Regiões temporal,infra-temporal,parotídea-massetérica,submandibular. Anatomia correlata da região nasal e seios para-nasais com o esqueleto facial e estruturas do sistema estomatognático. Vascularização e inervação da face. Sistemas arteriais, drenagem venosa e linfática implicações anatómo-clínicas. Nervo trigemeo e nervos cranianos facial, glossofaríngeo, vago e acessório. Boca. Anatomia topográfica e estrutural. Bases anatômicas das anestesias loco-regionais. Sistema dental. Generalidades. Nomenclatura. dentições; cronologia. Importãncia médico-legal do sistema estomatognático. Arcos gengivo-dentários.Interação articular. Dentes permanentes e dentes decíduos. Estudo dos grupos constituintes. Articulação temporo-mandibular. Estudo anatomo-funcional de seus elementos constituintes. Músculos da mastigação, Músculos associados a mastigação. Topografia alvéolo-dental. Anatomia aplicada. Bases anatômicas do mecanismo da mastigação. Faringe.Bases anatômicas do mecanismo da deglutição. Anatomia topográfica e estrutural da região cervical.fáscias cervicais. Loja visceral do pescoço. Anatomia imaginológica. Princípios gerais.



Bibliografia

Anatomia Dental - Picosse


Anatomia Dental-Madeira
Anatomia Dental -Della-Serra
Neuroanatomia Funcional. Machado
Atlas de Anatomia Humana. Sobotta-Becher. Rocca
Anatomia Odontológica- Figun e Garino
Anatomia Clínica-Moore
Anatomia Oral- Sicher


Biologia Celular e Tecidual I
Programa

I - EMBRIOLOGIA GERAL - 1-Gametogênese. 2- Fecundação e Implantação. 3-Gastrulação. 4-Evolução dos folhetos embrionários e delimitação do embrião. 5-Anexos embrionários. Removi Teratologia.


II - BIOLOGIA CELULAR - 1-Membranas celulares: composição, transporte, receptores e junções. 2-Núcleo: estrutura, replicação do DNA, armazenamento, transcrição e tradução da informação gênica. 3- Processos de síntese, processamento e endereçamento no citoplasma. 4 - Bases moleculares da movimentação e sustentação celular. 5-Bioenergética da função celular. 6-Ciclo celular. 7-Matriz extra-celular: composição, função, degradação e receptores celulares
III - BIOLOGIA TECIDUAL - 1-Conceito e classificação dos tecidos. 2-Tecidos epiteliais de revestimento e glandulares. 3-Tecidos de natureza conjuntiva: a: de preenchimento e de defesa e b: dos tecidos de sustentação. 4-Tecido muscular. 5-Tecido nervoso.

 Bibliografia

JUNQUEIRA, L.C. & ZAGO,D.- Embriologia Médica e Comparada. Ed. Guanabara Koogan, R. Janeiro. 3a ed.,1982.
JUNQUEIRA, L.C. & CARNEIRO, J.- Biologia Celular e Molecular. Ed. Guanabara Koogan, R. Janeiro. 7a ed, 2000.
JUNQUEIRA, L.C. & CARNEIRO, J.- Histologia Básica. Ed. Guanabara Koogan, R. Janeiro. 9a ed. 1999.

 
Biologia Tecidual II e Desenvolvimento da Face


Programa

I - HISTOLOGIA: 1 - Aparelho Urinário; 2. Aparelho respiratório; 3. Pele e Anexos; 4. Tubo Digestivo (esôfago, Estômago, Intestinos Delgado e Grosso); 5. Glândulas anexas ao tubo digestivo (pâncreas, fígado) ; 6. Dente: esmalte; 7. dente : dentina e polpa; 8. Periodonto: cemento, ligamento periodontal e osso alveolar; 9. Periodonto: gengiva; 10. Regeneração periodontal; 11. Erupção Dentária; 12. Articulação Têmporo- mandibular; 13. Glândulas salivares.

II - EMBRIOLOGIA: 1. Embriologia da face; 2. Odontogênese. 3. Amelogênese. 4. Pulpogênese e dentinogênese. 4-Formação do periodonto de inserção e proteção.

Bibliografia

KATCHBURIAN, E. & ARANA,V. Histologia e Embriologia Oral. . Text-Atlas- Correlações Clínicas.Ed. Guanabara- KooganS.Paulo, 1ª ed.2001


JUNQUEIRA, L.C. & CARNEIRO, J.- Histologia Básica. Ed. Guanabara Koogan. R. Janeiro. 9a ed. 1999.
TEN CATE, A.R. - Histologia Bucal. Ed. Guanabara Koogan. R. Janeiro. 5a ed. 2001.

Ciências Sociais em Saúde
Programa

1) Introdução ao curso. Exposição de seus objetivos.


2) Campo de intersecção entre saúde e sociedade
· Dimensão social dos agravos e dos serviços de saúde
· Políticas de saúde
· Dimensão cultural das doenças
3) Paradigmas.teóricos das Ciências Sociais.
· Antropologia Cultural, Sociologia e Ciência Política
· Envolucionismo, funcionalismo, análise compreensiva e materialismo histórico
· Pesquisas aplicadas dirigidas pelos diferentes modelos teóricos
4) Mudanças sociais e comportamentais como metas em saúde.
· Determinantes sócio-culturais do comportamento
· Determinante sócio-econômicos dos agravos à saúde
· Determinantes sociais da programação em saúde
· A crítica social aos modelos dominantes de intervenção em saúde
5) Odontologia e sociedade.
· Dimensão social dos agravos e dos serviços em saúde bucal
· Aspectos históricos da profissionalização da Odontologia no Brasil
· Contexto social da Odontologia: campo de aplicação para pesquisas

Bibliografia

1. Emile Durkheim - As Regras do Método Sociológico, da Divisão do Trabalho Social, O Suicídio. SP, Col. Os Pensadores.


2. Max Weber - "A 'objetividade' do conhecimento na Ciência Social e na Ciência Política".- In Metodologia das Ciências Sociais, vol. 1. SP, Cortez, 1993.
3. Karl Marx & F. Engels - Manifesto Comunista.
4. H. Marcuse - Marx Y el trabajo alienado. Buenos Aires, Perez, 1969.
5. Amélia Cohn & Paulo Elias - Saúde no Brasil: políticas e organização de serviços. SP, Cortez /CEDEC, 1996.
6. Catalina Eibenschutz (org) - Políticas de Saúde: o público e o privado. R.J. FIOCRUZ, 1995.
7. Susan Sontag - A doença como metáfora. R.J. Graal, 1984.
8. Mário de Andrade - Namoros com a medicina, B.H, Itatiaia 1980.
9. Reinaldo Guimarães & Ricardo Tavares - Saúde e Sociedade no Brasil: anos 80. Rj, ABRASCO, 1994
10. Aracy W.P. Spínola (org)- Pesquisa social em saúde SP, Cortez, 1992.
11. Ana Maria Canesqui (org.) - Ciências Sociais e Saúde. SP HUCITEC ABRASCO, 1997.
12. Jacques Le Goff (org) - As doenças têm história. Lisboa, Terramar, 1985.
13. Michel Foucault - "O nascimento da medicina social" In Microfísica do Poder R.J., Graal, 1996.
14. Volnei Garrafa (Coord.) - Íntegra do Relatório Final da 1ª Conferência Nacional de Saúde Bucal. Brasil. Ministério da Saúde, 8ªConferência Nacional de Saúde, 1986.
15. Conselho Federal de Odontologia - Relatório Final da II Conferência Nacional de Saúde Bucal. Brasília, 1993.
16. Paulo Capel Narvai - Odontologia e Saúde Bucal Coletiva SP, HUCITEC, 1994.
17. Marcos de Souza Queiroz - Representações sobre Saúde e doença: agentes de cura e pacientes no contexto do SUDS.Campinas, UNICAMP, 1991.
18. Peter Davis - The social context of dentistry. London Biddles, 1980
19. Peter Davis - Introduction to the Sociology of dentistry: a comparative perpective. Dunedin, University of Ontago Press, 1987.
20. N. David Richards & Lois K. Cohen (ed.) - Social Sciences and dentístry: a critical bibliography. Brighton. University of Sussex. 1973.
Metodologia Científica
Programa

1. Introdução do curso. Objetivos.


2. A pesquisa como produção de conhecimento ou de respostas, através de procedimentos sistematizados.
3. Noções e importância do método.
4. Considerações sobre a elaboração e comunicação do conhecimento científico. Relação da produção do conhecimento científico e o contexto histórico.
5. A pesquisa. Noções gerais. Conceito. Etapas do processo de pesquisa.
6. Tipos de pesquisa.
7. Importância da delimitação e formulação do problema de pesquisa.
8. Importância do planejamento.
9. A definição de hipóteses.
10. Estudo das variáveis.
11. A coleta de dados.
12. Apresentação dos dados.
13. Análise dos dados.
14. Tratamento estatístico dos dados coletados.
15. Interpretação dos dados.
16. A divulgação da pesquisa.
17. Organização, funcionamento e uso da biblioteca.
18. Levantamento bibliográfico - fichamento bibliográfico.
19. O relatório de pesquisa - seções do relatório de pesquisa.
20. A pesquisa teórica X pesquisa empírica.
21. A determinação histórica na produção do conhecimento.
22. A neutralidade científica.
23. O papel da ciência na sociedade atual.
24. A Universidade e a pesquisa
25. A pesquisa na Odontologia

Bibliografia

1. ASH, V.A. - Metodologia da investigação científica. Edit. Globo, 1973.


2. CAJAL, S.R.Y. - Regras e Conselhos sobre investigação científica. Ed. Zelio Valverde e Edit. Científica. Rio de Janeiro, s/data.
3. CERVO, A.L. & BERVIAN, P.A. - Metodologia Científica. McGraw-Hill do Brasil Ltda, 1976.
4. GOODE, W.S. & HATT, P.K. - Métodos em pesquisa social. Edit. Nacional, 1972.
5. HUISMAN, D. & VERGEZ, A. - Curso moderno de Filosofia Freitas Bastos, 1974.
6. NOGUEIRA, O. - Pesquisa social. Edit Nacional, 1973.
7. NOVAH MORAES, J. & CORREA NETO, A. - Metodização da pesquisa científica. Graf. e Edit. Edigraf, 1970.
8. PIERSON, D. - Teoria e pesquisa em Sociologia. São Paulo. Edit. Melhoramentos, 12ª. ed, 1970.
9. POURCHET CAMPOS, M.A. - A docência e a investigação científica. São Paulo, 1963.
10. REY, L. - Como redigir trabalhos científicos. Edit. USP., 1972. 124p.
11. RUSSEL, B. - A perspectiva científica. São Paulo, Edit. Nacional, 8ª edição, 1969.
12. LAVAND, L.J. - Linguagem e Ética - Ensaios. Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Ed. Universitária (Educa).
13. SILVA, M.R. - A Evolução do pensamento científico Hacitec, São Paulo, 1972.
14. C. SELLTIZ e outros - Métodos de pesquisa nas relações sociais. Editora Herder, São Paulo, 1972, Trad.
15. CARRARA, S.R. - Regras e conceptos sobre la investigacion científica.
16. REY, L. - Como redigir trabalhos científicos para publicação em revistas médicas e biológicas. Editora da USP, Buicher, 1972, 128p.
17. FERRAZ, T.A. - Pesquisa bibliográfica em ciências biológicas. São Paulo, 1972, 90p.
18. Associação Brasileira de Normas Técnicas, normalização da documentação no Brasil. Ed. atualizada pela Comissão de Estudos de Documentação CB-14. Rio de Janeiro, 1978, v.I.

 
Bioética


Programa
História da Bioética; Fundamentação filosófica da Bioética; Princípios da Bioética; Estado da Bioética no Brasil; Projeto genoma e clonagem; Terapia gênica e genética preditiva; Aborto; Eutanásia e distanásia; Transplantes e doações de órgãos; uso em ensino e pesquisa; AIDS e pacientes especiais; Distribuição de recursos e bens de saúde pública.

ALVES, E.G.R; RAMOS, D.L.P. Profissionais de saúde: vivendo e convivendo com HIV/AIDS. São Paulo: Santos. 2002. BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Assistência à Saúde. Programa nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis/AIDS. Hepatite, AIDS e herpes na prática Odontológica. Brasília: MS, 1994, 56p. BERLINGUER, G.; GARRAFA, V. O mercado humano. Brasília: UnB, 1996. 212p. ESPINOSA, J. Questões de Bioética. São Paulo: Quadrante, 1998. 124p. GARRAFA, V. A dimensão da ética em saúde pública. São Paulo: FSP, 1995. MARTIN, L.; BALDESSIN, A. Conviver com a AIDS - subsídios para o doente, sua família e grupos de apoio. SP: Santuário, 1990. 85p. PESSINI, L.; BARCHIFONTAINE, C.P. Problemas atuais de bioética. São Paulo: Loyola, 1997. 4ª ed. RAMOS, D.L.P.; MARUYAMA, N.T. Aspectos éticos do atendimento odontológico de pacientes HIV-positivos. In: Silva, M. (Coord.) Compêndio de Odontologia Legal. Rio de Janeiro: MEDSI, 1997. RAMOS, D.L.P; TRINDADE, O.M. Ética na pesquisa odontológica com seres humanos. In: SILVA, M. (Coord.) Compêndio de Odontologia Legal. Rio de Janeiro: MEDSI, 1997. SGRECCIA, E. Manual de Bioética: fundamentos e ética biomédica. São Paulo: Loyola, 1996.v.1.686p. VIEIRA, S.; HOSSNE, W.S. Pesquisa médica: a ética e a metodologia. São Paulo: Pioneira, 1998.




©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal