Plano de disciplina



Baixar 38.84 Kb.
Encontro05.09.2019
Tamanho38.84 Kb.

UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI - URCA

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO – PROGRAD

CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA

DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL
CURSO: CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL


PLANO DE DISCIPLINA

DISCIPLINA: HIDRÁULICA APLICADA

CÓDIGO: TE 050

PRÉ-REQUISITO: TÓPICOS DE FÍSICA

SEMESTRE

NÚMERO DE CRÉDITOS

CARGA HORÁRIA

(horas)

CARGA HORÁRIA (horas-aula)

IV SEMESTRE


04

60

72

DISTRIBUIÇÃO DE CARGA HORÁRIA

TEÓRICA (horas-aula)

PRÁTICA (horas-aula)

60

0



    1. 1. EMENTA


Noções de hidráulica geral. Conceito de hidrostática e hidrodinâmica. Condutos sob pressão: fórmulas de perda de cargas racionais e práticas: perda de carga, carga acidental, condutos equivalentes. Movimento uniforme em canais, tipos de seções. Orifícios, bocais e vertedores. Escoamento sob cargas variável. Movimentos variados em canais.



    1. 2. OBJETIVOS


Objetivo Geral: O curso tem como objetivo capacitar o aluno para estudo dos fluidos em geral e oferecer conhecimentos gerais sobre a aplicação desses conceitos aos dispositivos utilizados nas obras hidráulicas.
Objetivos Específicos: conhecer as principais teorias e métodos que modelam o comportamento dos fluídos em repouso e em movimento.



    1. 3. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO


  • Introdução: (hidráulica – definição, fluidos e líquidos, unidades empregadas, massa específica, peso específico, densidade relativa, compressibilidade, coesão, adesão, tensão superficial e viscosidade).

  • Hidrostática: (pressão, Lei de Pascoal e Stevin, equação fundamental da hidrostática, superfície livre de um líquido, pressão atmosférica, relação entre pressão e profundidade, pressão absoluta, pressão relativa, altura de pressão ou altura piezométrica, piezômetro, manômetro, medida de pressão dos líquidos em movimento, empuxo sobre superfície plana, centro de pressão ou de empuxo, princípio de Arquimedes, equilíbrio de corpos imersos e flutuantes).

  • Equilíbrio relativo dos líquidos: (generalidades, movimento uniforme horizontal e vertical, movimento acelerado na direção vertical, movimento uniforme de rotação em torno de um eixo vertical e horizontal). Princípios gerais dos gases e do movimento dos líquidos (equações gerais de hidrodinâmica, vazão – débito ou descarga, velocidade média, movimento permanente, movimento uniforme, Teorema de Daniel Bernoulli, natureza da perda de carga).

  • Orifícios: (generalidades, orifícios em parede delgada, coeficiente: velocidade, contração, vazão orifício padrão, coeficiente de vazão para: orifícios circulares, retangulares, perda de carga nos orifícios, orifício de fundo, descarga de comportas ou dutos).

  • Bocais ou tubos curtos: (generalidades, bocal ajustado, bocal de borda, bocal cônico, bocal submerso, bueiros).

  • Vertedores: (generalidades, contração da lâmina vertente, expressão geral da descarga, fórmula de: Poncelet, Bazin, Francis, Rehbock, vertedores: triangulares, trapezoidais, circulares inclinados, laterais, vertedores submersos ou afogados).

  • Condutos sob pressão: (generalidades, raio hidráulico, perda de carga, fórmulas: Darcy, Manning, Hazen-Williams. Condutos em série e paralelo, sifões, relação entre a perda de carga e o número Reynolds, medição da carga por meio do tubo de Pitot).

  • Canais: (generalidades, raio hidráulico, fórmulas: Tadini, Bazin, Ganglilet e Kutter, diagramas, declividade crítica, energia específica, traçado do perfil da água, salto hidráulico, canais de perímetro fechado).

  • Movimento das águas subterrâneas: (definições, Lei de escoamento subterrâneo, poços freáticos, poços artesianos, galerias).

  • Golpe de Aríete: (chaminés de equilíbrio).




4. METODOLOGIA DE ENSINO

  • Aulas expositivas com uso de recursos audiovisual como data-show e ferramentas computacionais como Excel;

  • Debates/palestras

  • Seminários

  • Resolução de exercícios aplicativos

  • Disposição das notas de aula e material de apoio na internet (wiki.urca.br/dcc)



    1. 5. SISTEMA DE AVALIAÇÃO

    1. 1º Avaliação: Média ponderada entre as notas de trabalhos (20%) e prova (80%).

    1. 2º Avaliação: Média ponderada entre as notas de trabalhos (20%) e prova (80%).




      1. 6. BIBLIOGRAFIA


Básica:

  • AZEVEDO NETTO, J. M. DE; FERNANDEZ, F. M.; ARAÚJO, R. DE.; ITO, A. E. Manual de Hidráulica – Editora Edgar Blucher, São Paulo: 8ª Ed., 1998. 669p.

  • PORTO, R. DE M. P. Hidráulica Básica. São Paulo, EESC-USP, 2004. 540p.

  • STREETER, V. L.; WYLIE, E. B. Mecânica dos Fluidos, 7/e edição. McGraw-Hill do Brasil, 1982.

Complementar:

  • CARVALHO, J. DE A. Mecânica dos fluidos e hidráulica. Lavras: UFLA. 2000. 241p. Apostila

  • CHOW, V.T. Open Channel Hydraulics. McGraw-Hill, New York, 1959. 680p.

  • MACINTYRE, A.J. Bombas e instalações de bombeamento. 2.ed. Rio de Janeiro: Ed. Guanabara Dois. 1987. 782p.

  • NEVES, E.T. Curso de hidráulica. 9.ed. São Paulo: Globo, 1989. 577p.

  • VIANNA, M.R. Mecânica dos fluidos para engenheiros. 3 ed. Belo Horizonte: Imprimatur, 1997. 582p.



Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
Universidade estadual
união acórdãos
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande