Plano de disciplina



Baixar 55.21 Kb.
Encontro04.06.2018
Tamanho55.21 Kb.






PLANO DE DISCIPLINA



1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

nome do programa:

Unidade:

Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal

Escola de Veterinária/UFG

Disciplina




Código




VIROLOGIA ANIMAL APLICADA

SAN006



Mestrado ( X ) Doutorado ( X )




Carga horária









45 horas


Teóricas:

24 horas


Práticas:

22 horas


Nº de Créditos:

03 créditos


Ementa











Informações teóricas sobre as principais infecções virais dos animais domésticos em relação à etiologia, patogenia, diagnóstico laboratorial, epizootiologia, prevenção e controle. Execução de técnicas de pesquisa de antígenos virais através de técnicas sorológicas (reação de imunofluorescência indireta - IFI, reação de hemaglutinação- HA, ensaio imunoenzimático - EIEA), identificação de vírus a partir de técnicas moleculares (reação em cadeia de polimerase -PCR, eletroforese em gel de poliacrilamida - EGPA), isolamento e identificação de vírus em animais e culturas celulares, pesquisa de anticorpos virais através de técnicas sorológicas (soroneutralização – SN, imunodifusão em gel – IDGA).

Docentes












1. Coordenador da Disciplina: Profa. Dra. Wilia Diederichsen de Brito

2. Participantes: Profa Dra Ana Paula Kipnis










































______________________________________

______________________________________

Profa. Dra. Wilia Diederichsen de Brito

Responsável pela Disciplina



Prof. Dr. Eugenio Gonçalves Araújo

Coordenador do Curso de Pós-Graduação



2.OBJETIVOS

2.1. Gerais



  • Capacitar os alunos no reconhecimento das características das principais infecções virais dos animais domésticos;

  • Introduzir os alunos em algumas técnicas de diagnóstico viral.




2.2. Específicos

  • Estudo da etiologia das infecções de algumas infecções virais (características morfoestruturais, mecanismo de replicação na célula hospedeira e resistência / sensibilidade a agentes físicos e químicos);

  • Estudo das principais características de patogenia das infecções virais;

  • Discussão sobre formas de prevenção / controle de algumas infecções virais;

  • Desenvolvimento de técnicas sorológicas e moleculares para a identificação de vírus em amostras clínicas;

  • Desenvolvimento de técnicas de isolamento e identificação viral em animais de laboratório e culturas celulares;

  • Desenvolvimento de técnicas sorológicas na pesquisa de anticorpos virais.


















3. PROGRAMAÇÃO TEÓRICA-PRÁTICA DA DISCIPLINA


3.1. Discriminação do conteúdo




Horas previstas







Teórico

  1. Imunidade anti-viral e mecanismos de evasão viral a resposta dos hospedeiro

  2. Viroses de importância econômica que atingem animais


Prático

  1. Métodos de diagnóstico viral direto – pesquisa de antígenos virais:

    1. Técnicas sorológicas

      • Ensaio imunoenzimático

    2. Técnicas moleculares

  1. Técnicas de isolamento, identificação e titulação viral:

    1. Inoculação vírus em cultura

      • Observação de efeito citopático

      • Cálculo título viral

  2. Sorologia: pesquisa de anticorpos:

    1. Reação de soroneutralização

    2. Reação de imunodifusão em gel

    3. Ensaio imunoenzimático



08

16



12
06

04







4. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO

4.1. Atividades teóricas e práticas




Data




Assunto

Obs







T
P

Apresentação do curso. Distribuição de artigos e seminários.

Imunidade viral

Métodos estudo viral: cultura celular


IPTSP







T

P


Mecanismos de evasão viral

Métodos estudo viral: cultura celular



IPTSP







T

P


Mecanismos de persistência viral

Métodos estudo viral: cultura celular



IPTSP







P

Métodos moleculares de pesquisa de ácido nucléico EGPA

IPTSP







P

EGPA

IPTSP







T

P


Seminários

EGPA


IPTSP







T

P


Seminários

PCR: extração



IPTSP







T

P


Seminários

PCR


IPTSP







T

P


Seminários

PCR


IPTSP







T

P


Seminários

Métodos sorológicos de identificação de antígeno e anticorpos virais: EIE



IPTSP







T

P


Controle e erradicação de viroses

EIE


IPTSP







T

Avaliação

IPTSP






5. ESTRATÉGIAS DE ENSINO

5.1. Descrição das estratégias

O curso teórico será ministrado através de aulas expositivas, seminários e palestras com a utilização de recursos audiovisuais. As aulas práticas serão ministradas no Laboratório de Virologia Veterinária e os resultados obtidos serão analisados em conjunto.





6. RECURSOS DIDÁTICOS

6.1. Descrição dos recursos

  1. Quadro negro

  2. Projeções de diapositivos com o auxílio de projetor multimídia

  3. Equipamentos do Laboratório de Virologia Animal para desenvolvimento das técnicas laboratorial de estudo e diagnóstico


7. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

7.1. Descrição dos critérios

A avaliação dos alunos será realizada através de seminários apresentados de forma oral




8. BIBLIOGRAFIA BÁSICA




  • Fields BN, Knipe DM, Howley PM eds. Fields Virology. 3rd ed. New York: Lippincott - Raven Press, 1996.

  • Flores, EF et al. Virologia Veterinaria. Santa Maria, EdUFSM, 2007.

  • Fenner, K., Bachmann, PA., Gibbs, EPJ., et alii, Veterinary Virology. Orlando. Academic Press, 1992.

  • Hirsh, CD., Zee, YC. Veterinary Microbiology. Malden, Blackwell Science, 1999.

  • Sambrook, J., Fritsch, EF., Maniatis, T. Molecular Cloning. 2nd ed. New York, Cold Springs Harbor Laboratory Press.

  • http://www.virology.ws/virology-101/

  • http://www.oie.int/international-standard-setting/terrestrial-manual/access-online/

  • Artigos recomendados


Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande