Palavras-chaves



Baixar 1.05 Mb.
Página3/4
Encontro07.10.2019
Tamanho1.05 Mb.
1   2   3   4
Figura 2 - Método de teste em escadas
Seria inviável também desenvolver outro tipo de escada e substituir todas as escadas da Elektro, cerca de 3.500 unidades.
Então se optou por desenvolver um equipamento que dividi-se a força gerada pela queda do trabalhador em dois degraus e com isso conseguiríamos dividir os 6 KN no máximo, aceito pela ABNT e testado nos dispositivos trava-quedas.
Desenvolveu-se então um a fita de ancoragem, a qual ficaria fixada em dois degraus e em caso de queda, dividiria a força de 6KN entre dois degraus de 3 kN.
Através da relação de vetores podemos verificar;


Pontos de ancoragem

Fita de ancoragem

R = f1 + f2

F1
+

F2
=
R

R

Figura 3 – Funcionalidade da fita de ancoragem


Mesmo com a força sendo dividida em 2, ainda estávamos próximo do limite de suportabilidade dos degraus, então para diminuir ainda mais esta força, foi confeccionado costuras no dispositivo, as quais começam a se desfazer com uma força acima de 2,5 kN, são aproximadamente 10 costura que se rompem gradativamente, diminuindo a força em aproximadamente 70%
Os mesmos testes realizados com os trava-quedas na figura 2, foram realizados com a fita de ancoragem em escadas, colocando-a como ponto de ancoragem e em nenhuma vez todas as costuras chegaram a abrir completamente, sempre restavam ainda 3 ou 4 costuras e a força gerada não passou de 6 KN.
Encontrado a solução para a diminuição das forças geradas pela queda do trabalhador, partimos para desenvolver um método que fosse de fácil e rápida instalação.
Chegamos então ao dispositivo denominado de “fita de ancoragem em escada”, o qual possui fivelas de engate rápido.


Fivelas de aço de engate rápido

Costuras em V que diminuem a força de impacto

Anéis para conexão de linha da vida

Fita de poliéster

Figura 4 - Fita de ancoragem em escadas


E foi desenvolvido para ser de fácil instalação e retirada conforme mostrados nas figuras abaixo:

Figura 5 – Instalação da fita de ancoragem de escadas



Após a elaboração do equipamento “fita de ancoragem em escadas” iniciamos o desenvolvimento dos procedimentos de escalada de postes com escadas bi apoiadas, escalada de escadas mono apoiadas, escalada de estruturas metálicas (torres), escalada de transformadores de força e resgate de eletricistas em alturas.


Procedimento de escalada em escadas mono apoiadas (escada de centro) – deve-se instalar a fita de ancoragem em escadas nos dois últimos degraus e depois instalar a corda de linha da vida no estropo e esticá-la sobre a escada; levantar; içar a escada e prender a corda no primeiro degrau para que o trava-quedas não enrosque na corda durante a escalada; deve-se primeiro instalar o trava-quedas na corda e depois do cinto pára-quedista e dessa maneira evitar possíveis acidentes; escalar a escada cadencialmente e ritmando pés e mãos e posicionar-se através do talabarte de posicionamento, mas nunca desconectar o trava-quedas.

Figura 6 – Eletricista escalando escada de centro

: publicacoes -> wp-content -> uploads -> 2016
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xvi sendi – Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xix seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2010 – 22 a 26 de novembro
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro
2016 -> Xix seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2010 – 22 a 26 de novembro
2016 -> Xviii seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica sendi 2008 06 a 10 de outubro


1   2   3   4


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal