Osvaldo polidoro (reencarnação de Allan Kardec) textos divinos I



Baixar 1.42 Mb.
Página13/17
Encontro18.09.2019
Tamanho1.42 Mb.
1   ...   9   10   11   12   13   14   15   16   17

MENSAGEM DO ANJO
DO APOCALIPSE

Leitor, por mais que você faça para materialmente parecer importante, saudável, vitorioso, inteligente e bem postado socialmente, merecendo o respeito daqueles que também só enxergam a vida pelo prisma mundano, o fato é que, materialmente, você é um depósito de relatividade, matéria putrescível, excremento, suores fétidos, pruridos repugnantes, candidato a uma pasta de vermes ou a cinzas insignificantes... E tudo isso, convém não esquecer, untado de inseguranças mortais, desesperos, dores de variada ordem, lágrimas pungentes, visões cadavéricas, lembranças tétricas e remorsos cruciantes, além de impressionantes perspectivas em face do túmulo...



Em face disso tudo, sofrível e passageiro, convém lembrar algumas verdadezinhas que, bem entendidas, trarão torrentes de prudência e perseverança no Bem, simplicidade e humildade perante a Justiça Divina, com vistas ao porvir, que certamente virá, em seguida aos sofrimentos e desesperos mundanos, que no túmulo não findarão, porque ali, precisamente ali, começarão a surgir as realidades conseqüentes, o produto do usufruto mundano... Porque na encarnação é tempo de semear, enquanto na desencarnação é tempo de colher... E, por isso tudo, procure entender as verdadezinhas seguintes, já que suas negações não modificarão a Ordem Divina, mas as suas aceitações resultarão em colheitas que saltarão para a Eternidade:

DE UM PRÍNCIPE, que as circunstâncias transformaram em pastor de ovelhas e a seguir em grande legislador e transmissor do Código de Moral Divina: E NO PRINCÍPIO FEZ DEUS O CÉU, A TERRA, E TUDO O QUE ELES CONTÉM.

DE UM CARPINTEIRO, que viveu a mais Singular de Todas as Vidas Humanas: IMPORTA QUE VOS AMEIS UNS AOS OUTROS, ASSIM COMO VOS TENHO AMADO.

DO VELHO TESTAMENTO: QUANDO FORDES MANSOS E HUMILDES, INCREPAREI OS INSETOS DANINHOS E RETIRAREI DA TERRA O ESPÍRITO IMUNDO.

DO NOVO TESTAMENTO: TOMAI EXEMPLO DE MIM, QUE SOU MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO.

DA VOZ DA VERDADE: Usando apenas Dez Sentenças e uma Vida Singular, o Princípio escreveu O Tratado de Sabedoria Eterna, Perfeita e Imutável, porque fora da Verdade, do Amor e da Virtude, tudo resultará em ignorâncias, trevas e dores.



DA SABEDORIA DIVINA: O problema do espírito não é de purificação, é de desabrochamento das Virtudes Divinas que contém em potencial.

DA SABEDORIA ANTIGA, do Novo e do Velho Testamento: VÓS SOIS DEUSES.

DO CARPINTEIRO SINGULAR: O PAI É ESPÍRITO E VERDADE, ASSIM QUERENDO QUE SEUS FILHOS VENHAM A SER.

DO CARPINTEIRO SINGULAR: O REINO DE DEUS ESTÁ DENTRO DE CADA UM, E NÃO VIRÁ COM MOSTRAS EXTERIORES.

DO BOM SENSO: Procurar o conhecimento do Cristianismo fora da Bíblia é o mesmo que entronizar absurdos, contradições, corrupções, adulterações, depravações e torções repugnantes. Das promessas do Velho Testamento ao cumprimento delas no Novo Testamento, tudo na Bíblia se encontra, advertindo contra encarnados e desencarnados portadores de ignorâncias e erros crassos.

DA VERDADE: Entre as Verdades Divinas e as religiões fabricadas pelos homens, um abismo existe, profundo e perigoso... Para aplainar esse abismo, basta viver a Lei de Deus, imitar o Comportamento do Cristo Modelo e cultivar a Revelação, tal e qual a Bíblia ensina, isto é, fazer da VERDADE a RELIGIÃO, e não do religiosismo ou do farisaísmo simulador, o escamoteamento da VERDADE.

DA REALIDADE CÍCLICO-HISTÓRICA: O novo céu e a nova terra, ou a profunda renovação da Humanidade, como cita o Apocalipse, abalará todas as mentes, com vistas à Divina Ordem Moral que rege tudo. A falsa ciência e a falsa bondade irão sofrer terríveis impactos, e com elas os seus usuários.

DA OBRIGAÇÃO DE DISCERNIR: Em termos de Doutrina do Caminho, ou Cristianismo Puro, há Verdades Centrais e verdadezinhas periféricas... Quanto mais o espírito se afasta das Verdades Centrais, e chafurda nas verdadezinhas periféricas, tanto mais se perde no aranzel dos religiosismos e farisaísmos hipócritas.

DO ESPÍRITO DA BÍBLIA: Aquele que encontra uma pedra preciosa de supremo valor, deixa de lado as muitas pedrinhas insignificantes... Não custa muito, aos espíritos realmente inteligentes, descobrir a diferença que existe entre as Verdades Divinas e os engodos periféricos, de que lançam mãos os religiosismos e os sectarismos cultivados pelos que vivem às custas dos simplórios, que os aceitam.

DA IMPORTÂNCIA DA EXPERIÊNCIA: Ninguém atingirá o Reino da União Divina, ou da Cristificação Total, praticando religiosismos e sectarismos. Acima de tudo quanto a sandice humana inventa e cultiva, paira a SABEDORIA DIVINA, que manda CONHECER A VERDADE, PRATICAR O AMOR E ACUMULAR A VIRTUDE.

DA VERDADEIRA RELIGIÃO: Em lugar de inventar um ato exterior de fé, para praticar um gesto de aparência religiosa, procure um irmão de jornada, precisando de alguma coisa, e faça por ele o BEM que puder. A Justiça Divina deseja práticas amorosas ou fraternas, que forçam o desabrochamento das Virtudes Latentes, e não o cultivo da falsa ciência e da falsa bondade, que tudo entorpece no espírito.

DA BÍBLIA: Caridade quero, e não holocausto (ou ofertas exteriores), diz o Senhor Deus.

DA CIÊNCIA DA VERDADE: Como a centelha espiritual é portadora de TODAS AS VIRTUDES DIVINAS e necessita desabrochá-las, importa que cada um entenda a importância das obras de amor, caridade ou fraternidade, porque fora disso, tudo é ignorância, erro, atraso, pranto e ranger de dentes, sem esquecer as futuras encarnações dolorosas.

DA JUSTIÇA DIVINA: Encham-se de VERDADE CONHECIDA, de AMOR PRATICADO e de VIRTUDE ACUMULADA e tereis os anjos subindo e descendo sobre vós, como o Cristo Divino Molde os tinha.

DA PRUDÊNCIA QUE ADVERTE: Aquele que procura a UNIÃO DIVINA fora de si, em função de atos exteriores de fé, comete contra si o maior dos erros... Tudo isso passa por boa religião, nos primórdios evolutivos do espírito, porém é vício nefando, ao qual cumpre combater com todas as forças da inteligência.

DA DIVINA REALIDADE: Céus exteriores, ou faixas celestiais, ou zonas superpostas de habitação espiritual, representam apenas as primeiras ou mais relativas conquistas hierárquicas do espírito. Acima de tudo, importa realizar a UNIÃO ÍNTIMA, ou a INFUSÃO DIVINA, que é atingir a SAGRADA FINALIDADE, onde a DIVINA UBIQÜIDADE passa a ser o PATRIMÔNIO MÁXIMO DO ESPÍRITO, como resultante de tudo quanto o espírito em si mesmo desabrochou. Ninguém será eternamente filho de Deus, do Princípio ou Pai Divino, porque tudo, o Espírito e a Matéria, OU AQUILO QUE ASSIM É CHAMADO, tornará a ser ESSÊNCIA DIVINA.

DOS MALES DA IGNORÂNCIA: Refutar, hostilizar, servir de pedra de tropeço no CAMINHO DA VERDADE, por onde virá o seu próprio mal, como choque-de-retorno. Este fato lastimável acontece fartamente no seio da Humanidade, principalmente em função das religiões e dos sectarismos, dos fanatismos por homens, livros, médiuns e outros tantos arraigados vícios misoneístas, sem deixar de contar aqueles derivantes do puro mercantilismo clerical, ou daqueles que exploram outros interesses subalternos, aos quais procuram disfarçar com as mais esfarrapadas desculpas, ou pretextando repugnantes fidelidades dogmáticas, religiosas, doutrinárias etc.

DE DEUS: É o Princípio, Pai Divino, Essência Divina, Espírito e Verdade, ou qualquer outra denominação que queiram ou possam dar. Os homens, ou espíritos encarnados e desencarnados, de certo grau evolutivo, ou de certa capacidade discernitiva, poderão e deverão denominar, de algum modo ou de muitos modos, para vários efeitos ponderáveis, necessários, de efeitos pedagógicos, escolásticos, filosóficos, teológicos etc. Entretanto, o que Deus é, como ESSÊNCIA, COMO INTELIGÊNCIA, COMO PORTADOR DE TODAS AS VIRTUDES DIVINAS, OU ETERNO, PERFEITO E IMUTÁVEL, ONIPRESENTE, ONISCIENTE e ONIPOTENTE, É REALMENTE INOMINÁVEL, ou acima daquilo que a inteligência humana, do presente estágio evolutivo, pode conceber. E, isso mesmo, é a centelha espiritual, que é o chamado filho de Deus.

DO FATO EVOLUTIVO: Sabendo ou não, querendo ou não, o filho retornará ao seio do Pai, Princípio ou Deus, através da CAMINHADA EVOLUTIVA. Representando o Princípio, por ser MODELO, Jesus disse isto, para ser entendido: SOU O PRINCÍPIO, O MESMO QUE VOS FALO. E também disse, para o mesmo efeito: QUEM VÊ A MIM, VÊ O PAI.

DO BAGAVAD GITA: Importa que leiam todos, o SUPREMO LIVRO DA ANTIGUIDADE, porque suas VERDADES FUNDAMENTAIS jamais passarão. E que o façam como gente inteligente, higienizada e fora de fanatismos religiosistas.

DA LUZ DIVINA: A caminho da Matéria, ou rumo à condensação máxima, temos as gamas da LUZ DIVINA, tudo penetrando, em tudo sendo e estando, funcionando como o elo-de-ligação entre o Princípio e todos os demais elementos existentes no Cosmo ou na Matéria.

DA ENERGIA: Sendo Deus ou o Princípio o PRIMEIRO ESTADO, e a LUZ DIVINA O SEGUNDO, temos as gamas da ENERGIA, como o TERCEIRO ESTADO, tudo penetrando e agindo ou funcionando, no Cosmo, como o Princípio determina, por Sua Vontade ou Leis Regentes Fundamentais.

DO ÉTER: O QUARTO ESTADO, também gamático, tudo penetrando, sendo, funcionando como o Princípio e Suas Leis Regentes determinam.

DA SUBSTÂNCIA: Fluidos, substâncias, ectoplasma, elemento ódico, metérgico etc. É o QUINTO ESTADO, também gamático, já bastante mais pesado e lento do que os anteriores, desempenhando suas funções no Cosmo, como o Princípio e Suas Leis determinam.

DOS GASES, VAPORES, LÍQUIDOS E SÓLIDOS: Todos gamáticos, cada vez mais pesados ou lentos, sendo e agindo no Cosmo, como o Princípio e Suas Leis Regentes determinam.

DA TAREFA DOS ESPÍRITOS: A contar dos primórdios, atravessando a farta gama intermediária, até às mais elevadas gradações hierárquicas, ou que administram mundos, grupos ou sistemas de mundos, galáxias e metagaláxias, o desempenho de tarefas é imenso e normal.

DO PERISPÍRITO OU CARRO DA ALMA: Tudo começa com a emanação da centelha, como óvulo espiritual, que vai através dos milhões de anos formando o seu carro da alma, amalgamando gamas de Luz Divina, Energia, Éter, Substância, elementos que constituem os agentes-de-ligação entre a centelha espiritual e o corpo, que é matéria cósmica elaborada, quando o espírito entra na fase das encarnações, em algum planeta. No corpo formam as gamas de Substâncias, Gases, Vapores, Líquidos e Sólidos.

DO HOMEM ENCARNADO: Encarnam espíritos de todos os níveis hierárquicos, mais velhos e mais novos, santos e devassos, trevosos e luminosos etc. Em tudo isso, ou por causa disso, observando apenas os corpos, o emprestado pela matéria cósmica planetária, ninguém poderá afirmar quem seja o espírito, se velho ou novo, santo ou devasso, trevoso ou luminoso. Entretanto, observando o perispírito, através da vidência altamente desenvolvida ou com capacidade de penetração, tudo é visto, as simetrias e as dessimetrias, as manchas ou nódulos, a treva ou a luz, os registros cármicos negativos ou positivos.

DA AURA HUMANA: É o reflexo normal do homem, pois todo encarnado reflete, mais ou menos, melhor ou pior, aquilo que é. Embora o forçamento mental, momentâneo, possa fazer variar, a apresentação da aura logo volta ao normal, mostrando aquilo que realmente o indivíduo é. Para melhorar a aura importa melhorar o perispírito, e, para melhorar o perispírito, importa melhorar ou divinizar a centelha ou espírito. O Reino de Deus, que dorme dentro de cada um, não virá jamais com mostras exteriores ou por meio de simulações, de idolatrias, de rituais ou fingimentos comprados de homens fantasiados de donos da Verdade ou da religião.

DOS LUGARES DE PRANTO E RANGER DOS DENTES: Jesus não falou por acaso, do destino que o homem, como espírito, se dá, ao desencarnar. Cada um, através de suas mesmas obras, arranja ingresso para os Reinos de Luz e Glória, ou para os lugares de pranto e ranger de dentes. Convém meditar bem sobre estes TRÊS FATORES INICIÁTICOS, contra eles ninguém jamais triunfará.

AO LONGO DOS CICLOS E DAS ERAS: Importa dizer ao longo da escalada biológica ou evolutiva. Só assim o espírito vem a entender, só assim desabrochará as Virtudes Divinas que contém em potencial, compenetrando-se da responsabilidade perante a Justiça Divina, o Código de Moral Divina e o Cristo Modelo de conduta. Porque tudo quanto for contra, será esmigalhado. Podem os homens, encarnados ou desencarnados, forjar contradições, corrupções, depravações, mas a vitória será simplesmente da JUSTIÇA DIVINA, e de quem com ela estiver.

DO PALPITE HUMANO: Quem com ele ficar, bem pode se igualar com aquele velho e aquele menino, que acabaram carregando o burro nas costas... É fácil atirar pedras contra a Moral Divina e contra o Cristo Modelo, mas é impossível, a quem quer que seja, encarnado ou desencarnado, destruí-los. Quem quiser, ou puder, procure nos lugares de pranto e ranger dos dentes, ou nas encarnações expiatórias, e encontrará os inimigos da MORAL e do AMOR.

DOS PRIMEIROS INFORMES: Os primeiros e mais sublimes informes, sobre a vida depois da desencarnação, foram entregues por via mediúnica, na Inglaterra, entre os anos de 1910 e 1920. São duas séries, que vieram com a Chancela da Direção Planetária, e se chamam A VIDA ALÉM DO VÉU e A VIDA NOS MUNDOS INVISÍVEIS. Ninguém deveria ignorar tais sublimes e alertantes informes, porque todos terão que desencarnar e prestar contas à IMPOLUTA JUSTIÇA DIVINA.

EVANGELHO ETERNO OU PROGRAMA DIVINO: Está prometido em Apocalipse, 14, 6.

DO APOCALIPSE: Dos meados do século vinte e um, em diante, tudo quanto tiver realmente importância, está implícito, ou faz parte daquilo que está anunciado: UM NOVO CÉU E UMA NOVA TERRA, ou a grande renovação do Mundo e da Humanidade, custe o que custar, doa a quem doer, porque a falsa ciência e a falsa bondade não poderão vingar para sempre.

NA ENCRUZILHADA DOS TEMPOS: Todos os fenômenos, fatos ou acontecimentos, têm origem, função e finalidade, no seio do Espaço e do Tempo. Os Mundos e as Humanidades, as Leis Regentes Fundamentais e as circunstâncias conseqüentes, principalmente as de caráter humano, não tendo tido geração espontânea, como nada tem. Necessitam estudo acurado, vasto e profundo, por parte de cada indivíduo, de cada responsável perante a JUSTIÇA DIVINA. Até ao presente, a Humanidade viveu para os palpites daqueles que, donos de religiões e doutrinas, manobraram a bem de fartas maquinações e fermentos farisaicos.

A SEGUNDA METADE EVOLUTIVA DO PLANETA E DA HUMANIDADE: Ou aquilo que no Apocalipse é chamado novo céu e nova terra. Quem quiser estar a par dos fatos porvindouros, leia o Apocalipse, capítulos 21 e 22, com atenção e suas vistas voltadas à JUSTIÇA DIVINA, porque ninguém deterá os acontecimentos previstos. O recado é para cada filho de Deus, para cada responsável pela própria conduta, não para religiões ou doutrinas organizadas por homens.

O AVISO CELESTIAL:


“Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos devassos, e aos feiticeiros, e aos idólatras, e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre, o que é a segunda morte.”

“Quem é injusto, faça injustiça ainda; quem é sujo, suje-se ainda; quem é justo, faça justiça ainda; quem é santo, seja santificado ainda. Eis que cedo virei, e o meu galardão anda comigo, para recompensar a cada um segundo as suas obras.”

“Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os que se prostituírem, os homicidas, os idólatras, e qualquer que comete e ama a mentira.”

PALAVRA AOS PEREGRINOS DA CARNE: O Princípio e Suas Leis Regentes Fundamentais, que enviaram à carne, em tempo certo, os Grandes Iniciados, Instrutores e Profetas, Mestres e Cristos, não são peregrinos, não desencarnam... Você, peregrino, ou mortal no plano carnal, que vai responder pelas suas obras perante a JUSTIÇA DIVINA, tome cuidado com o que procura saber, pensar, sentir e agir, porque ninguém tomará o seu lugar, como responsável.



QUALQUER UM ENTENDE: Desde que não seja tolo, qualquer um pode entender que as advertências bíblico-proféticas dirigem-se a cada filho de Deus, tendo na MORAL DIVINA, NO CRISTO MODELO E NA REVELAÇÃO, os fundamentos iniciáticos das mesmas advertências. E não é por acaso que a Bíblia judeu-cristã, dentre todas as Grandes Bíblias da Humanidade, é a única que tem sentido profético, que avisa sobre os ciclos porvindouros, no seio da JUSTIÇA DIVINA.

DA COMUNICABILIDADE DOS ANJOS OU ESPÍRITOS: Onde quer que haja espíritos encarnados, em mundos inferiores ou superiores à Terra, há anjos ou espíritos comunicantes. Ninguém deve descurar da Revelação, das mediunidades, dons espirituais ou carismas, que facilitam sinais, prodígios e curas, porém jamais deve pretender que isso, simplesmente isso, represente vantagens perante a JUSTIÇA DIVINA. A Revelação é acima de tudo CONSOLADORA.

POBRES DE ESPÍRITO: A suprema pobreza é a daqueles que, em lugar de procurar Deus, o Princípio ou Pai Divino, dentro de si próprios, procuram-no fora, longe, de quando em quando, através de formalismos, fingimentos, engodos clericais, simulações ou idolatrias.

CORRUPÇÕES: Cristianismo tem fundamento na Lei de Deus ou Moral Divina, na Vida Exemplar do Cristo Divino Molde e, como Graça Consoladora, sobre a Revelação generalizada por Ele mesmo. Apresentamos, abaixo, o documento bíblico-profético, em face do qual todos devem obrigação de estudo e ponderação. NÃO ADIANTA MENTIR... Evitar o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia, constitui a maior obrigação daqueles que se acreditam arautos do CRISTIANISMO RESTAURADO, da Excelsa Doutrina do Caminho, cujos fundamentos são – A Lei de Deus ou Moral Divina, o Cristo Divino Molde ou Exemplo de Conduta, e, como Graça de Deus derramada sobre a carne, a Revelação, o Consolador generalizado, os dons mediúnicos tornados públicos.

Com a corrupção da Excelsa Doutrina, a partir do quarto século, caudais de hipocrisias, erros oficializados, corrupções licenciadas, depravações entronizadas, tomaram o lugar da VERDADE. Como a VERDADE É FOGO QUE DIVINIZA, e quem é do contra terá que responder perante a JUSTIÇA DIVINA, aqui apresentamos o VERDADEIRO CRISTIANISMO, a documentação bíblica que dispensa palpites religiosistas ou sectários de quem quer que seja, encarnados ou desencarnados; porque as sujidades humanas vigoram em ambos os lados...

Assim como Jesus procedeu, comecemos com o Código de Moral Divina:

1 – Eu sou o Senhor teu Deus, não há outro Deus.

2 – Não farás imagens quaisquer, para as adorar.

3 – Não pronunciarás em vão o nome de Deus.

4 – Terás um dia, na semana, para descanso e recolhimento.

5 – Honrarás pai e mãe.

6 – Não matarás.

7 – Não cometerás adultério.

8 – Não furtarás.

9 – Não darás falso testemunho.

10 – Não desejarás o que é do teu próximo.

A quem Lhe fazia pergunta, sobre COMPORTAMENTO, Jesus mandava VIVER A LEI MORAL OU DE DEUS, porque sem Moral a vida é fábrica de pranto e ranger de dentes. E da Sua Tarefa Messiânica, estes documentos diziam tudo, só não respeita quem está escravizado ao erro, seja ele qual for, sob pretextos quaisquer:

O consolador que Ele deveria generalizar ou a Promessa do Pai que Ele deveria cumprir, tem aqui a documentação, e cada leitor, se quiser ser honesto, não participante de maquiavelismos de cleros ou panelinhas capciosas, saberá o que foi, o que é, o que nunca deixará de ser, porque os erros se rebentarão contra a JUSTIÇA DIVINA:

PRIMEIRO TEMPO – Moisés, o grande médium e cultor do revelacionismo, deseja que a Revelação tenha caráter generalizado:

“Quem dera que o Senhor desse o Seu Espírito Santo e que toda a carne profetizasse” – Números, 11, 29.

SEGUNDO TEMPO – Deus promete a generalização da Revelação para dias futuros:

“Derramarei o Meu Espírito Santo sobre a tua semente, e a minha bênção sobre a tua descendência” – Isaías, 44, 3.

“Derramarei o Meu Espírito Santo sobre toda a carne, e vossos filhos e filhas profetizarão, vossos velhos terão sonhos e vossos jovens terão visões” – Joel, 2, 28.

“Faz dos seus anjos espíritos e dos seus ministros fogo abrasador” – Salmos, 104. (Cuidado com certas Bíblias adulteradas).

TERCEIRO TEMPO – João Batista e Jesus, durante a encarnação preparam o ambiente humano, para que possa haver o CUMPRIMENTO DA PROMESSA DO PAI. Observe-se bem, que promessas fizeram, que fenômenos mediúnicos produziram, tudo conforme as promessas do Velho Testamento:

“Sobre aquele que vires descer o Espírito Santo, esse é que em Espírito batizará” – João, 1, 33.

“Mas o Consolador, o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em Meu nome, ele vos ensinará todas as coisas, e vos lembrará tudo quanto vos tenho dito” – João, 14, 26.

“Porém, quando vier o Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade...” – João, 16, 13.

“Daqui em diante vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o filho do Homem” – João, 1, 51.

“Deus não é de mortos, mas de vivos, porque aqueles que forem dignos da ressurreição, serão como os anjos do céu” – Mateus, cap. 22.

“Eis que estava falando com ele dois varões, que eram Moisés e Elias” – Lucas, cap. 9.

QUARTO TEMPO – Depois de tudo preparar durante a encarnação, Jesus é perseguido, insultado, preso, manietado, cuspido, esbofeteado, surrado com azorrague de pontas de chumbo e crucificado. Foi o único, dentre os Grandes Mestres e Iniciadores, que voltou como espírito, para epilogar a tarefa messiânica. Observe-se o que aconteceu, para a Generalização do Consolador, a comunicabilidade dos anjos, espíritos ou almas, a realidade viva da Doutrina do Caminho, ficar no mundo:

“Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que virá sobre vós, e me sereis testemunhas em Jerusalém, Judéia e Samaria e até aos confins da Terra” – Atos, cap. 1.

“E foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem” – Atos, cap. 2.

“Porque para vós é a promessa, e para quantos estiverem longe, quantos o Senhor a Si quiser chamar” – Atos, cap. 2.

“Porque a um pelo Espírito é dada a palavra de sabedoria, a outro de ciência, a outro a fé, a outro o dom de curar, a outro a produção de maravilhas, a outro a profecia, a outro o discernimento dos espíritos, a outro as línguas diversas, e a outro as interpretações” – I Ep. Coríntios, cap. 12.

“Quem tiver ouvidos, ouça o que diz o Espírito às Igrejas” – Apocalipse, cap. 2.

“Porque o testemunho de Jesus é o Espírito de Profecias” – Apocalipse, cap. 19.

“Duros de cerviz, e vazios de coração, vós sempre resistis ao Espírito Santo; sois como vossos pais” – Atos, cap. 7.

“E os discípulos estavam cheios de alegria e do Espírito Santo” – Atos, cap. 13.

“Viu claramente, em visão, um anjo de Deus” – Atos, cap. 10.

“E disse-me o Espírito que fosse com eles” – Atos, cap. 11.

“Porque esta noite, o anjo de Deus, de quem sou e a quem sirvo, esteve comigo” – Atos, cap. 27.

“E disse o Senhor, em visão, a Paulo” – Atos, cap. 18.

“Estendendo a tua mão para curar e para que se façam sinais e prodígios pelo nome de teu santo filho Jesus” – Atos, cap. 4.

“Porque, sendo exaltado por Deus, e, tendo recebido de Deus a promessa do Espírito, derramou a este sobre vós, como agora o estais vendo e ouvindo” – Atos, 2, 33.

“Caríssimos, não creiais a todo espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque muitos já foram os falsos profetas que se levantaram no mundo” – I Ep. de João, cap. 4.

“Vós, que recebestes a Lei por meio dos anjos, e entretanto não a guardais” – Atos, cap. 7.

Leitor, quando a ignorância e a hipocrisia deixarem de comandar o espetáculo religioso dito cristão, todos entenderão isto, e a Excelsa Doutrina do Caminho, a Doutrina da VERDADE QUE DIVINIZA, se estenderá por toda a CARNE, como o Cristo Ressurgido anunciou, no Livro dos Atos, 1, 1 a 8.

1 – A Bíblia inteira, do Gênese ao Apocalipse, fundamenta-se na Revelação, na comunicabilidade dos anjos, espíritos ou almas, e negar isso é obra de doentes mentais ou errados propositais, o que é pior...

2 – No Profetismo Hebreu e nas Escolas Iniciáticas, ou nos Oráculos, o Mediunismo era cultivado em caráter secreto ou oculto, em virtude da responsabilidade do seu cultivo, dos perigos derivados da imprudência humana...

3 – O desejo de Moisés se completou em Jesus, que generalizou a Revelação, ou Batizou em Espírito, ou Derramou o Espírito sobre toda a carne, conforme a Promessa de Deus, Princípio ou Pai Divino...

4 – O Cristo Divino Molde representa a MORAL DA LEI DE DEUS, O AMOR-RENÚNCIA E A REVELAÇÃO, O CONSOLADOR GENERALIZADO, e somente cérebros doentios ou criminosos podem negar semelhante fato...

5 – Até o quarto século, os seguidores de Jesus conseguiram VIVER O VERDADEIRO CRISTIANISMO. Cristianismo é Moral Divina, Amor e Revelação... A partir de 325, Roma tudo corrompeu, inverteu, chamando a Revelação de COISA DE BELZEBU... A Graça de Deus, generalizada por Jesus, foi assim blasfemada e perseguida...

6 – Com isso, não se cumpriu aquilo que Jesus ordenou em Atos, 1, 1 a 8...

7 – Com isso, a ignorância das verdades espirituais, a negação, o materialismo, a brutalidade, a corrupção, as inversões de variada ordem, foram invadindo a Humanidade...

8 – As advertências do Sermão Profético e do Apocalipse ficaram para trás...

9 – Todos se esqueceram de Romanos, 1, 22 a 32... Já leram?...

10 – Para tais alertas não existem revistas, jornais, discursos, rádios, televisões e outros meios de comunicação, que os apóstolos da ciência vieram colocar ao alcance dos homens...

11 – Dizer que Jesus prometeu o Consolador para dezoito séculos depois é uma das formas de hipocrisia...

12 – Não apresentar a documentação bíblica sobre o Consolador, é outra forma de hipocrisia...

13 – Sobre a Lei de Deus, o Cristo Divino Molde e o Consolador por Ele generalizado, SÓ A BÍBLIA É LIVRO AUTORIZADO, e quantos outros possam existir são meros parasitas, além de veicularem erros, falhas, omissões, adulterações etc...

14 – Por cima da JUSTIÇA DIVINA, ninguém passará, e muito menos os hipócritas, porque ninguém é hipócrita por acaso...

15 – A Lei de Deus e o Cristo Divino Molde são INSTITUIÇÕES DIVINAS, e nenhum espírito, encarnado ou desencarnado, LHES É MAIOR...

16 – Elástica é a consciência humana, fartos são os seus recursos, em termos de desculpas esfarrapadas, porém ao desencarnar, a JUSTIÇA DIVINA lhe falará outra linguagem, acima de conchavos e malabarismos...

17 – Gemem e pranteiam, nos lugares de pranto e ranger dos dentes, aqueles que andaram forjando estatutos humanos, rituais e engodos, onde a Lei de Deus e o Cristo Divino Molde foram barrados ou adulterados, ou transformados em cabides onde são penduradas as mais diversas formas de escamoteações religiosistas e sectárias...

18 – Em qualquer tempo e local, para o ser humano viver do melhor modo possível, é indispensável a vida social, o irmanamento funcional, a permuta de direitos e deveres para com o próximo, seja em termos de família ou qualquer outro. E como o COMPORTAMENTO SOCIAL é mais importante e necessário do que o CONVENCIONALISMO RELIGIOSO, Deus enviou aos filhos a Lei Moral e o Cristo Exemplo de COMPORTAMENTO...

19 – Como a vida carnal se reflete na vida espiritual do pós-túmulo, oferece Deus aos filhos o Ministério da Revelação, do Consolador, isto é, da comunicabilidade dos desencarnados, também chamados anjos, espíritos ou almas...

20 – A você, leitor, que leu os textos bíblicos que dizem respeito ao Espírito Santo, Consolador ou de Verdade, recomendamos nova leitura, para que responda a estas perguntas:

A – É o Espírito Santo a terça parte de Deus, o Princípio Único?

B – É o Espírito Santo algum ou um espírito comunicante?

C – É o Espírito Santo o símbolo dos bons espíritos que se comunicam?

D – É o Espírito Santo uma Virtude Divina que se manifesta na carne, ou nas pessoas, como dons espirituais, mediunidades ou carismas, ou virtudes outras, que facilitam sinais e prodígios, curas, comunicações entre encarnados e desencarnados, sonhos proféticos, visões etc.?

E – Quem foi o Grande Iniciado, Mestre, Profeta ou Cristo, que teve por função Derramar do Espírito de dons e sinais sobre a carne?

F – Por que, leitor, pessoas que se afirmam cristãs, detestam, fogem das verdades bíblico-proféticas, escondem-nas daqueles que as procuram, desviam-se de suas advertências, corrompem suas afirmações, negam suas verdades fundamentais?

G – Quem são os falsos profetas ou anti-Cristos? Não são aqueles que negam e agem contra a Lei de Deus, contra o Cristo Exemplo de Conduta e contra o Consolador que Ele generalizou, a partir do Pentecoste, como o Livro dos Atos relata e as Epístolas provam fartamente?

H – Por que, leitor, o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia, vive adulando a Misericórdia Divina, pensando que, com isso, conseguirá ludibriar a JUSTIÇA DIVINA?

I – Por que, leitor, pessoas que na encarnação pareciam importantes, verdadeiros líderes, donos de religiões e de doutrinas (em face dos menos avisados), no mundo espiritual são rasteiros, inferiores, medíocres, e muitas vezes trevosos, curtindo angustiosos remorsos?

J – Lembre-se disto, leitor: O Princípio, Deus ou Pai Divino, que enviou nos devidos tempos os Grandes Iniciados, Instrutores, Profetas, Mestres ou Cristos, e por meio deles a Lei Moral, o Cristo Divino Molde e a Revelação Generalizada, não o fez por acaso nem para ser humilhado, ridicularizado, corrompido, adulterado ou blasfemado. Assim como no Infinito e na Eternidade, os Mundos e tudo o que eles contém, são e funcionam obedecendo aos ditames das Leis Regentes Fundamentais, também os espíritos encarnados e desencarnados, deste Planeta ainda muito inferior, estão sujeitos às mesmas Leis Regentes Fundamentais, e responderão perante elas com todo o rigor.

K – Como você mesmo, leitor, pode observar na natureza, ou Criação Material, ou Deus assim manifestado, que é o certo, todos os fenômenos ou acontecimentos, ou processamento evolutivo, por força de Leis Regentes Fundamentais, estão sujeitos a Ciclos, ou Eras etc. O Tempo, que em essência é Eterno, no plano da relatividade se revela por frações, ou repartido, porque os seres e as coisas assim necessitam, para a sua movimentação e progresso lento. O Espaço, que em essência é Infinito, no plano relativo se revela fracionado, dividido, limitado, porque os seres e as coisas disso necessitam. Entretanto, como todos os acontecimentos ou fenômenos estão sujeitos às leis de origem, movimento, evolução e finalidade a ser atingida, as Humanidades e os indivíduos nelas estão enquadrados e ninguém por cima delas passará jamais. Portanto, acima de palpiteiros e palpites quaisquer, de encarnados ou desencarnados, religiosistas ou sectários, crentes ou descrentes, aquele segundo tempo evolutivo do Planeta e da Humanidade, que o Apocalipse chama de NOVO CÉU E NOVA TERRA, desponta nos horizontes da História, trazendo com ele os mais abaladores acontecimentos, gloriosos e tormentosos, forçando os espíritos no sentido da Lei de Deus, do Cristo Exemplo de Comportamento e da Revelação Consoladora Generalizada. Para bem entender destas apocalípticas verdades, procure ler a MENSAGEM DO ANJO DO SARÇAL.

L – Com vistas ao NOVO CÉU e a NOVA TERRA, ou entrada na segunda metade evolutiva do Planeta e da Humanidade, a ORDEM DIVINA não foi no sentido de fundar esoterismos, teosofismos, espiritismos, ou rosacrucianismos, mas sim para RESTAURAR O CRISTIANISMO, A EXCELSA DOUTRINA DO CAMINHO, QUE TEM FUNDAMENTO ETERNO NA LEI MORAL OU DIVINA, NO CRISTO DIVINO MOLDE E NO CONSOLADOR QUE ELE GENERALIZOU. Falhas, omissões, erros absurdos e outras tantas infelizes ingerências humanas, concorreram e concorrem para o grande mal, que é NÃO ENSINAR A VERDADE, sobre a tarefa messiânica, Daquele que não nasceu de homem e deixou o túmulo vazio. Para ficarem com palpiteiros humanos, encarnados e desencarnados, e seus fanáticos sectarismos, em nome da VERDADE, trabalham contra a VERDADE.

M – Divino Monismo, Consciência da Unidade, Sabedoria do Princípio, que foi em todos os Ciclos, em todas as Eras, a tese dos verdadeiros Grandes Iniciados, Mestres ou Cristos, aqueles que souberam e ensinaram por antecipação, virá a ser, durante a segunda metade evolutiva do Planeta e da Humanidade, ou o Novo Céu e a Nova Terra, A MEDIDA DE TODOS. A primeira metade é divergente, a segunda metade é convergente, isto é, no Primeiro Céu e na Primeira Terra acontece a Manifestação do Princípio ou Deus, com todos os valores em potencial ou intrínsecos, atingindo o seu clímax ou vértice intermediário, quer para o Mundo, quer para a Humanidade. Com o findar da primeira metade evolutiva, começa a VOLTA AO PRINCÍPIO, DEUS OU PAI DIVINO, quer do Planeta, quer da Humanidade. Fanatismos religiosistas ou sectários, de encarnados ou desencarnados, jamais deterão os DESÍGNIOS DIVINOS.

N – Os acontecimentos abaladores que atingirão o Planeta e a Humanidade, até meados do século vinte e um, serão mais profundos e graves, ou menos profundos e graves, segundo como as VERDADES DIVINAS FUNDAMENTAIS venham ou não a ser respeitadas pela Humanidade. O que não haverá, de maneira alguma é transferência de acontecimentos. Entendam bem cada filho de Deus, aquilo que a Lei Moral, o Cristo Divino Molde e o Consolador por Ele generalizado significam, na ORDEM EVOLUTIVA DO PLANETA E DA HUMANIDADE, porque, custe o que custar, doa a quem doer, os fatos terão curso e ninguém escapará. É tempo em que a JUSTIÇA DIVINA, segundo a Ordem dos Ciclos, terá que impor SUA AUTORIDADE, indicando no rumo da SAGRADA FINALIDADE.

O – O fermento dos fariseus, que é a hipocrisia, faz respeitar a falsa ciência e a falsa bondade, os exteriorismos, os mediocrismos, as verdadezinhas rasteiras ou periféricas, que enganam aos tolos. Falar em Deus, na Verdade, no Amor, tudo isso é fácil para ele, porque o maior número de pessoas vive para acreditar em parlapatanismos, discursos histéricos, formalismos pagãos, esquecendo de viver a Lei de Deus, o Exemplo de Conduta do Cristo Modelo. Em geral faz ele, o fermento dos fariseus, questão de respeitar as aparências, o mundo que passa, a pança e o bolso, o egoísmo e o orgulho, sob os mais esfarrapados pretextos, esquecendo a imortalidade do espírito, a sua responsabilidade perante a JUSTIÇA DIVINA. Como não pode deixar de ser, com todo fingimento possível, adula a Misericórdia Divina, pensando que, com isso, vai subordinar a JUSTIÇA DIVINA. Os ciclos evolutivos porvindouros, sempre mais exigentes, como cita o capítulo vinte do Apocalipse, esmigalharão a ignorância e o erro, o fingimento e seus derivados. A simplicidade, a sinceridade de conduta de um irmão para com o outro, o comportamento fraterno, a solicitude em servir, isso é que prevalecerá, porque isso é o que ensinam a Lei Moral e o Amor-renúncia do Cristo Modelo. E com isso, todos terão os anjos como Jesus os teve, ao redor, para ajudar o quanto Deus permitir.

P – Os dons do Espírito Santo, os carismas, as mediunidades, ou como queiram a essas Virtudes denominar, tanto mais irão se manifestando na Humanidade, tal como o Livro dos Atos ensina. O cultivo desses dons espirituais, como é de reconhecer, reclama o máximo de honestidade e renúncia. Deles é que o Cristo Modelo afirmou: DAI DE GRAÇA, O QUE DE GRAÇA RECEBESTES. Entretanto, não basta dar de graça, é necessário dar o mais puro, honesto e fraterno possível. Ignorâncias, orgulhos, vaidades e ciumeiras, tais são os males que mais prejudicam os portadores de carismas. Se existem pessoas, por cujos dotes e responsabilidades pesam fartamente os ditames da Lei Moral e do Cristo Modelo, essas pessoas são os médiuns. Importa que leiam com atenção o capítulo vinte e dois do Apocalipse. Porque o seu recado não tem fim.

Q – Lembre-se, leitor, de uma vez para sempre, que no Espaço e no Tempo, por Determinação do Princípio, Deus ou Pai Divino, Mundos e Humanidades existem, são e funcionam, isto é, movimentam no rumo de uma Sagrada Finalidade. E tudo isso, procure entender bem, fora e acima de proprietários de religiões, de sectarismos, de fabricantes de tabelinhas capciosas, politiqueiras, dogmatistas e nauseabundas, ou defensoras de infames interesses subalternos. Essas infâmias funcionam EM NOME DE DEUS, nunca porém GRAÇAS A DEUS, porque ELE não responde por quantas imundícias os homens fabricam e exportam, graças a outros tantos homens, que, por ignorância ou negligência, aceitam e compram tais erros.

R – Depois de Deus, o Princípio ou Pai Divino (ou qualquer nome que procure significar a ESSÊNCIA DIVINA ONIPRESENTE), importa conhecer o que fizeram, ou ensinaram, alguns vultos maiores, iniciáticos, proféticos ou messiânicos. Tais vultos ou missionários maiores, apontaram no rumo de UMA MESMA VERDADE FUNDAMENTAL, e para que o leitor possa ter uma melhor NOÇÃO DA VERDADE FUNDAMENTAL, faz-se necessário conhecer o que eles ensinaram. Como não foram eles os fabricantes de Mundos e de Humanidades, mas apenas os Mensageiros maiores do Princípio, Deus ou Pai Divino, é necessário tomar muito cuidado com os maliciosos, os fabricantes de religiões ou de sectarismos, encarnados ou desencarnados, que usam dos nomes ou da autoridade dos Mensageiros Maiores, para disso tirarem proveitos mundanos, subalternos ou mesmo criminosos, pelo fato de desviarem as gentes do RESPEITO DEVIDO ÀS VERDADES FUNDAMENTAIS OU DIVINAS.

S – Depois do Cristo Divino Molde, o Apocalipse profetiza a vinda de UM EVANGELHO ETERNO, A SER PROCLAMADO A REIS E POVOS DO MUNDO. Apocalipse, 14, 6.

T – Depois do capítulo quatorze do Apocalipse, todas as afirmações giram em torno do Princípio ou Deus, da Sua Justiça Divina, da Lei Moral, do Cristo Divino Molde e do Ministério da Revelação.

U – Lembre-se, leitor, de não confundir entre as VERDADES DIVINAS e as verdadezinhas humanas porque estas, em nome daquelas, fabricam e exportam todas as espécies de erros.

V – Reclamando o direito de justificar suas mesmas podridões, organizam-se em camarilhas, articulam seus conchavos, escrevem suas capciosas tabelinhas, e cinicamente se arvoram em DONOS DA VERDADE E DAS CONSCIÊNCIAS ALHEIAS.

X – Estude, portanto, a Lei de Deus, fora de maquiavelismos humanos.

Y – Estude o Cristo Divino Molde, que não nasceu de homem e deixou o túmulo vazio, tendo também generalizado a Revelação. Mas estude por conta própria, como melhor puder, através dos dias, das encarnações, porque o dever e o direito de chegar ao PERFEITO CONHECIMENTO é individual.

Z – Para isso, estude todas as Grandes Bíblias da Humanidade, não esquecendo que a única que tem sentido profético é a judeu-cristã. Se aprender realmente a ler a Bíblia, nela achará o CAMINHO CERTO, aquele que o levará a REALIZAR EM SI O REINO DE DEUS, A UNIÃO VIBRACIONAL TOTAL, ISTO É, TORNAR-SE ESPÍRITO E VERDADE, COMO O PAI O É. Porque ninguém será eternamente filho de Deus, tendo de realizar em si o VÓS SOIS DEUSES. E muito cuidado, com as verdadezinhas periféricas, que iludem aos incautos, porque fornecem fartos materiais de exploração aos fabricantes de religiões. Procure a VERDADE dentro de si, mas não pelos caminhos da ignorância, do erro e dos hipocritismos humanos. Lembra-se de que é UMA CENTELHA DE DEUS, COMPORTANDO, EM POTENCIAL, TODAS AS VIRTUDES DIVINAS.




1   ...   9   10   11   12   13   14   15   16   17


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal