Número do documento



Baixar 71.68 Kb.
Encontro26.01.2018
Tamanho71.68 Kb.


Check list dos metadados

Número do documento –Refere-se aos 04 (quatro) primeiros números gerados automaticamente pelo sistema SEER do OBJN ainda no processo de submissão. Numero do documento:      

  1. Nome do autor - Refere-se ao nome completo e sem abreviaturas DE CADA AUTOR, na ordem pela qual deverá aparecer na publicação:

NOME DO AUTOR 1:      

Facebook autor 1:       Twitter autor 1:      

Email autor 1 :      

NOME DO AUTOR 2:      

Facebook autor 2:       Twitter autor 2:      

Email autor 2 :      

NOME DO AUTOR 3:      

Facebook autor 3:       Twitter autor 3:      

Email autor 3 :      

NOME DO AUTOR 4:      

Facebook autor 4:       Twitter autor 4:      

Email autor 4 :      

NOME DO AUTOR 5:      

Facebook autor 5:       Twitter autor 5:      

Email autor 5 :      

NOME DO AUTOR 6:      

Facebook autor 6:       Twitter autor 6:      



Email autor 6 :      

  1. Instituição/afiliação - Campo a ser preenchido em português refere-se ao PRINCIPAL VÍNCULO INSTITUCIONAL DE CADA AUTOR e JAMAIS deve ser confundido com “filiação”. Recomenda-se a adoção da seguinte hierarquia: departamento, unidade, instituição, abreviatura do estado da federação e país. Por exemplo: Departamento de Enfermagem Médico-Cirúrgica, Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense SEM pontuação no final do texto. Notar que não se refere ao currículo do autor, mas seu principal vínculo. A adoção de duplo vínculo é recomendada somente para estudantes que possuem um vínculo de trabalho com uma instituição e desenvolvem atividade acadêmica ou de cooperação em outra:

AFILIAÇÃO AUTOR 1 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 1 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 1 (EN):      

AFILIAÇÃO AUTOR 2 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 2 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 2 (EN):      

AFILIAÇÃO AUTOR 3 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 3 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 3 (EN):      

AFILIAÇÃO AUTOR 4 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 4 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 4 (EN):      

AFILIAÇÃO AUTOR 5 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 5 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 5 (EN):      

AFILIAÇÃO AUTOR 6 (PT):      

AFILIAÇÃO AUTOR 6 (ES):      

AFILIAÇÃO AUTOR 6 (EN):      

  1. Resumo da biografia: Campo a ser preenchido em português e, definitivamente não se refere ao currículo vital ou memorial do autor, mas as principais características acadêmicas e profissionais. Recomenda-se dois parágrafos, a saber: Parágrafo primeiro – adotar a seguinte hierarquia separada por vírgulas e início das palavras em letra maiúscula com exceção das preposições para formação de base (graduação), principal ocupação e maior titulação acadêmica; Parágrafo segundo: Digitar o atalho para o currículo lattes do autor, igualmente precedido de http://:

AUTOR 1 (PT):      

AUTOR 1 (ES):      

AUTOR 1 (EN):      

AUTOR 2 (PT):      

AUTOR 2 (ES):      

AUTOR 2 (EN):      

AUTOR 3 (PT):      

AUTOR 3 (ES):      

AUTOR 3 (EN):      

AUTOR 4 (PT):      

AUTOR 4 (ES):      

AUTOR 4 (EN):      

AUTOR 5 (PT):      

AUTOR 5 (ES):      

AUTOR 5 (EN):      

AUTOR 6 (PT):      

AUTOR 6 (ES):      

AUTOR 6 (EN):      

  1. Título: Inserir título em português do artigo, com até 12 palavras, incluindo o método ou desenho do estudo. Utilizar letra maiúscula somente no início da primeira palavra ou nomes próprios. Atentar de abordagem não é método. Portanto, os termos “qualitativa” ou “quantitativa” são inadequados para compor o título:

Título (PT):      

Título (ES):      

Título (EN):      

  1. Resumo: Inserir resumo em português com até 150 palavras. A exceção são os resumos de teses/dissertação e notas prévias que podem conter até 1000 palavras. Deve ser redigido em parágrafo único, destacando as seguintes seções em negrito e dois pontos: problema ou introdução (opcionais), objetivo, método que deve ser o mesmo descrito no título, resultados, discussão e conclusão.

Resumo (PT):      .

Resumo (ES):      .

Resumo (EN):      .

No parágrafo seguinte escrever em negrito “Descritores:”. Após o dois pontos (:) inserir de três a seis tesauros em português, espanhol e inglês. O dicionário controlado que os contém está disponível em http://regional.bvsalud.org/php/decsws.php Os descritores deverão ser separados por ponto e vírgula (;) e utilizar ponto final após o último. Os descritores deverão ter as iniciais em letras maiúsculas em todas as palavras, exceto nas preposições e/ou artigos. Exemplo: “Cuidados de Enfermagem”.






Descritores (PT)

Descriptores (ES)

Descriptors (EN)

Termo 1

     

     

     

Termo 2

     

     

     

Termo 3

     

     

     

Termo 4

     

     

     

Termo 5

     

     

     

Termo 6

     

     

     

  1. Área e subárea do conhecimento: Campo a ser preenchido em português, espanhol e inglês após a consulta do anexo de do artigo disponível em: http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/article/view/3633. Assim, para cada termo selecionado o autor deverá procurar o seu correspondente em idioma português, espanhol e inglês. Utilizar de 4 a 6 termos separados por ponto e vírgula (;). Os níveis hierárquicos dos termos são descrescentemente identificados pelas cores: vermelho, verde, azul e preta, correspondendo respectivamente a: grande área, área, subárea e especialidade. O OBJN recomenda que o autor selecione seis termos, obedecendo preferencialmente os quatro níveis hierárquicos (cores), aos quais se somam mais dois termos livres. Exemplo: Ciências Sociais Aplicadas; Ciência da Informação; Bilioteconomia; Técnicas de Recuperação de Informação; Ciências da Saúde; Enfermagem.




    Português (PT)

    Espanhol (ES)

    Inglês (EN)

    Termo 1

         

         

         

    Termo 2

         

         

         

    Termo 3

         

         

         

    Termo 4

         

         

         

    Termo 5

         

         

         

    Termo 6

         

         

         

  2. Palavra-chave: Diferentemente do campo ASSUNTO, refere-se a palavra única ou expressão curta consagradamente utilizado no assunto de interesse, que, contudo, não constitui-se num tesauro ainda. Notar que a capacidade de recuperação de publicações a partir da utilização de tesauros é sobremaneira maior quando comparada à palavra-chave. Recomenda-se a utilização de três a seis termos em português com base na formatação padrão adotada pelo OBJN, qual seja, iniciais com letras maiúscula com exceção de preposições e artigos, ausência de ponto final ao término. Exemplos: Metadados; Ciências da Vida; Enfermagem:




    Português (PT)

    Espanhol (ES)

    Inglês (EN)

    Termo 1

         

         

         

    Termo 2

         

         

         

    Termo 3

         

         

         

    Termo 4

         

         

         

    Termo 5

         

         

         

    Termo 6

         

         

         

  3. Geo-espacial: Campo de inserção em português, seguindo a formatação padrão e refere-se à área de cobertura pesquisada no artigo, diminuindo assim, as palavras do título. Sugestões: nome da Cidade, Estado, País, Continente ou Mundial:

    Geoespacial (PT)

    Geoespacial (ES)

    Geoespacial (EN)

         

         

         

  4. Cronológica ou histórica: Campo em português que abarca a cobertura cronológica ou histórica e, semelhantementemente ao ítem anterior também desafoga o título do artigo. Refere-se ao PERÍODO DE COLETA DE DADOS ou SEGUIMENTO e, em caso de pesquisa de revisão ou histórica expressa o recorte temporal adotado ou divisões históricas clássicas. Exemplo: 2010, Março a Maio de 2011, Idade Média, Primeiro Semestre de 2011:

    Cronológica (PT)

    Cronológica (ES)

    Cronológica (EN)

         

         

         

  5. Característica de amostragem da pesquisa: Campo em idioma português e de formatação padrão que deve expressar os atributos da amostra pesquisada. Exemplos: Homens; Grávidas, Manuscritos, Artigos; Idosos; Neonatos; Trabalhadores Offshore:

    Amostra (PT)

    Amostra (ES)

    Amostra (EN)

         

         

         

  6. Tipo, método ou ponto de vista: Campo em idioma português e de formatação padrão que deve coincidir com aquele do título, resumo e método. Recomenda-se a consulta de: http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/article/view/3648:

    Método (PT)

    Método (ES)

    Método (EN)

         

         

         

  7. Agências: Campo em idioma português e de formatação padrão que deve incluir o nome por extenso da(s) agência(s) de fomento da pesquisa em questão, seguida da respectiva sigla entre parênteses. Em caso de pesquisa sem financiamento, utilizar a expressão “Não há”. Exemplos: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ), Conselho Regional de Enfermagem do Estado do Rio de Janeiro (COREN-RJ):

Agência (PT)

Agência (ES)

Agência (EN)

     

     

     




www.objnursing.uff.br checklist de metadados





©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal