Músculos do membro superior (m m. do Ms)



Baixar 118.41 Kb.
Encontro18.11.2017
Tamanho118.41 Kb.


Músculos do membro superior
(m.m. do MS)

-Músculos ligando o MS à coluna vertebral.

-Músculos que ligam o MS às paredes torácicas anterior e lateral.

-Músculos do ombro.

-Músculos do braço.

-Músculo do antebraço:

-Músculos antebraquiais palmares:

*Grupo superficial.

*Grupo profundo.

-Músculos antebraquiais dorsais:

*Grupo superficial.

*Grupo profundo.

-Músculos da mão:

*Músculos tenares.

*Músculo hipotenares.

*Músculos intermédios.

-Músculos ligando o MS à coluna vertebral.

m. trapézio.

m. grande dorsal ou latíssimo do dorso.

m. rombóide maior.

m. rombóide menor.

m. levantador da escápula.



m. trapézio:

O: processo espinhoso de C7 à T12, protuberância occipital externa, linha nucal superior e ligamento nucal.

I: Fibras superiores: 1/3 lateral da clavícula.

I: Fibras médias: acrômio e espinha da escápula.

I: Fibras inferiores: espinha da escápula.

A: As fibras superiores estendem a cabeça e elevam a escápula. As fibras médias aduzem e as inferiores abaixam a escápula.



m. latíssimo do dorso:

O: através da aponeurose toracolombar nos processos espinhosos de T6 à T12 e de todas as vértebras lombares. Na crista ilíaca e 3 costelas inferiores.

I: crista do tubérculo menor do úmero.

A: estende, aduz e gira medialmente o braço.



m. rombóide menor e maior:

O: processos espinhosos de C7 a T1 - T2 à T5.

I: Borda medial da escápula.

A: aduz e eleva a escápula – somente eleva a escápula.



m. levantador da escápula:

O: processos transversos de C1 à C4.

I: borda medial da escápula.

A: eleva a escápula. Com a escápula fixa, inclina o pescoço lateralmente.

-Músculos que ligam o MS às paredes torácicas anterior e lateral.

m. peitoral maior.

m. peitoral menor.

m. subclávio.

m. serrátil anterior.

m. peitoral maior:

O: cabeça clavicular: face anterior da metade medial da clavícula.

O: cabeça esternocostal: superfície anterior do esterno e 6 primeiras cartilagens costais.

I: crista do tubérculo maior do úmero.

A: flexão, adução e RI do úmero.

m. peitoral menor:

O: 3ª, 4ª e 5ª costelas, próximo às cartilagens costais.

I: processo coracóide da escápula.

A: traciona a escápula para baixo e anteriormente.



m. subclávio:

O: junção da 1ª costela com sua cartilagem costal.

I: superfície inferior da clavícula em seu 1/3 médio.

A: abaixa a clavícula.



m. serrátil anterior:

O: superfícies externas das 8 primeiras costelas.

I: borda medial da escápula.

A: abduz a escápula.

Músculos do ombro.

m. deltóide.

m. subescapular.

m. supraespinhal.

m. infraespinhal.

m. redondo maior.

m. redondo menor.

m. deltóide:

O: espinha da escápula, acrômio e 1/3 lateral da clavícula. São 3 porções: anterior, média e posterior.

I: tuberosidade deltóide do úmero.

A: porção anterior: flete e RI do braço.

A: porção média: abduz o braço.

A: porção posterior: estende e RE do braço.



m.subescapular:

O: fossa subescapular.

I: tubérculo menor do úmero.

A: RI do braço. Ajuda a manter a cabeça do úmero na cavidade glenóide da escápula.



m. supra-espinhal:

O: fossa supra-espinhal da escápula.

I: tubérculo maior do úmero.

A: inicia e ajuda o deltóide na abdução do braço.



m. infra-espinhal:

O: fossa infra-espinhal da escápula.

I: tubérculo maior o úmero.A: RE do braço. Ajuda a manter a cabeça do úmero na cavidade glenóide da escápula.

m. redondo maior:

O: borda lateral do ângulo inferior da escápula.

I: crista do tubérculo menor do úmero

A: adução e RI do braço.



m. redondo menor:

O: borda lateral da escápula nos seus 2/3 craniais.

I: tubérculo maior do úmero.

A: RE do braço.

-Músculos do braço.

m. coracobraquial.

m. bíceps braquial.

m. braquial.

m. tríceps braquial.

m. coracobraquial:

O: processo coracóide da escápula.

I: ao longo da face ântero-medial do úmero.

A: ajuda a fletir e aduzir o braço.



m. bíceps braquial:

O: cabeça curta: processo coracóide da escápula.

O: cabeça longa: tubérculo supraglenóide da escápula.

I: tuberosidade do rádio.

A: flete o braço e o antebraço. Supina o antebraço.

m. braquial:

O: metade distal da face anterior do úmero.

I: tuberosidade ulnar e processo coronóide da ulna.

A: flete o antebraço.



m. tríceps braquial:

O: cabeça longa: tubérculo infraglenóide da escápula.

O: cabeça lateral: face posterior do úmero acima do sulco do nervo radial.

O: cabeça medial: face posterior do úmero abaixo do sulco do nervo radial.

I: olécrano da ulna.

A: estende e antebraço e ajuda a estender o braço.

Músculo do antebraço:

-Músculos antebraquiais palmares:

*Grupo superficial.

m. pronador redondo.

m. flexor radial do carpo.

m. palmar longo.

m. flexor ulnar do carpo.

m. flexor superficial dos dedos.



m. pronador redondo:

O: Epicôndilo medial do úmero (porção umeral) e processo coronóide da ulna (porção ulnar).

I: No meio da face lateral do rádio.

A: Pronação e flexão do antebraço.



m. flexor radial do carpo:

O: Epicôndilo medial do úmero.

I: Base do 2º e 3º metacarpianos.

A: Flexão e abdução da mão.



m. palmar longo:

O: Epicôndilo medial do úmero.

I: Aponeurose palmar.

A: Flexão da mão.



m. flexor ulnar do carpo:

O: Epicôndilo medial do úmero (porção umeral) e olécrano (porção ulnar).

I: Base do 5º metacarpianos.

A: Flexão e adução da mão.



m. flexor superficial dos dedos:

O: Epicôndilo medial do úmero (porção umeral); processo coronóide da ulna (porção ulnar) e face anterior do rádio (porção radial).

I: O tendão se divide inserindo-se nos lados da porção média das falanges médias dos 4 últimos dedos.

A: Flexão das falanges proximal e média.

Músculo do antebraço:

-Músculos antebraquiais palmares:

*Grupo profundo.

m. flexor profundo dos dedos.

m. flexor longo do polegar.

m. pronador quadrado.



m. flexor profundo dos dedos:

O: Metade superior e anterior da ulna e membrana interóssea.

I: Base da falange distal dos 4 últimos dedos.

A: Flexão das falanges distais dos 4 últimos dedos.



m. flexor longo do polegar:

O: Face superior e anterior do rádio e membrana interóssea.

I: Base da falange distal do polegar.

A: Flete o polegar.



m. pronador quadrado:

O: ¼ anterior e inferior do corpo da ulna.

I: ¼ lateral e inferior do corpo do rádio.

A: Pronação do antebraço.

Músculo do antebraço:

-Músculos antebraquiais dorsais:

*Grupo superficial.

m. braquiorradial:

O: 1/3 inferior da borda lateral do úmero.

I: Processo estilóide do rádio.

A: Flexão do antebraço e quando o antebraço está em pronação, realiza a supinação.



m. extensor radial longo do carpo:

O: Epicôndilo lateral do úmero e 1/3 inferior da borda lateral do úmero.

I: Base do 2º metacarpiano.

A: Extensão e abdução da mão.



m. extensor radial curto do carpo:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Base do 3º metacarpiano.

A: Extensão a abdução a mão.



m. extensor dos dedos:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Falanges médias e distais dos 4 últimos dedos e expansões extensoras.

A: Extensão das falanges e contribui para a extensão do punho.



m. extensor o dedo mínimo:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Falanges médias e distais do dedo mínimo e expansões extensoras.

A: Estende o 5º dedo.



m. extensor ulnar do carpo:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Base do 5º metacarpiano.

A: Estende e aduz o punho.



m. ancôneo:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Borda posterior e face posterior da ulna em seu ¼ proximal.

A: Ativo na extensão do antebraço.

Músculo do antebraço:

-Músculos antebraquiais dorsais:

*Grupo profundo.

m. supinador.

m. abdutor longo do polegar.

m. extensor curto do polegar.

m. extensor longo do polegar.

m. extensor do indicador.



m. supinador:

O: Epicôndilo lateral do úmero.

I: Superfície dorsal e lateral do corpo do rádio em seu 1/3 proximal.

A: Supina o antebraço.



m. abdutor longo do polegar:

O: Faces posteriores da ulna, rádio e membrana interóssea.

I: Base do 1º metacarpiano.

A: Abduz o polegar.



m. extensor curto do polegar:

O: Face posterior do rádio e membrana interóssea.

I: Base da falange proximal do polegar.

A: Estende a falange proximal do polegar.



m. extensor longo do polegar:

O: Face posterior da ulna e membrana interóssea.

I: Base da falange distal do polegar.

A: Estende a falange distal do polegar.



m. extensor do indicador:

O: Face posterior da ulna e membrana interóssea.

I: Expansão extensora do 2º dedo.

A: Estende o indicador.

Músculos da mão:

-Músculos tenares:

m. abdutor curto do polegar.

m. oponente do polegar.

m. flexor curto do polegar.

m. adutor do polegar.

-Músculos hipotenares:

m. palmar curto.

m. abdutor do dedo mínimo.

m. flexor curto do dedo mínimo.

m. oponente do dedo mínimo.

-Músculos intermédios:

m. lumbricais.

A: Flete os dedos nas articulações metacarpofalangianas.



m. interósseos dorsais.

A: Abduz os dedos afastando da linha axial.



m. interósseos palmares.

A: Aduz os dedos para a linha axial.



Músculos do membro inferior
(m.m. do MI)

-Músculos da região ilíaca.

-Músculos da coxa:

*Músculos femorais anteriores.

*Músculos femorais mediais.

*Músculos femorais posteriores.

-Músculos da região glútea.

-Músculos da perna:

*Músculos crurais anteriores.

*Músculos crurais posteriores:

*Grupo superficial.

*Grupo profundo.

*Músculos crurais laterais.

-Músculos do pé:

*1ª camada.

*2ª camada.

*3ª camada.

*4ª camada.

-Músculos da região ilíaca.

m. psoas maior.

m. psoas menor.

m. ilíaco.



m. psoas maior

O: Processos transversos e corpos vertebrais de todas as vértebras lombares.

I: Trocânter menor do fêmur.

A: Flete a coxa; flete e inclina lateralmente a coluna lombar.



m. psoas menor

O: Corpo vertebrais de T12 e L1.

I: Linha pectínea do fêmur.

A: Flete a coluna lombar.



m.ilíaco
-O: Nos 2/3 superiores da fossa ilíaca e na crista ilíaca.
-I: Trocânter menor do fêmur.
-A: Flete a coxa.

-Músculos da coxa:

*Músculos femorais anteriores.

m. sartório.

m. quadríceps femoral.

m. articular do joelho.



m. sartório

O: EIAS.


I: Borda medial da tuberosidade tibial.

A: Flete e RE coxa; Flete a perna.



m. quadríceps femoral

Reto femoral – O: EIAI.

Vasto lateral – O: Trocânter maior do fêmur e linha áspera.

Vasto medial – O: Linha áspera do fêmur.

Vasto intermédio – O: Face ântero-lateral do fêmur.

Inserção: Base da patela e tuberosidade da tíbia.

Ação: Em conjunto: extensão da perna. O reto femoral flete a coxa.

-Músculos da coxa:

*Músculos femorais mediais.

m. grácil.

m. pectíneo.

m. adutor longo.

m. adutor curto.

m. adutor magno.



Grácil

O: Ramo inferior do púbis.

I: Medialmente à tuberosidade da tíbia.

A: Adução, flexão e RI da perna.



Pectíneo

O: Ramo superior do púbis.

I: Linha pectínea do fêmur.

A: Adução, flexão e RE da coxa.



m. adutor longo

O: Ramo superior do púbis.

I: Linha áspera do fêmur.

A: Aduz e flete a coxa.



m. adutor curto

O: Ramo superior do púbis.

I: Linha áspera do fêmur.

A: Adução da coxa.



m. adutor magno

O: Púbis e ísquio.

I: Linha áspera do fêmur.

A: Adução e extensão da coxa.

-Músculos da coxa:

*Músculos femorais posteriores.

m. bíceps femoral.

m. semitendinoso.

m. semimembranoso.

m. bíceps femoral

O: Tuberosidade isquiática (cabeça longa)-Linha áspera do fêmur (cabeça curta).

I: Cabeça da fíbula.

A: Flexão, RE da perna e extensão da coxa.



m. semitendinoso

O: Tuberosidade isquiática.

I: Face medial do côndilo medial da tíbia.

A: Flexão e RI da perna; extensão da coxa.



m. semimembranoso

O: Tuberosidade isquiática.

I: Face medial do côndilo medial da tíbia.

A: Flexão e RI da perna; extensão da coxa.

-Músculos da região glútea:

m. glúteo máximo.

m. glúteo médio.

m. glúteo mínimo.

m. tensor da fáscia lata.

m. piriforme.

m. obturador interno.

m. obturador externo.

m. gêmeo superior.

m. gêmeo inferior.

m. quadrado da do fêmur.

m. glúteo máximo

O: Linha glútea posterior.

I: Tuberosidade glútea.

A: Extensão e RE da coxa.



m. glúteo médio

O: Linha glútea anterior.

I: Trocânter maior o fêmur.

A: Abdução da coxa.



m. glúteo mínimo

O: Linha glútea inferior.

I: Trocânter maior do fêmur.

A: Abdução da coxa.



m. tensor da fáscia lata (trato iliotibial)

O: EIAS.


I: Trato iliotibial.

A: Flexão, adição e RI da coxa.



m. piriforme

O: Face anterior do sacro.

I: Trocânter maior do fêmur.

A: RE coxa.



m. gêmeo superior

O: Espinha isquiática.

I:Trocânter maior do fêmur.

A: RE coxa.



m. gêmeo inferior

O: Tuberosidade isquiática.

I: Trocânter maior do fêmur.

A: RE coxa.



m. obturador interno

O: Forame obturado.

I: Fossa trocantérica.

A: RE da coxa.



m. obturador externo

O: Forame obturado.

I: Fossa trocantérica.

A: RE da coxa.



m. quadrado do fêmur

O: Tuberosidade isquiática.

I: Crista intertrocantérica do fêmur.

A: RE da coxa.

-Músculos da perna:

*Músculos crurais anteriores:

m. tibial anterior.

m. extensor longo do hálux.

m. extensor longo dos dedos.

m. fibular terceiro.



m. tibial anterior:

O: Côndilo lateral e face lateral da tíbia.

I: Base do 1º metatarsiano e osso cuneiforme medial.

A: Flexão dorsal e inversão do pé.



m. extensor longo do hálux:

O: Face anterior da fíbula e membrana interóssea.

I: Base da falange distal do hálux.

A: Estende o hálux.



m. extensor longo dos dedos:

O: Côndilo lateral da tíbia, corpo da fíbula e membrana interóssea.

I: Falanges média e distal dos 4 dedos menores do pé.

A: Estende os 4 dedos e faz a flexão dorsal do pé.



m. fibular terceiro:

O: 1/3 distal da superfície anterior da fíbula.

I: Base do 5º metatarsiano.

A: Flexão dorsal e eversão do pé.

-Músculos da perna:

*Músculos crurais posteriores (grupo superficial):

m. gastrocnêmio.

m. sóleo.

m. plantar.

m. gastrocnêmeo:

O: Côndilo medial do fêmur (cabeça medial) e côndilo lateral do fêmur (cabeça lateral).

I: Osso calcâneo via tendão calcâneo.

A: Flexão plantar e contribui para a flexão da perna.



m. sóleo:

O: Face posterior da cabeça da fíbula e do seu corpo (1/4 superior) e linha do m. sóleo da tíbia.

I: Osso calcâneo via tendão calcâneo.

A: Flexão plantar.



m. plantar:

O: Côndilo lateral do fêmur e ligamento poplíteo oblíquo.

I: Osso calcâneo.

A: Contribui fracamente para a flexão plantar.

-Músculos da perna:

*Músculos crurais posteriores (grupo profundo):

m. poplíteo.

m. flexor longo do hálux.

m. flexor longo dos dedos.

m. tibial posterior.



m. poplíteo:

O: Côndilo lateral do fêmur.

I: Face posterior da tíbia acima da linha do m. sóleo.

A: Flete fracamente, roda internamente a perna e destrava o joelho.



m. flexor longo do hálux:

O: 2/3 distais da superfície posterior da fíbula.

I: Base da falange distal do hálux.

A: Flete o hálux.



m. flexor longo dos dedos:

O: Face posterior do corpo da tíbia, abaixo da linha do m. sóleo.

I: Base das falanges distais do 2º, 3º, 4º e 5º dedos do pé.

A: Flete os 4 dedos e faz a flexão plantar.



m. tibial posterior:

O: Face posterior da tíbia e membrana interóssea.

I: Ossos: navicular, cuneiforme e cubóide. Base do 2º, 3º e 4º metatarsianos.

A: Flexão plantar e inversão do pé.

Músculos da perna:

*Músculos crurais laterais

m. fibular longo.

m. fibular curto.



m. fibular longo:

O: Cabeça da fíbula e 2/3 proximais da face lateral da fíbula.

I: Face plantar do cuneiforme medial e base do 1º metatarsiano.

A: Fl. plantar e eversão do pé.



m. fibular curto:

O: Metade distal da face lateral da fíbula.

I: Tuberosidade do 5º metatarsiano.

A: Fl. Plantar e eversão do pé.

-Músculos do pé:

*1ª camada.

m. abdutor do hálux.

m. flexor curto dos dedos.

m. abdutor do dedo mínimo.



*2ª camada.

m. quadrado plantar.

m. lumbricais (4).

*3ª camada.

m. flexor curto do hálux (cabeça medial e lateral).

m. adutor do hálux (porção oblíqua e porção transversa).

m. flexor curto do dedo mínimo.



*4ª camada.

m. interósseos dorsais (4).

m. interósseos plantares (3).

m.m. do pescoço: ântero-laterais:

1. Cervical superficial: platisma – A: traciona o lábio inferior e o ângulo bucal, látero-inferiormente, abrindo parcialmente como numa expressão de horror.

2. Cervicais laterais: trapézio e esternocleidomastóideo – A: o m. do mesmo lado inclina lateralmente e gira para o lado oposto. Em conjunto fletem a cabeça.

3. mm. Supra-hióideos: digástrico, estilo-hióideo, milo-hióideo e genio-hióideo. Ações dos mm: movimentam o osso hióide durante a deglutição.

4. mm. Infra-hióideos: esterno-hióideo, esternotireóideo, tireo-hióideo e omo-hióideo. Ações dos mm: movimentam a laringe e o osso hióide durante a deglutição.

5.mm. vertebrais anteriores: longo do pescoço, longo da cabeça, reto anterior da cabeça e reto lateral da cabeça.

6. mm.vertebrais laterais: mm. Escalenos anterior, médio e posterior.

Ações: esses mm. fletem, giram e inclinam lateralmente a cabeça.



m.m. profundos do dorso:

-Esplênio da cabeça, esplênio do pescoço e eretor da espinha (grupo superficial).

-Semi-espinhal, multífido, rotadores, interespinhais e intertransversários.

Músculos do tórax:

Intercostais externos e internos.

Serrátil posterior superior.

Serrátil posterior inferior.

Diafragma.

Ações: Atuam nos movimentos da respiração.



m.m. do abdome: ântero-laterais:

-m. oblíquo externo do abdome. A: comprime o conteúdo abdominal, auxilia a micção, defecação, vômito, parto e expiração forçada. Em conjunto fazem a flexão da coluna vertebral. Isolados inclinam a coluna vertebral lateralmente e giram-na trazendo o ombro do mesmo lado para frente.

-m. oblíquo interno do abdome. A: comprime o conteúdo abdominal, auxilia a micção, defecação, vômito, parto e expiração forçada. Em conjunto fazem a flexão da coluna vertebral. Isolados inclinam a coluna vertebral lateralmente e giram-na trazendo o ombro do lado oposto para frente.

-m. transverso do abdome. A: constringe o abdome, comprimindo o seu conteúdo, auxiliando na micção, defecação, vômito, parto e expiração forçada.

-m. reto do abdome. A: flexiona a coluna vertebral. Torna tensa a parede abdominal anterior.

-m. piramidal. A: torna tensa a linha alba.



m.m. do abdome: posteriores:

Psoas maior e menor.

Ilíaco.

Quadrado lombar.A: flexiona a coluna lombar lateralmente para o lado do músculo em ação.



m.m. da pelve:

Levantador do ânus. A: suporta e eleva ligeiramente o soalho pélvico.

Coccígeo. A: traciona o cóccix ventralmente, suportando o soalho pélvico.

Piriforme.

Obturador interno.

m.m. do períneo: região urogenital na mulher:

Transverso superficial do períneo. A: fixa o centro tendíneo do períneo.

Isquiocavernoso. A: comprime a raiz do clítoris e contribui para manter o órgão ereto.

Bulboesponjoso. A: diminui o orifício da vagina e contribui para a ereção do clítoris.

Esfíncter da uretra e transverso profundo do períneo.

A: agem como um esfíncter atuando no fim do processo de eliminação dos líquidos pela uretra.



m.m. do períneo: região urogenital no homem:

Transverso superficial do períneo. A: fixa o centro tendíneo do períneo.

Isquiocavernoso. A: comprime a raiz do pênis e contribui para manter o órgão ereto.

Bulboesponjoso. A: esvazia a uretra depois que a bexiga expele o seu conteúdo. Contribui para a ereção do pênis.

Esfíncter da uretra e transverso profundo do períneo.

A: agem como um esfíncter atuando no fim do processo de eliminação dos líquidos pela uretra.



Músculos do couro cabeludo:

Epicrânio: ventre frontal e ventre occipital.

A: traciona o couro cabeludo para trás.

Músculos extrínsecos da orelha:

Auriculares: superior, anterior e posterior.

A: Traciona o pavilhão a cima, para frente e para trás.

Músculos das pálpebras:

Orbicular do olho (parte palpebral e parte orbital).

A: Fecha as pálpebras (fortemente a parte orbital).

Corrugador

A: Traciona a sobrancelha para baixo e medialmente (produz rugas verticais na fronte).

Músculos do nariz:

Prócero:

A: Traciona a sobrancelha para baixo e medialmente (produz rugas transversais na fronte).

Nasal:


A parte transversa reduz a narina; a parte alar dilata a narina.

Músculos da boca:

Levantador do lábio superior: eleva o lábio superior.

Levantador do lábio superior e asa do nariz: eleva o lábio e a asa do nariz.

Levantador do ângulo da boca: eleva o ângulo da boca.

Zigomático menor e maior: sorriso mostrando os dentes.

Risório: sorriso sem mostrar os dentes.

Depressor do lábio inferior: deprime o lábio inferior.

Depressor do ângulo da boca: deprime o ângulo da boca.

Mentoniano: protai o lábio inferior.

Orbicular da boca: comprime os lábios; franzi para a sucção e assobio.

Bucinador: expele o ar da cavidade oral como no sopro.

Músculos da mastigação:

Temporal.

Masséter.

Pterigóideo lateral.

Pterigóideo medial.

Músculos da órbita:

Levantador da pálpebra superior: eleva a pálpebra superior.

Reto superior: eleva o bulbo do olho.

Reto inferior: abaixa o bulbo do olho.

Reto lateral: abduz o bulbo do olho.

Reto medial: aduz o bulbo do olho.

Obliquo superior: abduz, abaixa e gira o bulbo do olho medialmente.

Oblíquo inferior: abduz, eleva e gira o bulbo do olho lateralmente.



Inervação dos músculos da órbita:

III par (n. oculomotor): levantador da pálpebra superior, reto superior, reto inferior, reto medial e oblíquo inferior.

IV par (n. troclear): oblíquo superior.

VI par (n. abducente): reto lateral.



PLEXO BRAQUIAL

Dá origem aos nervos para o MS.

É formado por divisões primárias de C5 à C8 e T1.

Componentes do plexo braquial


  • Raízes

  • Troncos

  • Divisões

  • Fascículos

  • Nervos terminais

As raízes do plexo braquial são as divisões primárias anteriores de C5 à C8 e T1.

Os troncos são formados por essas raízes e podem ser:

Tronco superior: União de C5 e C6.

Tronco médio: C7.

Tronco inferior: União de C8 e T1.

Os troncos se dividem nas divisões anterior e posterior.

Os fascículos são formados por estas divisões e recebem nome de acordo com suas relações com a artéria axilar: lateral, medial e posterior.

Fascículo lateral: União das divisões anteriores dos troncos superior e médio.

Fascículo medial: Divisão anterior do tronco inferior.

Fascículo posterior: União das divisões posteriores dos 3 troncos.

→ Os fascículos dão origem aos nervos que são os ramos terminais.



Nervos:


  • Musculocutâneo

  • Axilar

  • Radial

  • Mediano

  • Ulnar

  • Supra-escapular

Nervo supra-escapular:

Originado diretamente do tronco superior do plexo. Inerva os músculos:

-Supra-espinhal.

-Infra-espinhal.



Musculocutâneo:

-Coracobraquial.

-Bíceps braquial.

-Braquial.



Axilar:

-Deltóide.

-Redondo menor.

Radial:

Tríceps.


Ancôneo.

Supinador.

Braquiorradial.

Ext. radial longo do carpo.

Ext. radial curto do carpo.

Ext. dos dedos.

Ext. do dedo mínimo.

Ext. ulnar do carpo.

Abdutor longo do polegar.

Ext. curto do polegar.

Ext. longo do polegar.

Ext. do indicador.



Nervo mediano:

Pronador redondo.

Pronador quadrado.

Palmar longo.

Fl. Radial carpo.

Fl. Longo polegar.

Fl. Profundo dos dedos (1/2).

Fl. Superficial dedos.

Abd. Curto polegar.

Oponente polegar.

Fl. Curto polegar (superficial).

1º e 2º lumbricais.



Ulnar:

Fl. Ulnar carpo.

Fl. Profundo dedos (1/2).

Palmar curto.

Fl. Dedo mínimo.

Abd. Dedo mínimo.

Oponente dedo mínimo.

Adutor polegar.

Fl. Curto polegar (profundo).

Interósseos palmares e dorsais.

3º e 4º lumbricais.

PLEXO LOMBOSSACRAL

É o nome dado à combinação de todas as divisões primárias ventrais dos nervos lombares, sacrais e coccígeos. Os plexos lombar e sacral inervam o MI, o períneo e a região coccígea.



Plexo Lombar

É formado pelas divisões primárias ventrais dos 4 primeiros nervos lombares com uma contribuição de T12.

Dentre seus vários ramos citaremos o maior deles e o principal da parte anterior da coxa – o NERVO FEMORAL.

Plexo Sacral

Formado pelos nervos lombares 4º e 5º e pelos 1º, 2º e 3º nervos sacrais. Dentre seus vários ramos citaremos o maior deles e o maior nervo do corpo – o NERVO ISQUIÁTICO.



Nervo Femoral:

Ilíaco.


Pectíneo.

Sartório.

Quadríceps femoral.

Nervo Isquiático:

Adutor magno.

Bíceps femoral.

Semimembranoso.

Semitendinoso.

Nervo Tibial:

Poplíteo.

Tríceps sural.

Plantar.


Tibial posterior.

Fl. Longo dos dedos.

Fl. Longo do hálux.

Nervo Fibular Comum:

-n. fibular superficial:

Fibular longo.

Fibular curto.

-n. fibular profundo:

Tibial anterior.

Ext. longo dos dedos.

Ext. longo do hálux.

Ext. curto dos dedos.

Ext. curto do hálux.

Fibular terceiro.

Nervo Plantar Medial:

Abdutor do hálux.

Fl. Curto dos dedos.

Fl. Curto do hálux (cabeça medial).

1º e 2º lumbricais.

Nervo Plantar Lateral:

Fl. Curto do hálux (cabeça lateral).

Quadrado plantar.

Abd. Dedo mínimo.

Fl. Curto dedo mínimo.

3º e 4º lumbricais.



Adutor do hálux.

Interósseos dorsais e plantares.

Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande