MegaAdobe



Baixar 0.52 Mb.
Encontro12.10.2019
Tamanho0.52 Mb.

BrickerAdobe


  1. Histórico

    1. Adobe é o tijolo cru, feito de barro e capim, e secado ao sol. Ele é assentado com uma argamassa úmida feita com o mesmo material de que é fabricado.




  1. A técnica de construção denominada terra ensacada foi desenvolvida pelo eng. iraniano radicado nos EUA, Nader Khalili (falecido em 2008) com o nome de Superadobe. Como o saco é de ráfia, as camadas não se unem umas às outras e são necessários artifícios para se conseguir essa aderência. O reboco também é muito prejudicado. Existe uma variante desta técnica cujos sacos são individuais em vez contínuo. (ver em ... http://www.youtube.com/watch?v=WMNzoWkXTtc&feature=plcp)




    1. Em 2004 o eng. Fernando Soneghet Pacheco fez um aperfeiçoamento dessa técnica, que denominou Hiperadobe, desenvolvendo um saco de tela – Raschel – mais estreito e poroso. A terra que sai pelos poros permite a aderência das camadas e facilita totalmente o reboco. (ver em http://www.youtube.com/watch?v=L5BhJt9Evv4)



  1. Ainda alguns pequenos problemas

    1. A obra com o Hiperadobe é rápida e seu produto resistente, barato e de ótimo conforto térmico.




    1. As grandes questões dessa técnica – e também do Superadobe - são o alinhamento e o prumo das paredes que, comparados aos de uma obra com tijolos fica muito a desejar.




    1. Muitas pessoas não se importam com isso e usam esta técnica em casas redondas, ou de forma irregular, justamente para esconder ou valorizar esta característica.




    1. Este fato, portanto, fez com que esta excelente técnica fosse evitada por aqueles que desejam as paredes perfeitamente alinhadas e aprumadas. O baixo custo, a resistência, a rapidez de construção e o conforto térmico são menos importantes, para estas pessoas, do que a parede reta, lisa e alinhada.




  1. O BrickerAdobe

    1. O BrickerAdobe é um aperfeiçoamento das técnicas de construção, com terra ensacada, que pretende resolver essa questão do alinhamento e do prumo.

    2. O saco, em vez de contínuo, é individual, de tamanho padronizado e mais estreito: 20 cm (o saco contínuo do Hiperadobe é de 35 cm pois a parede precisa se larga o suficiente para permitir o equilíbrio seguro do operador do tubo-guia que anda sobre a parede).




    1. A parede é mais estreita que a do Hiperadobe - mas continua larga, 20 cm – e é para ser construída sem que o assentador esteja sobre ela, e sim sobre o andaime.




    1. Sua compactação é feita fora da parede em uma fôrma de tamanho escolhido e transportado em padiolas até o local do assentamento.




    1. A largura final da parede – 20 cm - continua proporcionando a resistência necessária para nela se apoiar a laje e oferecer o conforto térmico característico desse tipo de construção.




    1. As esquadrias poderão ser, também, mais estreitas que as usadas em obras com o Hiperadobe.




  1. Vantagens do BrickerAdobe

    1. O trabalho “pesado” – carregamento da terra e compactação - é feito no chão com mais conforto e recursos.




    1. Os “tijolos”, feitos na fôrmas, são de tamanho – largura e altura – uniforme.




    1. O comprimento pode ser ajustado facilmente, na hora do assentamento, para se adaptar a esquadrias ou cantos.




    1. O alinhamento pode ser obtido com escantilhões e linhas-guia.




    1. O prumo, também, com os tradicionais fios e réguas.




    1. Uma rápida e muito suave compactação das camadas assentadas já será suficiente para se obter a perfeita união entre elas.




    1. O próprio peso das camadas assentadas sobre as demais servirá como compactação.




    1. O acabamento lateral já vem pronto, facilitando o reboco.



    1. A mão-de-obra pode ser não-especializada.




    1. Pode-se trabalhar com menos pessoas já que se pode fabricar vários “tijolos” e só depois assentá-los (no Hiperadobe isso não é possível, a equipe tem que ser sempre grande).




    1. A obra é bem mais rápida na construção das paredes e exigirá muito menos correções depois de pronta.




  1. A obra

    1. Como mostra o desenho esquemático, pode-se ter sacos já cortados ou se contar do próprio rolo de saco contínuo do Hiparadobe.




    1. O saco é enchido de terra, fechado, e colocado em pé ou deitado (dependendo das dimensões do saco) sobre a fôrma.




    1. A fôrma é vazada e tem por baixo uma padiola.




    1. O saco é compactado tornando-se “tijolo”.




    1. A fôrma é retirada e a padiola fica livre para ser transportada.




    1. A padiola é levada por um operário até o local onde será assentado o “tijolo”. Lá ela é levemente inclinada e o tijolo é arrastado para sua posição, pelo assentador .




  1. Material necessário

    1. Sacos individuais de Raschel

    2. Funil para enchimento

    3. Fôrma

    4. Padiolas

    5. Pilão

    6. Escadas

    7. Andaimes de coluna



  1. Conclusões

    1. Esta técnica aperfeiçoa as anteriores e tira de cada uma as suas boas características.

      1. Do adobe vem o fato de o tijolo ser feito em fôrmas, ter tamanho padronizado e ser levado pronto para o local do assentamento.

      2. Do Superadobe o fato de ser em saco e ele ser feito na hora de assentar.

      3. Do Hiperadobe o fato de o saco ser de tela, aderir uma camada à outra e facilitar o reboco.

    2. Com uma equipe numerosa e treinada pode-se construir uma casa em poucos dias com baixíssimo custo de material.




Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande