Massa volúmica e densidade relativa



Baixar 52.81 Kb.
Encontro02.07.2019
Tamanho52.81 Kb.


ACTIVIDADE LABORATORIAL – QUÍMICA 10º Ano
Determinação da massa volúmica e da densidade relativa de líquidos
Objectivos

1 Seleccionar material adequado à determinação da:


  1. massa volúmica ou densidade de um líquido;

  2. densidade relativa de um líquido.


2 Descrever o procedimento necessário à determinação da:



  1. massa volúmica ou densidade de um líquido;

  2. densidade relativa de um líquido.


3 Determinar experimentalmente a massa volúmica ou densidade e densidade relativa do álcool etílico

96% (V/V).



Verificar significados…
4

Dizer que a mmaterial = 7,0 g significa que é a massa ou quantidade de matéria existente do material, 7,0

vezes o grama
Dizer que a Vmaterial = 7,0 cm3 significa que é o volume ou quantidade de espaço ocupado pelo material,

7,0 vezes o centímetro cúbico


Dizer que  álcool etílico 100% = 0,79 g cm-3 significa que é a densidade ou quociente entre a massa e o volume

da substância, em gramas por centímetro cúbico


Dizer que a d álcool etílico 100% = 0,79 significa que é a densidade relativa ou comparação entre a densidade

da substância e a densidade da água a 4º C


Procedimento
5 Fazer uma lista do material e produtos a utilizar, tendo em conta o procedimento exemplificado nas

fotografias seguintes.


I - Determinação da densidade de um líquido com o densímetro

5.1

Proveta e densímetro


5.2

Álcool etílico



5.3




II - Determinação da densidade relativa de um líquido pelo Método do Picnómetro
5.4 5.5 5.6

Balança de precisão Picnómetro de líquidos M0 = massa do picnómetro vazio

5.7 5.8 5.9

Álcool etílico Fio de cobre ML = massa do picnómetro cheio de líquido


5.10 5.11 5.12

Água MA = massa do picnómetro cheio de água

5.13

Termómetro



5.14 Lista de material:


Descrição

Quantidade




Proveta

1

Densímetro

1

Balança

1

Picnómetro de líquidos

1

Garrafa de esguicho

1

Fio de cobre

1

Termómetro para medir a temperatura no local

1



6 Analisar o procedimento nas imagens dos pontos 5.1 a 5.13. Descrevê-lo resumidamente com ajuda do

professor.


• Colocar numa proveta de capacidade apropriada, o álcool etílico.

• Introduzir o densímetro no líquido, de forma que a sua base não toque no fundo nem nas paredes da

proveta.

• Ler e registar o valor da densidade do líquido na superfície de afloramento.

• Repetir a leitura e o registo mais duas vezes. Atenção aos erros de paralaxe
• Medir a massa, M0, do picnómetro de líquidos na balança de precisão.

• Introduzir o líquido no picnómetro de capacidade V e medir o conjunto da sua massa, ML.

• Introduzir água no picnómetro de capacidade V e medir o conjunto da sua massa, MA.

• Repetir a leitura e o registo mais duas vezes.

• Registar a temperatura do local, com um termómetro apropriado.
7 Reunir o material necessário (ou identificar a sua localização no laboratório).
8 Determinar experimentalmente a massa volúmica ou densidade e densidade relativa do álcool etílico

96% (V/V), após a memorização dos passos essenciais do procedimento.


9 Registo de valores

9.1 Na determinação da densidade de um líquido com o densímetro


Ensaio__M_0_/_g__picnómetro'>Ensaio__Densidade_média_/__g_cm_-3__Desvios_absolutos_/'>Ensaio

Densidade / g cm-3

1




2




3





9.2 Tratamento de valores obtidos


Ensaio

Densidade média /

g cm-3

Desvios absolutos /

g cm-3

Desvio absoluto

máximo / g cm-3

1










2




3



Tomar para incerteza absoluta da medição o maior dos valores seleccionados entre o desvio absoluto máximo e o erro do densímetro.


Resultado: (média ± incerteza absoluta) unidade

9.3 Discussão de resultados
Compare o resultado obtido com o valor tabelado: d (álcool etílico) = 0,79.

Indique possíveis causas de erros cometidos. Erros de paralaxe e de calibração dos instrumentos


10 Registo de valores

10.1 Na determinação da densidade relativa de um líquido pelo Método do Picnómetro


Ensaio

M0 / g

picnómetro

ML / g

Picnómetro + álcool

MA / g

Picnómetro + água

1










2










3












10.2 Tratamento de valores obtidos

M0 = massa do picnómetro vazio

ML = massa do picnómetro cheio de líquido

MA = massa do picnómetro cheio de água


Massa de líquido mL = ML- M0


Massa de água mA = MA- M0


d =




Se pretendermos a densidade em relação à água a 4º C temos de efectuar uma correcção d’ = d x dágua ºC
Nota: Ver tabela 1 com os valores da densidade relativa da água, a diferentes temperaturas, na página 61 do

caderno de actividades.




Ensaio

d em relação a H2O

(à temperatura local)

média

Desvios absolutos

Desvio absoluto

máximo

1













2







3






Resultado: média x dágua ºC ± incerteza absoluta



10.3 Discussão de resultados
Compare o resultado obtido com o valor tabelado: d (álcool etílico) = 0,79. Calcule o erro relativo e

possíveis causas de erros cometidos. Erros de paralaxe e de calibração dos instrumentos


11 Conclusões
Compare os resultados finais obtidos pelos dois métodos.

Página de





©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal