Lista de Exercícios II



Baixar 37.4 Kb.
Encontro07.05.2018
Tamanho37.4 Kb.

Lista de Exercícios II

Preencha as lacunas dos exercícios de 1 a 5.



1. Ácidos nucléicos são moléculas grandes que existem nas células. Sua função básica é:
a) controle genético das atividades celulares.

b) transmissão da informação genética para as células filhas ou de geração para geração.

Os ácidos nucléicos são o DNA (ácido desoxirribonucleico) e o RNA (ácido ribonucleico).
2. Uma molécula de ácido nucléico é um polinucleotídeo. É, portanto. constituída por pequenas unidades chamadas nucleotídeos.
3. Cada nucleotídeo é formado por:

a) ácido fosfórico.

b) açúcar de 5 carbonos (pentose ) e uma base nitrogenada.
4. A pentose do DNA é sempre a desoxirribose. No RNA. a pentose é a ribose .
5. Coloque na tabela o nome das bases nitrogenadas do DNA e RNA.





DNA




RNA

a)

Adenina

a)

Adenina

b)

Timina

b)

Uracila

c)

Citosina

c)

Citosina

d)

Guanina

d)

Guanina


6. Considere as seguintes diferenças entre os ácidos desoxirribonucléico e ribonucléico:
I) bases nitrogenadas A) uracila

B) timina

II) cadeia de nucleotídeos A) uma

B) duas


III) função da célula A) informação genética

B) síntese de proteína


Caracterizam o DNA:
a) l-a, II-a e III-a

b) l-a, II-a e III-b.

c) l-a, II-b e III-b.

d) I-b, II-b e III-a

e) I-b, II-b e III-b

7. (FEF-PA) O DNA e o RNA são constituídos de muitas unidades, os nucleotídeos. Cada nucleotídeo é constituído por um grupo fosfato, uma pentose e uma base nitrogenada. A diferença entre DNA e RNA se estabelece:

a) na pentose e nas bases nitrogenadas.

b) no fosfato e nas bases nitrogenadas.

c) na pentose e no fosfato.

d) na pentose, nas bases nitrogenadas e no fosfato

e) apenas nas bases nitrogenadas.
8. (SANTOS) Os nomes Watson e Crick estão ligados à descoberta da:

a) composição química do cromossoma.

b) composição química dos ácidos nucléicos.

c) composição química do ácido ribonucléico.

d) estrutura da molécula do cromossoma.

e) estrutura da molécula do ácido desoxirribonucléico.
9. (FATEC-SP) A figura seguinte representa um fragmento de um ácido nucléico.

Os números 1, 2. 3. 4, 5 e 6 representam, respectivamente:



a) fosfato, pentose, citosina, guanina. adenina e timina.

b) hidrogênio, pentose, citosina, guanina. adenina e uracila.

c) pentose. fosfato, citosina, guanina, adenina e uracila.

d) fosfato, pentose, citosina. adenina, guanina e timina.

e) fosfato. desoxirribose. guanina. citosina. uracila e adenina.
10. (PUCCAMP-SP) Os itens abaixo referem-se à estrutura, à composição e à função dos ácidos nucléicos.
• Estrutura I) dupla hélice

II) cadeia simples


• Composição 1) presença de uracila

2) presença de timina


• Função a) síntese de proteínas

b) transcrição gênica

São características do ácido ribonucléico:
a) II-1-b.

b) II-2-b.

c) l-1-a.

d) I-2-b


e) II-1-a
Preencha as lacunas dos exercícios de 11 a 14.
11. A molécula de DNA é construída por duas fitas. Essas se ligam uma à outra por meio de pontes de hidrogênio que ocorrem entre as bases nitrogenadas. As partes externas das fitas são constituídas por pentose e fosfato .

12. Quando se analisa DNA de espécies variadas, percebe-se que a porcentagem de nucleotídeos de adenina é a mesma que a de timina; a porcentagem de guanina é idêntica à da citosina. Pode-se concluir, a partir desses resultados, que, no DNA, adenina pareia com timina , enquanto a guanina forma par com citosina .
13. A molécula de DNA é constituída por duas fitas de polinucleotídeos; cada fita se liga à outra por meio de pontes de hidrogênio, que ocorrem entre as bases A e T, C e G. Cada uma das fitas é uma hélice; nesse caso, a molécula de DNA é uma dupla hélice.
14. Na duplicação, a molécula primitiva de DNA age como molde, permitindo o encaixe de nucleotídeos correspondentes aos das fitas. A duplicação de uma molécula de DNA é chamada semiconservativa porque cada molécula-filha conserva uma fita da molécula-mãe e apresenta uma fita nova.
15. (UNESP-SP) Na molécula de DNA ocorrem os seguintes pareamentos de bases nitrogenadas:

a) Adenina com uracila e citosina com guanina.

b) Adenina com timina e guanina com uracila.

c) Adenina com guanina e citosina com timina.

d) Adenina com citosina e guanina com timina.

e) Adenina com timina e citosina com guanina.
16. (UFAL) O filamento simples de

DNA ... TAGCATG ...

tem como cadeia complementar:

a) UTCGTUC .

b) TAGCATG .

c) GTACTGA .



d) ATCGTAC .

e) UACGAUC .


17. (FGV-SP) Análises químicas mostraram que o número de moléculas de timina em uma amostra de DNA é sempre igual ao número de moléculas de:

a) adenina.

b) citosina.

c) guanina.

d) ribose.

e) desoxirribose.
18. Suponha que no DNA de certas células existam 20% de guanina e 80% de outras bases. Nessas células, as porcentagens de citosina, timina e adenina devem ser, respectivamente:
a) 30 - 30 - 30

b) 30 - 30 - 20

c) 30 - 20 - 30

d) 20 - 30 - 30

e) 20 - 20 - 20


19. (FUVEST-SP) A tabela mostra a composição das bases nitrogenadas púricas, adenina e guanina, nos DNAs do homem.





Adenina

Guanina

Homem

30,4%

?

Boi

?

21,0%

As porcentagens que estão faltando para o homem e para o boi são, respectivamente:


a) 19,6 e 29,0

b) 21,0 e 30,4

c) 29,0 e 30,4

d) 19,6 e 21,0

e) 30,4 e 21,0
20. (FUVEST) Bactérias foram cultivadas em um meio nutritivo contendo timina radioativa, por centenas de gerações. Dessa cultura, foram isoladas 100 bactérias e transferidas para um meio sem substâncias radioativas. Essas bactérias sofreram três divisões no novo meio, produzindo 800 bactérias. A análise dos ácidos nucléicos mostrou que, dessas 800 bactérias:
a) 100 apresentavam o DNA marcado, mas não o RNA.

b) 200 apresentavam o DNA marcado, mas não o RNA.

c) 400 apresentavam o DNA marcado, mas não o RNA.

d) 300 apresentavam o DNA marcado, mas não o RNA.

e) 50 apresentavam o DNA marcado, mas não o RNA.


21. (UFRGS) A soma das porcentagens de guanina e citosina em uma certa molécula de ADN é igual a 58% do total de bases presentes.

a) Indique as porcentagens das quatro bases, adenina (A), citosina (C), guanina (G) e timina (T), nessa molécula.

Guanina 29%

Citosina 29%

Adenina 21%

Timina 21%

b) Explique. r que é impossível prever a proporção de citosina presente no ARN mensageiro codificado por esse trecho de ADN.

Não sabemos qual das duas fitas do DNA será a responsável pela síntese do RNAm, de fita única.

22. A análise do conteúdo das bases nitrogenadas de uma amostra pura de DNA revelou os valores mostrados na tabela a seguir.

Tipos de bases

Quantidade de bases




Adenina

182




Citosina

186




Timina

85




Guanina

372



A observação desses resultados permitiu deduzir que a amostra de DNA analisada é formada por apenas uma cadeia (um filamento).

Essa conclusão baseou-se no fato de que a(s) quantidade(s) de
a) guanina era a dobro da quantidade de adenina.

b) guanina era a mais alta de todas.

c) citosina e adenina eram iguais.

d) timina era muito baixa.



e) adenina e timina eram diferentes.
23. (FUVEST) Bactérias (Escherichia coli) foram cultivadas durante várias gerações em um meio de cultura na qual toda a fonte de nitrogênio era o isótopo pesado 15N.

De uma amostra dessas bactérias (amostra A), extraiu-se o DNA que foi submetido a uma técnica de centrifugação que permite separar moléculas de DNA de acordo com sua densidade. O restante das bactérias foi transferido para um meio de cultura em que todo o nitrogênio disponível era o isótopo normal 14N. Retirou-se uma segunda amostra (amostra B), quando as bactérias completaram uma divisão celular nesse novo meio e uma terceira amostra (amostra C), quando as bactérias completaram duas divisões celulares. O DNA das bactérias das amostras B e C foi também extraído e centrifugado.



A figura mostra o resultado da centrifugação do DNA das três amostras de bactérias.


a) Por que, na amostra B, todo o DNA tem uma densidade intermediária entre o que é constituído apenas por 14N e o que contém apenas 15N?

Sendo a duplicação semi-conservativa, após uma divisão celular (duplicação) todo o DNA das bactérias é constituído por uma fita com N15 e uma com N14, ficando, portanto, com densidade intermediária.

b) Considerando que, na amostra C, a quantidade de DNA separada na faixa inferior é X, que quantidade e DNA há na faixa superior?



A quantidade na faixa superior será também de X.




©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal