Leilão de veículos



Baixar 112.79 Kb.
Encontro07.10.2019
Tamanho112.79 Kb.

DISAL ADM. DE CONSÓRCIO E




.






Leilão de veículos

Disal Adm. De consórcio Ltda
DATA 28/02/2008 (Quinta-feira) - HORÁRIO: 08:45 hs

LOCAL: AV. Ayçar Saddi S/Nº - Bairro São Francisco –Rod. Cuiabá -Rondonópolis após a transportadora Ravanello virar a direita

INFORMAÇÕES: Fone/Fax: (65)3665-7000 ou 9981-8591/ www.ajleiloes.com.br

LOTE

EMPRESA

PLACA

VEÍCULO/MODELO

COMB

COR

ANO/MOD

500

DISAL ADM. DE CONSÓRCIO LTDA

JZS-5722

YAMAHA/ YBR 125K

GASOLINA

AZUL

2004/2004

501

DISAL ADM. DE CONSÓRCIO LTDA

KAJ-5020

TOYOTA/ HILUX

DIESEL

CINZA

1997/1998

502

DISAL ADM. DE CONSÓRCIO LTDA

KDF-4420

VW/ KOMBI

GASOLINA

BRANCA

1993/1994

503

DISAL ADM. DE CONSÓRCIO LTDA

JZK-8733

VW/ GOL SPECIAL

GASOLINA

PRETO

2002/2002






















ESTE EDITAL ESTÁ SUJEITO A ALTERAÇÃO E ATÉ INCLUSÃO/EXCLUSÃO DE VEICULOS




  • OS LOTES DE 500 A 503 SÃO DA DISAL ADM. DE CONSÓRCIO LTDA..

  • PAGAMENTO QUE FOR EFETUADO ATRAVES DE BOLETO BANCARIO, A LIBERAÇÃO DO VEÍCULO SÓ SERÁ REALIZADA NO DIA SEGUINTE APÓS CONFIRMAÇÃO VIA EXTRATO.

  • PARA RETIRADA DO VEÍCULO SOMENTE COM A APRESENTAÇÃO DO RECIBO DO LEILOEIRO COM “CARIMBO LIBERADO”, SENDO QUE O MESMO NÃO PODE SOFRER ALTERAÇÕES ( TROCA DE NOME).

  • OS LOTES ENCONTRAM-SE COM DOCUMENTOS BLOQUEADOS EM SÃO PAULO, REGULARIZAÇÃO POR CONTA DO ARREMATANTE.

  • DOCUMENTOS DOS VEICULOS, CRV(CERTIFICADO DE REGISTRO DO VEICULO) E CRV(CERTIFICADO DE REGISTRO E LICENCIAMENTO DE VEICULO), PARA TRANSFERENCIA EM NOME DA EMPRESA DE CONSÓRCIO, SERÁ ENTREGUE EM ATÉ 25 DIAS ÚTEIS.

  • QUANDO FOR RETIRADO O VEICULO É NECESSÁRIO QUE O ARREMATANTE , TRAGA CÓPIA DA CARTEIRA DE IDENTIDADE, CPF, CNH ATUALIZADA ,COMPROVANTE DE ENDEREÇO E O TERMO DE RESPONSABILIDADE PREENCHIDO E RECONHECIDO FIRMA.

  • OS DEBITOS RELATIVOS A IPVA (2007 E ANTERIORES), LICENCIAMENTO ,MULTAS, FORAM PAGOS CONFORME CONSULTA ATRAVÉS DO DETRAN

  • OS IPVA, LICENCIAMENTO E SEGURO OBRIGATORIO DO ANO DE 2008 SERÃO POR CONTA DO ARREMATANTE.

  • OS CUSTOS PARA TRANSFERENCIA SERAM DE RESPONSABILIDADE DO ARREMATANTE

  • OS LOTES 500 NÃO POSSUI CHAVE DE IGNIÇÃO


CONDIÇÕES DE VENDA PARA O LEILÃO:

-Os interessados declaram que já promoveram todos os exames e vistorias nos bens, de acordo com os dias e locais determinados nos editais publicados em jornais, e aceita adquiri-los, no estado que se encontram, isentando o comitente vendedor e o leiloeiro de qualquer responsabilidade, inclusive por vícios e/ ou defeitos, ocultos ou não.

-Declara ainda estar ciente de que o proprietário não se enquadra na condição de fornecedor, intermediário ou comerciante, ficando eximido assim, de eventuais responsabilidades por vícios e /ou defeitos ocultos do bem alienado, nos termos do artigo 1.102 do código civil Brasileiro.
OS BENS SERÃO VENDIDOS NO ESTADO EM QUE SE ENCONTRAM.

NÃO ACEITANDO O GRUPO DISAL E O LEILOEIRO, RECLAMAÇÕES OU DESISTÊNCIAS SOB NENHUMA HIPÓTESE.

-Correrão por conta do arrematante todas as despesas e encargos decorrentes do carregamento, transportes e aquelas inerentes a regularização, de qualquer espécie, dos bens arrematados.

- Os comitentes vendedores, reservam-se o direito de retirar, acrescentar, reunir ou separar quaisquer lotes constantes do leilão através do leiloeiro.

- Os bens serão vendidos ‘’UM A UM” a quem maior lance oferecer, reservando-se ao comitente vendedor o direito em liberar ou não o bem arrematado para o maior lance alcançado. Se ao maior lance ofertado não for dada a liberação pelo comitente vendedor, este poderá recebê–lo de forma condicional para posterior analise e liberação.

-Não serão aceitas reclamações posteriores a arrematação, bem como, não serão aceitas desistências.

- No ato da arrematação, a pisteira levará o Termo de Arrematação, que será assinado pelo arrematante, e o mesmo, emitirá um cheque de sinal, nominal ao leiloeiro , no valor equivalente a 20% (vinte por cento) do lance. Se o comprador arrematar dois lotes ou mais em único leilão , o cheque de sinal será emitido no valor equivalente a 20%(vinte por cento) do valor total dos lotes arrematados, e fornecerá o documento de identidade /CPF /endereço/ telefone.

-No ato do acerto na Tesouraria da AJ Leilões, será emitido um boleto, no valor total do lance acrescido de 5%(cinco por cento) relativo a comissão do leiloeiro, ou despesas indicada no boleto e/ ou nota de venda e mais R$ 150,00 (cento e cinqüenta reais) por veículo , R$ 50,00 (Cinqüenta reais) por moto e R$ 200,00 (duzentos reais) por caminhão e van, arrematado á titulo de remuneração de deposito de bens. Este boleto terá validade até a data de vencimento, ou seja, dia 29/02/2008.

-Os pagamentos realizados através de boletos bancários for feito em dinheiro, o arrematante só poderá retirar os veículos no dia seguinte após a compensação bancaria e se for em cheque só após a compensação.

-Caso não seja efetuado o pagamento no prazo estipulado, estará automaticamente rescindida a compra, perdendo o arrematante a importância dada como sinal (20%), que será imediatamente depositada pelo leiloeiro permitindo-se, inclusive, o seu protesto em causa de desprovimento de fundos deste titulo.

- Não serão aceitos depósitos realizados em caixa automáticos, bem como pagamento por cheques administrativos, emitidos para terceiros e em dinheiro junto ao escritório do leiloeiro.

- Em caso de arrematação de 02 lotes ou mais, não será permitida desistência parcial, ficando o arrematante obrigado pelo pagamento total dos lotes arrematados.

- O arrematante compromete-se a fornecer ao leiloeiro no ato da arrematação , O NOME, ENDEREÇO, RG. INSCRIÇÃO , CPF/ CNPJ, que devera constar na nota de venda. Não será aceito em nenhuma hipótese a substituição do arrematante.

- Caso algum lote seja cancelado por qualquer motivo, a comissão do leiloeiro sempre será devida, tendo em vista que o leilão se realizou, e não será devolvida em hipótese alguma.

- O comprador que necessitar o uso de empilhadeira / plataforma para a retirada do veiculo do pátio, terá um custo conforme a tabela da AJ leilões que devera ser pago no ato da emissão da nota de venda do leiloeiro.

- A retirada dos bens vendidos dar-se-á contra apresentação da nota de venda original do leiloeiro, dentro do prazo Maximo de cinco dias úteis a contar da data do leilão sem ônus.

- findo o prazo estipulado no item anterior, o arrematante terá mais cinco dias úteis, para promover a retirada do bem adquirido, pelos quais serão cobrados R$ 15,00 quinze reais, por dia corrido, a titulo de estadia. Não retirado o bem nesse prazo, estará rescindida a compra, perdendo o arrematante em favor do comitente o bem adquirido, que poderá dar o mesmo destino que lhe aprouver, bem como as importâncias já pagas.

-O arrematante assumirá o risco no carregamento e transporte dos bens arrematados.

-O Grupo Disal , não responde por ICMS sobre mercadorias arrematadas, nem por danos e multas resultantes do seu transporte, cabendo ao arrematante contribuinte emitir a Nota Fiscal de Entrada ou Providenciar a guia de transporte junto ao Fisco Estadual.

Cabe também ao arrematante arcar com as despesas para a transferência dos bens para seu nome, inclusive, taxas, impostos, honorários de despachante etc., não importando a que estado da Federação pertença o veículo. As despesas com multas e licenciamento estarão em dia até a data do leilão, obedecendo os regulamentos do Estado Federação a que pertence os veículos.

Documentos de transferências dos veículos arrematados, serão entregues no 15º (décimo quinto) dia útil após o leilão, que receberão os devidos recibos, com firma reconhecida pelo banco e respectivas procurações.

-O recibo emitido pelo Leiloeiro, no ato da arrematação do bem é intransferível.

Cheque caução não resgatado até às 16hs do dia 29/02/2008 será depositado imediatamente.

-O Arrematante que não retirar os documentos com firma reconhecida e procuração na data estipulada no edital, será de responsabilidade do mesmo a multa, caso haja vencimento do documento

- As demais condições obedecerão ao que dispõe o decreto federal nº 21.981 de 19 de outubro de 1932. Com alterações introduzidas pelo decreto 22.427 de 01 de fevereiro de 1933 que regula a profissão de leiloeiro oficial.

OBS: NÃO SERÁ LIBERADO NENHUM BEM NO DIA DO LEILÃO




©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal