IdentificaçÃo do efeito de fontes de calor com funçÕes de



Baixar 0.58 Mb.
Página2/5
Encontro18.09.2019
Tamanho0.58 Mb.
1   2   3   4   5
2.2 – Etapa B

A segunda fase do procedimento consiste na recuperação da resposta estacionária à forçante derivada do campo de divergência anômala obtido anteriormente. A recuperação da resposta é obtida pelo uso das FI do mesmo modelo, porém com altura equivalente de 10 km, o que corresponde ao modo externo no nível de 200 hPa.

As FI do modelo são obtidas numéricamente a partir de integrações de 80 dias com o modelo forçado por forçante unitária em cada um dos pontos da grade representada pela resolução do modelo entre a latitude de 60oS e 60oN em todo cinturão do globo. Em Meteorologia, o uso de FIs requer em geral a resolução através de método numérico uma vez que as variáveis de interesse são dadas por resultados de modelos complexos que não são integráveis analiticamente. Sua utilização aparece para o estudo de influência remota de fontes de calor como em Branstator (1985) e Grimm e Silva Dias (1995).

Através das funções de influência, pode-se obter a resposta a uma forçante anômala qualquer em todo o domínio de integração. A solução do problema forçado é dada por



(2)

onde ψ(x,y,t) é um campo escalar qualquer (u,v ou z) e D(x',y',t') é a forçante de massa e F(x,x',y,y',t,t') é a função de influência para cada um dos pontos do domínio do modelo no tempo t , devido à forçante no ponto x',y' no tempo t'. Entretanto, nos casos aqui estudados a forçante é constante no tempo e portanto independe de t'. A função de influência, mesmo neste caso, depende do tempo, porém para os experimentos apresentados usa-se a função de influência do estado estacionário, ou seja, quando os campos anômalos prognosticados pelo modelo já não variam com o tempo. Isso se dá por volta de 50-60 dias mas os resultados usados para o cálculo da função de influência são de 80 dias de integração.



Através da integral acima, usando como campo forçante a divergência anômala obtida na Etapa A, a ferramenta obtem a previsão para um determinado tempo t de integração, dado um certo e a função de influência F(x,x',y,y',t,t') para o mesmo tempo t representativo usada na integral, sem recorrer ao modelo novamente. Atualmente a ferramenta está configurada para previsão do campo anômalo de altura geopotencial no nível equivalente a 200 hPa.

O potencial da aplicação do método acima está no fato de que tendo as funções de influência do modelo já calculadas, a previsão para qualquer campo forçante é realizada através da simples integral da equação (2).

O método mostrou-se eficaz para a identificação dos subdomínios da forçante que mais contribuem para a configuração do escoamento anômalo e está sendo usado rotineiramente para as avaliações e prognósticos climáticos que mensalmente ocorrem no CPTEC.

O diagrama esquemático da ferramenta é ilustrada abaixo na Figura 1.



Fig. 1 – Diagrama ilustrativo do funcionamento da ferramenta de análise e prognóstico.


: col -> cptec.inpe.br -> walmeida -> 2004
2004 -> Um sistema operacional de visualizaçÃo de produtos
2004 -> AvaliaçÃo objetiva do sistema de previsão de tempo global por ensemble do cptec e relaçÃo entre o espalhamento e o desempenho do ensemble médio
2004 -> Universidade federal de campina grande
2004 -> Estudo do transporte das partículas de aerossol de queimada via sensoriamento remoto
2004 -> Análise observacional e de simulaçÃoda numérica da partiçÃo de energia em modos verticais: estudo de caso de nuvem vírgula inv
2004 -> DistribuiçÃo sazonal e global da umidade do solo para inicializaçÃo em modelos numéricos de previsão de tempo e clima
2004 -> Características sinóticas associadas ao jato em baixos níveis e a influência na atividade convectiva sobre a bacia do prata
2004 -> Estudo observacional da propagaçÃo para leste do fenômeno catarina e sua simulaçÃo com modelo global de alta resoluçÃO
2004 -> Validação da temperatura da superfície obtida do sensor modis
2004 -> \indent In order to improve the predictive skill of the mesoscale atmospheric model Advanced Regional Prediction System (arps)


1   2   3   4   5


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal