Formulário – macs métodos: Pluralidade, eliminação run-off, condorcet, borda, licitações secretas, marcadores, hondt, hamilton



Baixar 23.38 Kb.
Encontro07.10.2019
Tamanho23.38 Kb.

Formulário – MACS

Métodos: Pluralidade, eliminação run-off, condorcet, borda, licitações secretas, marcadores, hondt, hamilton.

Paradoxos.


Sistema de maioria simples: - É eleita a opção que reúne maior número de votos. O vencedor é eleito na 1ª volta.

Sistema Maioritário

Sistema de maioria absoluta: - É eleita a opção que reúne mais do que 50% dos votos.

Método da Pluralidade Vence o candidato com maior número de primeiros lugares (maioria simples).


Eliminação Run-Off simples: - Elimina-se os dois mais fracos.

Método de Eliminação Run-Off

Eliminação Run-Off sequencial: - Elimina-se o mais fraco.

Método de Condorcet É feita uma eleição entre cada par de candidatos, se um candidato vence todos os outros candidatos (confronto direto) é o vencedor. No entanto , nem sempre resulta um vencedor, pois pode acontecer uma situação paradoxal (paradoxo de Condorcet).
Método de Borda Para uma eleição de N alternativas (opções ou candidatos), cada alternativa recebe pontos conforme o grau de preferência. 1º preferência tem N pontos, 2ª preferência tem N-1 pontos (…) Última preferência tem 1 ponto.
Sistema de Votação por Aprovação Os votantes podem votar em tantos candidatos quanto quiserem. Cada candidato aprovado recebe um voto e o candidato com mais votos, ganha.
Método das Licitações Secretas:

ALGORITMO

 Cada um dos intervenientes atribui, secretamente, um valor em dinheiro a cada um dos itens a dividir. A par te que cada um dos intervenientes considera ser justo receber – valor justo – será igual ao quociente entre o valor total que atribuiu aos itens e o número de intervenientes.

 Cada item é atribuído ao interveniente que mais o valorizou. Se o valor total dos itens recebidos por um interveniente ultrapassa o que considerou como valor justo a receber, terá que pagar aos outros a diferença. Se pelo contrário o valor dos itens for inferior ao valor justo, serão os outros intervenientes a pagar-lhe a diferença.

 O dinheiro sobrante – montante disponível – é dividido igualmente por todos os intervenientes. Número de pontos atribuídos ao item pelo perdedor inicial

E colocam-se por ordem decrescente.

 Faz-se a transferência do item a que corresponde o menor quociente e contabilizam-se novamente os pontos.

 Se a transferência total de um item der vantagem à parte que o recebe, terá de se efetuar a transferência apenas de uma percentagem do item, de forma a igualar o número de pontos.


Método dos Marcadores:

ALGORITMO

 Alinham-se os objetos a dividir (pode atribuir-se um nº a cada um da esquerda para a direita, para melhor identificação).

 Cada interveniente divide, secretamente, a fila de objetos do número de segmentos igual ao número de interessados, usando marcadores, considerando que todos os segmentos definidos têm valores equivalentes.

 Da esquerda para a direita procuram-se os primeiros marcadores de cada interveniente. O dono do primeiro marcador a aparecer fica com os objetos à esquerda (o seu primeiro segmento) e retiram-se os seus restantes marcadores.

 Observamos de novo a fila de objetos, procurando agora os segundos marcadores de cada interveniente. O primeiro a aparecer determina que o segmento entre o primeiro e o segundo marcador desse interveniente lhe seja atribuido.

 Repete-se o processo até que todos tenham a parte que consideram justa.

 As sobras podem dividir-se por sorteio ou, se forem mais do que os intervenientes, aplica-se de novo o método.
Método de Hondt:

ALGORITMO

 Apura-se o número de votos.

 Divide-se o número de votos por 1,2,3, … (se necessário até ao número de mandatos a atribuir), ordenando os quocientes por ordem decrescente. Estes deverão ser tantos quantos os mandatos a atribuir.

 Cada lista recebe um número de mandatos igual ao número de quocientes que integrou na série do passo anterior.

 Se restar apenas um mandato e os quocientes da série forem todos iguais, o mandato pertence à lista com menor número de votos.
Método de Hamilton:

ALGORITMO

 Calcular o Divisor Padrão.

Divisor Padrão = nº total população

nº total de lugares


 Calcular a Quota Padrão.

Quota Padrão = nº de votantes de cada lista

divisor padrão
 A cada estado atribui-se a sua Quota Inferior/Mínima (parte inteira)

 Atribuem-se os lugares sobrantes às listas com parte decimal maior.


Paradoxo de Alabama Aumentando o numero de lugares há um dos estados que perde um lugar.

Paradoxo da População Acontece quando um estado perde um lugar apesar de ter aumentado a população.

Paradoxo de um Novo Estado Acontece quando o aparecimento de um novo estado, com direito a um determinado nº de lugares, faz com que outros estados ganhem ou percam lugares.




©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal