Ethan Frome



Baixar 22.12 Kb.
Encontro06.12.2017
Tamanho22.12 Kb.



AVISO FITOSSANITÁRIO




Número: 03

Data: 03/08/2010

Ano: XXVIII


Mariposa Oriental - Grapholita molesta.
Informações Gerais:

  • Oviposita tanto sobre folhas como sobre frutas.

  • Duração aproximada de cada estágio do ciclo evolutivo: Acasalamento – 1 a 2 dias; Acasalamento até a postura – 3 dias; Período de ovo – 2 a 6 dias; Período de larva – 8 a 12 dias; Período de pupa – 7 a 13 dias; Longevidade do adulto – 14 a 15 dias.

  • De Março a Maio ocorre a preparação de larvas que vão para a diapausa. Essa época (início do outono) é excelente para interromper o ciclo, fixando no tronco das plantas faixas de papelão corrugado. Ver Aviso Fitossanitário nº 38 de 24/05/2010.




  • Diferenças entre Cydia pomonella e Grapholita(=Cydia) molesta

Cydia pomonella

Grapholita molesta

Vôo da geração hibernante inicia em agosto (dependendo da temperatura, aparecem adultos também durante o inverno).

Vôo dos adultos geralmente tem início no mês de setembro. Dependendo da temperatura, pode iniciar em agosto.

1 – 2 gerações durante o ano

4 ou mais gerações durante o ano

A larva jovem faz uma pequena galeria em forma de espiral abaixo da epiderme (casca)

A larva não faz galeria em espiral

A galeria em linha reta conduz às sementes (região carpelar)

Galeria irregular em torno da região carpelar

Ataca somente os frutos

Inicialmente se faz presente em ponteiros novos

Larva com 18-20 mm de comprimento

Larva com 10-14 mm de comprimento

Na larva, ausência de anéis vítreos entre os segmentos.

Na larva, presença de anéis vítreos entre os segmentos.

Ausência de pente anal.

Presença de pente anal.


Monitoramento:

Usar 2 armadilhas para até 5 hectares. Acima de 5 hectares, adicionar mais uma para cada 3 hectares Para grandes pomares basta usar 1 a mais para cada área a mais de até 5 hectares.

Instalar as armadilhas no inicio de setembro (melhor em agosto), mantê-las até a colheita ou o ano inteiro.. Fazer 01 leitura/semana, mas 02 leituras semanais dá uma melhor noção de aumento ou diminuição do número de insetos durante a semana, somando as duas leituras obtém-se o número de insetos/armadilha/semana.

OBS: Para que se possa fazer o comparativo de capturas entre diferentes áreas monitoradas, a origem das cápsulas de feromônio deve ser o mesmo, o tipo e cor da armadilha, o tipo de adesivo e a cor do fundo adesivo devem ser iguais.


Nível de Controle:

O nível de controle é de 20 ou mais insetos/armadilha/semana. O nível cumulativo de 30 insetos é utilizado somando duas leituras com intervalo de 7 dias quando em uma só leitura não se obtém 20 insetos.


Flutuação populacional e considerações à utilização do controle por confusão sexual.
G
ráfico 1
. Flutuação populacional da Grapholita molesta em “frutíferas diversas sem tratamento” na cidade de São Joaquim - soma de adultos capturados por mês. Período: Maio de um ano a Abril do ano seguinte. Anos: 2004/2005; 2005/2006 e 2006/2007.
G
ráfico 2
. Flutuação populacional da Grapholita molesta em “frutíferas diversas sem tratamento” na cidade de São Joaquim - soma de adultos capturados por mês. Período: Maio de um ano a Abril do ano seguinte. Anos: 2007/2008; 2008/2009 e 2009/2010.
Conforme se observa em ambos os Gráficos, o número de adultos capturados em cada mês ao longo de cada período, nesta pequena área de frutíferas diversas (sem tratamento), o mês de Março é o que apresenta a maior população de adultos, seguido pelo mês de Fevereiro. Esta situação é altamente problemática ao produtor que opta pelo controle dessa praga com inseticidas (carência), por se tratar de época de colheita, enquanto que se utilizasse o controle por confusão sexual ou disrupção não enfrentaria esse problema.

Comparando nos dois gráficos os níveis populacionais (número de adultos) mensais, observa-se que ao longo dos seis (6) períodos monitorados, identifica-se, a partir do período 2004/2005, uma diminuição da quantidade de capturas (redução populacional) a cada período, até 2009/2010. Não houve alteração do número de frutíferas na área monitorada, feromônio do mesmo fornecedor/origem, armadilha do mesmo modelo e fundo (cor).

As condições climáticas interferem diretamente na biologia da praga mas, pode-se concluir que a constante manutenção da armadilha (única) nessa pequena área urbana, mesmo sendo única, capturando continuamente os machos, diminuiu o índice de acasalamento com as fêmeas, tendo como conseqüência a redução populacional, fato que apresenta certa semelhança quando nos pomares se utiliza o método de confusão sexual que faz com que os machos não encontrem a fêmea, evitando o acasalamento e desenvolvimento de novos indivíduos.

A redução populacional da Grapholita molesta ao longo dos anos, nos pomares onde se utiliza o método de controle por confusão sexual, é uma realidade amplamente reconhecida pelos institutos de pesquisa e fruticultores em vários países.


Há dois produtos hoje registrados para confusão sexual de G. molesta que são a BIOLITA, comercializado pela Biocontrole (www.biocontrole.com.br) ou biocontrole@biocontrole.com.br e o SPLAT grafo, comercializado pela Isca Tecnologias Ltda (www.isca.com.br) ou isca@isca.com.br. Para mais informações (custo, época ideal de aplicação segundo histórico do índice de infestação no pomar, número de pontos de liberação, quantidade, etc), consulte um responsável técnico ou representante das respectivas empresas ou os fornecedores pelos endereços eletrônicos acima indicados.

Comparativo (aspecto dos adultos) de Grapholita molesta e de Cydia pomonella

Cydia pomonella



Estação de Avisos Fitossanitários

Caixa Postal, 71 - Fone: (49) 3233-1402 e Fax:3233-0392

88600-000, São Joaquim, SC.

e-mail: estacaosj@cidasc.sc.gov.br



Responsável:

Eng Agro MSc Reinhard Krueger



CREA 13.408







©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal