Edital de seleçÃo simplificada – 022/2017



Baixar 56.32 Kb.
Encontro21.12.2017
Tamanho56.32 Kb.


FUNDAÇÃO HOSPITALAR DO MUNICÍPIO DE VARGINHA

EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA – 022/2017

A Fundação Hospitalar do Município de Varginha, convoca para processo de seleção simplificada candidatos interessados na contratação temporária para desempenhar atividades no seguinte cargo:



CARGO

VAGAS

ESCOLARIDADE

JORNADA

VENCIMENTO R$

Instrumentador Cirúrgico


01


Ensino Médio Completo (2º Grau) com Curso Complementar em Instrumentação Cirúrgica



220h mensais conforme escala


1.352,56


1 – PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES:


  1. Ao chegar no Centro Cirúrgico, vestir o uniforme adequado, não esquecendo do gorro para proteger os cabelos, máscaras para cobrir o nariz e a boca, e pró-pés;

  2. Verificar com o chefe do Centro Cirúrgico a confirmação da internação do cliente, os exames pré-operatórios e para qual sala está escalado;

  3. Se não tiver familiarizado com o cirurgião, perguntar antecipadamente os fios que serão utilizados;

  4. Usar técnica de escovação correta, vestir avental esterilizado e calçar as luvas estéreis;

  5. Dispor na mesa o campo cirúrgico duplo, próprio para a mesa do instrumentador;

  6. Dispor o material da cirurgia na mesa, evitando contaminar o mesmo, verificando sempre se nenhum material necessário está faltando;

  7. Evitar qualquer tipo de contaminação, conservando as mãos acima da cintura, não podendo encostá-las em qualquer lugar que não esteja esterilizado;

  8. Auxiliar o cirurgião e assistentes a vestirem o avental e luvas estéreis;

  9. Tomar cuidado para não encostar com a parte não estéril do avental nas mesas auxiliares e de instrumental;

  10. Auxiliar na colocação dos campos que delimitam a área operatória, entregando-os ao assistente e ao cirurgião;

  11. Passar os instrumentos, sempre tendo o cuidado de que esteja do lado correto, para evitar quedas e que o cirurgião tenha que virá-lo antes de usar, evitando acidentar-se;

  12. Conservar o campo operatório sempre limpo e em ordem para evitar transtornos;

  13. Conservar os instrumentos sempre no lugar próprio, nunca deixando a mesa desarrumada;

  14. No caso de cirurgias em que são retirados materiais para exame, responsabilizar-se por eles até que sejam encaminhados ao setor competente;

  15. Ter controle do material e instrumental durante toda a cirurgia, prestando atenção em toda e qualquer manobra do cirurgião;

  16. Contar compressas grandes, pequenas e gazes, antes e ao término de cada procedimento cirúrgico;

  17. Evitar o desperdício de fios, porém ter sempre o necessário a fim de que não haja complicações durante o ato operatório;

  18. Ser consciencioso, lembrando que a vida do paciente depende da assepsia do instrumental, além da habilidade do cirurgião;

  19. Ao final da cirurgia, proceder o curativo na fenda cirúrgica, separar o instrumental dos materiais perfurantes e cortantes, evitando dessa forma acidentes;

  20. Antecipar os pedidos do cirurgião, evitando o atraso no tempo operatório. Isto se consegue conhecendo o instrumental, tempo cirúrgico e prestando atenção ao desenrolar da cirurgia, a fim de estar sempre um passo a frente do cirurgião;

  21. Manter sempre uma técnica perfeita, com atenção, iniciativa e rapidez durante todo o tempo;

  22. Manter sigilo profissional;

  23. Jamais falar alto na sala de cirurgia;

  24. Atualizar-se nos progressos cirúrgicos;

  25. Buscar constantemente o melhor desempenho no ambiente de trabalho, observando as seguintes prescrições de comportamento ou conduta: assiduidade, pontualidade, obediência e respeito à hierarquia, disciplina, iniciativa, produtividade, interesse, qualidade e atenção no trabalho, dedicação, eficiência, zelo na utilização dos materiais e equipamentos do patrimônio público, bom relacionamento com as chefias, colegas e munícipes, disponibilidade permanente para colaborar com a chefia e/ou colegas, acatamento de ordens, assimilamento de novos métodos de trabalho, etc;

  26. Comunicar à chefia imediata fatos que possivelmente infrinjam os preceitos da Lei do Exercício Profissional;

  27. Contribuir em suas atividades laborais para que as normas e procedimentos técnicos e administrativos estabelecidos atendam às legislações federal, estadual e municipal;

  28. Cumprir as normas estabelecidas de biossegurança, seguindo criteriosamente todas as medidas de prevenção preconizadas, para evitar contaminações e acidentes;

  29. Manter-se atualizado, ampliando seus conhecimentos técnicos, científicos e culturais, participando de treinamentos, cursos, palestras e reuniões técnicas, visando o desenvolvimento profissional e a excelência na prestação de serviços;

  30. Receber e atender visitantes, munícipes, servidores e fornecedores, atendendo pessoalmente ou por telefone, com educação, boa vontade e presteza, de acordo com os padrões da ética profissional, aplicando tratamento adequado a todos sem distinção, fornecendo informações claras e precisas, resolvendo as questões com agilidade, contactando e encaminhando aos setores competentes para que sejam solucionadas as dificuldades ou necessidades apresentadas;

  31. Zelar pela observância dos procedimentos legais e administrativos, e para que sejam obedecidas as determinações do Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Varginha;

  32. Cooperar com todo o pessoal, para o funcionamento correto do serviço;

  33. Manter bom relacionamento com colegas, clientes, familiares dos clientes, superiores, respeitando, dialogando e agindo com ética em todas as situações existentes, para manter o sigilo profissional que o cargo exige;

  34. Executar outras atribuições correlatas ao cargo, de igual nível de complexidade e responsabilidade.



2 – DO REGIME JURÍDICO E PRAZO DE CONTRATAÇÃO

O regime jurídico único dos servidores da Fundação Hospitalar do Município de Varginha é o ESTATUTÁRIO, instituído pela Lei Municipal 1.875/1990 e o prazo para contratação será de 06(SEIS) meses e/ou provimento do cargo por concurso.


3 – FUNDAMENTAÇÃO E JUSTIFICATIVA

Contratação de excepcional interesse público para atender à execução de serviços, até realização de Concurso Público, com a devida autorização da Diretoria Geral Hospitalar, conforme Processo Administrativo Nº 421/2017.


4 – REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO

  • gozar dos direitos políticos;

  • estar em dia com as obrigações eleitorais;

  • estar quite com as obrigações militares, se do sexo masculino;

  • ter habilitação legal e estar devidamente inscrito no órgão fiscalizador da profissão;

  • possuir todos os requisitos exigidos para o cargo constante deste Edital, com documentação hábil à data da inscrição;

  • cumprir as determinações deste Edital.


5 – DADOS PARA A INSCRIÇÃO

Dias: 20/12/2017

Horário: 08:00 às 11:00 e das 13:30 às 16:30

Local: Divisão de Recursos Humanos - FHOMUV

Endereço: Rua Álvaro Mendes, 740, Bom Pastor – Varginha

Cópia dos seguintes documentos deve ser apresentada no ato da inscrição:

a) Carteira de Identidade;

b) Certificado do Ensino Médio Completo (2º Grau) com Curso Complementar em Instrumentação Cirúrgica;

c) Títulos conforme anexo I.

6 – DA SELEÇÃO E CLASSIFICAÇÃO

6.1 - Esta seleção constará de Prova de Títulos e Cursos de aperfeiçoamento profissional de caráter classificatório, tendo o total máximo de 96 (noventa e seis) pontos, distribuídos conforme consta no Anexo I deste Edital.


6.2 - A classificação dos candidatos será elaborada na ordem decrescente do total de pontos obtidos.
6.3 – O critério de desempate será pelo candidato mais idoso / idade.

7 – DOS RESULTADOS

7.1 - A listagem dos candidatos classificados será afixada na recepção da Divisão de Recursos Humanos – Rua Álvaro Mendes, 740 - Bom Pastor.


7.2 – O resultado estará disponível no site da FHOMUV – www.fhomuv.com.br e publicado no Órgão Oficial do Município.
8 – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

8.1 - Este processo seletivo será válido pelo período de 1(um) ano, contado a partir da publicação da classificação final e/ou até o provimento do cargo por servidor efetivo.


8.2 - A inscrição do candidato implicará no conhecimento e na tácita aceitação das regras e condições estabelecidas neste edital.
8.3 - O candidato classificado deverá manter junto à Fundação Hospitalar do Município de Varginha, durante o prazo de validade desta Seleção Pública, seu endereço atualizado, visando eventuais convocações. Não lhe caberá qualquer recurso ou reclamação caso não seja possível convocá-lo por falta desta atualização.
8.4 - Será automaticamente eliminado deste Processo Seletivo:

a) Candidato convocado que fizer, em qualquer documento, declaração falsa ou inexata, além das cominações penais e civis;

b) Não comparecer nos locais, datas e horários determinados em qualquer uma das convocações;

c) Infringir qualquer norma ou regulamento do presente edital;

d) O candidato que, ao ser convocado, não entrar em exercício da função no prazo de 30(trinta) dias.
9 – DA COMISSÃO ORGANIZADORA DO PROCESSO SELETIVO PÚBLICO

Os casos omissos neste Processo Seletivo Público serão analisados e julgados pela Comissão Especial designada conforme “ANEXO II” deste Edital.


10 – DA INSPEÇÃO DE SAÚDE - EXAMES ADMISSIONAIS

10.1 - O candidato convocado neste Processo Seletivo Público será encaminhado para prévia inspeção de saúde.


10.2 – O exame admissional, de caráter eliminatório, consistirá em avaliação médica e psicológica, realizada pela Seção de Segurança e Medicina do Trabalho – SESMT da FHOMUV, onde será avaliada a saúde física e mental, para o exercício do cargo.
10.3 – Será considerado aprovado no exame admissional somente o candidato com parecer “APTO” quando da conclusão dos mesmos.
10.4 – Em caso de resultado INAPTO no exame admissional, o próximo candidato classificado será convocado, devendo ser submetido à prévia inspeção de saúde.
11 - DO RECURSO

Caberá recurso contra o resultado da classificação no dia 22/12/2017, que deverá ser protocolado na Divisão de Recursos Humanos.


12 – DA CONTRATAÇÃO

Será contratado o candidato classificado e convocado que for julgado, na inspeção médica oficial, apto fisicamente e mentalmente para o exercício das atividades a que se refere o presente Edital. O candidato aprovado será convocado através de contato telefônico ou correspondência, devendo apresentar os documentos necessários, principalmente o Registro no Conselho de Classe, com jurisdição na área onde ocorrerá o exercício, sendo em local, data e horário a serem estabelecidos.



13 - CRONOGRAMA



Data

Horário

Atividade

Local

20/12/17

08:00 às 11:00 e das 13:30 às 16:30

Inscrição



Divisão de Recursos Humanos – Rua Álvaro Mendes, 740 – Bom Pastor – Varginha/MG

21/12/17

15 horas

Divulgação da Classificação

22/12/17

13:30 às 16:30

Interposição de Recurso

28/12/17

9 horas

Classificação Final / Publicação no Órgão Oficial e Site da FHOMUV

Varginha, 14 de dezembro de 2017.


Regina Paula Ferreira Pinto Siqueira

Diretora Geral Hospitalar

Maria Aparecida Tana Gonçalves



Divisão Administrativa

ANEXO I

EXPERIÊNCIA


  • Serão atribuídos 3,0 (três) pontos para cada 06 (seis) meses de experiência comprovada como Instrumentador Cirúrgico. A pontuação será limitada à 04 anos completos, somente com a devida comprovação.


TÍTULOS

  • Serão atribuídos 5 (cinco) pontos para cada título apresentado de pós-graduação – lato sensu/especialização, cujo conteúdo programático tiver vinculação ao cargo pretendido, sendo limitado a dois cursos;

  • serão atribuídos 10 (dez) pontos para cada título apresentado de pós-graduação - strictu sensu/mestrado, cujo conteúdo programático tiver vinculação ao cargo pretendido, sendo limitado a dois cursos;

  • serão atribuídos 15 (quinze) pontos para cada título apresentado de strictu sensu – doutorado, cujo conteúdo programático tiver vinculação ao cargo pretendido, sendo limitado a dois cursos.




  • O Curso de Aperfeiçoamento, Especialização, Pós-Graduação (Lato Sensu), Mestrado ou Doutorado, será considerado desde que compatível com o cargo optado pelo candidato, concluído e que mencione no respectivo certificado a carga horária correspondente discriminando as horas. Os títulos sem conteúdo e/ou sem carga horária não serão validados.




  • Não serão considerados títulos de curso ainda em andamento; o mesmo deverá estar concluído até a data de inscrição neste processo seletivo.




  • Os documentos de cursos realizados em Língua Estrangeira somente serão considerados quando traduzidos para a Língua Portuguesa.


CURSOS


  • Será atribuído 1,0 (um) ponto para cada certificado de Curso de Aperfeiçoamento Profissional na área de Instrumentação Cirúrgica realizado pelo candidato com carga horária a partir de 40 h até 120 h. Neste item serão pontuados apenas cursos realizados a partir de 1 de janeiro de 2010. A pontuação será limitada à quatro cursos e somente será devida para cursos cujos certificados apresentem conteúdo programático.




  • Serão atribuídos 2,0 (dois) pontos para cada certificado de Curso de Aperfeiçoamento Profissional na área de Instrumentação Cirúrgica realizado pelo candidato com carga horária acima de 120 h. Neste item serão pontuados apenas cursos realizados a partir de 1 de janeiro de 2010. A pontuação será limitada à quatro cursos e somente será devida para cursos cujos certificados apresentem conteúdo programático.




  • Se o nome do candidato, nos documentos apresentados, for diferente do nome que consta na ficha de inscrição, deverá ser anexado o comprovante de alteração de nome (Certidão de Casamento ou de Divórcio, de inserção ou mudança de nome).

  • Não serão atribuídos pontos aos títulos referentes a participação em cursos, seminários e eventos similares quando os mesmos fizerem parte do currículo de cursos de graduação.

  • A Fundação Hospitalar poderá, a qualquer momento, requisitar do candidato a apresentação dos originais da documentação apresentada para atribuição de pontos.

  • Serão recusados os títulos que não atenderem às exigências deste Edital.


ANEXO II

DESIGNA COMISSÃO ESPECIAL PARA REALIZAÇÃO DO PRESENTE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO – EDITAL 022/2017.

Ficam nomeadas as servidoras abaixo relacionadas para compor a Comissão Especial para o Processo Seletivo – Edital 022/2017: Maria Aparecida Tana Gonçalves, Carla Bianca Pereira de Paiva e Larissa Ongaro Faria para, sob a presidência da primeira, proceder à realização da seleção.

Caberá à Comissão a análise e julgamento dos recursos bem como os casos omissos neste Processo Seletivo Público.
Varginha, 14 de dezembro de 2017.

Antônio Silva

Prefeito Municipal

Regina Paula Ferreira Pinto Siqueira



Diretora Geral Hospitalar





©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal