Dados de identificaçÃo do candidato não deixe de preencher as lacunas a seguir



Baixar 112.85 Kb.
Encontro05.03.2018
Tamanho112.85 Kb.

CONCURSO PÚBLICO



DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO
Não deixe de preencher as lacunas a seguir.


Nome






























































































Nº de Identidade Órgão Expedidor UF Nº de Inscrição



























































































Prédio Sala

























































































MÉDICO / IMUNOLOGIA

ATENÇÃO





  • Abra este Caderno, quando o Fiscal de Sala autorizar o início da Prova.

  • Observe se o Caderno está completo. Ele deverá conter um total de 40 (quarenta) questões, sendo 10 (dez) de Português e 30 (trinta) de Conhecimentos Específicos.

  • Se o Caderno estiver incompleto ou com algum defeito gráfico que lhe cause dúvidas, informe, imediatamente, ao Fiscal.

  • Uma vez dada a ordem de início da Prova, preencha, nos espaços apropriados, o seu Nome completo, o Número do seu Documento de Identidade, a Unidade da Federação e o Número de Inscrição.

  • Para registrar as alternativas escolhidas nas questões da prova, você receberá um Cartão-Resposta de Leitura Ótica. Verifique se o Número de Inscrição impresso no cartão coincide com o seu Número de Inscrição.

  • As bolhas do Cartão-Resposta para as questões de múltipla escolha devem ser preenchidas, totalmente, com caneta esferográfica azul ou preta.

  • Você dispõe de 4 horas para responder toda a Prova – já incluído o tempo destinado ao preenchimento do Cartão-Resposta. O tempo de Prova está dosado, de modo a permitir fazê-la com tranqüilidade.

  • Você só poderá retirar-se da sala 2 (duas) horas após o início da Prova.

  • Preenchido o Cartão-Resposta, entregue-o ao Fiscal juntamente com este Caderno e deixe a sala em silêncio.



B



OA SORTE !

PORTUGUÊS
TEXTO 01
A PANDEMIA DO MEDO
Nas últimas duas semanas, o alarde sobre a iminência de uma pandemia de gripe aviária colocou o mundo em prontidão. Focos de aves contaminadas pelo vírus H5N1, causador da doença, foram detectados na Rússia, Turquia, Romênia e Grécia - sinal de que ele avança sobre o Ocidente. Na China, seu reduto original, a gripe reapareceu e matou 2 600 pássaros no norte do país.

Governos de todos os continentes tentam definir estratégias de combate à disseminação do vírus. O medo de uma pandemia deflagrou uma corrida pela fabricação de vacinas contra o H5N1, ainda inexistentes, e pela compra e estocagem do único antiviral capaz de conter o vírus, o oseltamivir, vendido sob o nome comercial de Tamiflu. O governo brasileiro encomendou 9 milhões de kits do medicamento. As farmácias de todo o país quintuplicaram as vendas de Tamiflu desde a notícia de que uma possível pandemia estaria a caminho. Criou-se até um mercado ilegal do antiviral na Internet, em que o preço da caixa com dez unidades triplicou. Qual é, no entanto, o real tamanho do perigo a que o mundo está exposto ?

Até agora, apesar de todo o alarde, a única certeza é a de que o H5N1 é um agente de destruição em massa apenas de aves, em especial galinhas e frangos. O grande temor é que o vírus passe por mutações genéticas que dêem origem a uma cepa facilmente transmissível de homem para homem, como os micróbios de uma gripe comum. Essa possibilidade existe, mas, por enquanto, não passa de especulação. Segundo o médico americano Marc Siegel, professor da Universidade de Nova York : “Não existe nenhuma evidência direta de que o vírus H5N1 esteja prestes a sofrer esse tipo de transformação.” A única pandemia em curso, no momento, portanto, é a do medo.

BERGAMO, Giuliana. Saúde. Revista Veja. 26 de outubro de 2005. p.80.
01. Em uma das alternativas abaixo, existe uma mensagem que não está inserida no Texto. Assinale-a.
A) A gripe aviária é oriunda da China.

B) Inexistem as vacinas para combater esse tipo de gripe.

C) As autoridades brasileiras procederam à aquisição do antiviral para combater a gripe aviária.

D) A Internet contribuiu significativamente para promover a disseminação da gripe aviária.

E) Existe o risco de que o vírus da gripe aviária sofra determinadas mutações que resultem numa transmissão ao ser humano.
02. Assinale a alternativa em que o fragmento do texto denota a adoção de uma ação conjunta na tentativa de conter a gripe aviária.
A) “Na China, seu reduto original, a gripe reapareceu e matou 2 600 pássaros no norte do país.”

B) “Governos de todos os continentes tentam definir estratégias de combate à disseminação do vírus.”

C) “Essa possibilidade existe, mas, por enquanto, não passa de especulação.”

D) “A única pandemia em curso no momento, portanto, é a do medo.”

E) “Criou-se até um mercado ilegal do antiviral na Internet...”
03. Sobre o trecho abaixo:
Na China, seu reduto original, a gripe reapareceu e matou 2 600 pássaros no norte do país.”
É correto declarar que
A) a gripe aviária originou-se nos países nórdicos.

B) não há risco de a gripe extrapolar os limites territoriais da China.

C) a gripe, reincidente na China, dizimou uma relevante quantidade de aves no sul do país.

D) a gripe, proveniente da China, estende-se até o norte de nosso país.



E) a ação se repetiu em um determinado tempo passado; isso se percebe através do verbo “reaparecer”.
04. Sobre SINONÍMIA e ANTONÍMIA, analise os itens abaixo.
I. Iminência (Sinônimo: proximidade).

II. Disseminação (Antônimo: propagação).

III. Deflagrou (Sinônimo: impediu).

IV. Prontidão (Sinônimo: vigilância).

V. Especulação (Antônimo: hilaridade).


Assinale a alternativa que contém o(s) item (ns) acima que apresenta(m) correlação correta entre a palavra e o que está nos parênteses.
A) Apenas I e IV. B) Apenas IV. C) Apenas III e V. D) Apenas I, III e IV. E) Apenas II, III e V.
05. Sobre o emprego da CRASE, analise as justificativas de cada item.
I. “...o alarde sobre a iminência de um pandemia de gripe aviária...” – não se pode crasear, uma vez que existe a presença da preposição antecedendo o artigo “a”.

II. “Governos de todos os continentes tentam definir estratégias de combate à disseminação” – neste caso, a crase é facultativa.

III. “...que o vírus passe por mutações genéticas que dêem origem a uma cepa facilmente transmissível...” – não se craseia por estar diante de um pronome indefinido.

IV. “...desde a notícia de que uma possível pandemia estaria a caminho.” – não se craseia por estar diante de nome masculino.
Está (ão) correta (s)
A) apenas I. B) apenas I e IV. C) apenas III. D) apenas I, II e IV. E) Apenas III e IV.
06. Sobre PONTUAÇÃO, analise as proposições abaixo.
I. “Qual é, no entanto, o real tamanho do perigo...”

II. “A única pandemia em curso, no momento, portanto, é a do medo.”

III. “...e estocagem do único antiviral capaz de conter o vírus, o oseltamivir, vendido...”

IV. “...deflagrou uma corrida pela fabricação de vacinas contra o H5N1, ainda inexistentes, pela compra...”

V. “Na China, seu reduto original, a gripe reapareceu...”
Assinale a alternativa que contempla os itens nos quais o emprego da (s) vírgula (s) se justifica por separar termos que explicam o seu antecedente, denominados de aposto.
A) Apenas I e III. B) Apenas III e V. C) Apenas II e V. D) Apenas III, IV e V. E) Apenas II, III e V.
07. Observe os termos sublinhados dos itens abaixo.
I. “Focos de aves contaminados pelo vírus H5N1, causador da doença, foram detectados na Rússia...”

II. “...deflagrou uma corrida pela fabricação de vacinas contra o H5N1, ainda inexistentes...”

III. “...desde que uma possível pandemia estaria a caminho...”

IV. “Não existe nenhuma evidência direta ...”
Assinale a alternativa que contém uma afirmação correta.
A) No item I, os termos “causador” e “detectados” concordam em gênero e número com o termo “vírus”.

B) No item II, o termo sublinhado deveria estar no plural para concordar com nome a que se refere, “corrida”.

C) No item III, se o termo “pandemia” fosse substituído por “contágio” , mantendo o mesmo número, a palavra possível teria sua grafia alterada.

D) Se o termo “evidências” (item IV) se flexionasse no plural, seria correto dizer : não existe evidências diretas.

E) O termo “detectados” (item I) concorda em gênero e número com o nome a que se refere, “focos”.
08. Em qual das alternativas abaixo, o termo sublinhado denota que o autor se utilizou dessa palavra com sentido que não lhe é comum ou próprio, resultante de uma relação de semelhança, dando, assim, origem a uma figura de linguagem denominada de metáfora?
A) “Governos de todos os continentes tentam definir estratégias...”

B) “Qual é, no entanto, o real tamanho do perigo a que o mundo está exposto?”

C) “...deflagrou uma corrida pela fabricação de vacinas...”

D) “O grande temor é que o vírus passe por mutações genéticas...”

E) “A única pandemia em curso, no momento, portanto, é a do medo.”
09. Sobre REGÊNCIA NOMINAL e VERBAL, observe os termos grifados.
I. “...passe por mutações genéticas que dêem origem a uma cepa facilmente transmissível...”

II. “...em que o preço da caixa com dez unidades triplicou...”

III. “Qual é, no entanto, o real tamanho do perigo a que o mundo está exposto ?”

IV. “Governos de todos os continentes tentam definir estratégias de combate à disseminação ...”

V. “O governo brasileiro encomendou 9 milhões de kits de medicamento.”
Assinale a alternativa correta.
A) No item I, os termos sublinhados são complemento do verbo “originar”.

B) No item II, o termo sublinhado tem como complemento “dez unidades”.

C) No item III, os termos sublinhados completam o sentido do verbo “expor”.

D) No item IV, os termos sublinhados são complemento do substantivo “combate”.

E) No item V,o verbo sublinhado exige que o seu complemento seja regido de preposição.
10. Em qual das alternativas existe discordância entre o (s) termo (s) sublinhado (s) e o que se declara no parêntese em relação à ACENTUAÇÃO ?

A) “...sobre a iminência de uma pandemia de gripe aviária colocou o mundo em prontidão.” (a tonicidade de ambas as palavras grifadas recai na penúltima sílaba).

B) “...e estocagem do único antiviral capaz de conter o vírus...” (ambos os termos sublinhados são paroxítonos).

C) “...por mutações genéticas que dêem origem a uma cepa facilmente transmissível...” (o acento do termo sublinhado se justifica por ser paroxítona terminada em “l”) .

D) “As farmácias de todo o país quintuplicaram...” (no primeiro termo sublinhado, a tonicidade recai na penúltima sílaba; no segundo, na última sílaba.)

E) “Nas últimas duas semanas...” e “...desde a notícia de que uma possível pandemia estaria a caminho...” (as palavras sublinhadas são respectivamente proparoxítona , paroxítona e paroxítona).



CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
11. Qual das doenças abaixo está classificada fisiopatologicamente como sendo causada por mecanismo de hipersensi-bilidade de tipo II (mediada por anticorpos) através dos critérios de Gell e Coombs?
A) Dermatite de contato.

B) Conjuntivite vernal. D) Púrpura trombocitopênica auto-imune.

C) Miastenia Gravis. E) Glomerulonefrite pós-streptocócica.
12. A crise asmática é uma manifestação clínica da hipersensibilidade imediata. Qual dos mecanismos abaixo NÃO se relaciona com sua fisiopatologia?
A) Ativação de linfócitos T CD 4 de padrão funcional Th-1.

B) Eosinofilia intersticial brônquica. D) Hipersecreção mucosa.

C) Hiperprodução de IgE. E) Degranulação mastocitária.
13. No choque anafilático sistêmico, o fármaco fundamental do esquema terapêutico é
A) insulina de liberação rápida.

B) nitroprussiato de sódio. D) anti-histamínico.

C) adrenalina. E) expansor plasmático endovenoso.
14. O choque anafilático é uma emergência imunológica grave. Na prática médica, qual dos agentes abaixo é o causador mais freqüente dos acidentes anafiláticos?
A) Anti-hipertensivos. B) Glicorticóides. C) Antibióticos. D) Antipiréticos. E) Anticonvulsivantes.
15. Os linfócitos B são os elementos centrais das respostas imunitárias humorais, porque
A) produzem imunoglobulinas diretamente no sangue circulante.

B) são capazes de ligar antígenos solúveis polivalentes através de receptores imunoglobulínicos de membrana (IgD IgM) e de iniciar seu processo de ativação em expansão blástica, com posterior secreção de imunoglobulinas.

C) são estimulados a secretar imunoglobulinas, que são as moléculas efetoras das respostas humorais, diretamente através de estimulação induzida por células circulantes apresentadoras de antígenos.

D) produzem grande quantidade de fatores humorais ativos, como proteínas do complemento ou fator ativador de plaquetas (PAF), além dos próprios anticorpos.

E) secretam uma grande variedade de citocinas, que são os principais efetores das respostas humorais.

16. Os linfócitos T são células que compõem o sistema imunitário tendo como característica
A) não serem células clonais, diferentemente dos linfócitos B, que são clonais e rearranjam os genes das imunoglobulinas.

B) apenas reconhecerem antígenos peptídicos apresentados dentro do contexto das moléculas do complexo maior de histocompatibilidade classe I ou de Classe II.

C) sofrerem ativação direta induzida por antígenos solúveis, que se ligam às moléculas do receptor de célula T (TCR).

D) serem originados na medula óssea onde maturam e, em seguida, migrarem para o timo, onde são capazes de exercer suas funções efetoras, designadas de “helper” ou “supressor”.

E) serem os elementos efetores não clonais das respostas imunitárias mediadas por células.
17. Sobre o sistema complemento, é correto afirmar.
A) São glicoproteínas séricas, que são ativadas em cascata, exclusivamente no compartimento intravascular.

B) A via clássica de reação é aquela iniciada pela ativação do componente C1qrs.

C) A via alternativa de ativação é aquela iniciada pelo componente C5a.

D) As anafilotoxinas C3b e C5b são potentes pró-inflamatórios derivados da ativação do complemento.

E) A via alternativa do complemento ou via properdínica é ativada pela ligação com fração Fab das imunoglobulinas.
18. O hipertiroidismo tireotóxico – Doença de Graves – é definitivamente uma doença auto-agressiva nela se encontrando auto-anticorpos
A) anti-TSH.

B) antitireoglobulina. D) estimulantes de - T3 e T4.

C) anti-receptor de tireoglobulina. E) anti-receptores de TSH.
19. As células apresentadoras de antígenos profissionais se originam no sistema fagocítico mononuclear. Qual dos tipos celulares abaixo relacionadoS não tem essa origem nem essa função?
A) Células de Kupffer hepática.

B) Mastócitos do conjuntivo. D) Microglia do sistema nervoso central.

C) Célula de Langhans epidérmica. E) Osteoclastos do trabeculado medular.
20. São comiseradas áreas B-dependentes na microanatomia de órgãos colonizados por tecido linfóide as seguintes áreas, exceto uma. Assinale-a.
A) Centros germinativos corticais linfonodais.

B) Zonas linfóides centrais da medula óssea.

C) Folículos linfóides amigdalianos.

D) Bainha linfocítica periarteriolar do baço.

E) Folículos linfóides secundários em placas de Peyer do íleo terminal.
21. A reação de tipo tuberculínica, utilizada para diagnóstico imunológico de várias doenças, como a lepra, a tuberculose e paracococcidioidomicose, em intradermoreação, representa uma resposta
A) hipersensível mediada por IgE.

B) hipersensível mediada por complemento. D) anérgica.

C) inflamatória mediada por células. E) inflamatória mediada por imunocomplexo.
22. No pareamento doador-receptor no transplante hepático, o critério que deve ser obrigatoriamente obedecido para atribuição do órgão é compatibilidade de
A) haplótipos do sistema HLA e compleição física.

B) raça e de sexo. D) sexo e haplótipos do sistema HLA.

C) grupos sanguíneos e compleição física. E) sexo e compleição física.
23. Na doença reumática com manifestações cardíacas, o principal mecanismo imunopatológico da lesão tecidual ocorre pela ação de
A) auto-anticopos contra antígenos do músculo estriado cardíaco.

B) anticorpos de reação cruzada contra antígenos de componentes cardíacos.

C) auto-anticorpos contra receptores funcionais do tecido conectivo e de músculo estriado.

D) clones de células T citotóxicas contra células musculares estriadas cardíacas.

E) fator reumatóide contra antígenos do conjuntivo orovalvular.
24. Qual das drogas abaixo não é utilizada como imunossupressora no controle de rejeição de transplantes?
A) Tacrolimus.

B) Azatioprina. D) Micofenolato de mofetil.

C) Ciclosporina A. E) Gama interferon.
25. Do ponto de vista imunológico, a hanseníase Virchowiana representa a forma
A) anérgica da doença.

B) de viragem da doença. D) indeterminada da doença.

C) hipersensível da doença. E) alérgica da doença.
26. São considerados órgãos linfóides periféricos ou secundários:
A) Timo e o anel de Waldeier.

B) Timo e medula óssea. D) Baço e Placas de Peyer.

C) Baço e timo. E) Medula óssea e linfonodos.
27. A doença do enxerto contra o hospedeiro é a principal complicação do transplante
A) intestinal. B) hepático. C) de pâncreas. D) renal. E) de medula óssea.
28. A vacinação antitetânica utiliza como imunogênico o(a)
A) bacilo atenuado.

B) bacilo morto. D) toxina tetânica recombinante.

C) toxóide tetânico. E) toxina tetânica nativa mais adjuvante.
29. Na reação inflamatória aguda o fenômeno da exsudação celular depende intrinsecamente do(a)
A) aumento da permeabilidade capilar.

B) aumento da pressão hidrostática capilar. D) aumento da pressão oncótica intersticial.

C) hiperemia capilar. E) aumento da transcitose endotelial.
30. Em qual das doenças infecciosas abaixo está descrito, em sua fisiopatologia, o desenvolvimento eventual de glomerulonefrite de causa imunopatológica?
A) Hanseníase.

B) Doença de Chagas. D) Esquistossomose Mansônica.

C) Malária. E) AIDS.
31. Na imunossupressão a longo prazo do pós-transplante cardíaco com Ciclosporina A, observam-se todos os efeitos indesejáveis abaixo, EXCETO UM. Assinale-o.
A) Coronariopatia aterosclerótica rapidamente progressiva.

B) Câncer relacionado à imunossupressão. D) Hipertensão arterial pulmonar.

C) Hipertensão arterial sistêmica. E) Disfunção renal.
32. Com relação ao mecanismo genético de geração da diversidade dos anticorpos, é incorreto afirmar.
A) A recombinação gênica é mediada, principalmente, pela atuação das endonucleases RAG1 e RAG2.

B) O produto gênico Bcl-2 inicia a recombinação distal nas zonas constantes (genes das cadeias pesadas) das imunoglobulinas.

C) Processos de mutações genéticas são observados nas zonas hipervariáveis do segmento V.

D) A recombinação dos segmentos VDJ determina a diversidade nas zonas variáveis da imunoglobulina.

E) O gene completo de uma imunoglobulina é encontrado, apenas, no cromossomo rearranjado.
33. Na ontogenia dos linfócitos T, o processo de seleção positiva intratímica se refere ao prosseguimento do desenvolvimento ontogenético de linfócitos T que
A) interagem com moléculas de MHC Self.

B) não interagem com o peptídios Self.

C) conseguem rearranjar o gene completo do receptor da célula T.

D) conseguem expressar as cinco cadeias moleculares do complexo transdutor CD3.

E) interagem com peptídios “not self” apresentados no timo.
34. O fator reumatóide é um agente e marcador importante de uma série de doenças auto-imunes. Bioquimicamente, este fator é constituído por
A) proteína amilóide.

B) proteína C reativa. D) produtos de quebra da matriz colágena.

C) anticorpo da classe IgM anti IgG. E) receptor solúvel de linfócitos T.
35. Considerando-se o número de células CD4 em indivíduo aidético, qual, dentre as condições abaixo listadas, tem seu aparecimento correlacionado com contagens mais baixas desta subpopulação linfocitária?
A) Tuberculose Pulmonar.

B) Retinite por citomegalovírus. D) Candidíase esofágica e vaginal.

C) Neurite por Herps Zooster. E) Pneumonia por Pneumocistis carinii.
36. Dos elementos abaixo, qual deles não integra o conjunto de componentes do processo de imunidade inata ou natural?
A) Lisozima da lágrima.

B) Produto das glândulas ceruminosas do ouvido. D) Suco gástrico.

C) Anticorpos do leite materno. E) Proteínas do sistema complemento.
37. O chamado “Complexo de Ataque à Membrana” é um mecanismo efetor bioquímico de lise celular originário de
A) Linfotoxinas de linfócitos T CD8.

B) Proteína básica maior do eosinófilo. D) Enzimas hidrolíticas de polimorfonucleares neutrófilos.

C) Componentes C5 a C9 do complemento. E) Perforinas de origem macrofágica.
38. Qual dos aspectos abaixo listados não é característico do processo de inflamação crônica?
A) Angiogênese.

B) Recrutamento de macrófagos. D) Infiltrado de polimorfonucleares neutrófilos.

C) Desenvolvimento eventual de folículos linfóides. E) Desenvolvimento de fibroplasia.
39. No processo de maturação e diferenciação do linfócito B em plasmócito secretor de imunoglobulinas, qual das citocinas abaixo é decisiva na comutação genética da cadeia para a produção de IgE?
A) Interleucina 4 e TGFbeta.

B) Interleucina 6 e Inteleucina 2. D) TGF beta e interleucina 8.

C) Interleucina 4e gama interferon. E) Interleucina 6 e interleucina 10.
40. Em qual das reações imunológicas abaixo o padrão funcional de linfócitos T CD4 de tipo Th-2 está claramente estabelecido?
A) Nas reações por imunocomplexos.

B) Nas reações citotóxicas antitumorais.

C) Nas reações de rejeição crônica de transplante.

D) Na doença do enxerto contra o hospedeiro.



E) Nas reações alérgicas.




Compartilhe com seus amigos:


©aneste.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
universidade federal
terapia intensiva
Excelentíssimo senhor
minas gerais
união acórdãos
Universidade estadual
prefeitura municipal
pregão presencial
reunião ordinária
educaçÃo universidade
público federal
outras providências
ensino superior
ensino fundamental
federal rural
Palavras chave
Colégio pedro
ministério público
senhor doutor
Dispõe sobre
Serviço público
Ministério público
língua portuguesa
Relatório técnico
conselho nacional
técnico científico
Concurso público
educaçÃo física
pregão eletrônico
consentimento informado
recursos humanos
ensino médio
concurso público
Curriculum vitae
Atividade física
sujeito passivo
ciências biológicas
científico período
Sociedade brasileira
desenvolvimento rural
catarina centro
física adaptada
Conselho nacional
espírito santo
direitos humanos
Memorial descritivo
conselho municipal
campina grande