Cargos: assistente em administraçÃO



Baixar 14.74 Kb.
Encontro29.06.2019
Tamanho14.74 Kb.

CARGO: ENFERMEIRO
PROGRAMA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
1. Aspectos éticos e legais do exercício profissional de Enfermagem.

2. História e Processo de trabalho em enfermagem.

3. Organização e Gestão dos Serviços de Enfermagem. Planejamento e supervisão da

assistência de enfermagem. Enfermagem e recursos humanos: recrutamento,

dimensionamento e seleção.

4. Enfermagem na saúde coletiva: Políticas de saúde / Sistema Único de Saúde.

Vigilância sanitária e epidemiológica: doenças infecto-contagiosas (sinais,

sintomas, prevenção, controle e tratamento) Programa Nacional de Imunização

(PNI): calendário atual de vacinação, aspectos importantes sobre as vacinas do

PNI. - Rede de Frio: transporte, armazenamento e conservação, cuidados de

enfermagem na administração de vacinas. Sistema de Informação em Saúde.

Educação em saúde. Programa Saúde da Família.

5. Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) aos pacientes em situações

clínicas e/ou cirúrgicas nas unidades de internação.

6. Enfermagem na saúde do Adulto e do Idoso

6.1. Sinais, sintomas, tratamento e assistência de enfermagem aos pacientes com:

��Alteração das funções metabólicas e endócrinas: hepatites, pancreatite,

diabete mellitus, hipertireoidismo ).

��Disfunção urinária e renal: retenção urinária, incontinência urinária,

insuficiência renal, diálise e hemodiálise.

��Distúrbios do trato respiratório: pneumonia, insuficiência respiratória aguda,

doença pulmonar obstrutiva crônica(DPOC).

��Alterações neurológicas: convulsão, acidente vascular cerebral, miastenia

gravis, síndrome de Guillain-Barré, lesão raquimedular.

��Síndromes geriátricas: tonturas, quedas, depressão, doença de Alzheimer.

6.2. Assistência de Enfermagem no período perioperatório (pré, trans e pósoperatório)

abordando os aspectos fisiopatológicos, psicossociais,

preventivos, curativos e de reabilitação: o papel do enfermeiro na central de

material esterilizado e centro cirúrgico, classificação das cirurgias. Cuidados

de enfermagem nas cirurgias de cabeça e pescoço, torácicas, abdominais,

cardiovascular, vascular, aparelho reprodutor e trauma músculo esquelético.

6.3. Situações de alto risco: infarto agudo do miocárdio; edema agudo de pulmão;

choque séptico, anafilático e hemorrágico, insuficiência cardíaca, coagulação

intravascular disseminada - sinais, sintomas, tratamento e assistência de

Enfermagem.

6.4. Monitorização hemodinâmica invasiva e não invasiva. Parada cardiopulmonar.

7. Enfermagem na saúde da mulher no ciclo gravídico – puerperal

7.1. Normal: propedêutica da gravidez, diagnóstico de gravidez, idade gestacional e

data provável do parto, estática fetal, mecanismo do trabalho de parto.

Assistência de enfermagem no pré-natal, puerpério e lactação.

7.2. Alto risco: síndromes hemorrágicas (abortamento, prenhes ectópica, placenta

prévia, deslocamento prematuro de placenta); síndromes hipertensivas (préeclâmpsia

e eclampsia), nefropatia, distorcias do trabalho de parto,

oligoâmnio, polidrâmnio, distúrbio de hemocoagulação e choque. Mortalidade

materna. Assistência de Enfermagem.

8. Enfermagem na saúde do Recém-nascido, criança e adolescente.

8.1. Atendimento do recém-nascido normal e patológico na sala de parto.

8.2. Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN): Sinais, sintomas, tratamento e

assistência de enfermagem ao recém-nascido com taquipnéia transitória,

doença da membrana hialina, síndrome da aspiração de mecônio, doença do

refluxo gastresofágico, enterocolite necrotizante, gastroquise, onfalocele,

atresia esofágica, hemorragia intracraniana, retinopatia da prematuridade,

hipoglicemia, hipocalcemia, termorregulação ineficaz, anomalias cardíacas

congênitas, derrame pleural. Assistência de enfermagem no controle da dor,

cuidados com a pele, método canguru, reanimação neonatal e ventilação

mecânica, óbito perinatal. Comunicação com o recém-nascido e família.

8.3. Setor de internação pediátrica: sinais, sintomas, tratamento e assistência de

enfermagem a criança com diarréia, desidratação, desnutrição, pneumonia,

asma, insuficiência renal, síndrome nefrótica, gromerulonefrite difusa aguda,

infecção do trato urinário, insuficiência hepática, epilepsia, artrite, febre

reumática, diabetes Mellitus. Assistência de enfermagem a criança com

neoplasias. Brinquedo terapêutico. Óbito, transferência e alta em pediatria.

8.4. Impacto da hospitalização para o recém-nascido, a criança, o adolescente e a

família.

8.5. Humanização da assistência.

9. Procedimentos de Enfermagem utilizados com a mulher, o recém-nascido, a

criança, o adolescente, o adulto e o idoso: exame físico, sinais vitais, suporte

nutricional: enteral e parenteral; Medicamentos: cálculos, preparo, vias de

administração, administração, interações e reações medicamentosas;

Hemotransfusão: manuseio, administração e reações transfusionais; Cateterismo

vesical; Manuseio de drenos e estomas; Cateteres venosos centrais e periféricos;

Terapia respiratória não-invasiva; Cânulas: traqueostomia, orofaringe e endotraqueal;

Pré, trans e pós-operatório; Prevenção e tratamento de feridas;

10. Prevenção e Controle de Infecção Hospitalar / Biossegurança.

11. Métodos de limpeza, degermação, desinfecção e esterilização (definição, objetivos,



classificação, processos).
PROGRAMA DE LEGISLAÇÃO
1. Lei 8.112 de 11 de dezembro de 1990 - Regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais.




©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal