Aal atm adaptation layer, camada de adaptação atm


Synchronous Transport Signal level 1, sinal de transporte síncrono de nível 1



Baixar 5.88 Mb.
Página98/111
Encontro07.10.2019
Tamanho5.88 Mb.
1   ...   94   95   96   97   98   99   100   101   ...   111

Synchronous Transport Signal level 1, sinal de transporte síncrono de nível 1. Sinal fundamental do SONET, operando em 51,84 Mbps. As taxas SONET mais rápidas são definidas como STS-n, onde n é múltiplo de 51,84 Mbps. Consulte também SONET.

STS-3c

Synchronous Transport Signal level 3, concatenated; sinal de transporte síncrono de nível 3, concatenado. Formato SONET que especifica a estrutura do quadro para linhas de 155,52 Mbps usadas para transportar células. Consulte também SONET.

STUN

Serial tunnel, túnel serial. Recurso do roteador que permite que dois dispositivos em conformidade com SDLC ou HDLC se conectem através de uma topologia multiprotocolar arbitrária (usando roteadores da Cisco) ao invés de um link serial direto.

subárea

Porção de uma rede SNA que consiste em um nó de subárea e de links e nós periféricos ligados.



subcanal

Na terminologia de banda larga, uma subdivisão baseada na freqüência que cria um canal de comunicações independente.



subinterface

Uma das várias interfaces virtuais em uma única interface física.



Subnetwork Access Protocol

Consulte SNAP.



subnetwork point of attachment

Consulte SNPA.



sub-rede

1.) Em redes IP, uma rede compartilhando um endereço de sub-rede específico. As sub-redes são redes segmentadas arbitrariamente por um administrador de rede a fim de fornecer uma estrutura de roteamento hierárquica e de vários níveis enquanto protege a sub-rede da complexidade do endereçamento das redes ligadas. Às vezes chamadas de sub-rede. Consulte também endereço IP, endereço de sub-rede e máscara de sub-rede.


2.) Em redes OSI, uma coleção de ESs e ISs sob controle de um único domínio administrativo e usando um único protocolo de acesso à rede.

Subscriber Network Interface

Consulte SNI.



substituição de 8 bits binários1z

Consulte B8ZS.



subvetor

Um segmento de dados de um vetor em uma mensagem SNA. Um vetor consiste em um campo de comprimento, uma chave que descreve o tipo de vetor e dados específicos do subvetor.



Super Frame

Consulte SF.



supressão de código zero

Esquema de codificação de linhas usado para clocking de transmissão. A supressão da linha zero substitui por um o sétimo bit de uma cadeia de oito zeros consecutivos. Consulte também densidade de uns.



SURAnet

Southeastern Universities Research Association Network, rede da associação de pesquisa das universidades do sudeste. Rede que conecta entre si as universidades e demais organizações no sudeste dos Estados Unidos. A SURAnet, originalmente custeada pelo NSF e parte do NSFNET, faz parte do Planeta BBN. Consulte também BBN Planet, NSF e NSFNET.

surto

Todo aumento de voltagem acima de 110% da voltagem normal transportada por uma linha de alimentação. Consulte queda, pico e oscilação.



sustainable cell rate

Consulte SCR.



SVC



1   ...   94   95   96   97   98   99   100   101   ...   111


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal