Aal atm adaptation layer, camada de adaptação atm


Sequenced Routing Update Protocol, protocolo de atualização de roteamento seqüencial



Baixar 5.88 Mb.
Página97/111
Encontro07.10.2019
Tamanho5.88 Mb.
1   ...   93   94   95   96   97   98   99   100   ...   111

Sequenced Routing Update Protocol, protocolo de atualização de roteamento seqüencial. Protocolo que assiste os servidores VINES na localização de clientes vizinhos, servidores e roteadores. Consulte também RTP (Routing Table Protocol) .

SS7

Signaling System number 7, sistema de sinalização número 7. Sistema CCS padrão utilizado com BISDN e ISDN. Desenvolvido pela Bellcore. Consulte também CCS.

SSAP

Source service access point, ponto de acesso ao serviço de fonte. O SAP do nó de rede designado no campo Fonte de um pacote. Compare com DSAP. Consulte também SAP (service access point).

SSCP

System services control points, pontos de controle de serviços do sistema. Pontos focais dentro de uma rede SNA para gerenciar a configuração de rede, coordenar operador de rede e pedidos de determinação de problemas e fornecer serviços de diretório e outros serviços de sessão para rede e usuários.

SSCS

Service specific convergence sublayer, subcamada de convergência específica do serviço. Uma das duas subcamadas de qualquer AAL. A SSCS, dependente do serviço, oferece transmissão garantida de dados. A SSCS também pode ser zero, em implementações de emulações clássicas de IP sobre ATM ou LAN. Consulte também AAL, camada ATM, CPCS, CS e SAR.

SSE

Silicon switching engine, motor de comutação de silício. Mecanismo de roteamento e de comutação que compara o enlace de dados ou os cabeçalhos de camada de rede de um pacote recebido a um cache de comutação de silício, determina a ação apropriada (roteamento ou bridging) e transmite o pacote à interface apropriada. O SSE é codificado diretamente no hardware do SSP (Silicon Switch Processor) de um roteador da série Cisco 7000. Ele pode, portanto, executar comutação independentemente do processador do sistema, tornando a execução de decisões de roteamento muito mais rápida do que se estivesse codificada no software. Consulte também comutação de silício e SSP (Silicon Switch Processor).

SSP

1.) Silicon Switch Processor, processador de switch de silício. Switch de silício de alto desempenho para roteadores da série Cisco 7000 que fornece processo e controle distribuído para processadores de interface. O SSP avalia as capacidades de comutação e roteamento de alta velocidade do SSE para aumentar drasticamente o desempenho do roteador, minimizando os gargalos de desempenho nos pontos de interface entre o roteador e um backbone de alta velocidade. Consulte também comutação de silício e SSE.


2.) Switch-to-Switch Protocol, protocolo switch a switch. Protocolo especificado no padrão DLSw que os roteadores usam para estabelecer conexões do DLSw, localizar recursos, transmitir dados e cuidar do controle de fluxo e da recuperação de erros. Consulte também DLSw.

STA

Consulte algoritmo de árvore estendida.



StarLAN

CSMA/CD LAN, baseado no IEEE 802.3, desenvolvido pela AT&T.



stat mux

Consulte multiplexação estatística.



Station Management

Consulte SMT.



STM-1

Synchronous Transport Module level 1, módulo de transporte síncrono de nível 1. Um dos diversos formatos do SDH que especifica a estrutura do quadro para as linhas de 155,52 Mbps usadas para transportar células de ATM. Consulte também SDH.

STP

1.) Shielded twisted-pair, par trançado blindado. Meio de fio de dois pares usado em uma variedade de implementações de redes. O cabeamento STP possui uma camada isolante blindada para reduzir o EMI. Compare com UTP. Consulte também par trançado.


2.) Consulte protocolo de árvore estendida.

Structure of Management Information

Consulte SMI.



STS-1



1   ...   93   94   95   96   97   98   99   100   ...   111


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal