Aal atm adaptation layer, camada de adaptação atm



Baixar 5.88 Mb.
Página1/111
Encontro07.10.2019
Tamanho5.88 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   111

A

AAL

ATM adaptation layer, camada de adaptação ATM. Subcamada da camada de enlace dependente do serviço. A AAL aceita dados de diferentes aplicativos e apresenta-os à camada ATM na forma de segmentos de payload ATM de 48 bytes. As AALs são constituídas de duas subcamadas: CS e SAR. As AALs se diferenciam na temporização da origem-destino usada, se usam CBR ou VRB e se são usadas em transferência de dados do modo orientado à conexão ou sem conexão. Atualmente, os quatro tipos de AAL recomendadas pelo ITU-T são AAL1, AAL2, AAL3/4 e AAL5. Consulte AAL1, AAL2, AAL3/4, AAL5, CS e SAR. Consulte também ATM e camada ATM.

AAL1

ATM adaptation layer 1, camada 1 de adaptação ATM. Uma das quatro AALs recomendadas pelo ITU-T. A AAL1 é usada para orientados à conexão sensíveis ao atraso que exigem taxas de bits constantes, como, por exemplo, vídeo descompactado e outros tráfegos isócronos. Consulte também AAL.

AAL2

ATM adaptation layer 2, camada de adaptação ATM 2 . Uma das quatro AALs recomendadas pelo ITU-T. A AAL2 é usada para serviços orientados à conexão que suportam uma taxa de bits variável, como, por exemplo, alguns tipos de tráfego isócrono de vídeo e voz. Consulte também AAL.

AAL3/4

ATM adaptation layer 3/4, camada de adaptação ATM 3/4. Uma das quatro AALs (originada de duas camadas de adaptação distintas iniciais) recomendadas pelo ITU-T. A AAL3/4 suporta tanto os links sem conexões como os orientados à conexão, mas é principalmente usada para a transmissão de pacotes SMDS pelas redes ATM. Consulte também AAL.

AAL5

ATM adaptation layer 5, camada de adaptação ATM 5. Uma das quatro AALs recomendadas pelo ITU-T. A AAL5 suporta serviços VRB orientados à conexão e é usada predominantemente para transferência do IP clássico por tráfego ATM e LANE. A AAL5 usa a SEAL e é a menos complexa das recomendações AAL atuais. Oferece sobrecarga de largura de banda baixa e requisitos de processamento mais simples em troca da capacidade de largura de banda reduzida e do recurso de recuperação de erro. Consulte também AAL e SEAL.

AARP

AppleTalk Address Resolution Protocol, protocolo de solução de endereços AppleTalk. Protocolo na pilha de protocolos AppleTalk que mapeia os endereços de enlace para um endereço de rede.

ABM

Asynchronous Balanced Mode, modo balanceado assíncrono. Um modo de comunicação HDLC (e protocolo derivado) que suporta comunicações ponto-a-ponto entre duas estações, onde ambas podem iniciar a transmissão.

ABR

1.) Available bit rate, taxa de bit disponível. Classe de QOS definida pelo ATM Forum para redes ATM. A ABR é usada para conexões que não exigem relacionamentos de temporização entre a origem e o destino. A ABR não fornece nenhuma garantia em termos de perda de célula ou atraso, fornecendo apenas o melhor serviço possível. As origens do tráfego ajustam suas taxas de transmissão em resposta às informações que recebem descrevendo o status da rede e sua capacidade de entregar os dados com sucesso. Compare com CBR, UBR e VBR.


2.) Area border router, roteador de área limítrofe. Roteador localizado na extremidade de uma ou mais áreas OSPF que conecta essas áreas à rede de backbone. Os ABRs são considerados membros doba ckbone OSPF e das áreas conectadas. Portanto, eles mantêm tabelas de roteamento que descrevem a topologia de backbone e a topologia de outras áreas.

Abstract Syntax Notation One

Consulte ASN.1.



AC

Corrente Alternada. Corrente elétrica que reverte sua direção com regularidade e continuamente. É a forma de energia elétrica encontrada em prédios residenciais e comerciais. A abreviatura para esse termo é AC.

ACF

Advanced Communications Function, função de comunicações avançadas. Um conjunto de produtos SNA que fornecem processamento distribuído e compartilhamento de recursos. Consulte também ACF/NCP.

ACF/NCP

Advanced Communications Function/Network Control Program, função de comunicações avançadas/programa de controle de rede. O NPC da SNA principal. A ACF/NCP reside no controlador de comunicações e tem interface com o método de acesso SNA no processador host para controlar as comunicações derede. Consulte também ACF e NCP.

ACK

Consulte confirmação.



ACR



  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   111


©aneste.org 2017
enviar mensagem

    Página principal